Use o Windows 10 para ajudar no combate à pandemia

Compartilhe

Todo o mundo está colaborando nesse momento para conter a pandemia global, e a indústria da tecnologia está colaborando das mais diferentes formas. E toda ajuda é necessária nesse momento para que todos possam sair bem dessa, e com o menor número de baixas possível.

Outro terreno onde a indústria tecnológica pode oferecer soluções para o combate à pandemia global é no terreno da computação distribuída, aproveitando a potência das máquinas que estão em pesquisa e investigação contra o vírus. O projeto mais importante de supercomputação sugerido nesse momento é o COVID-19 High Performance Computing (HPC) Consortium, onde grandes empresas, universidades e organizações de saúde estão disponibilizando parte de suas máquinas, investigadores e engenheiros no time de ajuda em investigação médica, genômica, dinâmica molecular, Big Data ou Inteligência Artificial.

O consórcio existe para ajudar na análise da pandemia e acelerar o processo de desenvolvimento de tratamentos eficazes e vacinas. O grupo já conta com 402 petaflops de potência (105.334 nós, 3.539.044 núcleos de CPU e 41.286 GPUs) a serviço dos investigadores, e esse número segue aumentando conforme as empresas vão aderindo ao projeto.

Um dos projetos de computação distribuída mais interessante que apareceu a partir dessa iniciativa é o [email protected] O mesmo que foi utilizado durante mais de 20 anos para buscar vida extraterrestre (e outros), e agora possui um item para ajudar contra a pandemia. A ideia nesse novo cenário é a mesma: o usuário cede parte da potência do seu PC quando o mesmo não está em uso, e vai se colocar à disposição dos investigadores e cientistas, combinando esforços com os PCs dos demais usuários participantes do projeto, somando assim potência de cálculo ou em tarefas específicas menores, especialmente na simulação de proteínas que podem combater o vírus.

 

 

 

Use o Windows 10 para ajudar a salvar vidas

 

O [email protected] possui clientes para serem utilizados diretamente em máquinas com Windows, Mac ou Linux, e o VMware também criou um aplicativo para executá-lo a partir de uma máquina virtual.

E é aqui que entra a iniciativa da Microsoft para oferecer condições para os usuários que desejam colaborar, mas não de forma direta a partir do seu sistema operacional. Tudo acontece em um espaço isolado do sistema, como o Windows Sandbox, a característica de segurança que foi adicionada nas versões Pro, Education e Enterprise do Windows 10, que permite executar aplicativos em um ambiente de desktop isolado e seguro.

A Microsoft criou um script especial do PowerShell que se encarrega de tudo para os usuários que querem contribuir com a iniciativa. Uma vez habilitado o Windows Sandbox, o console será executado em modo avançado, e o programa vai se encarregar de tudo, através do comando abaixo:

 

Powershell.exe -ExecutionPolicy Bypass -File .\install_folding_sandbox_on_host.ps1

 

Esta é outra forma de contribuir sem utilizar de forma direta o sistema principal do seu computador. Mas é preciso lembrar que o seu funcionamento e a potência de cálculo que vamos entregar ao projeto é a mesma que estaríamos utilizando ao cliente geral.

Se você está disposto a ajudar de alguma forma com a maior batalha que a nossa geração vai enfrentar, e tem o interesse de abraçar a nobre missão de salvar vidas, mesmo que de forma indireta, a hora é agora.

 

 

Via COVID-19 High Performance Computing (HPC) Consortium, [email protected]


Compartilhe