TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Um Game Boy Advance que funciona como um Nintendo Switch | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | DIY (Faça Você Mesmo) | Um Game Boy Advance que funciona como um Nintendo Switch

Um Game Boy Advance que funciona como um Nintendo Switch

Compartilhe

Que o Nintendo Switch é o console portátil dominante do mercado, isso todo mundo sabe. A Nintendo soube se reinventar com o produto, aproveitando o que o Wii U tinha de bom e adicionando elementos que resultaram em um produto único que hoje reina praticamente sozinho em um segmento de mercado que é só dele.

Mas a melhor parte é ver como o Nintendo Switch pode ser ainda mais diferente nas mãos de mentes criativas. Alguém decidiu combinar o console do presente com o Game Boy Advance, outro sucesso da Nintendo que completou 21 anos em 2021, em um mod simplesmente espetacular.

 

 

 

Parece um Nintendo Switch, mas na verdade é um Game Boy Advance

Faltam palavras para descrever o quão incrível é esse mod do Nintendo Switch com entranhas de Game Boy Advance. Ele é tão sensacional, que os Joy-Con e o dock são compatíveis com o videogame portátil do passado, permitindo inclusive que você jogue utilizando a tela da TV.

Quem é o responsável por esse verdadeiro milagre tecnológico é o Macho Nacho, que é muito conhecido no universo modding por suas transformações envolvendo os consoles de videogames do passado.

Ele decidiu colocar as mãos em um Game Boy Advance, transformando o videogame portátil lançado pela Nintendo em 2000 em um Nintendo Switch. Para isso, ele utilizou os kits de modificação que já existem no mercado, criando uma conexão de saída de vídeo que permite o uso do Advance em uma TV.

A primeira coisa que o Nacho Macho (vamos fazer mais uma pausa para reflexão sobre a genialidade deste nome) fez foi imprimir uma carcaça traseira em 3D para acoplar tanto o Game Boy Advance como os Joy-Con do Nintendo Switch.

A carcaça possui uma porta microUSB que oferece acesso à Raspberry Pi, que é o que realmente dá vida ao projeto como um todo. É importante lembrar que o que temos como “motor” do videogame é mesmo um Game Boy Advance, onde a placa mágica que muita gente aprendeu a amar gerencia alguns pontos específicos do projeto.

Diante disso, os controles do Nintendo Switch podem controlar o Game Boy Advance, inclusive de forma sem fio, exatamente da mesma forma que faz o console híbrido do presente. Uma experiência completa, como deve ser.

Para que o conjunto funcione por completo, uma bateria de 2.000 MAh foi adicionada à estrutura, alimentando o Game Boy Advance. A carga dessa bateria acontece através de uma porta USB-C, de modo que o produto está devidamente atualizado para as tecnologias mais modernas. A memória interna do console fica por conta de um cartão microSD de 64 GB.

 

 

 

Posso ter o meu Game Boy Advance em um Nintendo Switch?

É claro que sim… desde que você tenha as habilidades necessárias para isso.

O nosso amigo (quase herói) Nacho Macho deixou todas as instruções do seu projeto em uma pagina do GitHub, e os mais corajosos e habilidosos podem replicar seus passos para construir a sua versão do videogame híbrido com alma retrô.

Porém, o próprio desenvolvedor adverte que as instruções em seu passo a passo são “intencionalmente vagas” porque, de fato, ninguém deveria tentar construir um produto como esse.

Afinal de contas, está na cara que os advogados da Nintendo não vão gostar disso.


Compartilhe