Arquivo para a tag: xbox one

Rode os jogos do Nintendo 64 no Xbox One

by

nintendo-64

Graças aos esforços da Microsoft em impulsionar o UWP (Universal Windows Platform), é possível rodar um emulador do Nintendo 64 no Xbox One.

O Win64e10 e um emulador que funciona tanto no Windows 10 como no Windows 10 Mobile. Seu funcionamento é muito bom, porém, não é um emulador gratuito (custa US$ 9,99).

Também não é um emulador oficial, ou seja, não é bem visto pela Nintendo e pode ser retirado do ar a qualquer momento. Bem sabemos como a Big N cuida de sua propriedade intelectual no sentido mais amplo.

 

1-35

 

Via TweakTown

Os jogos grátis do Games with Gold no mês de agosto de 2016

by

games with gold agosto 2016

A Microsoft anunciou os jogos que estarão disponíveis de forma gratuita dentro da promoção Games with Gold para o mês de agosto de 2016.

O programa que contempla os assinantes da Xbox Live Gold com o download de jogos gratuitos para o Xbox 360 e Xbox One é imprescindível para se aproveitar todas as possibilidades dos dois consoles.

 

Os jogos da Games with Gold para o mês de agosto de 2016

Os usuários do Xbox One receberão gratuitamente os jogos Warriors Orochi 3 Ultimate (entre 1 e 31 de agosto) e WWE 2K16 (entre 16 de agosto e 15 de setembro). Já os usuários do Xbox 360 receberão Spelunky (entre 1 e 15 de agosto) e Beyond Good and Evil HD (entre 16 e 31 de agosto).

Uma vez que os jogos do Xbox 360 são retro-compatíveis, também podemos baixá-los e jogá-los no Xbox One, de modo que os usuários do console da atual geração poderão levar quatro jogos de graça. O mesmo acontece para os usuários do console mais antigo, que podem reservar os jogos da geração atual para rodar os mesmos em uma futura unidade do Xbox One, quando o mesmo for adquirido.

Não é um dos melhores meses do Games with Gold que já vimos, mas de um modo geral é uma oferta bem variada e atraente, principalmente por causa da presença de Beyond Good and Evil HD e Warriors Orochi 3 Ultimate.

Via TweakTown

Xbox Play Anywhere chega em 13 de setembro

by

xbox play anywhere

O Xbox Play Anywhere, uma das funcionalidades anunciadas pela Microsoft na E3 2016, será lançada no dia 13 de setembro.

Essa é uma função que é uma espécie de “promoção” que permite que aquele que comprar um jogo para Xbox One obtenha de forma gratuita a cópia para PC (e vice-versa). Para ela funcionar, é preciso ter instalado o Windows 10 Anniversary Update e a última atualização de verão do Xbox One.

Os jogos receberão um novo selo indicando que são compatíveis com o Xbox Play Anywhere, e uma lista de títulos já contam com suporte confirmado ao novo recurso:

Gears of War 4
Forza Horizon 3
ReCore
Sea of Thieves
Halo Wars 2
Scalebound
Killer Instinct Season 3
State of Decay 2
Ark: Survival Evolved
Cuphead
We Happy Few
Crackdown 3

Via Polygon

A Microsoft na E3 2016

by

Xbox_E32016-1

A Microsoft realizou hoje (12) uma interessante conferência na E3 2016 em Los Angeles.

Primeiro, anunciou oficialmente o novo console Xbox One S, que chega ao mercado no final de 2016. Depois, confirmou a próxima geração dos videogames da empresa, o Project Scorpio, que poderá rodar jogos com resolução de tela 4K e gerenciar dispositivos de realidade virtual. Por fim, a Microsoft anunciou o Xbox Play Anywhere, iniciativa que combina o mundo dos consoles e dos PCs, ou o Xbox com Windows 10.

Obviamente, a Microsoft também falou de jogos na E3 2016, e fez com que seu catálogo para o Xbox One aumentasse consideravelmente. Nesse post, contamos tudo o que foi apresentado pela empresa no evento.

 

Halo Wars 2: Segunda parte do jogo de estratégia baseado no universo Halo e desenvolvido pela Creative Assembly, criadores da série Total War. O jogo renderá uma campanha com 13 missões e um modo multiplayer em modo beta, que só poderá ser testado durante a E3 2016. Estará disponível para Xbox One e Windows 10 no outono (do hemisfério norte) de 2016.

Scalebound:  Gameplau do modo cooperativo para dois jogadores do jogo dirigido por Hideki Kamiya, da Platinum Games. Aventura e combate em mundo aberto de fantasia, com muito boa aparência. Não são reveladas datas de lançamento, mas sabemos que é compatível com Xbox One e Windows 10.

Forza Horizon 3: Nova versão do jogo esportivo de corridas em mundo aberto. Ambientado dessa vez na Austrália, promete mapas maiores e um maior número de carros, incluindo o Lamborghini Centenário. terá um modo cooperativo de quatro jogadores, e estará disponível no dia 27 de setembro para Xbox One e Windows 10.

Dead Rising 4: Nova versão da saga de ação/aventura/survival horror, mais uma vez acontecendo em uma cidade do Colorado, mas dessa vez durante o inverno. O jogo utiliza o motor Unreal Engine 4 e estará disponível para Xbox One e PC Windows. Sem data de lançamento definida.

Sea of Thieves: Gameplay de jogo de aventura, exploração e combate marítimo da Rare. Promete um grande mundo aberto a ser explorado. Não há data de lançamento.

State of Decay 2: Segunda parte do survival horror em mundo aberto, desenvolvido pela Undead Labs, onde termos que enfrentar um apocalipse zumbi. Exclusivo para Xbox One e Windows 10, estará disponível em 2017.

ReCore: Novo jogo de ação e aventura desenvolvido pela Armature Studio. Outro exclusivo para Xbox One e Windows 10.

Killer Instinct General RAAM: Novo oponente para Killer Instinct. O general RAAM da saga Gears of War estará disponível no jogo de forma gratuita durante a semana da E3 2016.

Xbox Play Anywhere: Xbox e Windows 10 mais unidos que nunca

by

Xbox Play Anywhere

A Microsoft anunciou hoje (13) na E3 2016 a Xbox Play Anywhere, nova iniciativa que vai impulsionar todo o seu ecossistema de jogos, unindo o mundo dos consoles com o dos computadores pessoais, ou se você preferir, o Xbox com o Windows 10.

Na prática, se você compra um jogo compatível com o Xbox Play Anywhere, você pode jogar no console e também no PC com Windows 10. Um dos primeiros jogos que incluirá essa característica é (nada menos que) Gears of War 4, uma das melhores franquias exclusivas do Xbox.

Outros jogos anunciados que serão compatíveis com o Xbox Play Anywhere são:

– Forza Horizon 3
– Halo Wars 2
– ReCore
– Scalebound
– Sea of Thieves
– State of Decay 2
– We Happy Few

Xbox_Windows10_2

Gears of War 4 (e outros jogos compatíveis com o Xbox Play Anywhere) poderão ser jogados em plataformas cruzadas, ou seja, seremos capazes de jogar com nossos amigos independentemente da plataforma que eles (ou nós) estamos utilizando. Isso não vale para todos os modos, mas para o principal deles – o cooperativo – sim.

A integração do Xbox com o Windows 10 era tema cantado a algum tempo, mas o anúncio oficial do Xbox Play Anywhare é um bônus dentro da plataforma de jogos da Microsoft, e mais um forte argumento para os gamers comprarem o console. E, por que não, ajudar a impulsionar a adoção do Windows 10.

Xbox One não terá o prometido recurso de DVR

by

xbox one controller teaser

Uma das facetas que supostamente o Xbox One possui é de servir de central multimídia. A porta HDMI permite assumir o controle de receptores externos, e uma futura atualização prometida na última Gamescon, que permitia que o console fizesse as funções de DVR com o sinal da televisão.

Infelizmente, essa última característica que era esperada por muitos foi cancelada. O Engadget informa que a ferramenta não será adicionada ao console, e a Microsoft justifica a decisão por querer centrar seus esforços “na nova experiência de jogo do Xbox One e Windows 10”. Por enquanto, o desenvolvimento está em standby, mas não há indícios de que o projeto seja retomado mais adiante.

O anúncio do ano passado garantia aos usuários que eles poderiam realizar o streaming de conteúdos gravados através do aplicativo SmartGlass para Android e iOS e o aplicativo do Xbox para Windows 10. Além disso, os aplicativos também seriam capazes de programar gravações baseados no guia do OneGuide, utilizando discos rígidos externos como meios de armazenamento.

Nada disso vai acontecer, já que a função de DVR ficou completamente no esquecimento nos escritórios da Microsoft, que passa a ter um foque mais gamer, que deve dar seus frutos na E3 2016.

Via The VergeXbox News

Microsoft vai apresentar novo hardware na E3 2016. Novo Xbox One?

by

Xbox-One

Paul Thurrot, uma das fontes mais confiáveis do mundo da Microsoft, revelou que a gigante de Redmond tem algo grande nas mãos focado no hardware. Não entrou em detalhes, mas já é o suficiente para disparar os rumores sobre um novo Xbox One.

Sua apresentação oficial pode acontecer na E3 2016, que acontece no mês de junho. É o palco perfeito para a Microsoft surpreender o mundo com uma nova e melhorada versão do seu console.

De fato, falamos de uma versão melhorada do seu console atual como opção mais viável, mas há duas vertentes possíveis. A primeira é de se tratar de um Xbox One com melhor hardware e mais potente, sendo um rival do PS4 Neo. A segunda opção é a versão ‘slim’ do atual console, menor, mais eficiente no consumo de energia e provavelmente mais barato, onde a Microsoft pode ganhar algum tempo antes de lançar o sucessor do Xbox One.

São duas opções possíveis, e é complicado dar mais credibilidade para uma das duas, de modo que temos um empate, até que apareçam novas informações que esclareçam a questão.

Por outro lado, com o novo console veremos um novo controle, ou uma versão renovada do controle padrão atual do Xbox One, provavelmente com uma nova cor e sem grandes adicionais, algo que não é um problema já que o atual controle já é o mais cômodo do mercado.

Via Paul Thurrot

Confirmado: há um novo Xbox One a caminho

by

Xbox-One-2

Os rumores não só fazem todo o sentido, como agora contam com provas materiais. Muito foi dito sobre o lançamento de novos consoles de videogames em 2016, e apesar da maioria dos rumores se centrarem em um Nintendo NX e um PS4K, o modelo que mais está praticamente “confirmado” para chegar ao mundo é um novo Xbox One, que teve referências reveladas na internet.

Isso é possível graças ao vazamento de uma nova placa de rede sem fio que será utilizada nesse novo Xbox One. A fonte da informação foi a documentação encontrada na Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), que mostra detalhes técnicos do produto em processo de homologação pelo órgão governamental brasileiro.

tarjeta-de-red-new-xbox-one

A numeração da nova placa de rede é quase a mesma com aquela que foi encontrada em uma lista presente na FCC dos Estados Unidos (o órgão equivalente à Anatel), o que levanta uma evidência muito forte de que esse item de hardware estará presente no novo Xbox One. Não dá para determinar se teremos um novo console no sentido frio e direto do termo (com um hardware mais potente), ou se estamos diante de uma versão “slim”, com dimensões reduzidas e mais econômico (a segunda hipótese é mais provável).

Se tudo sair como o planejado, o novo Xbox One deve ser produzido para chegar ao mercado no final desse ano, aproveitando assim as vendas natalinas. Se for real, o console será apresentado oficialmente na E3 2016, em junho.

Via TweakTown

Xbox One Slim a caminho, de acordo com a FCC

by

XboxOneSlim

O Xbox One Slim seria o novo console que a Microsoft está trabalhando para competir com o PlayStation 4K e Nintendo NX. Um dos documentos revelados pelo pessoal do NeoGAF foi apresentado em março pela Microsoft na FCC, e faz referências ao produto.

A FCC é o órgão regulador norte-americano, que aprova previamente os módulos de comunicações de qualquer dispositivo eletrônico comercializado nos Estados Unidos. É uma equivalente à Anatel no Brasil e, por conta disso, é uma das fontes mais confiáveis para se conhecer de forma prévia o desenvolvimento de produtos.

Um dos documentos (1683) lá descobertos faz referência a um módulo WLAN que daria suporte para o padrão de comunicação sem fio WiFi ac. Nesse documento, podemos ver a inscrição ‘XB1 Slim’, que pode indicar a existência do Xbox One Slim.

Um segundo documento (1682) inclui uma lista maior de “provas documentais” sobre o novo console, e um “manual do usuário” para o sistema, que pode definir uma segunda versão ou uma atualização do modelo atual para Xbox One 1.5 com suporte para Blu-ray 4K, mudanças na capacidade de armazenamento e outros detalhes.

As revisões dos consoles de videogames são habituais, combinando processos de fabricação melhorados, formatos menores e preços mais baixos para manter as vendas. O Xbox One Slim pode ser uma dessas revisões. O prazo de confidencialidade desses documentos expiram em junho e julho, respectivamente, o que pode indicar uma apresentação do novo console da Microsoft para a E3 em junho.

Via Ars Technica

Phil Spencer não apoia um ‘Xbox One e meio’

by

Xbox-One

Nos últimos dias, vimos uma grande quantidade de rumores que indicavam para um possível lançamento no final do ano de um PlayStation 4.5, uma versão do PS4 com melhor hardware. Isso levantou rumores inevitáveis sobre um possível ‘Xbox One e meio’ como resposta por parte da Microsoft.

Desde o começo esses rumores não passavam de pura especulação. Mesmo assim, Phil Spencer, chefe da divisão do Xbox na Microsoft, decidiu falar sobre o assunto, e desmentir qualquer rumor, garantindo que não apoia muito a ideia de lançar uma versão revisada do seu atual console.

Ou seja, pelo menos na teoria, nada de ‘Xbox One e meio’ por enquanto, já que a negativa de Spencer foi contundente, mas não totalmente descartável. Por outro lado, a resposta é importante porque afasta indiretamente os rumores sobre uma possível estratégia de atualizações de hardware, pelo menos na geração atual.

Por fim, devemos destacar que, para Spencer, o Xbox One faz um bom papel, sendo rentável e confiável. Os servidores também funcionam bem, e a Microsoft dá a entender que não encontram motivos para investir em uma renovação. Em todo caso, eles preferem grandes mudanças do que renovações parciais, o que nos leva a pensar que não teremos mudanças menores até o lançamento do sucessor da geração atual.

Via Neowin

Aplicativos universais do Windows 10 no Xbox One no meio do ano

by

xbox-one-logo

A Microsoft anunciou na Game Developers Conference que o Xbox One vai receber o suporte para execução dos aplicativos universais do Windows 10 a partir do verão norte-americano (entre julho e setembro) de 2016.

Além disso, há planos para unir a Windows Store e a Xbox Store em uma úncia loja, que vai oferecer aplicativos e conteúdo para seus usuários. Ou seja, a Microsoft quer a sua própria Google Play ou iTunes, ao mesmo tempo que tenta desenvolver uma plataforma unificada, tanto no desenvolvimento como na distribuição.

O anúncio acontece quando o lançamento do Windows 10 Mobile se prevê como iminente. Para funcionar, a plataforma depende e muito da fortaleza do ecossistema que pretendem oferecer, e enquanto o futuro do sistema operacional móvel da Microsoft é colocado em dúvida, o Xbox One também não vive o seu melhor momento contra o PlayStation 4, líder de vendas no seu segmento.

windows-10-universal-apps

Obviamente, a Microsoft quer algo além de simplesmente abarcar mais produtos em um único sistema: querem impulsionar as vendas dos primeiros modelos com Windows 10 Mobile, além de contornar um pouco a situação para o Xbox One. Esperamos por novidades no evento para desenvolvedores programado para o dia 30 de março.

Via Business Insider

PS4 está ficando sem adversários

by

ps4

O PS4 tem quase o dobro de unidades vendidas em relação ao Xbox One desde o lançamento dos dois consoles, e o triplo das vendas em relação ao Wii U, e se consolida como o grande vencedor da atual geração de consoles.

A tendência já indicava isso, mas poucos imaginavam que a diferença em vendas seria tão grande. De acordo com o VGChartz, desde o lançamento até semana passada, a Sony teria vendido 38.8 milhões de unidades do PS4, contra 20.4 milhões de unidades do Xbox One. Vale lembrar que os dados do console da Sony são quase idênticos aos oficiais (36 milhões de unidades em janeiro de 2016), e que não sabemos quanto a Microsoft vendeu até agora, já que não existem dados oficiais. De qualquer forma, podem ser dados muito reais, já que o CFO da EA informou em janeiro que o PS4 supera o Xbox One em uma proporção que se aproximava do 2 por 1.

Com um hardware muito similar, um ótimo catálogo de jogos nos dois casos e um sistema de jogo online competente, é difícil explicar essa diferença tão grande de vendas, e tudo indica que o PS4 ganhou vantagem quando a Microsoft cometeu o erro estratégico de vender o Xbox One com Kinect, por um preço bem superior ao console da Sony.

A Microsoft corrigiu isso rapidamente, mas a vantagem da Sony já havia sido produzida.

ps4_2

Sobre o Wii U, ele vendeu apenas 12.8 milhões de unidades, reforçando a necessidade da Nintendo lançar logo um novo console. O Nintendo NX é esperado com atenção, e pode chegar ao mercado ainda em 2016.

O PS4 fica sem adversários nos consoles de mesa. O líder absoluto no mundo dos videogames é o portátil Nintendo 3DS, com 58.5 milhões de unidades, pulverizando as vendas do PS Vita, com 13.6 milhões de unidades. Os dois estão sendo canibalizados pelos smartphones, ainda que as vendas não sejam menores em absoluto se comparamos com a dos consoles de mesa.

Xbox One terá cross-network com PC e outros consoles

by

gamers-jogando-xbox-one

Chris Charla, diretora da plataforma Xbox, confirmou durante o evento para desenvolvedores ID@Xbox que o Xbox One vai receber em breve o cross-network, permitindo a realização de partidas entre jogadores de PC e até de outras plataformas.

A ideia consiste em interconectar as redes das diferentes plataformas, para cruzar jogadores em uma mesma partida, independente dessa plataforma. Um dos primeiros jogos a fazer uso da nova funcionalidade é Rocket League (Psyonix), e apesar de garantirem o cruzamento entre Xbox One e PC, as demais redes estão convidadas a participar, de modo que precisamos ver o que a Sony pensa a respeito disso.

Pode ser que essa função não chame muita a atenção de alugns, mas é sem dúvida um movimento que podem melhorar e muito as partidas multiplayer. Se você está temendo encontra gamers com mouse e teclado em jogos de primeira pessoa, sempre é possível selecionar exclusivamente os jogadores do Xbox One.

Via Xbox

Phil Spencer esclarece a ideia de um Xbox com hardware atualizável

by

xboxone

Phil Spencer, chefe da divisão do Xbox na Microsoft, falou sobre a possibilidade de um próximo Xbox com hardware atualizável. Não é surpreendente o conceito, visto que o Xbox One é basicamente um PC voltado para o entretenimento, e pode ser uma boa ideia, desde que implementada de forma correta. As especulações vieram, e Spencer quis esclarecer as coisas.

A primeira coisa que é preciso ter claro é que sua ideia não é tão simples como abrir o console e atualizar o hardware por nossa conta, e não é isso o que o executivo da Microsoft tem em mente. Eles não vão vender o próximo console com um kit de chaves de fenda. Entendam isso.

A Microsoft é consciente de que, apesar desse foco “tipo PC” que os consoles possuem hoje, há linhas que não podem ser ultrapassadas, e uma delas é o hardware e suas atualizações. A ideia de um Xbox com hardware atualizável é uma possibilidade “distante”, e que caso acabe se materializando, seria feita de forma muito particular, para evitar ultrapassar essa linha existente entre PCs e consoles.

Com tudo isso, uma coisa fica bem clara: teremos um sucessor do Xbox One.

Via WCCFTech

Próximo console da Microsoft seria atualizável

by

xboxone

O próximo console da Microsoft seria atualizável, do mesmo modo que fazemos hoje com um PC, mas com um maior controle da gigante de Redmond.

Quem informa é o chefe da divisão do Xbox, Phil Spencer. Em entrevista, o executivo explica que o hardware dos consoles pode e deve ser expansível, tal e como acontece nos computadores, e que o modelo atual de lançamento de uma nova geração de consoles a cada seis ou sete anos pode estar chegando ao fim.

“Veremos em outras plataformas, seja nos smartphones ou no PC, uma inovação contínua que poucas vezes se viu nos consoles. Os videogames bloqueiam o hardware e o software no começo de cada geração. Logo, temos que esperar a próxima geração, seis ou sete anos depois, enquanto que outros ecossistemas são cada vez melhores e mais rápidos”.

Phil Spencer continua nas suas teorias:

“Quando um usuário comprou o seu console, ele estava na frente da curva de desempenho/preço em relação a um PC. Mas depois de um tempo, os computadores são mais baratos e os smartphones mais capazes”.

O chefe do Xbox não quis anunciou o destino para o hardware, nem explicou como eles fariam essa atualização do futuro console da Microsoft, mas prometeu inovações e mais comprometimento do que nunca com os videogames.

Seria o próximo console da Microsoft, na verdade, um PC modular dedicado? Uma Steam Machine da Microsoft com Windows 10? Pensando no hardware do Xbox One (mais PC do que nunca), a unificação pretendida com o Windows 10 e a maior integração do Xbox em todo o ecossistema de equipamentos com o sistema operacional, não é uma hipótese tão absurda assim.

Via Polygon

Xbox One melhora as salas de chat e o gerenciamento de jogos do Xbox 360

by

xboxone

A Microsoft apresentou as novidades de sua atualização mensal do Xbox One, para o mês de março de 2016. Várias melhorias de software desembarcam, chamando a atenção especialmente pela inclusão de itens que os usuários estavam solicitando nos fóruns oficiais do Xbox.

O Xbox One recebe melhorias no gerenciamento dos jogos do Xbox 360, já que agora apareceram na mesma ordem que os títulos do Xbox One são exibidos, permitindo uma localização mais rápida do jogo e um download imediato. Também foram melhoradas as salas de chat, que tem agora o áudio do jogador e dos seus amigos para uma transmissão por streaming via Twitch, podendo reunir até 16 amigos ao mesmo tempo, na mesma sala.

Os clipes do Game DVR subiram para até 5 minutos, podendo escolher entre gravações de 15, 30 e 45 segundos, 1, 3 e 5 minutos. A troca entre aplicativos e a revisão de conquistas está mais intuitiva, e os vídeos podem ser reproduzidos diretamente no feed de atividades.

Todas essas novidades chegarão com a atualização que será lançada nas próximas semanas. Os membros do programa Xbox One Preview poderão baixar o novo software a partir de hoje.

 

Via Major Nelson

Em breve os smartphones vão superar o Xbox One e o PS4

by

smartphone-8-games

Não resta dúvida que o Xbox One e o PS4 representam mudanças importantes dentro do mundo dos videogames, principalmente pela mudança de arquitetura para os processadores x86 e pelo uso de soluções gráficas convencionais, ou seja, de modelos que não contam com nenhum particular se comparado com outros gráficos disponíveis no mercado.

Isso era visto com bons olhos no começo, pois permitia planejar conversões perfeitas de jogos do console para o PC. Porém, a realidade foi muito diferente. Vários jogos da Ubisoft (AC: Unity e Batman: Arkham Knight como exemplos clássicos) tiveram suas adaptações para o PC fracassando de forma notável.

Deixando de lado essa polêmica, o desempenho do Xbox One e do PS4 é limitado, a ponto de equivalerem hoje a de um PC de linha média-baixa, algo que reforça o argumento que os dois consoles serão superados pelos dispositivos móveis em um ano. Quem afirma é Nizar Romdan, diretor do ecossistema ARM, que comenta que os tablets e smartphones top de linha atuais já são mais potentes que o Xbox 360 e o PS3, se aproximando perigosamente do Xbox One e PS4.

Com isso em mente, Romdan se atreveu a comentar que é muito provável que, em 2017, os hipotéticos Galaxy S8 e iPhone 7s vão superar a potência dos consoles de nova geração, algo que não implica necessariamente que veremos jogos com um nível de qualidade gráfica equivalente. De fato, não parece ser nada provável, a não ser que essa potência extra poderia ser aproveitada para obter novas e melhores experiências de realidade virtual (por exemplo).

Via Neowin