Arquivo para a tag: SteveWozniak

Steve Wozniak esclarece: “nunca critiquei os novos iPads”

by

Wozzzz-540x360.jpeg

Steve Wozniak não tem papas na língua, e por conta disso, as suas declarações sobre o mundo da tecnologia (e, por tabela, os últimos lançamentos da Apple) sempre são muito atraentes. Porém, o pessoal lá em Cupertino já deve estar mais do que vacinado para o fato que, a cada vez que ele se posiciona sobre um assunto envolvendo a Apple, deve se preparar para qualquer coisa. Tal como aconteceu após as suas últimas declarações sobre os novos iPads. E na opinião de Woz, ele não foi bem compreendido.

Como Woz falou o que passou pela cabeça de forma imediata (apenas para lembrar: “não gostei dos novos iPads; quero um iPad de 256 GB”), ele precisou procurar novamente a imprensa para esclarecer melhor o seu posicionamento. E, historicamente, esta não é (nem de longe) a primeira vez que ele faz isso. O problema é que, dessa vez, ele se envolveu em uma polêmica até de forma involuntária.

Na ocasião que  afirmou querer um iPad com capacidade de armazenamento maior, Woz justificou a escolha afirmando que ele não contava com uma conexão de banda larga em casa, e trazia todos os seus filmes e séries armazenados no iPad. Por conta disso, ele afirmou querer um iPad de 256 GB de armazenamento, e essa afirmação correu com uma velocidade assustadora entre os sites especializados, até com tom de espanto. E muitos interpretaram que Woz estaria criticando os novos iPads.

Em uma nova declaração neste final de semana, Steve Wozniak esclarece sua posição sobre os novos tablets. “Eu nunca critiquei os novos iPads. Só afirmei que não adquirir os novos produtos dessa vez”, sentenciou o co-fundador da Apple, em um tom definitivo.

Bom… estamos conversados?

Via A New Domain, The Next Web

Steve Wozniak coprotagoniza um jogo de ação para iOS com Danny Trejo

by

Steve Wozniak mais uma vez coloca um sorriso na boca dos nerds. Se bem que, ultimamente, ele tem causado a ira dos fãs mais fervorosos da Apple com suas polêmicas declarações (falaremos disso mais para frente aqui no blog…), mas depois de participar do Dancing with the Stars, jogar polo usando um Segway e ficar em todas as filas de lançamento de produtos da Apple tranquilamente, o cofundador da empresa criadora do iPhone surpreende de novo, sendo coprotagonista de um jogo de ação para o iOS.

Ele aparece ao lado de Danny Trejo no jogo Danny’s Trejo Vengeance (Woz With a Coz), que conta a história onde Woz deve resgatar a sua esposa, contando com a inestimável ajuda de Trejo, e eliminando os inimigos com armas de todos os tipos. Para o jogo ficar fiel à sua proposta, Wozniak e sua esposa se ofereceram como voluntários para o desenvolvimento do título, emprestando a sua própria voz nas sequências do jogo.

O game será lançado em algumas semanas, mas se você quiser saber mais detalhes sobre o projeto, visite a página oficial do jogo no Facebook.

Steve Wozniak prevê “problemas terríveis” na proliferação da nuvem

by

Todo mundo tem um canto no nosso coração para receber as mensagens e declarações de Steve Wozniak, o melhor amigo que todo geek gostaria de ter. E a cada vez que o co-fundador da Apple abre a boca, vale a pena prestar atenção, mesmo que seja para depois achar a declaração um tanto quanto estranha.

Dessa vez, ele não perdeu a oportunidade de mais uma vez se esquivar do sábio conselho de “contar até dez antes de abrir a boca”, e afirmou que podemos ter “terríveis problemas” vindos do uso dos serviços na nuvem. Fato é que a Apple recebeu tais declarações como um jarro de água gelada na cabeça, uma vez que a empresa de Cupertino aposta de forma sólida no iCloud.

As incendiárias declarações de Woz aconteceram em Washington, onde o nosso atípico amigo disse: “Estou seriamente preocupado com o que está acontecendo com a nuvem. Vai ser algo horrível, vamos ter muitos problemas com isso nos próximos cinco anos”. Na opinião de Wozniak, se você armazena as suas informações na nuvem, você deixa de ser o proprietário da mesma.”Eu quero sentir que sou dono de minhas coisas, e quanto mais compartilhamos informações na nuvem, mais perdemos o controle desse conteúdo”, sentenciou.

Woz não deixa de ter a sua dose de razão. Por exemplo, uma frase que você publica no Twitter: você sabe que ela é sua, mas o que impede que outra pessoa use essa frase de forma deturpada, ou até mesmo afirmando que você copiou a frase daquela pessoa? Mais: quando você publica uma foto no Instagram, como você pode controlar que outra pessoa utilize essa foto de forma negativa.

Por outro lado, acho que é preciso analisar caso a caso. Não acredito em um futuro apocalíptico como Woz, mas é importante que os serviços na nuvem deixem regras claras e tenha uma infraestrutura minimamente sólida para que, em casos de desastres tecnológicos, o usuário tenha como resgatar os seus dados da forma menos traumática possível. Mas jamais ignorem as declarações de Woz. Vai que ele está certo?

Via Yahoo

Steve Wozniak leva em sua mochila US$ 25 mil em gadgets! E a inveja me corrói nesse momento…

by

Se você se surpreende em ver Steve Wozniak calmamente nas longas filas dos lançamentos da Apple, passeando com o seu Segway, elogiando os benefícios de outras plataformas, e participando do Dancing With The Stars, você precisa rever os seus conceitos. E com urgência. Steve Wozniak é assim. Um homem tranquilo, comum, e que em nenhum momento deixou o seu histórico na Apple subir à cabeça.

Mas existe um ponto que todo bom geek vai invejar no co-fundador da Apple: o conteúdo que ele carrega em sua mochila. Ao responder essa clássica pergunta, Woz removeu todo o seu arsenal de gadgets que ele leva em cada viagem e que, segundo ele, faz parte do seu dia a dia tecnológico. E a lista é invejável. Alguns itens do grupo de produtos: um MacBook Pro, dois iPads, 2 iPod Nano, 3 iPhones 4S, um iPhone 4, um carregador Mophie, um alto-falantes Jambox, um Galaxy Nexus, um Motorola Drod RAZR, entre outros dispositivos dos mais caros.

Todo o equipamento alcança os surpreendentes 22 quilos de peso, e o valor estimado em US$ 25 mil! A lista completa, você confere aqui. E, por favor, tente segurar a inveja. Esse não é um sentimento bom.

[Vídeo] Steve Wozniak, o primeiro da fila para a compra do novo iPad em Los Angeles

by

Já sabemos que Steve Wozniak, co-fundador da Apple, é um personagem atípico, que não mede palavras em suas controvertidas declarações, que possui comportamento excêntrico, e que até vira dançarino na tela da TV. Mas uma das coisas que melhor define o nosso amigo Woz é a sua paixão por estar perto das pessoas: ele adora ficar próximo aos demais usuários, e é comum vê-lo em filas que se formam para os lançamentos dos novos produtos da Apple.

Logo, nem chega a ser surpresa saber que o primeiro da fila para o lançamento do novo tablet da Apple em um centro comercial de Los Angeles é justamente… Steve Wozniak. Bom, para ser mais exato, o segundo. O próprio Woz afirmou que “como a primeira da fila é a minha esposa, eu sou o segundo”. O casal parecia animado com a ideia de ficar uma madrugada inteira na fila: “é como um ritual. Eu quero ser como as pessoas reais, passando toda a noite na fila”, diz Wozniak.

Vídeo abaixo.

Via Mashable

Steve Wozniak: “Gostaria que o iPhone fizesse coisas que o Android faz”

by

Um notebook, alguns minutos e uma pergunta lançada ao ar. É tudo o que Steve Wozniak precisa para provocar um incêndio, com declarações de todo e qualquer tipo. Se você se lembra, ele se entusiasmou tanto com o Palm Pre, que chegou ao ponto de recomendar a sua compra.

Dessa vez, o co-fundador da Apple fala sobre o iPhone e o seu grande rival, o Android. Sobre o smartphone da Apple, Woz considera o produto o melhor do mercado, mas afirmou que “gostaria que ele fizesse as coisas que faz o meu Android”.

A que se refere exatamente o nosso amigo Wozniak? Comandos de voz, que funcionam melhor na plataforma do Google? Bom, de qualquer forma, Woz continua dando a entender que o iPhone é mais simples de usar, mas se você quer se aprofundar um pouco mais sobre o funcionamento de um smartphone, “você tem mais possibilidades em um Android”.

Via The Daily Beast