Usar um netbook em 2019 é uma péssima ideia | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Usar um netbook em 2019 é uma péssima ideia | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notebooks, Ultrabooks e Conversíveis | Usar um netbook em 2019 é uma péssima ideia

Usar um netbook em 2019 é uma péssima ideia

Compartilhe

Em 2008, quando eu comecei o TargetHD.net, eu achava os netbooks simplesmente incríveis. Eu tive alguns modelos e por algum tempo eu cheguei trabalhar o tempo todo com os meus blogs através dos netbooks. E era um produto que tinha vantagens e desvantagens.

A principal vantagem era a mobilidade. Eu poderia abrir o netbook em qualquer lugar e produzir o meu material. A grande desvantagem era a autonomia de bateria, que naquela época já era bem limitada (hoje os Chromebooks me atendem nos dois sentidos).

Agora… como seria utilizar um netbook em 2019?

Eu não fiz o teste, mas alguns fatores precisam ser considerados, pois eles reforçam a ideia que usar um netbook em 2019 é uma péssima ideia.

 

 

Uma pequena grande ideia e um enorme inconveniente

Você já tentou instalar o Windows 10 em um equipamento com processador Intel Atom com 2 GB de RAM e 250 GB de HD? Difícil, não é mesmo?

E já tentou rodar o Google Chrome nesse mesmo equipamento, esperando até 9 segundos para esse navegador abrir? Mais difícil ainda, certo?

Pois é… levando em conta que um netbook só vai bem com, no máximo, um Windows 7 (que está morrendo), por que você vai complicar as coisas para você mesmo?

 

 

E se eu atualizar pontualmente o hardware do netbook?

Muitos podem pensar que um SSD ajudaria e muito na equação. E não deixam de ter razão na teoria. Na prática, os demais componentes não ajudam: apenas 2 GB de RAM não dá conta do devorador Google Chrome, só para começar.

Sem falar que a bateria desse pequeno portátil seria drenada do mesmo jeito, sem dó nem piedade. Logo, a produtividade em qualquer lugar seria algo automaticamente descartado.

 

 

Ainda bem que os smartphones mataram os netbooks…

Por que você quer um computador que é menos potente que a maioria dos smartphones disponíveis no mercado? Aliás, você pode produzir mais e melhor com o seu telefone que leva no bolso do que com um netbook.

E não foram apenas os smartphones que acabaram com os netbooks. Os ultrabooks e, principalmente, os Chromebooks (esses últimos os autênticos substitutos espirituais dos netbooks) também contam com essa honraria, e são símbolos de uma evolução tecnológica que o mercado abraçou com convicção.

É uma pena que os netbooks passaram tão rápido em nossas vidas. Por outro lado, é o tipo de produto que perdeu o bonde da história e não soube evoluir.


Compartilhe