Arquivo para a tag: tetris

Em Tel Aviv, temos torneios de Tetris em uma tela gigante

by

tetris-tel-aviv

Em Tel Aviv (Israel), foi feita uma bela homenagem ao jogo Tetris, ao mesmo tempo de oferecer diversão para os seus moradores enquanto visitam os pontos turísticos da cidade. Uma tela localizada em um dos principais edifícios da cidade foi utilizada para instalar um Tetris gigante e completamente funcional.

 

Uma boa forma de investir os impostos

 

tetris-tel-aviv-02

 

O edifício principal da cidade de Tel Aviv passou por uma reforma, que consistiu na instalação de uma tela de 3 mil metros quadrados, formada por 480 LEDs coloridos, que é usada principalmente para exibir avisos e publicidade. E com a inauguração da Festival de Inovação DLD, eles decidiram dar um ovo uso para a tela.

 

tetris-tel-aviv-03

 

Os organizadores do festival, em parceria com o governo da cidade, instalaram dois joysticks gigantes no meio da praça em frente ao prédio, que ficam conectados de forma sem fio em uma placa Arduino, que por sua vez conta com alguns jogos instalados, como Tetris, Snake e Pong. Os jogos são projetados na tela do edifício.

A ideia desse projeto é habilitar os jogos ao longo de um final de semana para promover o festival. Mas por conta do sucesso da ação e da grande participação dos seus moradores, o governo decidiu que em todas as noites de sexa-feira a cidade terá torneios públicos de Tetris.

É uma forma criativa e divertida de usar a tecnologia.

 

 

tetris-tel-aviv-04 tetris-tel-aviv-05

Via Digital Trends

Vem aí o filme do Tetris

by

tetris

Vem aí mais um filme pensado nos geeks mais convictos ou veteranos, e dessa vez não é um projeto qualquer. Se trata de um filme baseado no videogame Tetris.

É difícil de imaginar um motivo para a existência de um filme baseado em cubos com diferentes formatos que caem do nada, e que precisam ser encaixados para serem eliminados. Mas a sua produtora, a Threshold Entertainment, entende que esse é um argumento suficiente para investir até US$ 80 milhões no projeto.

Está envolvido nessa iniciativa Larry Kasanoff (do filme Mortal Kombat, de 1995), que poderia começar a desenvolver o filme em 2017, escolhendo a China como país para as filmagens, contando inclusive com um elenco de atores asiáticos. Kasanoff está tão seguro das possibilidades de Tetris virar um filme, que confessou para o site Deadline que acredita que o potencial é bom o suficiente para criar uma trilogia (???).

“Seria uma surpresa genial”, declarou o produtor cinematográfico depois de afirmar que o filme não será como todos imaginamos. Vale lembrar que, em 1994, também foi levantada a possibilidade de um filme com esse tema, e o mesmo Larry Kasanoff asegurava na época que Tetris era apenas “a pequena ponta de um iceberg” com significado “intergalático”. Seja lá o que isso quer dizer.

Recentemente, foi anunciado que os clássicos da Atari ‘Missle Command’ e ‘Centopéia’ terão seus próprios filmes, e essa história de levar para o cinema os videogames com um pouco história narrativa como pano de fundo está na moda. Agora… uma trilogia do Tetris? Aí é forçar demais a amizade, não?

Depois reclamam quando eu afirmo que a criatividade no cinema e na TV está morta e enterrada…

Via Ars TechnicaDeadline

Jogar Tetris pode ajudar a bloquear lembranças traumáticas

by

tetris

O game Tetris completou recentemente 30 anos de vida, e segue como um dos ícones da cultura pop mais reconhecíveis do mundo. Mas o jogo puzzle ainda pode nos oferecer algumas surpresas e utilidades, muito além dos videogames.

A notícia de hoje é uma prova disso. Jogar uma partida do jogo criado por Alexey Pajtinov pode ajudar a bloquear lembranças traumáticas e reduzir o risco de transtornos do estresse pós traumático. Quem informa é o NewScientist, através de dados do estudo do Conselho de Investigação Médica de Cognição e Ciências do Cérebro de Cambridge (Reino Unido).

Eles submeteram 52 voluntários à visualização de vídeos angustiantes, e no disa seguinte, separou essas pessoas em dois grupos: o primeiro simplesmente ficou sentada, esperando em silêncio, enquanto que o segundo grupo ficou com imagens fixas para reativar as lembranças do vídeo. Depois disso, esse segundo grupo jogou 12 minutos de Tetris.

Uma semana depois, as pessoas que jogaram o game tiveram 51% a menos de lembranças intrusivas relacionadas com o vídeo, além de uma melhor pontuação no teste utilizado para detectar o transtorno por estresse pós traumático.

Jogos como Tetris, Candy Crush e outros exigem um processamento visual exigente, o que favoreceria ao ‘bloqueio cognitivo, diminuindo a resistência do componente visual de uma memória traumatizada enquanto a mente está maleável’, o que acontece de um modo geral um pouco depois do trauma ter passado. O sujeito se lembra de tudo, mas as imagens mais vívidas se ativariam em menor grau.

Obviamente, o experimento não deixa de ser um teste de laboratório. Mas não é a primeira vez que os videogames são mencionados como uma possível terapia.

Agora, seja um bom menino e mostre este post para a sua mãe. De nada.

Via NewScientist

E o Tetris completa 30 anos de vida

by

tetris

E temos o aniversário de um dos jogos mais famosos e emblemáticos da história: Tetris. O conhecido puzzle, originalmente desenvolvido por Aleskéi Pázhitnov, foi lançado em 6 de junho de 1984 na União Soviética, e desde então foi um dos jogos mais difundidos e jogados de todos os tempos. Apenas na versão para o Game Boy lançada em 1989, foram vendidas mais de 33 milhões de cópias.

Hoje, o jogo está disponível para praticamente qualquer plataforma, e segue sendo tão viciante e carismático como antes. Assim, não poderia terminar o dia de hoje sem desejar os votos de parabéns (além do vídeo no final desse post), e agradecer as várias e várias horas de entretenimento oferecido com sua simples, porém, genial mecânica de jogo.

Parabéns pelos 30 anos, Tetris!

Via Wikipedia

Um dos cartuchos mais raros do NES está em leilão no eBay

by

cartucho

O que você está vendo na foto acima pode ser considerada uma relíquia histórica dos videogames. Nesse cartucho, está uma compilação de jogos clássicos do NES (Super Mario Bros, Rad Racer e Tetris), que foi produzida nos Estados Unidos, como parte do evento Nintendo World Championships, que desafiava gamers na década de 1990 a completar vários níveis em menos de sete minutos.

Pois bem, apenas 116 unidades desse cartucho foram produzidas e distribuídas entre os finalistas e vencedores do campeonato. E isso o transforma em um dos cartuchos mais exclusivos da história da Nintendo. E uma unidade desse cartucho está à venda no eBay.

O cartucho está no estado que você pode ver, e conta com o seu interruptor de troca de ROMs, e uma etiqueta pobremente colada (na falta de uma cola de verdade), o que certamente reduz significativamente o seu valor comercial. Mesmo assim, isso não quer dizer que o cartucho vai custar barato para o comprador.

Por conta de sua baixíssima difusão e importância histórica, o Nintendo World Championships tem um preço inicial de venda de US$ 5 mil. Uma cópia conservada teria o valor de US$ 11.500 (um colecionador pagou esse preço em 2011), mas quem garante que não vai aparecer um louco (que também seria chamado de investidor, nesse caso), com mais dinheiro que senso comum para arrematar essa verdadeira relíquia?

Via Wired, eBay

Uma cópia rara do game Tetris para Mega Drive, autografada pelo seu criador, pode ser comprada no eBay por US$ 1 milhão

by

Você bem sabe que toda edição de colecionador, limitada ou exclusiva valoriza o preço de qualquer produto do mercado, mas quando se trata de um produto fora de catálogo, em perfeito estado, e autografado pelo seu criador, então temos algo que poderia (ou não) ser vendido por 1 milhão de dólares. Talvez foi com esse pensamento em mente que um usuário espanhol comprou em 2007 o jogo Tetris para Mega Drive, e conseguiu que, em 2008, Alekséi Pázhitnov, o criador do jogo, autografasse essa cópia japonesa. Agora, o gamer coloca o cartucho à venda no eBay, com um preço de US$ 1 milhão.

E você? Quer pagar quanto? Será que um jogo raro e autografado vale tanto assim?

via CNET

Tetris 3D com realidade aumentada, graças ao Kinect e um Wiimote (com vídeo)

by

Alguns clássicos não morrem, e se reinventam constantemente. Um estudante do Trinity College de Dublin colocou os seus conhecimentos de C#, XNA e OpenNI em prática para criar um aplicativo de Tetris 3D com realidade aumentada, que funciona com Kinect e um Wiimote. A maior parte do serviço é feito pelo Kinect, que permite que o usuário gire o tabuleiro do jogo, aplique zoom e mova cada uma das peças, enquanto que o Wiimote é utilizado para girar as peças. Abaixo, vídeo que demonstra na prática o jogo.

via PCWorld