A polêmica da obsolescência programada adotada pela Apple para o iPhone está completando um ano. A função oculta e desconhecida pela maioria dos usuários acabava reduzindo o desempenho do processador do smartphone, em nome de uma maior autonomia de bateria.

No final das contas, a Apple foi multada pela prática, e muitos clientes tiveram que trocar a bateria dos seus smartphones para obter o desempenho máximo do dispositivo de volta. A Apple teve que pagar algumas dessas trocas pela prática condenável.

Pedidos de desculpas, explicações e outras formalidades não foram suficientes. A Apple teve que reduzir o preço das trocas de bateria em sua assistência técnica oficial, algo que já ajuda a muita gente. Porém, o benefício/desconto está chegando ao fim.

No final de dezembro de 2018, o valor promocional de R$ 149 no Brasil para a troca da bateria dos modelos antigos do iPhone vai expirar, e a troca da peça voltará a custar R$ 349. Os modelos que podem passar por esse tipo de manutenção são:

iPhone SE
iPhone 6
iPhone 6 Plus
iPhone 6s
iPhone 6s Plus
iPhone 7
iPhone 7 Plus
iPhone 8
iPhone 8 Plus
iPhone X

 

Troque logo a bateria do seu iPhone

Ou seja, você tem pouco mais de cinco semanas para trocar a bateria do seu iPhone antigo pelo preço promocional Depois disso, os valores normais serão aqueles tabelados pela Apple antes do período de redução de preços da manutenção por crise.

Você até pode pensar que o seu iPhone ainda está funcionando bem, ou que você comprou o seu modelo a pouco tempo. Independente da situação, é altamente recomendável que você troque a bateria do dispositivo.

O desgaste da bateria do smartphone é algo inevitável, e é uma ação do tempo natural. Pode demorar mais ou menos tempo, mas isso vai acontecer. Se é que já não está acontecendo, e você ainda não se deu conta disso. Inclusive sem registrar perdas de desempenho.

Logo, trocar a bateria do iPhone vai permitir a recuperação do desempenho que ele teve um dia.