Arquivo para a tag: valve

As Steam Machines chegarão nas lojas em 10 de novembro

by

steam-machines-noviembre

A Valve atualizou a sua página para incluir novos detalhes das Steam Machines que chegarão ao mercado. No dia 10 de novembro, as primeiras unidades começam a chegar ao mercado, mas nos EUA já é possível reservar os modelos da Alienware e CyberPower, com envios programados para o dia 16 de outubro.

Os consoles (ou micro computadores) virão acompanhados do Steam Controller e Steam Link, que também chegam no dia 10, custando 54 euros cada. São muitos os modelos que já aparecem na loja oficial da Valve, com produtos da ZOTAC, ASUS, Alienware, Alternate, Digital Storm, Gigabyte, Maingear, entre outros.

Captura+de+pantalla+2015-06-04+a+las+17.47.49

Além disso, cada equipamento inclui uma ficha técnica com as especificações de cada modelo, em cada uma de suas versões, de modo que o usuário poderá revisar com calma cada um dos itens. Os preços começam em US$ 479,99 do modelo da Alienware, até US$ 4.999,99, do modelo mais completo do Falcon Northwest Tiki.

Via PolygonModelos de Steam Machines

 

Valve oferece HTC Vive para desenvolvedores de games de realidade virtual

by

valve-htc-vive

A Valve quer facilitar a vida dos desenvolvedores de games para a realidade virtual. Para isso, eles começaram a enviar unidades do HTC Vive totalmente gratuitas para um pequeno grupo de developers.

Seja um estudo grande ou um pequeno desenvolvedor inteligente, a Valve também oferece um capacete de realidade virtual para testar as criações. Igualmente de graça.

Um porta-voz da Valve revelou ao Ars Technica que a empresa iniciou um programa para fomentar o desenvolvimento de conteúdo para os óculos de realidade virtual. Basta o desenvolvedor se inscrever e esperar para saber se vai receber um HTC Vive de graça. Pelo menos será assim por um tempo, mas pode ser que no futuro eles comecem a cobrar por isso.

Não foi revelado qual será o processo de escolha dos desenvolvedores. A única coisa explicada é que não importa o tamanho do estúdio ou se são desenvolvedores independentes. As primeiras unidades foram enviadas, e levando em conta o modelo oferecido, certamente eles vão receber várias solicitações.

Via Ars Technica

Steam Controller vai receber um stick analógico

by

steamcontroller+hed

Há vários meses um vazamento revelou como a Valve faria uma nova modificação no seu Steam Controller. O gamepad do Steam Machine receberia o seu primeiro stick analógico, cobrindo assim uma certa carência que muitos usuários começavam a vaticinar.

Sem o tal stick, os jogos em primeira pessoa não contava com o clássico modo de controle utilizado por anos. Como resposta, a Valve decidiu incluir uma simpática ‘seta’, o que tranquilizaria as massas.

O acessório apareceu na Game Developers Conference para degustação. Tal como as imagens vazadas insinuavam, o stick analógico chegará de forma individual, e ao seu lado teremos botões de ação para das espaço para o segundo trackpad direito.

O que não se pode negar é que o controle é bem completo. Além dos trackpads circulares, o controle oferece duas almofadinhas com clic na parte inferior, que oferecem dois botões adicionais, aproveitando a ergonomia do controle. Esse leque de possibilidades pode resultar em um vantagem em jogos que exigem rapidez de ação e movimentos. Com isso, temos seis botões de ação, incluindo os botões de gatilhos, quatro botões clássicos de ação, o stick analógico e dois trackpads com click.

A localização planejada pela Valve centra a atenção nos trackpads, algo que muda completamente a distribuição clássica dos botões, e que acaba confundindo nas primeiras utilizações. As mudanças podem confundir tanto os primeiros usuários do produto quanto aqueles que já estavam acostumados com a primeira versão do controle, obrigando uma curva de aprendizado maior.

O ideal seria colocar os trackpads no lugar dos botões, mas quem sabe a Valve decida modificar o controle mais uma vez, antes do seu lançamento em definitivo, em novembro.

Valve Steam Link: os jogos do PC para a sala de casa

by

650_1000_steam-link_04

A Valve e suas Steam Machines contam com um longo caminho até chegar ao produto final, mas aos poucos vemos produtos que nos ajudam a entender o que eles querem com a nova plataforma. Um deles é um pequeno dispositivo que aposta no streaming de jogos a partir do computador, o Steam Link, que deve chegar ao mercado em novembro.

O Steam Link fará o meio do caminho entre o computador e a TV da sala de casa. Dentro dele teremos o sistema operacional Steam OS, baseado no Linux, mas que não deve receber um hardware muito potente.

650_1000_steam-link_02

Ou seja, podemos ter no quarto um equipamento mais potente, para trabalho ou jogos, e na sala, uma excelente tela para jogar. Aproveitando a rede doméstica, o Steam Link faz o meio campo entre os dois produtos.

O Steam Link conta com uma saída HDMI, porta Ethernet e portas USB. A saída de vídeo do produto suporta os modos 1080p/60Hz, e é compatível com Windows, Mac e Linux.

O controle para interagir com o conjunto é o Steam Controller, que custa US$ 50 e também chega ao mercado em novembro. O Steam Link custa US$ 50.

steam-controller

Via SteamDB

MWC 2015 | HTC Vive, um óculos de realidade virtual em parceria com a Valve

by

650_1000_htc-vive

A HTC apresentou na Mobile World Congress 2015 um protótipo de óculos de realidade virtual desenvolvido em parceria com a Valve, o HTC Re Vive. Este é um produto top de linha, e estará disponível para os desenvolvedores nos próximos meses, e no grande público no final de 2015.

O que é curioso é que o Vive é um dispositivo muito parecido com o SteamVR, e não seria um adaptador para smartphones, como é o Gear VR, mas sim um óculos completo, apesar de ser fabricado por uma empresa de smartphones – a HTC. O Vive se conectaria diretamente a um computador para exibir conteúdos 3D em casas completas, o que permitiria que os usuários um livre movimento durante os jogos.

Quase tão importante quanto a parceria entre HTC e Valve é a colaboração que oferecerão outras gigantes da tecnologia, como Google, HBO, Liongate, Vertigo Games e Dovetail Games. Ou seja, não é só um dispositivo para games, mas também para entretenimento em geral, compras e comunicação.

Resta agora esperar que os desenvolvedores tenham acesso ao produto, para que as soluções pensadas no consumidor final possam cumprir com a meta estabelecida pela HTC.

 

SteamVR: a Valve também aposta na realidade virtual

by

steam-vr-valve

A Valve, que está diretamente associada com a plataforma Steam, anunciou que na próxima edição da Game Developers Conference vai apresentar a sua proposta de dispositivo de realidade virtual, o SteamVR.

Não foram revelados maiores detalhes, mas eles informam que os primeiros kits para desenvolvedores estarão disponíveis para os presentes da GDC, que acontece na semana que vem em San Francisco (EUA), para que os profissionais comecem a desenvolver os jogos para o sistema. Não houve comentários sobre os conteúdos audiovisuais.

A chegada da Valve no mundo da realidade virtual acontece em um momento peculiar. O Oculus Rift está nas mãos do Facebook, que parece mais interessada nas parcerias com terceiros do que no lançamento de um produto comercial para 2015. Sony e Samsung também estão na corrida. Mas o fato é que tudo está muito incerto nesse segmento.

A GDC 2015 promete ser importante para a Steam, que deve mostrar a quantas andam o desenvolvimento do Steam OS. A Valve adianta que na semana que vem será apresentada a renovada versão do seu Steam Controller e novos dispositivos para a sala serão apresentados.

Mas, atenção: o termo Steam Machine não foi citado, o que pode significar uma mudança de estratégia da empresa, já que o produto foi adiado (em teoria) para 2015 na sua versão final.

Via Xataka

Alpha, a Steam Machine da Alienware mostra suas características

by

alienware-alpha (1)

O console Alpha da Alienware é talvez a proposta mais curiosa para o ecossistema da Valve. Eles apostam no seu próprio sistema operacional, que teve seus detalhes revelados hoje (12) na Gamescom 2014.

O console da Alienware conta com um processador Intel Core i3 e uma GPU NVIDIA Maxwell GTX “customizada”. O sistema operacional é o Windows 8.1, também com interface customizada, e o produto será distribuído com o controle sem fio do Xbox 360 para PC (que exige um dongle USB para o seu funcionamento).

Apesar da Alienware descrever o Alpha como “a Steam Machine Ideal”, seu preço fica na faixa de US$ 550, elevado demais para a sua proposta. Afinal de contas, um Xbox One (sem Kinect) e o PS4 custam US$ 399.

PowerPoint Presentation

Sobre a citada interface de usuário, ela recebe o nome Alpha UI, e as duas únicas imagens disponíveis da mesma são essas que estão no post. Alguns presentes na Gamescom testemunharam uma pequena apresentação do software, mas em formato demo previamente produzido. Ao que parece, é uma interface muito básica, com uma aparência de ter sido feito às pressas para a ocasião. Logo, não serve para fazer qualquer tipo de avaliação.

PowerPoint Presentation

Teremos que esperar a versão final e comercial do produto, algo que deve acontecer em novembro. Só aí vamos conhecer melhor o que o produto tem a oferecer em termos de interface e desempenho, e saber se o produto vale ou não o quanto custa.

alienware-alpha-xbox-controller alienware-alpha-preorder

Via Engadget, Alienware

Aparecem referências para filmes, séries e músicas no Steam

by

steamdb

O Steam pode estar preparando uma série de novas adições. A conta do Twitter @SteamDB, clássica pelos vazamentos relacionados ao serviço, revelou a detecção das seções “filmes, séries de TV e música” nos códigos da plataforma.

Podem ser novidades que a Valve deve incluir mais cedo ou mais tarde no seu serviço, e levando em conta os 75 milhões de usuários que o Steam possui, é fácil pensar que serviços desse tipo podem fazer frente às plataformas da Google e Apple.

De qualquer forma, é sempre bom ter muitas reservas com esse vazamento, uma vez que pode se tratar de uma simples reestruturação dos conteúdos já presentes. É bom lembrar que o Steam já oferece trilhas sonoras de videogames, e tais mudanças podem se centrar na Steam Music.

Por enquanto, essas linhas de código é tudo o que sabemos até o momento, de modo que temos que esperar por novidades. Ou peo anúncio oficial. O que vier primeiro.

Via IGN

Valve volta a mudar o Steam Controller, que agora possui um stick analógico

by

Alpha-controller-valve

Aos poucos, o Steam Controller está perdendo o design carismático que o tornava tão especial. Antes, contava com dois trackpads e uma tela touch. Depois, a Valve retirou a tela central para incorporar oito botões físicos e um controle mais clássico. Agora, as mudanças aproximam o acessório ainda mais do controle tradicional, removendo os quatro botões direcionais do lado esquerdo por um stick analógico.

A imagem acima foi divulgada pelo Twitter via SteamDB, um usuário dos fóruns da Facepunch, que por sua vez apareceu na última beta do cliente Steam.

A mudança acaba sendo pouco surpreendente, já que incorporar um stick analógico apenas levanta dúvidas sobre a eficiência do controle tátil proposto pela Valve. Talvez eles queiram oferecer uma experiência mais tradicional, sem arriscar em um controle revolucionário. Mas só teremos certeza sobre tudo isso quando o produto aparecer em sua versão final.

Até lá, só podemos teorizar.

Via @SteamDB, Facepunch

E3 2014 | A Steam Machine da Alienware começa a ser vendida no final de 2014, a partir de US$ 550

by

650_1000_2421979-8458010723-alien

Ainda que a Valve tenha decidido atrasar a venda de sua Steam Machine, outros fabricantes seguem adiante com os seus lançamentos. É o caso da Alienware, que está preparando o seu pequeno PC “Alpha” com o modo “Big Picture Mode” (BPM) para uso na TV ativado como padrão.

O problema é que o BPM ainda não funciona muito bem para identificar os jogos que podem funcionar com os controles, sem falar que o controle oficial da Valve não estará disponível até o seu lançamento. Por isso, o Steam Machine da Alienware virá com um controle do Xbox 360 e uma personalização do modo BPM, para que isso não represente maiores complicações.

Ainda que o BPM possa ser utilizado desde já, ele ainda exige um teclado e mouse para algumas ações, como iniciar o serviço Uplay da Ubisoft. Em todo o caso, o melhor seria poder utilizar o sistema como a Valve deseja. A Alienware foi questionada se será possível atualizar a compra uma vez que o controle oficial estiver disponível. A resposta foi: “falta muito tempo para isso acontecer, e não tomamos uma decisão sobre o assunto”.

Algo curioso foi compartilhado por Bryan de Zayas, gerente de marketing da Alienware. O console “Alpha” de sua empresa foi citado como “a Steam Machine ideal” por ninguém menos que Gabe Newell, chefe da Valve. O motivo é que a Alpha inclui portas HDMI pass-trough, que são menores que a dos demais consoles, e inclui uma conexão gigabit ethernet e outra de áudio óptico.

Além disso, com um preço de US$ 550 (para a versão com Core i3), o produto é bem econômico, podendo ser utilizado com vídeos a 1080p/60 FPS. Nada mal… mesmo.

Via Engadget

Valve adia o lançamento das Steam Machines até 2015

by

SteamControllerNotes

Desde que foram anunciadas, as Steam Machines são muito aguardadas, e a notícia desse post é um pouco desalentadora, pois vai pedir de muita gente uma boa dose de paciência. A Valve anunciou que o lançamento do seu computador/console foi adiado até 2015.

A informação foi publicada na página de anúncios Steam Universe da empresa, acompanhada da imagem que ilustra esse post. O motivo desse adiamento está relacionada a várias melhorias que estão sendo incorporadas no sistema, como o uso de controles sem fio. A empresa explica que eles querem oferecer “a melhor experiência de jogos possível”, o que quer dizer que o produto só vai sair ao mercado quando ele estiver pronto, e não antes disso.

Em todo caso, vale a pena lembrar que existem 14 empresas fabricando as Steam Machines, e que o anúncio não deixa claro se o adiamento é geral, ou apenas para os consoles da Valve. Seja como for, a notícia não é de agrado para quem esperava com ansiedade o lançamento desses consoles. Mas devemos reconhecer que é melhor demorar e ter um bom produto final do que antecipar o lançamento com algo cheio de problemas.

Via Steam Universe

O Steam Controller perde a sua tela touch e ganha botões físicos

by

steam

Talvez essa seja a notícia mais inesperada de 2014 até agora: a Valve vai remover duas das características mais chamativas do Steam Controller. Segundo informa a empresa aos desenvolvedores, o seu controle para SteamOS vai perder a tela touch e recebera vários botões físicos adicionais no ato do seu lançamento, algo que vai acontecer ao longo desse ano.

Segundo o SteamDB, por motivos de retrocompatibilidade, os novos Steam Controller contarão com um pad direcional (alguns afirmam que agora eles são assimétricos) e botões no padrão A-B-X-Y. Além disso, sua bateria interna será substituída por pilhas AA.

Ainda segundo os desenvolvedores presentes na conferência Steam Dev Days, a Valve oferecerá um modo “ghosting” em substituição à tela touch, mediando a qual os botões serão exibidos na tela do jogo, no lugar do próprio Steam Controller. Além disso, a Valve oferecerá uma API para facilitar a integração dos controles em futuros lançamentos, com suporte para um máximo de 16 jogadores.

A seguir, a foto do protótipo do novo Steam Controller, flagrado durante o Steam Dev Days.

mando
[Foto do Steam Controller final: @TheIneQuation]
[Foto do Steam Controller Beta: @AbelOroz]

Via SteamDB

Controle do Steam é demonstrado pela Valve (em vídeo)

by

steam-controller

Existem muitos gamers por aí curiosos para saber como realmente funciona os novos controles do console Steam, apresentado pela Valve na semana passada. Então, a própria Valve decidiu satisfazer a curiosidade desse povo todo, lançando um vídeo de quatro minutos, cujo destaque exclusivo é justamente o Steam Controller.

No vídeo demonstrativo, é possível ver como o acessório se sai em jogos como Portal 2 e Counter Strike: GO. Quem publicou o vídeo foi o designer da Valve, Greg “Gregori” Coomer, que destaca o quão sensível ao toque é o controle, durante a gameplay.

Uma das coisas mais importantes desse acessório (destacadas por Greg) é que os dois trackpads são totalmente configuráveis, permitindo uma maior liberdade ao jogador na hora de escolher os comandos que vão ditar a ação no jogo. Além disso, a Valve promete que a adaptação dos jogos que normalmente eram jogados com teclado e mouse para o joystick será plena. Por exemplo, se você estava acostumado com o estilo de jogo do Portal 2 com teclado e mouse, você pode configurar joystick para que ele conte com o mesmo mapeamento já utilizado em seu teclado, tornando a transição de um periférico para outro algo menos impactante.

Além disso, os dois trackpads podem controlar o ponteiro do mouse de forma alternada, podendo escolher entre o polegar direito e esquerdo, conforme a sua conveniência e necessidade.

Vídeo abaixo.

 

Via Tom’s Hardware

Steam Early Acess permite que você experimente os jogos ainda em desenvolvimento na plataforma

by

steam-early-access

A Valve quer seguir oferecendo aos seus usuários novas possibilidades no Steam, e para isso, anunciaram o Early Acess. O portal dentro da plataforma de jogos vai permitir aos mais curiosos o acesso aos jogos que ainda estão em fase beta (pagando algum dinheiro por isso, é claro), dando assim a oportunidade de testes de novos títulos, acompanhando a sua evolução (com o tempo, os jogos são atualizados), descobrir erros e, obviamente, reportar problemas e experiências para os desenvolvedores, dando assim a chance dos jogos se desenvolverem de acordo com o feedback dos usuários.

Por enquanto, o catálogo de jogos desse segmento está bem reduzido (apenas 12 jogos estão listados, sendo um deles gratuito), mas imagino que será uma questão de tempo para que ela seja ampliada. Se você está interessado em conhecer melhor como o Steam Early Access funciona, clique aqui.

 

Via Valve

 

Valve apresenta a sua Steam Box, com o nome de código Piston #CES2013

by

A Xi3 anunciou hoje (08) durante a CES 2013 a nova etapa de desenvolvimento da caixa híbrida entre central multimídia e console da Valve, que recebe o nome de código Piston. O produto foi exibido em seu stand da feira tecnológica de Las Vegas.

O dispositivo ainda está em desenvolvimento, e foi motivo de rumores nos últimos meses. O produto está otimizado para rodar jogos em equipamentos de telas de alta definição, e a Xi3 afirma que esse equipamento modular foi desenvolvido especificamente para suportar e oferecer acesso a milhares de títulos através de um sistema integrado, que supera as capacidades dos consoles líderes do mercado atual.

A caixinha da Valve, que cabe na palma da mão, tem custo estimado de US$ 999, e seu fabricante se recusou a informar mais detalhes sobre o seu preço ou as diferenças entre as especificações dos modelos. Também não foi informado se esse será o valor do produto final, mas acreditamos que não, já que falamos de um produto em desenvolvimento.

A unidade de demonstração dessa Steam Box (nome de código Piston) conta com:

  • Porta Ethernet
  • Quatro portas USB 3.0
  • Quatro portas USB 2.0, uma delas dedicada à entrada de teclado
  • Quatro portas eSATAp
  • Duas portas mini Display Port
  • Uma saída ótica SPDIF
  • Uma porta HDMI

Além das especificações técnicas, também não foram confirmadas maiores informações sobre o sistema operacional do produto, mas tudo indica que o Steam Box vai mesmo utilizar algum software baseado no Linux. As datas de finalização da fase de desenvolvimento também não foram anunciadas, mas tudo indica que a Valve vai querer acelerar o processo, uma vez que alguns inesperados concorrentes apresentaram propostas igualmente interessantes, custando apenas US$ 99, e que devem chegar ao mercado já no primeiro trimestre de 2013.

Via Gizmologia

Valve venderá todo o tipo de software (e não apenas jogos) através do Steam

by

Não faz muito tempo, rumores levantavam a possibilidade da Valve se dedicar a outros segmentos de mercados além dos jogos. E os rumores se confirmaram hoje (08/08). A Valve anunciou de forma oficial, através de uma curta nota de imprensa que, a partir do dia 5 de setembro, o serviço vai vender todo o tipo de software, e não necessariamente relacionado ao mundo dos jogos, a partir do seu serviço online.

Segundo informa a empresa, a ideia é que tais programas se beneficiem de alguns dos pontos fortes da plataforma, como a facilidade na hora da instalação, atualizações automáticas ou salvar os progressos na nuvem, para que você possa acessar o conteúdo deles em qualquer lugar. Nas palavras de Mark Richardson, responsável pelo desenvolvimento de negócios da empresa:

“Os 40 milhões de jogadores que frequentam o Steam estão interessados em algo mais que jogar (…) e ficamos sabendo que eles gostariam poder acessar o seu software preferido a partir do Steam, de modo que essa expansão é a resposta à este pedido”.

A empresa também aproveitou a oportunidade para anunciar que o desenvolvedor que está interessado em participar do projeto, pode entrar em contato com eles através da Steam Greenlight a partir de agora, já que naturalmente eles pensam em aumentar a sua oferta de conteúdos aos poucos.

Via Joystiq

Valve lança o seu blog para Linux, e anuncia oficialmente o Steam para Ubuntu

by

O Steam vai chegar ao Linux, e agora é pra valer. Isso deixou de ser uma conjectura ontem (17), e se tornou uma declaração oficial da empresa, depois da Valve lançar o seu cliente para computadores Mac, acalmando assim todos os linuxeiros que estavam de forma constante perguntando sobre a versão do Steam para o sistema operacional do pinguim.

De fato, o que foi anunciado ontem é o seu desenvolvimento oficial do serviço para o Linux, sem a Valve informar uma data de lançamento do programa para esta plataforma. Para documentar esse desenvolvimento, eles criaram um blog específico para registrar os passos da evolução do Steam para Ubuntu, que já está sendo portado enquanto os programadores estão otimizando o Left 4 Dead e trabalham em outros títulos da empresa.

Aproveitando o grande interesse que esse anúncio certamente vai trazer entre os membros das comunidades Linux, a equipe por trás do projeto também está pedindo ajuda e impressões ao público para melhorar a sua plataforma de software, não sem avisar que mesmo que o Ubuntu ainda seja o seu objetivo principal, outras distribuições também poderão receber a sua própria variante do Steam, caso essa fase inicial se converta em sucesso.

Via blogs.valvesoftware.com

A pequena torre de Portal 2 será colocada a venda, como produto oficial, no final de 2012

by

Uma ótima notícia para os fãs de games, principalmente os fãs de Portal 2. A empresa Gaming Heads conseguiu uma licença oficial da Valve, que lhe permitirá vender e distribuir uma cópia exata das torres de vigilância que aparecem no jogo Portal, oferecendo duas versões do produto (com e sem efeitos sonoros). As duas versões da torre possuem um sensor de proximidade que ativa uma luz frontal.

Antes que você retire o cartão de crédito da carteira, temos uma má notícia (sempre tem…). A Gaming Heads vai oferecer essa torre em edição limitada a 1.100 unidades (350 com efeitos sonoros e 750 completamente muda). Ou seja, quem gostou da novidade, vai ter que correr. Não sabemos se eles entregam o produto para o Brasil, mas para quem se interessou, os preços das torres são de US$ 299,99 (sem som) e US$ 324,99 (com som). Clique aqui para mais detalhes.

Via Joystiq

Valve confirma o desenvolvimento de hardware próprio

by

Por que a Valve estaria atrás de um engenheiro eletrônico? Como falamos de uma empresa que se dedica ao software, basta pensar nas remotas possibilidades;

1) eles estão pensando em um console Steam de baixo custo;
2) Eles estão ajudando no desenvolvimento do hardware dos próximos consoles da Sony e/ou Microsoft.

Na verdade, nenhuma das duas coisas. E isso pode ser muito bom, pois o próximo projeto deles pode ir muito além do que as alternativas anteriores.

A Valve lançou recentemente um blog oficial, para manter os seus fãs informados sobre as últimas novidades do estúdio, e um dos seus primeiros posts é assinado por Michael Abrash, ex-programador da Microsoft e id Software. No texto, ele conta que quando foi contratado pela Valve como chefe de I+D, a empresa não disse no que ele tinha que trabalhar. No seu lugar, eles perguntaram o que ele poderia fazer pela empresa. Com isso em mente, ele embarcou em um projeto de computadores portáteis, em um projeto experimental, que resultou em diversos conceitos.

Em outras palavras, a Valve está trabalhando oficialmente em seu hardware próprio, mas não podemos esperar pelo lançamento de qualquer produto em curto prazo. Abrash já adverte que não será feito nenhum anúncio na E3 2012.

Via Blog Valve

Steam já tem o seu aplicativo beta “disponivel” para iOS e Android

by

O Steam continua expandindo, e a sua próxima estratégia é conquistar o segmento de dispositivos móveis. A Valve anunciou que já tem disponível o seu próprio aplicativo de acesso à sua principal de jogos para os dispositivos dos sistemas iOS e Android, com download gratuito nas suas respectivas plataformas (App Store e Android Market).

Por enquanto, o aplicativo está em estágio “beta limitado”, de modo que existe uma lista zando as de espera para os interessados que quiserem instalar o recurso e ajudar no seu desenvolvimento, utilizando as suas principais funções, como vendas de jogos, chat com os contatos, notícias sobre jogos, etc.

Clique aqui para mais detalhes.

Via Joystiq