Arquivo para a tag: usb type-c

A porta USB Type-C quer matar definitivamente o conector de 3.5 mm

by

porta-usb-type-c usb type-c

O USB Implementers Forum (USB-IF) anunciou a chamada USB Audio Device Class 3.0, uma especificação que habilita de forma oficial e definitiva a porta USB Type-C como via perfeita para todo o tipo de transmissão de áudio.

Os responsáveis pelo órgão parece ter aproveitado o momento do debate sobre o fim do conector de 3.5 mm para atualizar essa especificação, e deixam claro que a porta USB-C é “o futuro do áudio digital”.

USB Type-C: uma ameaça importante para o futuro do conector de 3.5 mm

Ainda que as especificações anteriores já ofereciam tal capacidade, esta nova versão facilita o suporte de áudio digital via USB, além de adicionar melhorias para reduzir o consumo energético.

O mais surpreendente do anúncio é que os responsáveis pelo padrão afirmam que “o áudio USB via USB Type-C permite que os fabricantes eliminem os conectores de áudio analógico de 3.5 mm, reduzindo em até 1 milímetro o design de produtos e reduzindo o número de conectores em um dispositivo”.

As vantagens estão na habilitação de uma melhor resistência à água, além de abrir as portas para uma inovação de forma ilimitada. Pode parecer exagero, mas esse anúncio deixa claro que o USB-IF quer transformar a USB Type-C no único padrão de áudio necessário nos futuros smartphones.

Não é dito quando que o novo padrão chega aos dispositivos, mas este anúncio já amplia a leva de críticas iniciadas com os novos iPhone 7 e iPhone 7 Plus.

Via BusinnesWire

SanDisk lança pendrive USB-C de 128 GB

by

sandisk-usb-c-128GB-02

A SanDisk apresentou na Computex 2016 um novo pendrive que se caracteriza por contar com dois tipos de conectores: de um lado, o USB Type-C (3.1), mas moderno e reversível, e do outro lado, uma USB Type-A, mais tradicional e compatível com a maioria dos gadgets disponíveis no mercado.

Esse novo pendrive da SanDisk pode ler em velocidades superiores a 150 MB/s, e está disponível em quatro capacidades (16, 32, 64 e 128 GB). Os preços não parecem muito altos (pelo menos nos Estados Unidos), começando com US$ 20 e alcançando os US$ 70 no modelo com maior capacidade.

sandisk-usb-c-128GB-03

As imagens mostram um gadget com elemento deslizável, liberando os conectores em cada um dos lados. Uma posição intermediária faz com que nenhum conector sobressaia. Para quem se pergunta como o acessório funciona nos smartphones com sistema operacional Android Marhsmallow, um vídeo do aplicativo preparado pela SanDisk mostra como gerenciar esses conteúdos, com o aplicativo Memory Zone.

O conector USB-C conversível não é uma novidade, tãopouco um pendrive com 128 GB, mas é neste tipo de memória que a empresa aposta. Seu preço não foi anunciado. Mas não deve fugir muito daquilo que já é cobrado pelos principais concorrentes do segmento. Não há previsão de chegada ao mercado brasileiro, por enquanto.

sandisk-usb-c-128GB-01

Intel propõe o USB Type-C no lugar do conector de 3.5 mm em definitivo

by

usb-c-smartphone

O conector de áudio de 3.5 mm está presente em quase qualquer dispositivo portátil há décadas, e pode desaparecer em breve, em favor do USB Type-C. esta é a proposta feita pela Intel durante o último IDF, com o objetivo que o novo padrão seja mais universal, com benefícios na qualidade final do áudio.

Não é a primeira vez que tentam desbancar o conector de 3.5 mm (criado em 1878 em versão de 6.35 mm e modernizado em 1960, na versão atual), mas esta é sem dúvida a mais séria até agora. A Intel explica com detalhes os benefícios da USB Type-C, mostrando uma folha de rota com um claro objetivo: o desaparecimento progressivo do conector atual de praticamente qualquer dispositivo.

Até agora, o grande desafio técnico era converter um sinal de áudio digital em analógico, o que se resolve incorporando um conversor de sinal nos fones (o que resultaria em acessórios mais caros). De qualquer forma, a Intel lembra que nas especificações da USB Type-C se inclui a possibilidade de transmitir o áudio diretamente em analógico.

As vantagens são importantes: por um lado, podemos ter fones de ouvido que melhoram o som, incorporando sistemas de equalização digital ou com cancelamento de ruído integrado sem baterias. Por outro lado, a largura de banda e a capacidade de proporcionar energia da USB Type-C mostra um cenário onde fones in-ear podem contar com um sensor térmico para obter dados da saúde do usuário, por exemplo. Além disso, o conector será menor, deixando mais espaço nos smartphones e tablets para baterias e chips.

As desvantagens? Uma mudança traumática do ponto de vista tecnológico: aqueles que querem seguir usando os seus fones analógicos terão que investir em um conversor, que ficarão mais caros. Os fabricantes que os incluírem de série também vão repercutir esse plus no preço final, e para a maioria dos usuários será complicado apreciar o salto de qualidade. A Intel admite que os custos vão aumentar, mas também explicam que serão moderados quando começar a funcionar a economia de escala.

usb-c_audio

O começo do fim para o conector de 3.5 mm?

Quando gigantes da tecnologia como Intel, Google ou Apple se mostram dispostas a dar um passo, as demais empresas acabam seguindo esse passo. A última versão do Android já suporta fones com DAC e empresas como Samsung, LG, Sony e HTC devem definir em breve suas posturas de carga na próxima geração de smartphones. Pode ser que a Intel seja otimista demais com os prazos, mas tudo indica que este será um caminho sem volta.

Via Anandtech

LeTV Le 2, os primeiros smartphones sem conector de 3.5 mm

by

letv-le-2

A fabricante chinesa LeTV decidiu fazer o que a Apple está ensaiando para o iPhone, e vai apresentar o primeiro smartphone do mercado a eliminar o conector de 3.5 mm. A nova linha LeTV Le 2 se destaca por utilizar a porta USB Type-C para os fones.

A LeTV também foi a primeira a lançar um smartphone com processador Snapdragon 820, e inova novamente no objetivo de tornar a vida do usuário mais cômoda. Ou não, já que aqueles que investiram em um caro fone de ouvido tradicional será obrigado a adquirir um adaptador. De qualquer forma, o fabricante quer elevar a qualidade final do som, propondo uma conexão única para alimentação, recarga e reprodução, com a ajuda de fones de ouvido digital. Em consequência, você não poderá mais ouvir música enquanto recarrega o celular, pelo menos por enquanto (no futuro pode haver um adaptador que permita as duas coisas ao mesmo tempo).

letv-le-2-02

São três modelos dessa nova série: Le 2, Le 2Pro e Le Max2. Com eles, o fabricante oferece dois modelos de fones de ouvido com USB Type-C (in-ear e externos), que ainda não estão disponíveis. Ainda resta a opção de utilizar fones Bluetooth ou outros modelos de fones USB Type-C de marcas concorrentes.

letv-le-2-02-03

Finalmente um fabricante decidiu eliminar o tradicional conector universal de 3.5 mm. Será que a Apple vai seguir essa aposta? Veremos ao longo do ano qual será a tendência dos fabricantes.

Via ETK, Gadgets 360Android Authority

Novo SSD portátil da Samsung tem 2 TB, USB Type-C e pesa 50 gramas

by

ssd-samsung-2tb

A série de unidades SSD externas T da Samsung é uma das mais conhecidas do mercado, e hoje conhecemos uma nova evolução dentro da linha. O novo Samsung T3 avança na sua capacidade e conectividade, sem renunciar a um design mais compacto e pouco peso.

O SSD portátil Samsung T3 tem uma capacidade de até 2 TB, fazendo uso da tecnologia V-NAND da empresa. A velocidade máxima de acesso é de 450 MB/s em uma interface USB Type-C (USB 3.1), que é a principal novidade desse novo modelo.

O produto mantém o seu design bem cuidado já presente nas gerações anteriores. Possui as dimensões de um cartão de crédito e um peso de 51 gramas. A estrutura interna foi reforçada para uma maior resistência a quedas e golpes, e seu acabamento metálico faz com que essa unidade possa resistir a temperaturas extremas e quedas de até dois metros de altura, com força de até 1500 G.

ssd-samsung-2tb-02

A nova SSD Samsung T3 pode ser configurada com senha e vem equipada com encriptação de hardware AES 256-bit. Já está disponível lá fora com preços de 139, 249, 549 e 799 euros para as versões de 250 GB, 500 GB, 1 TB e 2 TB, respectivamente. Não há previsão de lançamento desse produto para o mercado brasileiro.

JBL Reflect Aware C, um fone de ouvido compatível com USB Type-C

by

fone-de-ouvido

O conector de fones de ouvido de 3.5 mm pode estar com o seu futuro ameaçado, podendo desaparecer para dar lugar ao USB Type-C para essa finalidade.

Rumores já dão conta que a Apple substituiria o tradicional conector de 3.5 mm para aproveitar o conector Lightning nos futuros iPhone 7 e iPhone 7 Plus. E a HTC recentemente apresentou o HTC 10, e em parceria com a JBL, já oferecem fones compatíveis com a USB Type-C (apesar do conector tradicional ainda estar presente no smartphone). Os chamados JBL Reflect Aware C contam com a particularidade de contarem com cancelamento de ruído, que é o que normalmente obriga o suo de uma fonte de alimentação auxiliar.

A porta USB Type-C resolve o problema. Os fones da JBL aproveitam esse conector tanto para transmitir o áudio como para enviar a corrente necessária para alimentar o circuito de cancelamento de ruído. Não sabemos qual será o resultado final dessa combinação, mas na teoria a ideia tem sentido.

fone-de-ouvido-02

O JBL Reflect Aware C é o primeiro dispositivo desse tipo que é comercializado, e poderá ser um sintoma de uma singular revolução no mercado tradicionalmente dominado pelo conector de 3.5 mm. As vantagens que impõe esta decisão em casos específicos são óbvias, mas o debate com certeza voltará a surgir para os fones de ouvido tradicionais.

Se isso se transformar em norma e os smartphones do futuro adotem o USB Type-C como padrão, nos deparamos com a mesma polêmica nascida com os rumores do iPhone 7: o que acontecerá com todos que investiram em um caro fone de ouvido nos últimos anos?

A resposta? Adaptador.

Seagate Innov8: Um disco externo de 8 TB via USB Type-C

by

Seagate Innov8-01

A Seagate apresenta o seu novo disco rígido externo, o Seagate Innov8, que conta com 8 TB de capacidade de armazenamento e alimentação exclusiva por USB Type-C (ou USB 3.1 reversível).

A Seagate o vende como o primeiro disco a chegar ao mercado com essas características, mas revisando um pouco a linha do tempo, vemos como o Verbatim Insight (2009) já oferecia o mesmo. Porém, com uma capacidade de armazenamento e velocidade muito abaixo do que temos hoje. Por isso, dedicamos no blog um espaço para esse modelo.

Seagate Innov8-02

O Seagate Innov8 estreia a tecnologia Ignition Boost da própria Seagate, que é o que ‘dispensa’ o dispositivo de ter que se conectar à uma fonte de alimentação. Logo, os 8 TB de armazenamento podem ser úteis para os profissionais que vivem em constante mobilidade e não querem depender de uma tomada para manejar esses dados. É claro que é preciso usar cabos e conectores relativamente novos, mas muitos dispositivos já contam com o USB Type-C, que se torna mais comum no mercado atual.

Além da conexão e da capacidade, podemos ver que o design também é muito bem cuidado (obra da Huge-Design), com um corpo de alumínio que dá um toque elegante, e que ajuda na sua refrigeração. O seu LED azul também chama a atenção.

Seagate Innov8-03

Seu peso é de 1.5 kg, e suas dimensões são de 208 x 123,6 x 36 mm. Estará disponível nos Estados Unidos em abril, com preço sugerido de US$ 349. Não há informações sobre sua expansão para outros mercados.

Seagate Innov8-04

Via Seagate

Xiaomi lança bateria externa de 10.000 mAh com USB Type C

by

xiaomi-bateria-usb-type-c-01

A Xiaomi apresentou uma bateria externa de 10.000 mAh com USB Type C que custa apenas 20 euros. Como eles conseguem?

Bom, a bateria é bem vinda para os modelos Xiaomi Mi 5 e Xiaomi Mi 4C, ambos com USB Type C, mostrando a aposta do fabricante nesse novo padrão de porta de conectividade. Logo, a chegada dessa bateria com esse mesmo conector não chega a ser uma surpresa. A grande surpresa aqui é o preço.

A bateria pode recarregar o Xiaomi Mi 5 completamente por mais de três vezes, o LG G5 quase quatro vezes, e o iPhone 6s por seis vezes, além de uma carga e meia no iPad Mini. É um acessório indispensável para os usuários que usam e abusam da mobilidade diária.

xiaomi-bateria-usb-type-c-02

O grande problema é que essa nova bateria da Xiaomi só está disponível no mercado chinês, por enquanto. Com os custos de envio, ele pode chegar a valer 30 euros para o mercado europeu. Um preço excelente. Quem sabe esse brinquedinho não desembarque no Brasil no segundo semestre do ano?

xiaomi-bateria-usb-type-c-03

Via ReviewbuzzXiaomi (chino)

SanDisk anuncia novo pendrive USB Type C

by

pendrives_usbtypec-sandisk

A SanDisk anunciou na MWC 2016 o lançamento dos seus novos pendrives USB Type C. São os mais rápidos da empresa, com transferência de dados de 150 MB/s, aproveitando a interface USB 3.1.

A unidade é compatível com o aplicativo SanDisk Memory Zone para Android. O aplicativo, que está disponível gratuitamente na Google Play Store, é auto-iniciado após a inserção da unidade em um dispositivo compatível, permitindo acesso imediato ao conteúdo do usuário e fácil gerenciamento de arquivos.

O pendrive SanDisk Ultra USB Tipo C é o primeiro produto USB dedicado da empresa para dispositivos prontos para a tecnologia Tipo C. A nova unidade complementa o conjunto de soluções de memória flash USB Tipo C da empresa que abrange desde unidades Dual Drive USB a SSDs portáteis.

Os novos pendrives da SanDisk contam com design elegante, conector escamoteável e alto desempenho. Além do design de conector simétrico e reversível, esse pendrive possui garantia de uso de cinco anos pelo fabricante, e capacidades de 16, 32, 64 e 128 GB de armazenamento. Seus preços oficiais são de US$ 19, US$ 29, US$ 49 e US$ 79, respectivamente.

Não há previsão de lançamento para o Brasil.

Por que o Galaxy S7 apostou no microUSB e não no USB Type C?

by

galaxy-s7-usb

Os vazamentos indicavam que o Samsung Galaxy S7 e o Galaxy S7 Edge contaria com um conector USB Type-C. Porém, quando os dois smartphones foram anunciados, vimos que ambos permaneceram com uma porta microUSB.

Inicialmente, pode parecer estranho que um modelo top de linha que seria a referência no mercado mobile não integre uma das tecnologias mais relevantes do futuro. Logo… por que isso aconteceu?

A Samsung responde.

O conector USB Type-C possui vantagens evidentes, e não apenas centradas na possibilidade de acessar um conector reversível, mas também ao aproveitar os novos padrões USB (3.1 de primeira geração – 5 Gbps – e de segunda geração – 10 Gbps), ou por ser o potencial impulsor da tecnologia Thunderbolt 3. Vários fabricantes parecem ter claro que sua integração é fator obrigatório na nova leva de dispositivos: o LG G5 é um ecemplo disso. Também em outros dispositivos móveis e desktops que querem estar preparados para esse futuro, onde os conectores microUSB (e USB-A) estariam condenados a um lento desaparecimento.

Porém, será uma transição lenta, e um dos fatores é o que realmente afeta a USB Type-C nos dispositivos. Apesar do OnePlus 2, Nexus 5X e Nexus 6P contarem com essa conexão, eles o fazem com uma interface USB 2.0, limitando as possibilidades do conector.

 

O real motivo: compatibilidade com os acessórios

A Samsung não perdeu aqui configurações ao utilizarem o microUSB, e também não abriram mão do modo de recarga rápida no Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge. O USB Type C de segunda geração conta com melhoras nesse aspecto, mas o sistema de carga rápida dos coreanos faz com que esse aspecto não seja algo tão relevante nesse momento.

Já no caso dos acessórios, a Samsung acredita que o USB Type-C é interessante, mas não está no momento de ser integrado, pois o enorme número de acessórios atuais para a linha Galaxy S aproveita em grande média o conector microUSB. Ou seja, os coreanos preferiram dar uma surpresa desagradável aos usuários mais fiéis do que deixar um monte de gente sem poder usar os cabos e acessórios adquiridos nos últimos dois anos.

Aliás, um desses acessórios é justamente o Gear VR.

Samsung-Gear-VR

Os óculos de realidade virtual são um dos elementos diferenciais da proposta da Samsung, e ainda que a empresa não confirma, fica claro que torná-los incompatíveis com os novos Galaxy S7 e Galaxy S7 Edge era um tiro no pé. Ainda com o uso de um adaptador, parece que a Samsung entende que ainda não é o momento da presença do USB Type C.

E… quando será?

Ao que parece, provavelmente nos futuros Galaxy S8 e Galaxy S8 Edge, algo que a própria Samsung dá a entender quando comentam que muita gente esperava já essa integração no seu novo top de linha. Só não o fizeram porque “ainda não era o momento”, mas o farão na próxima atualização dessa família de smartphones.

Via Xataka

Sony USM-CA1, um pendrive USB 3.1 Type C

by

SonyUSB

A Sony anuncia o lançamento para o mês de fevereiro de um pendrive USB 3.1 Type C. A unidade de armazenamento removível Sony USM-CA1 possui suporte com a última versão da norma USB, a mais rápida e com o novo conector reversível.

O seu tamanho permite um simples e prático transporte, onde o usuário levar a unidade no bolso para qualquer lugar. O novo pendrive USB 3.1 da Sony permite o arquivo de cópias de segurança ou a troca de arquivos entre o computador e dispostiivos móveis em todas as plataformas. O Sony USM-CA1 oferece uma velocidade de transferência de dados de 130 Mbytes por segundo, e dois conectores (USB Type C e USB Type A).

Apesar de contarmos com uma considerável oferta de serviços de armazenamento de dados na nuvem, muitos usuários necessitam contar com sistemas de armazenamento físico, pelos mais diversos motivos. Seja pelo elevado volume de dados, seja por considerar esses dados muito importantes para confiar 100% na nuvem, soluções como esse novo pendrive da Somy são vem vindas. É um modo de armazenamento prático, portátil e com alto desempenho, já trabalhando com os novos padrões do mercado de conectividade.

O Sony USM-CA1 estará disponível a partir de fevereiro, em versões com capacidades de armazenamento de 16, 32 e 64 GB. Preços não foram revelados.

Via Sony

Dell UP3017Q UltraSharp, um monitor OLED 4K com USB Type-C

by

Dell UP3017Q UltraSharp

A Dell apresentou na CES 2016 o seu primeiro monitor OLED 4K com USB Type-C. O modelo Dell UP3017Q UltraSharp custa nada menos que US$ 5.000, tem 30 polegadas de tela e a já citada resolução de 3840 x 2160 pixels.

Esse novo monitor cobre 100% do espaço AdobeRGB (1.070 milhões de cores) e 97.8% DCI-P3 (adotado pela indústria do cinema), com o modo PremierColor calibrado de fábrica. Outro ponto forte é o tempo de resposta que essa OLED oferece, com um atraso de apenas 0.1 milissegundos, com um desempenho superior em diferentes testes (escala de cinza, motion blur, tc), que qualquer LCD, com um contraste de 400.000:1.

Outra coisa que define essa tecnologia é possibilidade de obter telas muito finas e mais estreitas. O UP3017Q não tem bordas tão chamativas, ajudando na sua estética. Por fim, o modelo conta com USB Type-C para vídeos, dados e recarga.

Dell UP3017Q UltraSharp chega ao mercado no dia 31 de março. Vale a pena repetir o preço sugerido do produto: US$ 5 mil!

ASUS MB169C+, um monitor que funciona via USB Type-C

by

asus-MB169C-plus

A ASUS apresentou na CES 2016 o seu primeiro monitor que funciona via USB Type-C, com funções de alimentação e transmissão de imagem ao mesmo tempo. O ASUS MB169C+ tem uma tela de 15.6 polegadas (Full HD), espessura de apenas 8.5 mm e peso de 800 gramas.

O monitor inclui uma tela IPS, o que ajuda na melhoria de representação das cores, com ângulos de visão mais amplos. Por funcionar apenas com um conector USB Type-C, o ASUS MB169C+ é pensado nos usuários que necessitam de um monitor adicional pequeno e leve para um deslocamento com frequência. Quem tem um Chromebook Pixel ou um MacBook de última geração (por exemplo) podem tirar proveito desse monitor.

A ASUS não informa quando este monitor estará disponível. Seu preço também não foi revelado.

Via Asus

Acer H7, o primeiro monitor com USB Type-C

by

Acer H7

A Acer apresentou na CES 2016 um novo monitor, o Acer H7, que é o primeiro do mercado a contar com uma porta USB Type-C.

Quando conectado com um dispositivo compatível, o Acer H7 auta não só como uma útil tela, mas também como carregador e hub USB, enquanto que as suas duas portas USB tradicionais permitem a conexão de um teclado, um mouse ou qualquer outro tipo de periférico.

O Acer H7 conta com uma resolução de 2560 x 1440 pixels, em tamanhos de 25 e 27 polegadas, contando com espaço para HDMI 2.0 e DisplayPort. Chegará ao mercado em fevereiro, com preço sugerido de US$ 499,99 (supostamente para o modelo de 25 polegadas).

Acer H7-03 Acer H7-02

Galaxy S7 terá uma tela sensível à pressão

by

galaxyedge-filtro

No eterno duelo entre as linhas Galaxy S e iPhone, um novo recurso entra em cena: a tela sensível à pressão.

A característica apresentada nos novos iPhone 6s e iPhone 6s Plus via 3D Touch pode desembarcar em breve no Galaxy S7. Assim garante o Wall Street Journal, que informa também que teremos uma nova versão “Edge” desse smartphone, da mesma forma como acontece com o atual Galaxy S6. E esse não é o único detalhe a ser revelado sobre o novo modelo top de linha da Samsung.

O WSJ também indica que o Galaxy S7 será muito parecido com o Galaxy S6, com uma câmera traseira melhorada que, felizmente, não terá a protuberância na parte traseira, buscando assim acomodar as lentes. Incluirá também portas USB Type-C com carga rápida e algumas versões do smartphone podem receber o escâner de retina, função que foi especulada já no Galaxy S5, mas que nunca se materializou.

Espera-se que o Samsung Galaxy S7 seja anunciado na Mobile World Congress 2016, no final de fevereiro, para uma comercialização no final de março ou começo de abril.

Via The VergeThe Wall Street Journal