O AOSMark, site especializado em contabilizar as atualizações enviadas pelos fabricantes de smartphones, estabeleceu um Top 20 das marcas que mais atualizam os seus dispositivos Android. E a lista apresenta algumas surpresas.

 

 

Como funciona o ranking da AOSMark?

 

 

O site elabora uma média estabelecida a partir das atualizações enviadas pelo fabricante para cada um dos seus telefones em atividade, mas nem todos conseguem pontuar. Por exemplo, a Sony consegue uma média de 1.63 porque enviou duas atualizações para smartphones top de linha e uma única atualização para vários dos seus dispositivos mais econômicos.

As atualizações contabilizadas no ranking são aquelas que mudam o número da API, e as atualizações menores, que corrigem erros pontuais, aplicativos integrados eo outras, são descartadas.

Também não é contabilizada a atualização do Android 7.1 para o Android 7.1.1, já que a mesma é pontual e não apresenta avanços na API. Também não são contabilizadas as atualizações mensais de segurança.

Por fim, a pontuação máxima ofertada pelo AOSMark é 6, e a mínima é 0. O site considera que 6 atualizações maiores em média é o máximo que é possível obter nos tempos especificados de manutenção dos fabricantes, considerando exclusivamente o ecossistema Android, que depende do Google como desenvolvedor.

E assim, temos o ranking em forma de Top 20.

 

 

Google na liderança, ASUS lá atrás

 

 

É bem óbvio pensar que fabricantes com menos telefones no mercado estão nas primeiras posições do ranking. É mais tentador deixar de atualizar smartphones de baixo custo quando o catálogo é amplo e exige mais trabalho do desenvolvedor. Nem por isso é desculpa para tamanha obsolescência por parte desses fabricantes.

Assim, o Google com os modelos Pixel lideram o Top 20 (3.5/6), e ainda assim tem muito a melhorar nesse aspecto. Depois vem a OnePlus (2.75) e Nokia (1.82), seguida pela Sony (1.63) e General Mobile (1.62). Alguns desses nomes citados nas cinco primeiras posições soam como nomes surpreendentes.

No final da lista, os cinco piores também surpreendem. A Huawei fica na posição 16 (0.98), com menos de uma atualização em média. Também surpreende ver a Xiaomi, que atualiza muito a sua interface, mas não avança muito no Android como um todo. Fecham a lista Sharp, LG e ASUS, esta última com apenas 0.77.

Logo a ASUS, que sempre envia atualizações (quase) mensais para os seus dispositivos.

Lista completa a seguir.

 

 

Via AOSMark