Compartilhe

Tom Cruise é mesmo um homão da p***a. Extremamente carismático e se jogando em todos os filmes de ação que faz (a franquia Missão: Impossível e Top Gun: Maverick sabem muito bem do que eu estou falando), a sua nova empreitada cinematográfica pode acontecer no espaço. Literalmente.

O ator está em negociações com a NASA e a Space X (empresa aeroespacial de Elon Musk) para rodar o primeiro filme de ação no espaço. O longa não deve ser um novo filme da saga Missão: Impossível, e nesse momento o projeto está em fase de desenvolvimento, onde nem mesmo o estúdio que vai rodar o filme foi definido. Porém, ao que tudo indica, a decisão para o filme acontecer está tomada, e novos detalhes serão revelados nos próximos meses.

 

 

 

Um filme no espaço que pode ser histórico

 

 

Tom Cruise nos deixou mal acostumados com essa sua perigosa mania de se envolver em cenas de ação espetaculares. Ele ama tanto o que faz que não tem medo de arriscar, chegando ao extremo nas atuações para entregar uma maior veracidade aos espectadores.

Agora, ele quer tentar um novo passo em sua bem sucedida carreira, se transformando no primeiro “ator-astronauta” da história, ao gravar cenas de um filme direto do espaço.

Chupa, Gravidade modinha! George Clooney e Sandra Bullock perdidos no espaço e coisa de geração Nutella!

Na verdade, há quem diga que esse projeto de Cruise é um sonho antigo. Há 20 anos, o ator teria conversado com James Cameron para tentar rodar um filme na Estação Espacial Internacional (ISS), e apresentou várias ideias para a história do longa.

Talvez esse desejo constante de Tom Cruise em apresentar um realismo cada vez maior nos seus filmes pode ser um traço errante de sua personalidade, ou uma espécie de psicopatia que ainda não compreendemos. Mas fato é que participar de um filme em gravidade zero será um novo desafio para o ator.

Pelo menos por enquanto, o desafio maior é contar com a ajuda de organizações de peso, como são os casos da NASA e da Space X, com essa última prestes a realizar o seu primeiro voo tripulado a partir de solo norte-americano, algo que está programado para acontecer em 27 de maio.

 

 

 

Marketing puro (?)

 

 

Muitos podem entender que a notícia soa mais midiática do que funcional nesse momento, e não podemos tirar parte da razão dessas pessoas. Nesse momento, a Space X é quem mais ganha com essa eventual parceria com Tom Cruise para um filme no espaço que só será filmado no futuro e, ainda assim, considerando algumas variáveis por conta da crise global que estamos enfrentando.

A Space X está promovendo o turismo espacial como algo viável para o final de 2021, e no meio de 2022 a empresa espera começar a realizar as viagens privadas. Dizem os rumores que dois ilustres compradores de assentos para o turismo espacial da empresa são o empresário Richard Branson e o piloto de automobilismo brasileiro Rubens Barrichello.

Agora, sabemos que um dos passageiros desse tour espacial pode ser ninguém menos que Tom Cruise, que corre atrás dos apoios necessários para iniciar um dos projetos mais chamativos e ambiciosos de sua carreira.

Vindo do homem que arrisca a vida nos filmes da franquia Missão: Impossível, podemos esperar qualquer coisa.

 

 

Via Deadline


Compartilhe