Arquivo para a tag: software livre

Snowden: sem o software livre não teríamos a verdade

by

snowden-software-livre

“O que aconteceu em 2013 não teria sido possível sem o software livre”, garante Edward Snowden sobre as revelações que expuseram os programas de espionagem da NSA, que resultaram em um dos maiores escândalos da atualidade.

O ex-funcionário da CIA e NSA, em videoconferência direto da Rússia onde se encontra refugiado, participou do evento LibrePlanet 2016, programado pela Fundação para o Software Livre, e deixou informações interessantes sobre seus vazamentos. Snowden indicou sua preferência pelo software de código aberto, usando Tor, Tails e Debian. Programas que, na sua opinião, ajudaram os usuários a assumir o controle de sua privacidade e segurança.

Também explica que não utilizou softwares da Microsoft, já que “não poderia estar seguro” que não haveria portas traseiras integradas. Snowden apoia a Apple por sua postura conta o FBI, mas afirma que as empresas de tecnologia, de um modo geral, não estavam fazendo o suficiente para garantir a privacidade dos usuários, e coloca como exemplo a “boa disposição” de muitas das gigantes da tecnologia em entregar os dados para o governo.

Snowden considerou vital a manutenção da criptografia, mas também é preciso ter programas para corrigir rapidamente as vulnerabilidades, o meio mais utilizado para ataques contra a segurança e privacidade.

Snowden tem uma permissão de residência de três anos na Rússia e solicitou asilo político em vários países. Os Estados Unidos o acusa de espionar e publicar documentos classificados como confidenciais sobre vários programas da NSA, incluindo os de vigilância massiva PRISM, que contempla o acesso aos servidores centrais de nove grandes empresas norte-americanas: Microsoft Corp, Yahoo Inc, Google Inc, Facebook Inc, PalTalk, AOL Inc, Skype, YouTube e Apple Inc.

Via LibrePlanet 2016

Purism Librem: o notebook ideal para quem é fã do software livre

by

purism-librem

O Purism Librem 15 é um notebook com tela de 15.6 polegadas, que lembra um MacBook Air no seu design, mas se diferencia por contar com um hardware e software Open Source. O produto só possui o firmware da Intel como componente proprietário, e suas configurações incluem um sistema operacional em software livre e várias licenças abertas no hardware.

O notebook possui um processador Intel Core i7-4712MQ, GPU NVIDIA GT840M, 4 GB de RAM, 500 GB de disco rígido (com opção em SSD) e uma unidade de CD/DVD. O produto ainda conta com três portas USB 3.0, porta HDMI, slot SDXC e entrada RJ-45, além de suporte ao WiFi 802.11n, webcam frontal 720, saída de áudio HD e teclado retro-iluminado.

O sistema operacional é o Trisquel, uma conhecida distribuição Linux derivada do Ubuntu, que foi defendida por Richard M. Stallman – defensor acérrimo do software livre. Essa é uma das poucas distribuições qualificadas como ‘livres’ pela Free Software Foundation, que ‘homologa’ distribuições sem blobs binários nem componentes proprietários. Essa escolha como sistema operacional se soma à integração do Tor pré-instalado e pré-habilitado como padrão, de forma que o anonimato de cada usuário trate de se proteger por conta desse serviço.

Os responsáveis desse projeto estão buscando financiamento para colocar esse notebook no mercado, com preço inicial sugerido de US$ 1.449. As primeiras unidades chegarão em abril de 2015, e o objetivo desse portátil é ‘restabelecer o direito dos usuários à liberdade e a privacidade’.

 

Via Ars TechnicaPurism Librem 15 em CrowdSupplyPurism