Arquivo para a tag: nexus 5

Adicionaram um slot microSD no Nexus 5

by

nexus-5

Para muitos, o Nexus 5 (fabricado pela LG) foi o melhor de todos os smartphones da Google. Porém, uma de suas grandes carências era a ausência de um slot para cartões microSD, principalmente quando pensamos que o modelo poderia ter um limite de 16 GB de armazenamento. Então, um usuário decidiu tentar inserir por conta própria um slot microSD nesse smartphone, e conseguiu resultados satisfatórios.

Nexus-5-microSD-card-mod-1

Para alcançar esse objetivo, ele reordenou o interior do smartphone para conseguir um espaço na placa para adicionar o slot e fazer com que tudo funcione. Algo bem útil no Android 6.0 Marsmallow, que reconhece a microSD como armazenamento interno de forma automática.

Nexus-5-microSD-card-mod-2

Infelizmente, nem tudo foi perfeito. As mudanças de hardware não são compatíveis com a tampa traseira original, mas sim com um case protetor que acaba com a estética do Nexus 5. Porém, levando em conta a complexidade da modificação e o resultado alcançado, temos que reconhecer a validade dessa iniciativa.

Via Android Authority

Android Marshmallow triplica a duração da bateria

by

android-marshmallow-robot

Os primeiros testes mostram que o Android Marshmallow teria conseguido melhorar a duração da bateria em até três vezes diante do Android 5.1.1 Lollipop, uma notícia muito positiva, mas que ainda se limita a medir o tempo de standby.

Como podemos ver no quadro desse post, os testes foram realizados utilizando um Nexus 5 com Android Marshmallow e o Android 5.1.1, e indica a porcentagem de bateria consumida depois de 8 horas, 24 horas e 48 horas nesse modo. Fica claro que a diferença é grande, a ponto que, de acordo com os cálculos feitos com o Nexus 5 na nova versão do Android, o dispositivo poderia sobreviver por até 533 horas em modo de espera, enquanto que o Android Lollipop ficaria na casa das 200 horas.

Estes são cálculos aproximados, ou seja, podemo variar de acordo com diferentes condições e situações. Mas já dá para ter uma ideia das melhorias no consumo de bateria que a Google introduziu no Android Marshmallow.

screen-shot-2015-08-24-at-14-45-54

É inegável que os resultados são promissores, principalmente se levarmos em conta que falamos de uma versão prévia do Android Marshmallow, ou seja, ainda inacabada e com margem de melhora para a versão final. O novo Android chegará ao mercado ainda nesse trimestre.

 

Via WCCFTech

Google tem um Nexus 5 com sensor de digitais

by

nexus-5-com-sensor-digitais

 

Um dos vídeos que acompanham as seções e conferências do Google I/O 2015 mostra uma versão do Nexus 5 com um (até então) inédito sensor de digitais.

Não sabemos se essa versão chegará ao mercado algum dia, ou se simplesmente o Google desenvolveu em caráter interno para o desenvolvimento do grupo principal do Android. O Nexus 5 que conhecemos desde sempre já não é encontrado no site do Google para compra, e é curioso ver o modelo com tal sensor de digitais nas costas logo agora.

nexus-5-com-sensor-digitais-02

O vídeo fala tanto do sensor de digitais como do sistema de pagamentos via Android Pay. Apesar de visualmente parecer uma adição improvisada do sensor, entendo que ele é 100% necessário se o Google quer que os usuários aproveitem ao máximo as novidades do Android M.

Tudo isso lembra que um novo Nexus está chegando. Ou seja…

Vídeo a seguir.

 

Adeus, Nexus 5!

by

nexus-5-brasil-06

Com a reformulação da loja online da Google, onde toda a sua oferta de hardware foi transferida para um novo espaço chamado Google Store, não mais podemos encontrar o Nexus 5 para compra, o que indica que o produto foi descontinuado pela gigante de Mountain View.

Na loja (que não está disponível para o Brasil, por enquanto) é possível encontrar o tablet Nexus 9, diversos relógios com Android Wear, o Chromecast, e apenas um modelo de smartphone – o Nexus 6. Ou seja, o Nexus 5 não é mais comercializado no seu canal oficial, mas segue disponível em diversos distribuidores, inclusive no Brasil.

A Google confirmou ao The Verge que ainda conta com estoque para comercializar o Nexus 5 em outros canais, mas o foco principal da empresa nesse momento é impulsionar o ‘não tão popular’ Nexus 6. E enquanto a geração anterior ainda contava com preços justos que convenciam os amantes da família Nexus e do Android ‘puro’, o Nexus 6 não convence, onde muitos entendem que ‘o amor acabou’ agora que os preços ficaram no mesmo patamar de modelos top de linha dos concorrentes.

Enfim… sempre nos lembraremos de você, Nexus 5!

Via Android AuthorityThe Verge

 

Geekbench flagra o Android 5.1 rodando em um Nexus 5

by

650_1000_nexus-5

Não é o primeiro sinal de vida do Android 5.1. No começo de fevereiro, ele apareceu em dois smartphones pertencentes ao programa Android One. Mas os rumores indicavam que o sistema não demoraria a chegar aos dispositivos Nexus, algo muito razoável e que recebe mais credibilidade por conta da aparição de uma nova entrada na base de dados Geekbench, que identifica um Nexus 5 com a nova versão do Android Lollipop.

Abaixo, temos os dados que comprovam tal tendência. Até agora, a única coisa que é certa é que o Android 5.1 será distribuído de forma massiva nos dispositivos Nexus, com a possibilidade elevada de começar a chegar aos smartphones antes do final do mês de fevereiro.

650_1000_gb

Algumas das melhorias esperadas nessa versão do Android estão relacionadas com o gerenciamento da bateria, a administração da memória principal, a estabilidade do sistema operacional e, provavelmente, com o painel de notificações.

Via GeekbenchPhoneArena

Nexus 5 segue no mercado até o primeiro trimestre de 2015

by

650_1000_nexus-5-3

Um pequeno aviso do Google confirma que o Nexus 5 vai permanecer no mercado por mais algum tempo. De forma mais precisa: o smartphone ficará disponível na Google Play e em algumas lojas durante o primeiro trimestre de 2015.

No Brasil, o modelo ainda pode ser encontrado nos grandes varejistas. O Nexus 5 foi apresentado em outubro de 2013, e rapidamente se tornou um dos mais procurados do mercado pela sua relação custo/benefício.

Porém, já é possível perceber que o dispositivo começa a ficar indisponível em alguns mercados internacionais, e no mercado brasileiro, algumas opções de cores já não são encontradas com tanta facilidade. Esperamos que o estoque do dispositivo seja reposto para o período de vendas do final do ano, mas não é nenhum absurdo dizer que podemos estar diante dos últimos lotes do Nexus 5.

Por outro lado, é absolutamente natural ver o que o produto ainda é muito procurado. Até porque estamos falando de um modelo que ainda continua a ser interessante para aqueles que fazem questão de receber o Android 5.0 Lollipop.

Via The Next Web

TargetHD Responde | Nexus 5 ou novo Motorola Moto X?

by

Moto-X-vs-Nexus-5

Mais uma dúvida interessante que recebemos por e-mail. O leitor Anderson de Assis Nunes levantou a seguinte questão:

Como assíduo leitor do blog Target HD, eu o procuro para buscar uma ajuda. No fim do ano pretendo presentear-me com um smartphone. Tenho assistido muitos vídeos e comparativos. Acabei escolhendo dois modelos Android: Nexus 5 e o novo Motorola Moto X.
Ambos estão na mesma faixa de preço e apresentam hardware equivalentes. Confesso que estou mais inclinado ao Moto X devido a ser lançamento, ter 32 GB de capacidade e também trazer um Android puro. Porém com as recentes notícias de travamento do Moto X e Moto G fiquei um pouco preocupado. Já o Nexus traz um Android pura e atualizado mais rápido, a tela é ótima. Mas só tem 16 GB
A questão é: Vou de Nexus 5 ou Moto X (2ª geração).

Resposta:

Anderson, sua questão é muito boa. Tem alguns pontos que precisam ser levados em consideração sempre que você fizer um investimento em um dispositivo de tecnologia, ainda mais no caso de um smartphone top de linha. Já levando em consideração os pontos que você abordou na sua pergunta, entendo que a melhor opção nesse exato momento é o modelo que oferece melhores resultados em detalhes pontuais.

É importante lembrar que o Nexus 5 já tem aproximadamente um ano de vida (tanto que o Nexus 6 já é uma realidade), enquanto que o Motorola Moto X de 2ª geração é um recém chegado ao mercado. Um ano pode parecer pouco, mas nesse caso, faz uma grande diferença. E o quesito preço, nesse caso, favorece ao modelo mais novo. Afinal de contas, temos sempre que buscar a melhor relação custo/benefício possível.

Além disso, o Moto X 2014 possui uma maior capacidade de armazenamento (32 GB, contra 16 GB do Nexus 5), câmeras frontal e traseira de melhor qualidade (não falo pela quantidade de megapixels, mas pela qualidade dos seus sensores), com um flash LED duplo, e um acabamento mais ‘premium’, com bordas de material metálico nas laterais. Só esses itens já colocam o modelo da Motorola bem à frente do modelo da Google de 2013.

Além disso, o conjunto de chipset do Moto X 2014 oferece uma performance mais equilibrada, principalmente se levarmos em conta a quantidade de recursos trabalhando simultaneamente. Com tanta coisa funcionando ao mesmo tempo, o modelo da Motorola possui uma autonomia de bateria ainda melhor que o Nexus 5, que possui um Android mais puro. Isso mostra o excelente trabalho feito pela Motorola para ajustar as suas customizações no Android para oferecer um desempenho mais equilibrado nesse aspecto.

Sobre as questões de travamento dos modelos Moto X e Moto G, vale a pena lembrar que são questões pontuais de software, e não de hardware. E a Lenovo (até agora) está fazendo um ótimo trabalho na missão de oferecer updates e patches corretivos de forma rápida aos usuários. Logo, esse é um fator que (na teoria) pode ser resolvido com maior facilidade, e não deve ser levado tanto em consideração. Ou se for levado, tenho que colocar aqui o elevado consumo de bateria do Nexus 5, que é um problema de gestão de software que a Google não resolveu no aparelho (quem sabe com o Android 5.o Lollipop isso muda).

Para concluir, se eu tivesse que escolher hoje entre um dos dois modelos, eu iria de Motorola Moto X de 2ª geração. É um modelo que é superior ao Nexus 5 em detalhes que considero pontuais, e com potencial de oferecer uma melhor relação custo/benefício por um tempo maior.

Avaliação de Produto | LG Nexus 5

by

nexus-5-brasil-06

O LG Nexus 5 foi um dos principais lançamentos de 2013, chegando oficialmente ao mercado brasileiro no começo de 2014. Com algumas polêmicas em relação ao seu preço (falaremos disso mais adiante), ele mantém viva a proposta da Google em oferecer ao mercado um smartphone com a sua filosofia, diretrizes, conceito e assinatura. Um smartphone para chamar de “seu” (sempre em parceria com uma grande fabricante do setor mobile), basicamente.

Tal como nos modelos anteriores, o Nexus 5 busca oferecer um dispositivo com um hardware que promete uma performance top de linha, gerenciado pela versão mais recente do sistema operacional Android em estado puro, e com valores muito competitivos, significativamente menores do que os seus principais concorrentes. Vamos conhecer as suas novidades, prós e contras e principalmente, a sua relação custo/benefício nesse post.

Sobre o Produto

nexus-5-brasil-05

O Nexus 5 é a quinta geração do “smartphone da Google”, em parceria com alguma grande parceira do setor mobile. Mais uma vez, eles trabalharam em conjunto com a LG para oferecer a sua proposta de telefone inteligente, combinando o expertise dos coreanos no desenvolvimento de produtos de tecnologia com a experiência e filosofia Google refletida em um smartphone.

A Google espera com esse modelo prorrogar o sucesso do Nexus 4, que foi um grande campeão de vendas em todo o planeta. Aposta que as correções e melhorias presentes no novo modelo convençam os consumidores do modelo anterior a migrar para o novo smartphone, além de conquistar novos usuários que podem agora se deparar com uma versão mais completa do dispositivo. Isso, e é claro a política de atualizações implantada pela própria Google, que prevê uma janela de atualizações do Android limitada para o Nexus 4.

Até porque nada nesse mundo é para sempre, não é mesmo?

Principais Características

nexus-5-brasil-02

O Nexus 5 sofreu algumas mudanças na sua estética. Começamos pela sua carcaça externa, que passa a contar com um material que (na teoria), é menos sujeito a quedas acidentais. Uma das reclamações de muitos compradores do Nexus 4 é que o vidro que norteava o smartphone deixava o modelo muito sujeito aos acidentes. Agora, com o material fosco presente no Nexus 5, esse problema tende a desaparecer. É claro que os resultados podem variar, de acordo com o zelo e cuidado que o usuário tiver com o smartphone.

O seu design também recebeu ligeiras alterações em relação ao Nexus 4, com curvas um pouco mais acentuadas nas partes superior e inferior. Mesmo assim, a assinatura de design da linha Nexus pode ser percebida claramente no modelo, assim como a semelhança com o Nexus 4, o que era esperado, já que o Nexus 5 é uma evolução da proposta anterior.

As principais novidades do Nexus 5 estão nas suas especificações de hardware, com mudanças significativas. O smartphone agora conta com um poderoso e atualizado processador Qualcomm Snapdragon 800 quad-core de 2.26 GHz, que trabalha em conjunto com 2 GB de RAM e 16 GB de armazenamento interno. O modelo continua a não contar com um slot para cartões microSD, o que acaba desagradando a muitos usuários que querem ter a liberdade de armazenar uma maior quantidade de conteúdos no dispositivo, mas a Google defende essa escolha em nome da melhor performance.

Esse é um conjunto de hardware que é considerado mais que suficiente para que o Android 4.4 KitKat seja executado sem maiores problemas, oferecendo um desempenho eficiente e prazeroso até mesmo para os usuários mais exigentes.

nexus-5-brasil-09

Sua tela também aumentou de tamanho em relação ao Nexus 4, contando agora com cinco polegadas. O diferencial é que essa tela possui uma resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), e não apenas a interação do usuário com o sistema operacional está melhor, mas a qualidade de reprodução de conteúdos multimídia (principalmente nos vídeos) melhora sensivelmente.

Outras importantes novidades do Nexus 5 estão na presença da conectividade 4G, que estava ausente na versão anterior do produto, e na nova câmera de 8 megapixels, que promete entregar melhores resultados do que aqueles oferecidos pelo sensor do Nexus 4.

Prós

– Um novo Nexus: a Google/LG apresentou mudanças pontuais no dispositivo, resultando em um produto que foi atualizado nos itens considerados mais relevantes. É um telefone com mudanças significativas em relação ao Nexus 4, que podem justificar a troca para muitos proprietários do modelo antigo.
– Android em estado puro: para aqueles que querem a experiência do Android da forma que a Google concebeu, o Nexus 5 é o dispositivo ideal para isso.
– Um hardware top, por um preço mais acessível: temos aqui um dos melhores conjuntos de hardware e software no segmento de smartphones do mercado, com algumas melhorias pontuais em relação ao Nexus 4. A relação custo/benefício continua muito interessante.

Contras

– Poderia custar um pouco menos no Brasil: seu preço sugerido de R$ 1.799 no mercado brasileiro já não é mais tão vantajoso em relação aos seus principais concorrentes (Samsung Galaxy S4, Sony Xperia Z1, iPhone 5s, etc), que contam hoje com valores similares (e, dependendo da promoção, até menores). O valor cobrado no Brasil pelo Nexus 5 vai diretamente contra toda a filosofia da Google de oferecer um dispositivo com um hardware elevado com um preço competitivo. Já lá fora, a coisa muda de figura.
– Sem slot para cartões microSD: sim, eu sei que tem muita gente que pode viver sem isso, utilizando serviços na nuvem para armazenar os seus arquivos pessoais (eu sou uma dessas pessoas). Mas também sei que existem outros tantos que só não adquiriram até hoje o Nexus 5 por conta dessa característica.

Relação Custo/Benefício

nexus-5-brasil-04

Tudo vai depender de como você encara as coisas. O Nexus 5, visto como um investimento, é uma ótima escolha. O smartphone é tecnicamente muito bom, prometendo uma experiência de uso de smartphone top de linha. No Brasil, o novo Nexus da Google tem um preço que poderia custar um pouco menos que o valor atual (e esse valor de R$ 1.799 deve cair nos próximos meses – espero), mas levando em conta o cenário global, esse é um dos modelos mais interessantes nessa relação de valores.

De qualquer forma, é um dos smartphones mais esperados de 2014, e é uma das compras a serem consideradas por usuários com diferentes necessidades. Não descarte a sua compra nesse primeiro momento em função do preço. Lembre-se: o Nexus 4 chegou ao Brasil por R$ 1.699, e com o passar do tempo, sofreu diversas quedas de preço.

Nota Final: 7.8/10

Desempenho: 10
Design: 8
Funcionalidades: 8
Preço:  6
Relação Custo/Benefício: 7

04-botao-clique037-180.jpg

TargetHD Responde | Vale a pena mudar para o Nexus 5, uma vez que tenho o Nexus 4?

by

nexus-5

Agora que o Nexus 5 é um produto oficial, chegou a hora de começar a pensar no futuro. E nesse futuro, um dos itens que precisam ser levados em consideração é se vale a pena o investimento no novo modelo, principalmente se você é um feliz proprietário da geração anterior do smartphone da linha Nexus. Logo, a pergunta que vamos tentar responder nesse post é…

Vale a pena mudar para o Nexus 5, uma vez que tenho o Nexus 4?

Resposta: 

Excelente pergunta.

Muitos podem entender que a resposta é um simples e sonoro “sim, com certeza, eu nem sei por que você está fazendo esse post…”. Mas nada é tão simples quanto parece. Algumas coisas precisam ser bem pontuadas, até mesmo para reforçar a decisão daqueles que já buscam formas de adquirir o produto lá fora de forma (quase) imediata.

Aliás, esse pode ser um dos fatores decisivos para responder essa questão: a pressa do consumidor. Se você está lá fora, está insatisfeito DE VERDADE com o Nexus 4 (é difícil encontrar motivos para ficar muito insatisfeito com aquele que é considerado até o momento um dos melhores smartphones do mercado, mas tudo bem…), ou tem a possibilidade de trazer o produto de um dos países que já o comercializam, pode ser uma boa pedida adquirir o produto.

Isso é, se a Google tiver um estoque mais generoso que aquele oferecido na época do lançamento do Nexus 4. Mas isso é uma outra história.

Se tudo der certo, você ainda pode escapar de todos os trâmites burocráticos e impostos cobrados pelas instituições brasileiras, economizando assim algum dinheiro. Talvez o grande problema que você vai ter nas mãos será a venda do Nexus 4 por um preço interessante. Como o produto caiu drasticamente de preço em menos de um ano de disponibilidade no mercado brasileiro (hoje, ele pode ser encontrado em promoções por menos de R$ 900), você vai ser obrigado a vender o seu Nexus 4 por um preço muito abaixo do que aquele que você pagou (pior para aqueles que compraram o smartphone na primeira leva, quando ele custava por aqui R$ 1.700…).

Por outro lado, você ainda tem um Nexus 4 nas mãos. Como disse um pouco acima nesse texto, você ainda tem um dos melhores smartphones Android do mercado, com uma experiência de uso plena, e com a atualização para o Android 4.4 KitKat garantida, o que garante uma sobrevida de uso de, pelo menos, mais um ano.

Entendo que o tempo médio que o usuário “normal” (e esse critério varia de pessoa para pessoa) deve ter com um smartphone é de, pelo menos, dois anos. Para alguns mais cuidadosos e menos exigentes, até três anos. No final das contas, você precisa ter um produto que te entrega a melhor experiência de uso possível. E muitos procuram fazer isso, mas pagando um valor que seja competitivo para o produto, e principalmente, para o seu bolso.

O Nexus 4 atende esses quesitos. É um ótimo smartphone, com um preço muito competitivo, e que vai receber a próxima versão do Android. O que mais eu posso querer da vida (nesse aspecto, que fique claro)?

Para aqueles que são heavy users convictos, viciados em tecnologia de ponta, e que usam como mantra de vida o direito de ter sempre o modelo mais avançado nas mãos, invariavelmente vão buscar o Nexus 5 pra ontem, para atender as suas expectativas. E eu compreendo isso. É o desejo de querer uma tecnologia de ponta assim que ela estiver disponível. Agora, para a grande maioria dos usuários, a troca não é uma questão de vida ou morte, ainda.

Podemos esperar com um pouco mais de calma para ver como o aparelho se comporta na prática, através da publicação dos primeiros reviews, e analisar de forma menos passional se a troca é ou não vantajosa. Até porque a troca sempre vai depender dos critérios individuais de cada usuário.

Ao meu ver, se você hoje está feliz com o Nexus 4, não há motivos para ter pressa. É um dos melhores smartphones do mercado atual, mesmo com a presença do Nexus 5. É claro que na mente de muita gente passa a frase “eu quero sempre mais”, e esses não estão errados em pensar assim. Mas esse “mais” pode esperar algum tempo.