Arquivo para a tag: notificação

Ringly, o anel das notificações para o iOS

by

Ringly

Depois das pulseiras, temos os anéis. Dito isso, o Ringle é exatamente isso o que você está pensando: um acessório inteligente com conectividade Bluetooth, que exibe as notificações recebidas pelo nosso smartphone.

E não, esse peculiar anel não incorpora nenhum tipo de tela, já que faz uso exclusivamente de um LED multicolorido, que identifica o tipo de notificação que previamente pode ser configurado no aplicativo oficial. O acessório conta ainda com um sistema de vibração para uma notificação silenciosa, e está construído com ouro de 18 quilates e da pedra preciosa (ou semipreciosa, de acordo com o modelo). Já pode ser reservado com um preço inicial sugerido de US$ 145.

 

Via Ringly

Procon-SP notifica a Microsoft pela falha na atualização do Windows 7 de 32 Bits

by

windows07-00.jpg

Parece que o problema do patch de atualização do Windows 7 (KB2823324) só está resolvido em partes. Para a Microsoft no Brasil, os problemas estão só começando. Hoje (12), o Procon de São Paulo notificou oficialmente a Microsoft Brasil para prestar esclarecimentos sobre o problema ocorrido em máquinas de todo o Brasil (e somente no Brasil, é sempre bom lembrar).

A notificação solicita explicações da Microsoft sobre o problema, o motivo do mesmo, e os riscos que o patch de atualização em questão pode causar aos computadores. Vale lembrar que esse mesmo patch parou de ser distribuído pelas atualizações automáticas. A Microsoft também vai ter que informar sobre a descrição dos produtos afetados (nesse caso, computadores com o sistema operacional Windows 7 de 32 bits) e a quantidade de computadores afetados pelo problema.

Além disso, o Procon-SP exige que a Microsoft apresente descrição e comprovante de medidas a serem adotadas para ajudar os usuários prejudicados, além dos canais de atendimento disponíveis. Ontem (11), o site brasileiro da empresa publicou uma página com o passo a passo para que o usuário possa solucionar ele mesmo o bug causado pela atualização, além de canais de suporte ao cliente, via telefone ou internet (clique aqui para ler).

Para os usuários que sofreram danos econômicos com o problema da atualização problemática (pagou um técnico para resolver o problema, perdeu dias de trabalho, dados de usuários ou outros prejuízos de qualquer espécie), o Procon-SP informa que existe o direito de reparação por parte da empresa. Caso não consiga um acordo satisfatório, o cliente deve acionar o órgão de defesa do consumidor de sua cidade.

Por fim, Dustin Childs, gerente de comunicações da Microsoft, afirmou que o posicionamento oficial da empresa é a ciência dos problemas ocorridos, e a interrupção do envio do patch 2823324 no Windows Update. Segundo Dustin, essa atualização combatia uma vulnerabilidade de nível médio, que exige que o atacante tenha acesso físico ao computador para explorar tal falha.

Além disso, especula-se que um software bancário seja o principal responsável da falha, algo que não é oficialmente confirmado pela Microsoft.

Via Olhar Digital

Black Friday Brasil 2012: empresas que “inflaram” seus preços foram notificadas pelo Procon

by

Antes mesmo da Black Friday 2012 acabar no Brasil, o Procon de São Paulo já começou a tomar providências sobre as supostas irregularidades cometidas pelas empresas de e-commerce nacionais. Um grande grupo de empresas que participaram da ação de descontos foram notificadas por maquiarem os preços dos produtos, para que os descontos posicionassem os preços para os valores reais dos itens anunciados como promocionais.

A prática foi a mesma adotada no ano passado, quando muitos internautas reclamaram que não conseguiram obter nenhum tipo de vantagem nos preços oferecidos pelas lojas virtuais, uma vez que, de forma repentina, os preços dos itens mais procurados pelos consumidores tinham sido aumentados, para que os descontos fossem aplicados e, dessa forma, os produtos voltassem aos seus valores originais. Falamos disso mais cedo aqui mesmo no TargetHD, e pelo visto, dessa vez, as reclamações dos internautas foram ouvidas.

As empresas que foram notificadas pelo Procon são:

– Extra (lojas física e virtual)
– Ponto Frio
– Submarino
– Americanas.com
– Walmart
– Saraiva
– Fast Shop

As notificações foram emitidas bom base em denúncias dos consumidores, que foram feitas pelos canais de atendimento do Procon e de outros órgãos independentes de fiscalização e defesa dos direitos do consumidor, além de denúncias realizadas nas redes sociais. Segundo o Procon, existem “fortes indícios que as empresas fizeram uma maquiagem nos descontos”. Para o consumidor, isso parece ter ficado bem evidente.

Os internautas também reclamaram das diversas dificuldades que encontraram para acessar alguns sites durante as tentativas de compras. Na primeira hora da Black Friday 2012 no Brasil, praticamente todos os principais e-commerces nacionais ficaram fora do ar por causa da demanda de acessos dos internautas, ficando apenas o Ponto Frio com o seu site funcionando, e com dificuldades para finalizar os pedidos. Nesse caso, o portal Busca Descontos, que é quem organiza a iniciativa da Black Friday no Brasil, será notificado para que apresente explicações sobre o incidente.

As empresas notificadas pelo Procon tem até o dia 30 de novembro para se justificar sobre a prática dos preços maquiados. Quanto ao consumidor, repetimos o alerta: se o preço do produto que você procura está muito acima daquilo que ele realmente vale, apenas para que o desconto resulte no preço normal dele, não compre o produto, e pesquise mais um pouco. E principalmente: denuncie as lojas que estão utilizando de tal prática.

Via UOL

Procon vai notificar a Microsoft pelo erro no preço de venda do Windows 8

by

Foi um erro. Mas mesmo assim, o Procon de São Paulo ficou de olho no que aconteceu, e principalmente, nas reclamações dos consumidores, a ponto de decidir notificar a Microsoft sobre esse erro no preço da venda digital do Windows 8 Pro.

Para os primeiros compradores da atualização online, a Microsoft prometeu vender o software via download pelo valor de R$ 69. Porém, a última sexta-feira (26), os consumidores que tentaram efetuar a compra pela modalidade encontraram o valor de R$ 83,98. As vendas foram imediatamente interrompidas pela gigante de Redmond para a correção do problema, que já foi solucionado (segundo informa a própria Microsoft).

O Procon comunicou em seu site oficial que vai exigir da Microsoft o material de divulgação do Windows 8 que contém os preços e condições de venda do produto no valor correto. A empresa agora tem até a próxima quinta-feira (31) para apresentar os dados solicitados. Outra medida exigida pelo Procon é que a Microsoft divulgue aos usuários que se inscreveram no programa de upgrade qual será a política de devolução dos valores cobrados indevidamente, além de informar quantos consumidores acabaram comprando o produto no valor alterado.

Para os clientes que se sentirem lesados pelo problema, o Procon orienta que façam uma reclamação no escritório do órgão de defesa do consumidor de sua cidade. Em comunicado, a Microsoft Brasil informa que tão logo identificou o problema retirou o site de venda do produto do ar, e que a empresa está trabalhando na solução do problema, e pede desculpas pelos inconvenientes.

Alguns internautas nas redes sociais afirmam que o problema do site já foi resolvido. Se você já comprou, ou tentou comprar a atualização do Windows 8, deixe um comentário nesse post, relatando a sua experiência.

Via Exame, Procon