Arquivo para a tag: robô

LG Roboking Triple Eye: um robô aspirador com modo de primeira pessoa

by

Se você pensava que o mundinho das aspiradoras automáticas só tinham avanços na sua potência de aspiração, você se enganou. A LG apresentou a VR6180VMNC, que provavelmente é o robô aspirador mais completo do mercado, já que além de controlar o pó e a sujeira de seu solo, ele incorpora 3 câmeras de vídeo que permite que você veja o que está acontecendo na limpeza de sua casa, enviando as imagens para um PC ou smartphone.

A conexão acontece via WiFi, e o produto conta com 51 sensores, para evitar todo o tipo de obstáculos, escadas e paredes. Por enquanto, o produto não tem preço, mas se levarmos em conta o preço desse tipo de robô, contar com 3 câmeras integradas não vai torná-lo mais barato que os demais.

via Akihabara News

CanBot, o adorável robô-cerveja

by

Cerveja e robôs. Uma combinação que é a paixão de Ron Tajima, criador desse transformer. O nome do robô é CanBot, e foi fabricado usando uma simples lata de cerveja, que esconde três pequenas patas que são controladas por um Wiimote. O objetivo do invento? Assustar as visitas que estão desprevenidas em sua casa. Vídeo abaixo.

via GetRobo

Um robô que resolve o cubo mágico em 10,69 segundos. E ainda é mais lento que os humanos

by

Na complexa resolução do Cubo de Rubik (ou Cubo Mágico), temos aqui um grupo de estudantes da Universidade de Tecnologia de Swinburne, que garantem que o seu robô é o mais rápido nessa função. O nome do robô se chama Ruby é capaz de resolver o cubo em apenas 10,69 segundos (incluindo o tempo que ele leva analisando o cubo).

Para alcançar a marca, o robô escaneia o cubo com uma webcam, e um software processa as possíveis soluções através da análise da imagem. Segundo os seus desenvolvedores, o Ruby supera a marca anterior, que era de 18,2 segundos. Só que vale o registro que ele é o mais rápido entre os robôs, pois entre os humanos, o recorde é de 6,24 segundos, que pertence à um jovem de 16 anos de idade. Abaixo, dois vídeos que mostram o robô e o humano em ação.


via PhySorg

Luna, um robô de companhia que você poderá comprar um dia

by

Esse não é um protótipo, nem fruto de um experimento. O Luna já está disponível para compra, se você assim entender que ele pode ir para a sua casa. O robô de telepresença de 1,5 metro de altura tem preço de US$ 1.000, e foi fabricado pela RoboDynamics.

O robô chega com sua própria loja de aplicativos, e oito “Luna Expansion Ports” (ou portas USB) e uma Luna CloudNet, onde esperamos que aplicativos de terceiros adicionem novas funcionalidades ao robô. O Luna chega com vários “packs de personalidade” e incorpora uma tela touch de 8″, duas câmeras, conectividade sem fio, microfone e uma séire de sensores. Um detalhe: o robô é portátil, de modo que você pode levar o seu novo amigo nas suas férias.

via Schultzeworks

HECTOR, o robô-inseto muito estranho

by

Sabemos que ler na mesma frase as palavras “robô” e “inseto” indica que vamos ver um bicho não muito agradável. Logo, um grupo de estudantes da universidade alemã de Bielfeld conseguiram criar um inseto de 6 patas, que até parece simpático, mas é bem estranho. O HECTOR tem 18 juntas no total, e é construído em torno de um exoesqueleto fabricado em fibra de carbono, reforçado com plástico. Seus movimentos são realizados por uma série de algoritmos, e ele pode transportar até 30 kg de peso (o robô pesa 12 kg). Abaixo, temos um vídeo que tenta demonstrar o projeto (uma vez que tem muito falatório e pouco movimento).



via Gizmag

Polaris 9300xi: um robô teleguiado que cuida da sua piscina

by

Para aqueles que não se preocuparam em cuidar da piscina durante o inverno, apresentamos esse robô aquático, o Polaris 9300xi. Ele literalmente submerge na água e se encarrega de limpar o fundo da piscina, recolhendo toda a poeira e sujeira existentes.

Além disso, o pequeno robô é capaz de subir pelas paredes, realizando uma limpeza completa. Melhor do que você mesmo faria com a piscina vazia, e inclusive contando com um controle remoto para controlar o robô em momentos que desejamos fazer uma limpeza mais completa. O problema do produto é o seu preço, de US$ 1.450.



via Polaris Pools

Qatar pensa em robôs gigantes que flutuam para reduzir a temperatura durante a Copa do Mundo de 2022

by

Muito se fala dos problemas que as altas temperaturas do Qatar poderiam causar durante a Copa do Mundo de 2022, mas parece que as autoridades do país estão encontrando uma solução bem tecnológica para o assunto. Enquanto que nós cobrimos os estádios e instalamos grandes sistemas de ar-condicionado, o Dr. Saud Abdul Ghani, da Universidade do Qatar propôs construir robôs gigantes que voam, que ofereceriam sombra o suficiente para proteger espectadores e jogadores do intenso sol que vai atacar os estádios do país. Os robôs se movimentariam lentamente, poderiam ser manipulado spor controle remoto, e construídos de componentes de fibra de carbono. O preço da brincadeira? US$ 500 milhões, e isso de foram inicial. Mas dinheiro para o Qatar não é problema… mas seria mais barato cobrir os estádios e refrigerá-los… ou realizar o Mundial no inverno… enfim…

via CNN

Samsung TangoView: robô aspirador com câmera de vigilância integrada

by

O novo robô aspirador da Samsung incorpora novas funções em relação ao modelo anterior, o NaviBoot. O TangoView se destaca principalmente pela incorporação de conectividade WiFi, uma característica que, em combinação com a filmadora digital integrada, vai permitir a transmissão remota de tudo o que o pequeno limpador está vendo, podendo ver ao vivo como a nossa casa é limpa, com transmissão pelo PC, telefone ou tablets da empresa. Preço: US$ 705.

via Samsung

Elfoid: protótipo de telefone com forma humana que gesticula. Isso dá medo! (e temos vídeo disso)

by

Justo quando conseguimos tirar da nossa mente a  imagem do robô de telepresença Telenoid, um novo candidato a frequentar nossos pesadelos aparece. Abaixo, você vai ver um vídeo do Elfoid, um protótipo de telefone celular desenvolvido pela Universidade de Osaka e a NTT DoCoMo. O motivo de ser uma criação grotesca é que, além do fato do telefone contar com uma forma quase-humana, é que ele oferece ao interlocutor uma certa sensação de presença, uma vez que ele gesticula enquanto a voz da pessoa do outro lado da linha é emitida pelos falantes do aparelho. Você acha isso pouco? Pois saiba que os desenvolvedores afirmam que, se você guardar o produto no bolso, ele fará cócegas pra gente dormir (e ter pesadelos com isso). Bom, veja o vídeo abaixo e tire suas próprias conclusões.

via News.com.au

Mega Hurtz, um robô para suas partidas de paintball

by

Toda partida de paintball é divertida. Mas, tudo o que é legal, pode ficar ainda melhor! O que você vê acima é o Mega Hurtz, um robô reforçado, desenvolvido por Chris Rogers, que será o terror dos seus adversários, uma vez que conta com visão noturna, sensor de calor e plataforma para armas personalizada.

Falando da parte bélica do produto, o invento é capaz de disparar até 20 balas por segundo, inclinando-se tanto na vertical como na horizontal. Mas, se isso tudo é pouco para você, o lote fica completo com um controle remoto que mostra ao usuário aquilo que o robô está vendo, dando uma perspectiva do cenário local, além de lhe oferecer uma melhor pontaria. Legal, não? Veja o vídeo do robô em ação logo abaixo.



via Kickstarter

George, um robô de 60 anos que nos transporta para outra época

by

Vamos apresentar para vocês o George, um robô magro, de 1m80 de altura, e fabricado na década de 50, com os restos de um bombardeiro. Nosso amigo aqui é controlado à distância, e é obra de Tony Sale (sim, amigos… quase Tony Stark), que decidiu reativar o velho amigo, que estava parado há 45 anos. Um pouco de óleo aqui, uma troca de baterias ali, alguns poucos ajustes, e tudo pronto para que o nosso amigo robô voltasse à vida de forma plena. Agora, George terá uma nova casa: o National Museum of Computing, em Buckinghamshire, Reino Unido. Abaixo, vídeo de Tony e George, criador e criatura. Tecnologia para você se emocionar no final do ano.

Fonte

DARwIn-OP é um humanóide caseiro com alma de open source

by

O DarwIn-OP é a nova geração dos já conhecidos robôs Robotis e RoMeLa (que vieram da universidade de Virginia Tech) está para ser lançado, de modo que as primeiras imagens não iriam demorar a aparecer. O que temos é um novo robô, completamente operável, que conta com sensores e servomotores “recicláveis” em modelos muito mais sofisticados do que os anteriores.

Mas a grande novidade é que este robô é desenvolvido com código aberto, logo, pode ser personalizado tanto no seu hardware quanto no seu software. O robô pode ser adquirido através da Robotis, e os seus arquivos CAD estão disponíveis para download público, para que você possa construir o seu próprio modelo com a ajuda de uma impressora 3D (se você tiver uma, é claro). Seu preço estimado é de US$ 8.000.

Fonte

Wheeme é um robô que vai aliviar a dor de suas costas, enquanto passeia por elas

by

Um grupo de engenheiros eletrônicos e ex-militares se uniram para criar um robô que, com toda sinceridade, era algo que não se esperava muito que desse certo. Se trata de um simpático massagista que foi batizado de Wheeme.

Segundo o que se pode ler na própria página web do produto, o Wheeme chega para atender a “crescente demanda de produtos inteligentes que ajudam a relaxar as pessoas”. O robô conta com quatro rodas emborrachadas, que faz as vezes de função motriz, ao mesmo tempo que massageia suas costas. O Wheeme conta com um sensor de inclinação, que evita que ele caia das costas do paciente ou perca tração quando encontrar um morro nas costas da pessoa. O produto começa a ser vendido no começo do ano que vem, por um preço de US$ 49, mas já pode ser reservado na página web do fabricante. Abaixo, vídeo demonstrando o produto.

Fonte

Um robô salva vidas vigia as praias de Malibu. E salva vidas

by

Não sabemos direito o que David Hasselhoff pensa sobre o assunto, mas temos aqui um rival a altura no quesito vigilante de praia. Simplesmente é um robô que tem o nome de Emily (acrônimo de Emergency Integrated Lifesaving Lanyard), que é uma plataforma conduzida via controle remoto, e que conta com diversas vantagens sobre David Hasselhoff: é duas vezes mais rápido na água (alcança velocidades de até 38 hm/h), não fica cansado, e o mais importante: pode ir ao mar em qualquer situação que o mar se apresente.

Seu proprietário é o inventor Tony Mulligan, que levou vinte dias para desenvolver o seu primeiro protótipo. Agora, ele busca o dinheiro para continuar a desenvolver o produto. O Emily funciona com energia elétrica, e tem autonomia de carga para até 128 km de uso. O robô ainda conta com alto falante e microfone para “conversar” com o resgatado, e controlar as situações de pânico. Esperamos que ele um dia chegue ao mercado, pois a ideia, pelo menos a princípio, é bem sacada.

Fonte

O “ursinho social” da Fujitsu fará companhia pra você (ou não…)

by

Vamos lá. De um lado, temos a Fujitsu. De outro, um robô em forma de ursinho de pelúcia. No meio do caminho, um dono solitário com vontade de fazer amigos. Mesmo que esses amigos sejam movidos a pilha. Bom, o ursinho existe e conta com um pacote tecnológico para deleito do usuário: no seu nariz, temos uma webcam escondida, para olhar você. O urso ri, diz “olá” com sua pata, e em um determinado momento, decide que é uma hora perfeita para tirar um cochilo. E aí, te abandona.

O robô é programado para executar até 300 ações, graças ao seus pontos de ação (três no rosto, três no pescoço e seis ao longo do corpo), além de contar com três sensores táteis na sua pele, para detectar quando ele é “acariciado” pelo seu dono. Também conta com um sensor de movimento e um microfone. Não há informações de quando ele chegará ao mercado, nem quanto vai custar.

Fonte