Arquivo para a tag: playstation 4

PS VR Aim Controller promete máxima precisão nos seus jogos shooter

by

PS VR Aim Controller

O PlayStation VR não será o único acessório para o PS4 que chega ao mercado no segundo semestre. A Sony apresentou na E3 2016 o PS VR Aim Controller, um curioso acessório pensado nos jogos de disparo em realidade virtual.

O produto foi especialmente criado para se transformar no seu companheiro inseparável em jogos como Fairpoint. O PS VR Aim Controller recorre em partes ao argumento de ser um “adaptado de disparo” do PlayStation Move e do Sharp Shooter para oferecer um periférico que promete a máxima precisão dos seus movimentos e disparos, com uma experiência 100% realista.

Fairpoint é um jogo de realidade virtual exclusivo do PlayStation, desenvolvido pela Impulse Gear, que garante oferecer coisas “que simplesmente não são possíveis em um jogo FPS padrão”. Para que você tenha uma ideia melhor sobre as possibilidades do jogo, veja o trailer a seguir e mais imagens do jogo.

27624253686_b96170f09f_z 27624251596_809c6415d6_z 27380854470_c9bd5e90e9_z

Via PlayStation

O Linux no PS4 já é uma realidade

by

linux-ps4-01

Em dezembro de 2015, ficamos sabendo que um hacker teria conseguido realizar o ‘jailbreak’ do PS4, o que abriria a porta para executar códigos de todos os tipos em um dispositivo que até então era impenetrável. Agora, sabemos que o hacker kR105, um dos que investigaram o assunto desde que o CTurt publicou sua descoberta inicial, conseguiu publicar um exploit totalmente operacional, que permite a inicialização do Linux no PlayStation 4, com a ajuda da ferramenta PS4-Playground.

Os usuários que contam com um PS4 com o firmware 1.76 estão aptos a aplicar esse método. Ainda que o código tenha aparecido a poucos dias, só agora foi comprovado sua eficácia sem problemas. Para testar o sistema, é necessário uma unidade USB formatada em FAT32 e conectada a qualquer uma das portas USB do PS4.

linux-ps4-02

Nessa unidade, precisamos introduzir dois arquivos (bzImage e initramsfs.cpio.gz), que são os que iniciam o processo de carga do sistema Linux básico, que ainda que não contemos com uma interface de desktop para o o uso, podemos acessar um console Linux convencional, onde é possível introduzir comandos.

É mais que provável que, a partir daqui, apareçam novas opções que aproveitem do exploit, mas o que parece inviável é poder usar o console para rodar cópias falsificadas dos jogos do PS4. O que aparece como possibilidade (entre outras coisas) são os emuladores que permitem aproveitar o PS4 para rodar jogos de outras plataformas sem problemas.

Via The RegisterWololo.net

Remote Play está disponível: jogue o PS4 no PC ou Mac

by

remote-play-pc

Depois de ficar um mês em fase beta, a atualização 3.5 para o PS4 chega hoje (6), e traz como principal novidade a nova função conhecida como Remote Play, que permite rodar os jogos do PS4 no PC ou Mac via streaming direto.

Na prática, o jogo não roda no seu computador, que vai atuar como um mero receptor do sinal do PS4, que segue funcionando em outro cômodo de sua resiência, ou no mesmo cômodo, se você assim preferir. Para poder desfrutar dessa característica, é necessário atualizar o firmware, além de instalar um software específico para PC e Mac que a Sony vai disponibilizar.

Dependendo da velocidade de conexão de internet que você possui, é possível ajustar diferentes resoluções e taxas de FPS no nosso computador. Estas são as opções oficialmente confirmadas:

– Resoluções: 360p, 540p e 720p
– Resolução padrão: 540p
– Frames por segundo: 30 FPS, 60 FPS
– Taxa de frames padrão: 30 FPS

Sobre os requisitos mínimos do computador, ele deve contar com Windows 8.1 ou superior, OS X 10.10 ou superior, e tudo pode ser controlado pelo DualShock 4 conectado através de uma porta USB.

A seguir, um vídeo que resume as principais novidades da firmware 3.5 do PS4.

 

ViaPC Advisor, Blog PlayStation

Mortal Kombat XL chega ao Brasil em março

by

Mortal Kombat XL

A Warner Bros. Interactive Entertainment anuncia hoje Mortal Kombat XL, a experiência definitiva do multipremiado videogame Mortal Kombat X, que se tornou o jogo mais vendido na história da franquia e ganhou o prêmio de Melhor Jogo de Luta pelo The Game Awards 2015.

Desenvolvido pela NetherRealm Studios,Mortal Kombat XL estará disponível digitalmente a partir de 1 de março para PlayStation 4 e Xbox One. A versão física em disco chegará às lojas do Brasil no dia 7 de abril. O jogo chega totalmente localizado em português, com dublagem e legendas em português.

Mortal Kombat XL oferece a experiência final de Mortal Kombat X que inclui o jogo principal e todo o conteúdo que estará disponível no Kombat Pack 2:

  • Os novos lutadores que estarão disponíveis como Xenomorph de Alien, Leatherface da série de filmes de horror O Massacre da Serra Elétrica, Triborg e Bo’Rai Cho;
  • O inédito Pacote Apocalypse;
  • Conteúdo previamente lançado como o Goro, Pacote Brasil, Pacote da Guerra Fria e Kold War Scorpion.

Também incluído em Mortal Kombat XL está o conteúdo que foi previamente lançado por download do Kombat Pack original:

  • Os lutadores Predador, Jason Voorhees, Tremor e Tanya, sendo que cada um acompanha três skins diferentes;
  • Pacote Samurai;

Mortal Kombat X  é a última versão desenvolvida pela NetherRealm Studios da aclamada franquia de luta que leva a icônica série para uma nova geração. O jogo combina apresentações cinematográficas com todo o novo gameplay para trazer a mais brutal experiência de Kombate de todos os tempos, oferecendo uma experiência totalmente conectada de competição online persistente, em que cada luta tem sua importância ao competir pela supremacia global.

Pela primeira vez, Mortal Kombat X, dá aos jogadores a oportunidade para escolher entre múltiplas variações de cada personagem, que impacta tanto na estratégia como no estilo de luta. Os jogadores contam com uma história original mostrando alguns dos mais famosos personagens, como Scorpion e Sub-Zero, enquanto introduz novos lutadores que representam as forças do bem e o mal e narram a aventura em conjunto.

Hackearam o PS4 para executar o Linux e emuladores

by

ps4-pokemon

O grupo Fail0verflow conseguiu instalar o Linux em um PS4. O console consegue inicializar o sistema operacional usando uma XFCE como interface gráfica.

Depois da inicialização, é utilizado um emulador do Game Boy Advance, que executa uma versão crackeeada do jogo Pokémon “PlayStation Edition”, preparada pelo time para demonstração. Eles mostraram todo o trabalho para alcançar esse feito, já que eles encontraram certas diferenças entre o PS4 e um PC tradicional, que impediram um procedimento mais normal para executar o Linux. O projeto ainda está muito verde, e vários aspectos precisam ser implementados, mas o “invento” começa a ser funcional.

Além de instalar o Linux em um PS4 e executar um emulador do GBA com essa combinação, o grupo hacker também conseguiu utilizar o mesmo Game Boy Advance como controle para o PS4. Não é algo que revoluciona a jogabilidade dos videogames, mas demonstram as conquistas alcançadas.

Não é a primeira vez que hackearam um console da Sony com Linux. O PS3 também passou por essa façanha.

 

Via VentureBeatfail0verflow

PlayStation 4 alcançou a marca de 30.2 milhões de unidades vendidas em 2 anos

by

ps4-branco

A Sony Computer Entertainment informa que foi superada a marca de 30 milhões de unidades vendidas do PlayStation 4.

Para ser mais preciso, o numero atual é de 30.2 milhões de consoles distribuídos em 124 países diferentes ao longo de todo o planeta. Em março de 2015, a marca alcançada era de 20 milhões, de modo que o crescimento ao longo de 2015 foi realmente importante, ficando na casa de 10 milhões de unidades vendidas, ou em média 1.25 milhão de unidades comercializadas por mês, desde novembro de 2013.

Detalhe: o Natal ainda não chegou. E vale lembrar que a Eletronic Arts fez recentemente uma previsão onde estimam que pelo menos 50 milhões de consoles (entre PS4 e Xbox One) serão comercializados antes do final de 2015.

Quem viver, verá.

Via Sony

Sony trabalha em um emulador do PS2 para o PS4

by

playstation-2-ps2

A Sony vai oferecer jogos do PS2 no PS4, com uma tecnologia de emulação que a empresa está trabalhando.

Os primeiros jogos do PS2 que devem aterrizar no PS4 serão os da série Star Wars, aproveitando o lançamento do jogo Star Wars: Battlefront, com versão especial do PS4: Super Star Wars, Star Wars: Racer Revenge, Star Wars: Jedi Starfighter e Star Wars: Bounty Hunter.

A Sony vai utilizar um software de emulação proprietário, imitando um entorno informático específico, nesse caso, o do PlayStation 2. Isso vai permitir que os jogos desse console rodem no PS4, como se estivessem em sua máquina nativa, mas em uma resolução mais alta em alguns casos.

É um movimento importante da Sony. O PlayStation 2 foi um dos consoles mais populares da empresa e da história dos videogames, com milhares de jogos lançados, incluindo grandes clássicos. Recentemente, a Microsoft implementou a retrocompatibilidade de jogos do Xbox 360 no Xbox One de forma gratuita para os usuários, com suporte para 104 jogos (até agora).

A Sony confirma que “estão trabalhando em uma tecnologia de emulação de jogos do PS2 para a atual geração de consoles”, mas não esclareceu se o usuário poderia utilizar discos antigos, se poderão comprar na loja PlayStation, nem o número de jogos ou data concreta para o emulador chegar ao mercado. Mas certamente isso pode aumentar o interesse das pessoas na compra de um PS4. Principalmente dos mais nostálgicos.

 

Via Eurogamer, Wired

Como os terroristas do ISIS podem ter usado o PS4 para planejar os ataques na Frana

by

ps4-isis-terrorismo-01

As investigações sobre o atentado terrorista ocorrido na última sexta-feira (13) em Paris (França) apenas começaram, apesar de já terem conseguido localizar o epicentro do ataque em Bruxelas (Bélgica) e seus arredores, onde residiam alguns dos 8 terroristas suicidas que executaram os ataques em diferentes pontos da capital francesa, causando até agora a morte de 130 pessoas (pelo menos) e 352 feridos.

Dias antes dos ataques, Jan Jambon, Ministro do Interior da Bélgica, alertava sobre o uso do console PlayStation 4 (PS4) como meio de comunicação para os terroristas, chegando a afirmar que o console é ainda mais difícil de monitorizar do que o WhatsApp. Não há provas concretas se os responsáveis pelos ataques utilizaram esse meio para se comunicares, mas essa é uma possibilidade real.

ps4-isis-terrorismo-02

A tecnologia é um dos muitos campos de batalha onde se dirime a luta contra o terrorismo. As comunicações “convencionais” são monitoradas há muito tempo (celulares, telefones fixos, computadores), mas a constante aparição de canais não tão difundidos facilita o uso da tecnologia para coordenar as ações como as ocorridas em Paris no último final de semana. O Telegram foi destaque recentemente por ter sido utilizado por um estudante para se comunicar com simpatizantes do ISIS.

O PS4 entra nessa equação por ser uma rede muito difícil de ser monitorada pelos serviços de inteligência, sendo praticamente impossível ver as comunicações que acontecem por lá, já que vários jogadores ao mesmo tempo se comunicam durante uma partida online com o PS4. Alguns deles podem planejar ataques ou linhas de ação de forma praticamente imperceptível.

ps4-isis-terrorismo-03

Exemplo de mensagem enviada pelo PS4

Os jogos online tem como um dos seus atrativos a comunicação entre os jogadores, seja via chat de texto ou pelo viva voz com headsets. As autoridades especificaram o tipo de comunicação utilizada pelos terroristas: podem ser mensagens trocadas através da PlayStation Network ou conversas em partidas fechadas de um determinado grupo entre os membros das células terroristas.

Diferente do que ocorre em outras conversas por telefone, quando falamos de um sistema de entretenimento ou videogames, as comunicações são por IP, o que é mais difícil de se monitorar e detectar ameaças.

 

ps4-isis-terrorismo-04

Não só isso. A Forbes ilustra vários cenários adicionais que podem produzir trocas de informações entre dois jogadores, sem que praticamente ninguém suspeite de nada. Um terrorista pode (por exemplo) desenhar algo importante, como moedas em um mapa de Super Mario Make e enviar para outro jogador, ou em Call of Duty, simplesmente disparar balas em uma parede de forma ordenada para que, juntas, formem letras. Ou seja, não é só a necessidade de vigiar conversas, mas sim toda a atividade que um jogador realiza em cada jogo. Algo praticamente impossível no tempo atual.

Existem iniciativas pontuais, como a introdução de sistemas de monitorização em jogos como World of Warcraft, por parte da NSA e da CIA, de acordo com documentos vazados por Edward Snowden em 2013. Mas, por enquanto, não há um sistema infalível, que permita a análise das conversas e todas as atividades que acontecem na rede PSN.

Sony pode lançar um PS4 mais potente

by

Ps4-840x473

A Sony não descarta a possibilidade de lançar um PS4 mais potente. Quem informa é Masayasu Ito, vice-presidente da Sony Computer Entertainment.

Para muitos, os consoles de nova geração nasceram “obsoletos”, com uma CPU com base x86, incapazes de manter em todos os jogos resoluções de 1080p. E a Sony quer reverter isso. O novo PS4 deve ser lançado dentro de um ou dois anos, podendo ser inclusive a resposta do Nintendo NX. Por enquanto, nada está confirmado.

Não é uma ideia descabida. Isso permitirá que a Sony mantenha as duas versões do PS4 no mercado, com uma plataforma comum, compatível, só que uma mais potente e com maior qualidade final nos gráficos, gerando uma situação similar ao que vemos hoje nos PCs.

Via NextPowerUP!

Sony apresenta controle remoto para o PS4

by

accessories-universal-media-remote-for-ps4-screen-03-ps4-us-05oct15

A Sony anunciou que vai lançar o Universal Media Remote para o PlayStation 4 no final do mês de outubro, permitindo aos usuários do console navegar entre as interfaces dos aplicativos e reproduzir discos de DVD e Blu-ray com maior comodidade.

O dispositivo usa interface Bluetooth para se conectar com o console, e custará US$ 30, podendo se conectar com outros três dispositivos adicionais além do PS4, podendo sincronizar com televisores, decodificadores e receptores de áudio.

A Sony informa que esse controle remoto vai suportar uma grande quantidade de aplicativos desde o seu lançamento, com um suporte ampliado no futuro por aplicativos de terceiros. Entre os principais apps compatíveis, temos o HBO GO, NBA Game Time, Neflix, NFL, Twitch e YouTube.

Por enquanto, o controle remoto do PS4 só poderá ser adquirido nos EUA, México e Canadá. Sem confirmação de lançamento para outros mercados.

accessories-universal-media-remote-for-ps4-screen-02-ps4-us-05oct15 accessories-universal-media-remote-for-ps4-screen-04-ps4-us-05oct15 accessories-universal-media-remote-for-ps4-screen-01-ps4-us-05oct15 accessories-universal-media-remote-for-ps4-screen-06-ps4-us-05oct15

Sony lança PlayStation 4 fabricado no Brasil a R$ 2.599

by

PS4_Nacional

A Sony começou a comercializar o console PlayStation 4 com fabricação nacional. O produto já está disponível na Sony Store e nos principais e-commerces brasileiros pelo valor de R$ 2.599.

O console produzido no Brasil recebe a garantia e suporte técnico da Sony de acordo com a legislação brasileira, além de marcar a chegada “oficial” do produto no mercado nacional. Isso é posto “entre aspas” pois, como bem sabemos, o PlayStation 4 já é comercializado a algum tempo no nosso país, tanto através das importações independentes (feitas pelos pequenos e grandes varejistas) como pela própria Sony, que lançou o produto no Brasil com estoques importados, no valor de R$ 3.999.

ps4-nacional-2015-sony

O PS4 a R$ 2.599 está disponível na versão com 500 GB de armazenamento e um controle. É o kit de venda mais básico que o usuário brasileiro pode adquirir do produto. Vale lembrar que é possível encontrar o mesmo PlayStation 4 com valores menores, mas sem a mesma garantia de fábrica de um ano destacado pela Sony.

19361979

PlayStation 4 Edição Especial Call of Duty Black Ops III

by

blops3

Há quem gosta de produtos coloridos, mas talvez a combinação escolhida para o PlayStation 4 de 1 TB Edição Especial Call of Duty Black Ops III não foi uma das mais adequadas. Mesmo assim, é uma questão de gosto: certamente alguém vai gostar dessa combinação.

Essa edição especial do PS4 chegará ao mercado (lá fora) em 6 de novembro, e incluirá o jogo, o mapa Nuk3town, e um controle. Seu preço nos EUA será de US$ 450 na sua versão de 1 TB, onde podem ser salvos todos os DLCs que acompanham o jogo, assim como todos os vídeos de suas partidas.

COD Black Ops III-PS4

Via PlayStation

PS4 tem a sua primeira redução de preço… no Japão

by

ps4-system

A Sony anunciou na Tokyo Game Show 2015 a primeira redução de preços do PS4 desde o seu lançamento (em novembro de 2013).

A partir de 1 de outubro de 2015, o console passa a custar no Japão o valor de 34.980 ienes, ou aproximadamente US$ 300. Não foi informado se a Sony vai oferecer o mesmo desconto ao PS4 em outras regiões do planeta. Na semana que vem, a empresa vai realizar um evento na Paris Games Week, e o mesmo desconto pode ser aplicado na Europa, já preparando para o importante período de vendas natalinas.

ps4price

Se a conversão for direta, o preço do PS4 na Europa deve custar em torno de 258 euros, valor muito abaixo dos 399 euros oficiais. No Brasil, é melhor não esperar por novidades tão cedo: além do dólar bater na casa dos R$ 4 nesse momento, o país ficou de fora do recente acordo que previa uma redução de valores dos videogames, assinado recentemente por diversos países.

O PS4 é, hoje, o console mais vendido da atual geração, mas tudo indica que o Xbox One está recuperando terreno. E o fator preço é considerado chave na venda de consoles tão parecidos, com hardware similar e um grande catálogo de jogos nos dois casos.

Via Engadget

Call of Duty: Black Ops 3 com beta exclusivo no Brasil

by

Call of Duty_Black Ops 3-01

A Activision anuncia que os fãs brasileiros terão oportunidades exclusivas de acesso ao beta de “Call of Duty: Black Ops 3” no Playstation 4. É a primeira ação desse tipo na história da franquia no país e o acesso pode ser garantido de diversas maneiras.

Cada jogador que compareceu ao estande da Activision durante a Brasil Game Show 2014 e preencheu o formulário disponível após o teste de Call of Duty: Advanced Warfare vai receber por e-mail um código de acesso no dia 19 de agosto.

Outra possibilidade será o acesso em primeira mão,  em algumas das principais redes varejistas brasileiras, onde plataformas Playstation 4 estarão disponíveis e conectadas para a experiência multiplayer de Black Ops 3. Os fãs que não puderam ir à última BGS ou preferem acessar o beta diretamente de seus próprios consoles devem ficar atentos para novas informações durante a semana.

Com aproximadamente 15GB, o Beta terá como conteúdo disponível, inicialmente, sete modos de jogo – Team Deathmatch, Kill Confirmed, Domination, Demolition, Hardpoint, Search & Destroy e Capture the Flag – e três mapas: Hunted, uma grande cabana de caça situada embaixo de uma cachoeira nas montanhas da Etiópia; Combine, ambientado no Saara egípcio e Evac, uma zona de evacuação abandonada no terraço de um edifício em Cingapura.

Call of Duty: Black Ops 3 estará disponível para Playstation 4, Xbox One e PC a partir do dia 6 de novembro de 2015.  A pré-venda do jogo também garante o acesso ao beta do multiplayer e está disponível na Playstation Network para Playstation 4 por R$ 229,99. Para mais informações, acesse: https://community.treyarch.com/community/treyarch

ZOMBI é lançado para PC, Xbox One e PlayStation 4

by

Zombi

A Ubisoft lançou uma versão atualizada do aclamado jogo de terror e sobrevivência ZOMBI. Originalmente exclusivo de Wii U, ZOMBI agora está disponível para download no PlayStation 4, Xbox One e PC.

ZOMBI leva os jogadores a uma Londres infectada. A cidade está totalmente tomada por uma praga que transformou a população em monstros famintos em busca da carne fresca dos sobreviventes. Todas as mecânicas do game de tiro em primeira pessoa estão de volta, garantindo tensão ao jogador a todo momento. Vários pontos do jogo contaram com updates para as novas plataformas, como a adição de armas corpo-a-corpo, telas de carregamento mais rápidas, aperfeiçoamento do sistema de lanterna, além dos efeitos visuais, que também foram melhorados.

ZOMBI faz com que o jogador se sinta dentro de um universo apocalíptico e de autopreservação onde vale tudo para sobreviver aos ataques zumbis. O sentimento de suspense e opressão é constante, principalmente pelo fato de não existir nenhuma forma de pausar o jogo, até mesmo quando o jogador está com a janela do inventário aberta. Componente indispensável para a sobrevivência, a mochila carrega o inventário de ferramentas, mapas, armas e kits de primeiros socorros.

Outra mecânica existente em ZOMBI, que proporciona maior imersão e tensão ao jogador, é o sistema de permadeath, ou “morte definitiva”. Neste sistema, o jogador perde definitivamente o seu personagem e inventário quando morre, reaparecendo na pele de outro sobrevivente. E surge uma dúvida: os jogadores devem arriscar o confronto com o seu antigo personagem infectado para recuperar os pertences, ou abandonar o inventário perdido e recomeçar?

No Brasil, ZOMBI está disponível para download no PlayStation 4, Xbox One e PC por R$ 39,99.