Arquivo para a tag: WP7

[Tudo Sobre] Windows Phone 8 é oficialmente anunciado pela Microsoft. Saiba todos os detalhes

by

E ele não se chama Apollo. A nova versão do sistema operacional móvel da Microsoft foi apresentado oficialmente, e se chama simplesmente Windows Phone 8. Como você vai poder ver nesse post, não se trata de nenhuma surpresa no que a indicação do seu nome se refere. Por outro lado, o sistema operacional esconde uma infinidade de novas características, que vamos conhecer em detalhes a partir de agora.

A principal novidade do Windows Phone 8 é o seu núcleo de sistema compartilhado. Por causa disso, o novo software será compatível com processadores de vários núcleos, inclusive aqueles com arquitetura de 64-bits. Segundo comentam, eles centraram os seus esforços nas plataformas com vários núcleos, o que nos permite dizer que o Windows Phone 8 está otimizado para processadores de última geração, tanto que os atuais dispositivos com Windows Phone do mercado não serão compatíveis com a nova versão (algo que a Microsoft resolveu lançando uma versão “intermediária”,  a Windows Phone 7.8; falarei mais sobre isso mais pra frente).

A Microsoft também adicionou compatibilidade com resoluções de tela WXGVA (1280 x 768) e suporte para armazenamento em unidades SD. No seu hardware, o conjunto de todas estas novas características permitirá que os desenvolvedores possam criar aplicativos e jogos melhores do que aqueles que vimos até agora de forma nativa.

Tampouco podia faltar as opções de carteira virtual, e isso fica por conta do Wallet, um aplicativo semelhante ao Passbook da Apple que fará uso da nova compatibilidade com o NFC com a possibilidade de armazenar a informação comprometida no cartão SIM no lugar do próprio telefone (tal e qual o Google já faz) com a ideia de melhorar a segurança do dispositivo (e para nossa economia). Quanto aos mapas, Joe Belfiore anunciou que chegará das mãos do Nokia Maps o recurso, com suporte de navegação assistida passo a passo, e a possibilidade de manter os mapas offline.

Falando um pouco mais das novidades apresentadas hoje:

– Uso do mesmo kernel no Windows 8 e Windows Phone 8

A Microsoft só confirmou o discurso feito por Linus Torvalds há dias atrás, que defendia os benefícios de um kernel combinado. Joe Belfiore apresentou a novidade que facilita o desenvolvimento de aplicativos para as duas versões, minimizando drasticamente o volume de mudanças para os desenvolvedores no seu software. Aplicativos como o Internet Explorer 10 serão os mesmos em smartphones e computadores, e as opções de segurança, o sistema de arquivos e até os controladores de recursos de hardware poderão ser usados em dispositivos de categorias diferentes, mas da mesma forma.

As bibliotecas de C, C++, componentes DirectX e suporte para SQLite são os mesmos nas duas plataformas. Com isso, os gráficos DirectX terão a mesma riqueza de detalhes tanto em uma tela de 4 polegadas, com resolução de 720p como em um tablet de 10 polegadas, com resolução de 1080p. Estas mudanças são muito importantes para os desenvolvedores móveis, que terão um acesso mais simples a um dos maiores mercados do mundo: o dos computadores Windows.

– Compatibilidade com processadores multinúcleo, resolução HD e slot para cartões SD

Essas mudanças já eram esperadas. O Windows Phone 8 será capaz de suportar não só processadores de dois núcleos, mas também todos aqueles que vierem depois (na coletiva de hoje, eles falaram que o sistema é capaz de suportar até 64 núcleos de processament). Tal mudança completa a decisão de suporte a resoluções de 1280 x 720 e 1280 x 768. Além disso, a nova versão também será compatível com cartões de memória SD, permitindo a expansão de memória para armazenamento, assim como a compatibilidade NFC, para troca de informações e realização de pagamentos de compras.

– Uma nova tela inicial

Agora que o Windows Phone 8 possui suporte para telas em HD, é possível tornar a tela inicial ainda mais personalizável. O usuário passa a contar com três disposições, a 1×1, a 2×2 e a 2×4, além de poder utilizar cores adicionais nos boxes. Todos os desenvolvedores poderão escolher entre os três tamanhos de tiles a partir de hoje.

– Mapas da Nokia, com navegação “turn by turn” integrada

O casamento entre Nokia e Microsoft/Windows Phone segue de vento em popa. A prova disso é o comprometimento das duas empresas nas suas soluções cominadas. A Microsoft informou que o Nokia Maps estará presente em todo o ecossistema do Windows Phone 8, sendo completado pelas informações da NAVTEQ, assim como alguns dos recursos mais interessantes do Nokia Conduzir, como por exemplo os mapas offline, a navegação turn by turn ou numerosas opções para os desenvolvedores.

Com isso, os três principais sistemas operacionais móveis do mercado (iOS, Android e Windows Phone) passam a contar com três sistemas de navegação completamente diferentes.

– Compras dentro dos próprios aplicativos

O Windows Phone 8 traz consigo a possibilidade dos desenvolvedores oferecerem conteúdos adicionais e melhorias de software ao usuário a partir do próprio aplicativo, contando apenas com uma ferramenta integral de compra. Tal função se integrará dentro da seção Wallet, para evitar compras acidentais.

– Um sistema mais “empresarial”, com opções de codificação de dados, inicialização segura e administração de TI

Novas configurações presentes no Windows Phone 8 tornam o sistema mais pensado nos executivos. O pessoal da Redmond trabalhou nesse aspecto, para oferecer aos usuários “profissionais” ferramentas que possam completar as suas necessidades. O codificador Bitlocker, por exemplo, está encarregado de oferecer uma maior segurança ao smartphone, enquanto que os administradores de TI poderão gerenciar aplicativos sem a necessidade de passar pelo Marketplace, graças ao chamado Hub Empresarial, que é um portal de distribuição de aplicativos personalizado, que permite o controle de conteúdo dos smartphones da empresa. O pacote de aplicativos Office estará presente, mas a Microsoft não revelou em quais níveis estará disponível.

– Melhor reconhecimento de voz, com o Audible

Esta é a arma da Microsoft para responder ao Siri e ao S Voice. Uma parceria com o Audible. Apesar do Windows Phone aceitar comandos de voz desde a sua sétima versão para abrir ou fechar aplicativos, no Windows 8 podemos completar a experiência realizando buscas e inclusive reproduzindo livros eletrônicos. Kevin Gallo apresentou que tal função está no Windows Phone 8, com a ajuda de vários capítulos da série Game of Thrones, saltando vários episódios sem maiores problemas. Essa não é uma característica exclusiva do novo sistema: o recurso estará disponível também no Windows Phone 7.5 a partir de hoje.

– O multitarefa “real” está no Windows Phone 8

Também foi anunciada a multitarefa real em segundo plano com o Windows Phone 8. Os aplicativos demonstrados na apresentação fizeram referência às funções de VoIP e localização, sendo o caso do Skype o mais claro, já que permite receber chamados em IP sem a necessidade de ter o aplicativo em segundo plano, e mostrando as chamadas recebidas da mesma forma que uma chamada normal.

Por outro lado, a localização em segundo plano permite que os aplicativos mantenham o usuário localizado enquanto outras tarefas são executadas. Todas estas funções estarão disponíveis para os desenvolvedores em breve.

– Microsoft apresenta o Windows Phone 7.8, para smartphones mais antigos e não compatíveis com o WinPho 8

Está confirmado: o Windows Phone 8 não é compatível com os smartphones mais antigos da empresa. Porém, os primeiros usuários do novo sistema da Microsoft não ficarão abandonados. A empresa anunciou o lançamento de uma versão intermediária, chamada Windows Phone 7.8, que entre outras coisas, contará com a nova tela inicial do sistema, com tiles de três tamanhos. A atualização será entregue ao usuário via WiFi, sem a necessidade de passar pelo filtro das operadoras. Além disso, a Microsoft anunciou que os aplicativos criados para Windows Phone 7.x poderão ser executados sem problemas no WinPho 8, mas o contrário não vai acontecer.

Os primeiros smartphones com Windows Phone 8 devem chegar ao mercado durante o outono do Hemisfério Norte (final do terceiro trimestre), com lançamentos de fabricantes como HTC, Huawei, Nokia e Samsung. As especificações técnicas dos aparelhos que vão suportar o sistema não foram reveladas, mas já podemos dizer que todos eles terão em comum o uso dos chips assinados pela Qualcomm (seria o S4?). Outra informação importante é que a estreia do Windows Phone 8 vai acontecer em 180 países simultaneamente, com suporte para aproximadamente 50 idiomas

Nokia Reading, uma plataforma de leitrua offline para livros e feeds #MWC2012

by

A Nokia também deu destaque para sua parte de software na Mobile World Congress 2012, com o anúncio do Nokia Reading. O aplicativo nada mais é do que um leitor de feeds e livros eletrônicos, que permite o armazenamento de conteúdos de forma offline, para que o usuário possa ler esse conteúdo sem a necessidade de conexão com a internet, sendo este o primeiro passo da empresa para lançar no futuro a sua própria loja de livros eletrônicos e audiobooks das principais editoras internacionais.

O Nokia Reading estará disponível a partir de abril, inicialmente na Espanha, Alemanha, Itália, Reino Unido e Rússia, e será compatível com todos os modelos com Windows Phone 7 da Nokia.

Via Engadget

Review | Samsung Omnia W, com Windows Phone 7.5

by

Um review muito esperado pelos leitores do TargetHD e por mim, que namorei esse modelo por alguns meses. O Samsung Omnia W é o primeiro telefone da fabricante sul-coreana a contar com o novo sistema operacional da Micrsoft, o Windows Phone 7.5 (Mango), e mesmo sendo um dos pioneiros em sua categoria, ele não decepciona. Nesse review, mostramos algumas das características do dispositivo, além de um pouco de sua experiência de uso.

O Samsung Omnia W é um smartphone simples e discreto. Muitos podem achar as suas linhas pouco atraentes, mas ele pode agradar aqueles que não querem levar por aí um telefone com cores chamativas, ou que possa atrair os olhos de curiosos pelo design. Pelo menos para mim, não me incomodou. E acredito que para muitos usuários que querem combinar preço competitivo, bons recursos e design minimalista, essa é uma das opções a se considerar.

Parte superior do telefone, com alto-falante para chamadas, câmera frontal e sensor de luminosidade e proximidade. Os três funcionam muito bem, para suas respectivas finalidades. O alto-falantes tem um bom volume, mas não excelente. Você corre o risco de não ouvir a pessoa do outro lado se estiver em um local de grande movimento e muito barulho, mas certamente a pessoa que está do outro lado da linha vai te ouvir bem. Sobre a câmera frontal, eu falo mais para frente.

Na parte inferior, os botões característicos do Windows Phone: o central, que atua como a tecla HOME, o Pesquisar, que abre a guia para pesquisas no Bing, e o Retornar, que volta uma (ou várias) telas previamente abertas. Pode não parecer, mas tudo o que você precisa para navegar sem maiores problemas no Windows Phone são essas três teclas. Bom, na verdade um botão e dois botões sensíveis ao toque, que acendem quando são acionados. A iniciativa de usar três comandos apenas torna o sistema ágil e simples de usar, mas também falo disso mais para frente.

Na parte superior do Omnia W, temos o conector para fones de ouvido. Os fones originais do smartphone decepcionam (o que era de se esperar). Logo, adquira fones de sua confiança para usar com o telefone.

Visão geral da lateral do telefone. É um smartphone com baixa espessura, de bom agarre, e confortável para se levar no bolso da calça.

Na parte superior esquerda, você tem os controles de volume, para toques e recursos multimídia (música, fotos, vídeos, etc).

Na lateral superior direita, o botão de liga/desliga, e de bloqueio de tela.

O Omnia W conta com um botão dedicado à câmera, o que pode oferecer fotos mais precisas para aqueles que preferem esse tipo de opção. Se bem que, pela experiência que tenho com o telefone, o modo de disparo com um simples toque na tela é mais prático e eficiente. Afinal, o aplicativo da câmera se encarrega de focar o objeto da cena, e imediatamente, registrar a imagem, com um simples toque na tela.

Visão geral da parte traseira do Omnia W.

Na parte superior, sua câmera de 5 megapixels, com flash LED. É uma boa cãmera, com uma filmagem em HD (720p) eficiente, mas com uma gravação de áudio um pouco mais baixa do que o desejado. Mas isso pode ser corrigido, com ajustes nos programas de edição de vídeo que você tem no seu computador. As fotos são boas o suficiente para você enviar de forma rápida para as redes sociais, mas nada que possa fazer você repensar o destino de sua câmera digital dentro da gaveta. Para mim, deixou um pouco a desejar, mas pode ser útil para muita gente.

Na parte inferior, a marca registrada de um dos destaques desse review.

Na parte inferior do smartphone, o conector USB, para recarga da bateria e transmissão de dados. Sua recarga é de tempo moderado (mais lento do que o iPhone 3GS e o Samsung Galaxy S II, só para ilustrar), mas isso se compensa com sua autonomia de bateria, que é excelente. O software de transmissão de dados (o Zune) é simples, prático e eficiente, mas seu instalador tem mais de 100 MB. Logo, prepare sua banda larga para esse download.

Tampa da bateria de plástico, com pequenos contatos que podem se quebrar na hora do encaixe da tampa. Muito cuidado. Evite ficar removendo e encaixando o tempo todo essa tampa, para evitar problemas futuros.

Visão geral da parte interna do Samsung Omnia W, com um bom tamanho de bateria, para oferecer uma boa autonomia de bateria.

Ok, chega de enrolação. Eu sei o que vocês querem ver: o Windows Phone em ação!

Eis a tela de bloqueio. Lembra a tela de bloqueio do Galaxy S nas cores. Seu desbloqueio é com um simples movimento de slide para cima. Mas muito, muito mais suave do que acontece no Android, ou em sistemas similares.

Visão geral do Windows Phone 7.5. Aqui, nos vemos as “Live Tiles”, ou essas pequenas caixas, que ficam ativas no sistema, mostrando informações sobre os seus contatos e/ou aplicativos conectados. É muito fácil criar novas Tiles na tela principal do telefone, assim como é simples você gerenciar essas telas. Ah, e se você está se perguntando sobre o consumo de dados do aparelho, saiba que o Windows Phone tem um recurso bem legal, que é desligar a conexão da web (via WiFi e 3G), enquanto sua tela estiver desativada. Para atualizar os dados, ele realiza um pequeno ping, ativando a conexão por alguns instantes, para que seus e-mails, mensagens nas redes sociais e outros recursos sejam atualizados.

A resolução da tela de 3.7 polegadas do Samsung Omnia W é simplesmente espetacular. Os gráficos são exibidos sem serrilhados, com cores vivas e agradáveis. Vídeos são vistos com uma qualidade muito boa (imagino que em modelos com tela maior, o Windows Phone vai se destacar muito neste aspecto), e todos os itens do sistema são exibidos de forma mais elegante, reforçando a proposta minimalista, porém, visualmente agradável do sistema.

Algumas “Tiles” podem informar em tempo real se há atualizações, como e-mails e notificações do Marketplace. O sistema de cadastro de contas de e-mail e redes sociais é muito simples e intuitivo. Você não precisa saber dados de servidor, endereços POP ou IMAP, e outros elementos que podem complicar a vida do usuário. As atualizações do Marketplace também são feitas de forma simples, com poucos toques. E o acesso das telas seguem dois elementos simples: telas com poucos elementos visuais, e letras bem visíveis.

Essa é a segunda tela do Windows Phone, por assim dizer. Nessa tela, o sistema mostra todos os aplicativos presentes no sistema, listados por ordem alfabética. Para facilitar a sua identificação, os aplicativos do sistema contam com ícones em tom azul (a cor pode variar de acordo com o esquema de cor escolhido pelo usuário), enquanto que os demais softwares podem ser visualizados com os seus ícones originais. Esse menu também é utilizado com movimentos em slide para cima e para baixo. E, como nas outras telas do Windows Phone, a movimentação nesse menu é excelente, com uma transição muito suave e prazerosa.

Abaixo, fotos do uso da câmera nos seus três modos:

No modo de foto…

…no modo de gravação de vídeo com a câmera traseira…

…e no modo de gravação de vídeos com a câmera frontal. Aliás, para uma câmera dedicada para videochamadas, ela é excelente. Boa reprodução, e boa taxa de transmissão.

O Windows Phone tem um aplicativo de Twitter que, seguindo toda a filosofia do sistema, é simples, eficiente e rápido. Ele não gasta muito tempo para atualizar a sua timeline, e sua exibição das informações na timeline é bem agradável. Tudo muito, muito simples. Basicamente, os textos na tela e o avatar do usuário.

Todas as telas seguem o mesmo padrão, e a maioria dos aplicativos testados possuem essa mesma interface simples.

A rede Xbox Live também está presente no Windows Phone. Aqui, ele atua como uma extensão da experiência da rede que já está presente no seu console Xbox 360, concentrando os contatos, conquistas e avatares no mesmo lugar. Obviamente, a principal adaptação nessa rede é que aqui você baixa e joga os games especificamente pensados para o Windows Phone. Mas isso, por enquanto. Quem sabe no futuro você não possa jogar o FIFA 12 que você tem em casa em qualquer lugar. E melhor: compartilhar os seus progressos em todas as plataformas. Esteja certo que a Microsoft está pensando nisso.

O YouTube foi uma das experiências mais agradáveis que tive com esse sistema. Ele utiliza a versão mobile do site de vídeos, mas diferente de outros sistemas, a carga desses vídeos é rápida, sem necessitar daquele buffer que sempre incomoda na hora de ver vídeos no YouTube. O resultado disso? Uma reprodução sem interrupções, e de alta qualidade. E, de novo, vemos controles minimalistas, para não complicar a vida dos usuários.

Agora, seu teclado.

O teclado é bem eficiente, com um corretor ortográfico muito bom (em alguns momentos, melhor que o corretor do iOS). Por ser um telefone com uma tela de 3.7 polegadas, o Omnia W pode tornar o processo de digitação mais longa algo desconfortável, mas em telas maiores, ele deve ser um poderoso aliado para quem fica o dia inteiro nas redes sociais, ou quer um telefone para mandar e-mails sem erros de digitação.

Para quem for pegar o Omnia W, recomendo a digitação na orientação horizontal. Apesar das teclas pequenas, ela é mais precisa e confortável do que quando é feita na orientação vertical.

Por último, mas não menos importante, o Internet Explorer.

Tá, eu sei. Muitos de vocês possuem um forte preconceito contra o Internet Explorer nos desktops. Eu também tenho essa certa rejeição. Porém, no Windows Phone… o navegador é tudo aquilo que você sempre sonhou que fosse! Rápido, estável, funcional. O desempenho é de cair o queixo em redes WiFi e até mesmo em 3G, a sua exibição de páginas é feita em um tempo muito bom. É claro que muitas variantes precisam ser consideradas (principalmente a qualidade de conexão da sua casa, ou de sua operadora). Mas, em condições normais de temperatura e pressão, o desempenho do Internet Explorer no Windows Phone é um dos melhores que você pode ter em uma experiência mobile.

Quanto ao desempenho geral do sistema, só elogios. O sistema é muito leve e intuitivo. Com poucas horas de dedicação, qualquer pessoa consegue mexer nas principais funcionalidades do sistema. E esse é um grande acerto da Microsoft em apostar nessa proposta. Tá, muitos vão dizer: “o iPhone faz isso desde 2007”. Eu concordo. Mas o Windows Phone fez isso sem utilizar o padrão Apple de qualidade. Estabeleceu o seu padrão. Criou um sistema do zero, com uma ideia fixa de ser o mais simples possível e, de fato, o Windows Phone é mais simples que os seus concorrentes, e isso vai fazer com que a empresa conquiste um novo público. E tudo isso, em um sistema com um desempenho invejável, que é o resultado de mais uma acertada decisão da empresa de Redmond, em estabelecer uma tabela com especificações mínimas para os modelos. E, se desse jeito que está (com 1.4 GHz de processador de núcleo simples), imagina quando esse sistema chegar ao Windows Phone Apollo, que terá suporte aos processadores de dois núcleos? Sim, amigos… o Windows Phone chegou para ficar.

Por fim, o Samsung Omnia W, com Windows Phone 7.5 está APROVADO. É um aparelho com recursos condizentes com sua proposta de mercado (um modelo de linha média), e com um sistema que casou muito bem com esse hardware. Esperamos que a Samsung e os demais fabricantes trabalhem com dedicação nos futuros projetos com o sistema. Quem tem a ganhar são os usuários, que contam com uma nova opção de sistema operacional móvel.

Ainda nessa semana, publicaremos a versão em vídeo desse review.

Preço: R$ 1.299,00

HTC Titan II anunciado: WP7, LTE e 16 megapixels

by

Um novo telefone com Windows Phone 7 chega ao portfólio da HTC. Falamos do HTC Titan II, um irmão maior do atual Titan, que chega ao mercado norte-americano com uma câmera de 16 MP, suporte à redes LTE, bateria de 1.730 mAh e um design que lembra o modelo anterior.

O smartphone ainda conta com uma tela de Super LCD de 4,7 polegadas, processador Snapdragon de 1.5 GHz, 512 MB de RAM, webcam frontal, 16 GB de armazenamento, WiFi b/g/n, e sistema Windows Phone 7.5 Mango.

Por enquanto, não á planos de comercialização fora dos Estados Unidos, e mesmo lá, o seu lançamento não tem data confirmada. Mesmo porque o Titan, que é o modelo correspondente, foi lançado em novembro. Logo, não dá para esperar que esse lançamento aconteça tão cedo.

Via Engadget

Nokia Lumia 900 é lançado oficialmente: tela AMOLED ClearBlack de 4,3″, 4G e LTE

by

O Nokia Lumia 900 é real, e se torna o terceiro smartphone fruto da parceria entre Nokia e Microsoft. O produto acabou de ser apresentado na CES 2012 pelo próprio CEO da empresa, Stephen Elop. O modelo conta com tela AMOLED ClearBlack de 4,3 polegadas, 512 MB de memória RAM, câmera de 8 MP com lente Carl Zeiss (a mesma do Lumia 800) e sistema operacional Windows Phone Mango.

Inicialmente, o modelo estará disponível exclusivamente para a operadora AT&T nos Estados Unidos, e terá suporte para redes LTE. Completando as configurações, o modelo tem câmera frontal, processador de 1.4 GHz e bateria de 1.840 mAh, que promete uma autonomia de até 7 horas de conversação, e até 300 horas no modo de espera.

O Nokia Lumia 900 estará disponível no mercado norte-americano nos próximos meses, e nas mesas cores que o Lumia 800. Abaixo, vídeo promocional do lançamento do produto.

Via Engadget

Xbox Companion vai permitir você controlar o seu console Xbox a partir de smartphones com Windows Phone

by

O pessoal do Windows Phone fez um anúncio relacionado ao Xbox, e as notícias parecem ser bem interessantes. Direto do seu blog, a Microsoft informa que, em breve, poderemos controlar o console Xbox 360 a partir de um smartphone com Windows Phone.

Segundo informam, um aplicativo chamado Xbox Companion vai oferecer acesso ao Xbox Live Marketplace, e atuará como controle remoto do console. O software está em estágio beta no momento, mas apesar disso, eles garantem que em breve, o mesmo estará disponível para download gratuito na loja de aplicativos.

via Windows Team Blog

HTC Radar: mais um com Windows Phone Mango da HTC

by

Com um desenho que lembra o tablet HTC Flyer, o HTC Radar chega com um acabamento unibody de alumínio, que garante resistência e leveza a um smartphone com linhas bem cuidadas, e tamanho perfeito de tela de 3,8 polegadas. O modelo, que era conhecido antes como ômega, conta com um processador de 1 GHz, de núcleo simples, 512 MB de RAM e 8 GB de memória interna (sem slot para cartões microSD), com dimensões de 120 x 61,5 x 10,9 mm e peso de 137 gramas.

O Windows Phone 7 Mango também está presente nessa versão, acompanhado de todas as funcionalidades dos novos hubs da HTC (que é uma interface de usuário que trabalha independente daquela apresentada pelo WP7, a Sense UI), o aplicativo Locations e o HTC Watch como servidor de vídeos on demand.

A câmera de 5 MP integrada conta com a mesma focal de 28 mm que o Titan possui, além de conectividade DLNA. O preço do HTC Flyer é de 439 euros, e será lançado em outubro.

Via Engadget

HTC Titan, com Windows Phone Mango, é apresentado oficialmente

by

O antigo HTC Eternity tem nome oficial. Batizado de HTC Titan, a fabricante apresentou ontem (02/09) uma de suas apostas com Windows Phone 7 Mango.

O modelo se caracteriza por ter a maior tela entre os smartphones da HTC até agora. Suas 4,7 polegadas (480 x 800) da tela Super LCD falam por si, com a promessa de qualidade e definição de imagens excepcionais. O modelo conta com 9,9 milímetros de espessura, processador de núcleo simples de 1,5 GHz, 16 GB de memória interna (sem slot para cartões microSD) e 512 MB de memória RAM.

Sua câmera de 8 MP conta com um novo alcance focal, com angular de 28 mm, que trabalha em parceria com um software bem completo, que inclui captura de imagens panorâmicas, e um modo para captura de imagens em alta velocidade.

O HTC Titan deve ser lançado na Europa no mês de outubro, com preço de 649 euros.

via Engadget

i’mWatch, o relógio que todo fã do sistema Android necessita

by

Aqueles que não conseguem viver sem o seu smartphone podem encontrar nesse relógio o seu complemento definitivo. A Blue Sky apresenta o i’mWatch, um relógio de pulso baseado em Android 1.6, que promete fazer a alegria da maioria dos smartphones mais populares, podendo ser sincronizado para controlar as principais funções do telefone diretamente no seu pulso.

Integrando um processador Freescale IMX233 e 64 MB de memória, o dispositivo conta com uma tela touch colorida de 1,54 polegadas, conector de 3,5 mm, Bluetooth e 4 GB de armazenamento interno. Sua bateria de 320 mAh promete uma autonomia de uso de 30 horas.

O i’mWatch, que chega ao mercado em novembro, já pode ser reservado por um preço de 249 euros. O relógio está disponível em diversas cores, e acompanha uma camiseta, além de assinatura gratuita durante 1 ano do serviço i’music, que é um serviço de música via streaming. Mas, se você é um ser mais ostentoso, pode reservá-lo em uma versão de luxo, com vários acabamentos valiosos, com seu preço sendo inflacionado para até 11.999 euros.

via i’mWatch

Fujitsu Toshiba IS12T, o primeiro smartphone com Windows Phone 7 Mango, é apresentado oficialmente

by

O primeiro smartphone com Windows Phone 7 Mango está entre nós. E quem traz o produto é a Fujitsu Toshiba, que batiza o aparelho com o nome IS12T. O modelo possui tela touch de 3,7″ (WVGA), e é um modelo resistente à água e poeira. Seu processador é um Qualcomm MSM8655, e sua câmera tem um sensor de 13,2 MP, com foco automático.

O modelo possui conectividades WiFi b/g/n, GPS e Bluetooth (2.1+EDR), além de uma capacidade de armazenamento de 32 GB. O IS12T da Fujitsu Toshiba será lançado pela operadora asiática KDDI a partir do mês de setembro (ou um pouco depois), em quatro opções de cores (rosa, amarelo, verde e preto). Não há previsão de lançamento em outros mercados. Abaixo, mais fotos e três vídeos promocionais do modelo.

via KDDI

Um LG Optimus Black com Windows Phone 7?

by

Os fabricantes seguem apostando no Windows Phone 7, principalmente agora que o Mango começa a fazer parte de nossas vidas. Entre esses fabricantes, pegamos a LG como exemplo, que pode estar trabalhando em um novo terminal com o citado SO. O que vemos acima é o famoso LG Optimus Black (ou um modelo muito semelhante na sua estrutura), smartphone até então portador do sistema Android, que foi visto rodando o sistema da Microsoft.

Obviamente, muitos podem pensar que é uma simples ROM do sistema, e não o SO de fato, porém, levando-se em conta que o Optimus conta com um chipset TI OMAP e o Windows Phone 7 só suporta os processadores Qualcomm Snapdragos, as possibilidades de que a LG tenha desenvolvido um protótipo à parte são consideráveis, e o que vemos acima seria um vazamento desses protótipos.

Vamos ter que ser pacientes, e esperar novas imagens, ou até mesmo uma confirmação oficial da LG. Mas, tudo indica que temos um novo modelo com WP7 em um corpo de Optimus Black desembarcando no mercado em breve.

via GSMArena

HTC Eternity, com Windows Phone 7, é visto na web: processador de 1,5 GHz, tela de 4,7″ e câmera frontal

by

A foto que você vê acima é do suposto novo smartphone com Windows Phone Mango, o HTC Eternity, um telefone que vem com uma generosa tela Super LCD de 4,7 polegadas, com resolução WVGA e um processador de 1,5 GHz de núcleo simples. Além disso, o modelo possui câmera de 8 MP com foco automático, flash LED duplo e gravação de vídeos a 720p, além de câmera frontal de 1.3 MP, 16 GB de armazenamento, conectividade DLNA, Bluetooth, WiFi, GPS e bateria de 1.650 mAh. Não há detalhes de seu preço, ou data de lançamento. Mas basta você ter um pouco de paicência, que essas informações devem ser reveladas em breve.

via everythingWM

Teclado Swype para o Windows Phone 7 com Sliding

by

Uma das vantagens que você pode encontrar no Android é a incorporação do teclado Swype. O sistema de escrita convenceu muitos dos usuários do sistema, de modo que era de se esperar que outro sistema idêntico aparecesse na concorrência, como é o caso do Sliding.

Esse teclado virtual oferece os benefícios do Swype, com a novidade de oferecer compatibilidade com Windows Phone 7, e uma aparência idêntica ao teclado oferecido pelo sistema operacional da Microsoft. Por enquanto, a versão existente é bem básica, já que só inclui o inglês como idioma, e seu reconhecimento de palavras ainda não é muito extenso. Ainda assim, ele oferece outros tipos de funcionalidades, como vários ícones de acessos diretos ao Bing, aplicativos de SMS e e-mail. Já está disponível no Marketplace, com preço de US$ 1,29.

via WM Poweruser (Sliding no Zune Marketplace)

Gadget Fake: o Windos Phone 7 chegou na China

by

O que vemos aqui é um suposto “HTC” equipado com Windows Phone 7. Esse imitador do Omnia 7 tem uma tela de 4,8 polegadas (sim, é isso mesmo que você leu), com resolução de 800 x 480 e processador Snapdragon de 1 GHz. Além disso, ele conta com Bluetooth, WiFi, GPS, câmera de 5 MP, dual chip SIM e dois slots para cartão microSD (com capacidade de até 32 GB). Agora, a surpresa (desagradável): na verdade, o seu sistema é Windows Mobile 6.5, com uma interface de WP7. E fim dos seus sonhos.

via WPCentral

Windows 8 volta a aparecer, agora com mais detalhes sobre sua inicialização (em vídeo)

by

Uma nova (suposta) build do futuro Windows 8 aparece em vídeo, com o nome de chave 7955 (a primeira, que foi vista na web a alguns dias, era a build 7850). O vídeo que temos abaixo traz um pequeno aperitivo do que parece ser uma tela de inicialização do sistema, no mais puro estilo Windows 7, mas com alguns testes da interface Metro UI, que a empresa de Redmond pretende colocar na futura versão do sistema. Dê uma olhada abaixo.


via RumorPedia

Windows Phone 7 já tem o seu emulador de Game Boy, para os mais nostálgicos

by

Os emuladores que conseguem rodar nossos jogos do passado em nossos smartphones são presentes bem vindos, e algo mais comum do que se imagina. Porém, merece uma menção honrosa esta nota que vai agradar aos usuários do Windows Phone 7.

Falamos aqui de um emulador que permite rodar os velhos jogos do Game Boy via Silverlight, fruto de uma criação de Samuel Blanchard. Antes que você veja o vídeo abaixo do projeto, é preciso alertar que alguns detalhes precisam ainda ser polidos: ele não permite que o usuário salve os progressos durante os jogos, por exemplo. Em compensação, ele está bastante estável neste estágio inicial, e pode melhorar ao longo do seu desenvolvimento. Vídeo abaixo.

via WMPowerUser

Novidades do Windows Phone 7: atualização em fevereiro e até 15 aplicativos com notificação push

by

Novidades do Windows Phone 7 neste final de ano. Aproveitando a Mobile World Congress – MWC – que acontece em fevereiro de 2011, a Microsoft lançará a segunda atualização para o seu novo sistema operacional móvel. Já sei, você está se perguntando “mas eles nem lançaram a primeira atualização e já estão indo para a segunda?”. Pois bem, ela ainda não existe, e como já se sabe, o pessoal de Redmond não vai lançar a esperada versão com o copiar e colar em janeiro, durante a CES de Las Vegas, deixando a função para fevereiro, na aqui citada segunda versão, onde também serão incluídos alguns aspectos de personalização para os usuários e novas APIs de programação, para que os desenvolvedores possam criar novos aplicativos interessantes ao longo do ano de 2011.

Outra notícias é que o Windows Phone 7 tem um limite de 15 aplicativos com notificações push por dispositivo, ou pelo menos aqueles que estão ativos nos quadros dinâmicos característicos do sistema. Isso justifica o fato de alguns usuários terem se deparado um uma mensagem de erro quando tentou acionar o décimo sexto aplicativo no sistema: “InvalidOperationException (Channel quota exceded)”.

Fica a dúvida se esse limite se aplica apenas aos hubs dinâmicos, ou a todos os aplicativos em geral. Isso é algo que parece controlado pela própria Microsoft, talvez pensado em se obter um melhor gerenciamento de bateria, ou uma melhor experiência de usuário, sem saturações de notificações. A própria empresa argumentou sobre o assunto, dizendo que que este erro acontece quando se tenta abrir mais de um canal de notificação por cada solicitação, ou quando se tenta abrir mais de 15 canais de notificação por cada dispositivo. Por fim, a Microsoft informa que eles podemo mudar o limite de aplicativos no futuro, pensando sempre em uma contínua melhoria aliada aos hábitos e necessidades dos usuários.

Fonte e Fonte

Samsung Focus, mais um celular com Windows Phone 7 em suas entranhas

by

O até então conhcido i917 Cetus agora se chama Samsung Focus, que é um aparelho com desenho arredondado e aspecto brilhante, que lembra de forma distante o Samsung Galaxy S. Ele conta com uma tela super AMOLED de 4″ e resolução WVGA, mas sua principal virtude é a sua espessura de 9,9 mm, sendo o aparelho com Windows Phone 7 mais fino do mercado. As demais características de hardware são similares aos produtos já anunciados contando com este sistema. Informações sobre preço e data de lançamento, ficam no modo “coming soon”.

Copiar e colar chegará ao Windows Phone 7 no começo de 2011

by

É uma notícia que divide opiniões. Uns acham que ainda é uma boa novidade. Outros acham que é um tiro no pé da Microsoft. De qualquer modo, a empresa de Redmond confirmou que os telefones com Windows Phone 7 vão ter sim a opção de “Copy & Paste” (ou copiar e colar), mas somente “no começo de 2011”. O curioso é que esta informação veio do pessoal da Microsoft do Reino Unido, enquanto que no evento realizado hoje nos Estados Unidos não tivemos nenhum tipo de informação.

Andy Lees, presidente de comunicações móveis da Microsoft, foi quem deu esta informação, mas sem nenhum detalhe adicional. Muitos acham que este tipo de função deveria ser básica e primordial nos smartphones. Eu já penso que a Microsoft deve colocar o recurso quando o sistema estiver em 100%, e não quando os desenvolvedores querem. Além disso, é normal que um sistema novo receba atualizações gradativas, trazendo mais novidades aos usuários. Logo, cabe a todo mundo esperar, antes de, rapidamente, sair criticando.

Mesmo porque, uma certa empresa “da maçã” levou três anos para colocar isso em seu mais famoso smartphone.

Fonte

HTC HD7, o HD2 com Windows Phone 7 e vídeo a 720p: o que muita gente sonhava, aconteceu

by

Foi o assunto do dia: Windows Phone 7. Nada melhor do que encerrar a maratona de produtos ligados ao novo sistema operacional móvel da Microsoft com o mais esperado de todos os telefones da HTC com o já citado sistema, o muito especulado HD7, que como dissemos no título deste post, ele vem com tudo aquilo que o HTC HD2 já conta, mas com alguns itens a mais que muitos dos usuários do telefone desejavam. O HTC HD7 conta com uma tela touch de 4,3″ (400 x 800), processador Qualcomm MSM8250 de 1 GHz, 576 GB de RAM, suporte HSPA, Bluetooth 2.1, WiFi. Câmera de 5 MP com flash duplo LED, auto-foco e gravação a 720p, além de contar com capacidades de armazenamento de 8 ou 16 GB, som Dolby Mobile e SRS surround, bateria de 1230 mAh e apenas 11,2 mm de espessura. Chega na Europa no dia 21 de outubro. Não tem preço anunciado pela HTC.