Arquivo para a tag: nexus 4

Cinco smartphones que marcaram o ano de 2012

by

smartphones de 2012

Alguns dos smartphones que marcaram o ano de 2012 ainda podem ser vistos pelas ruas. Foi um ano muito bom, onde os lançamentos realmente evoluíram. Modelos como iPhone 5, Samsung Galaxy SIII ou um Nexus 4 com ótima relação custo-benefício chegaram ao bolso de mutas pessoas.

 

Samsung Galaxy SIII

Samsung Galaxy SIII

Seria quase um delito deixar esse modelo de fora.

Se o seu predecessor foi um sucesso, o Galaxy SIII não ficou atrás, alcançando em apenas dois meses os 10 milhões de unidades distribuídas, ainda que depois esse número não seja tão impactando diante do que registrou os seus sucessores.

O sucesso do Galaxy SIII veio em grande parte por uma mudança total de design, com um smartphone maior (tela de 4.8 polegadas) e variedade de cores maior. Mas apesar de contar com um processador maior, o modelo nunca saiu oficialmente do Android 4.3.

A Samsung aproveitou o sucesso desse modelo para lançar uma reedição, o Galaxy SIII Neo, que ainda pode ser encontrado no mercado por um preço competitivo.

 

Apple iPhone 5

Apple iPhone 5

Também é um modelo obrigatório.

A Apple também optou por uma reformulação no design, aumento de tela para 4 polegadas, introdução do alumínio na construção e novas cores. Com tudo isso, eles foram obrigados a adiar o lançamento oficial do iPhone 5 por conta de um excesso da demanda (2 milhões de reservas nas primeiras 24 horas).

Além das mudanças do design, o iPhone 5 foi o primeiro a contar com 4G e tela retina. Isso, somado ao fato que ainda pode ser atualizado para o iOS 10, faz com que o modelo seja muito procurado e visto nas ruas.

 

Nexus 4

Nexus 4

Um modelo top de linha, que chamou a atenção por ter um preço muito competitivo.

O Nexus 4 era o quarto smartphone da Google, fabricado dessa vez pela LG. Com preço muito atraente (US$ 299) e características similares (e, em alguns casos, superiores) ao Galaxy SIII, esgotou rapidamente na ocasião do seu lançamento. O estoque só foi reposto vários meses depois, mas se consolidou como campeão de vendas quando em agosto de 2013 a Google decidiu reduzir o seu preço de venda para US$ 199.

 

Nokia 808 Pureview

Nokia 808 Pureview

Em 2012, a Nokia tinha uma aposta clara no Windows Phone, e as vendas iam muito melhor do que as de agora. Naquele ano, conhecemos os novos Lumias (920, 820, 620), mas o modelo que mais chamou a atenção foi o Nokia 808 Pureview, pois além de uma grande câmera, apostava mais uma vez no Symbian.

Era sabido que a Nokia preparava um smartphone com câmera de 41 MP, algo incomum até os dias de hoje. Mas o mais estranho foi não ter apostado no Windows Phone. Logo, o Nokia 808 Pureview ficou relegado a um smartphone para os fãs de fotografia, com um sucesso limitado por não apostar em uma plataforma mais popular, quando o Android, o iOS e até o Windows Phone estavam em um bom momento.

E essa foi apenas uma das decisões infelizes da Nokia no mercado de smartphones.

 

LG Optimus L3

LG Optimus L3

Por fim, um modelo que não recebeu tanta atenção da mídia, mas foi parar em muitos bolsos. O LG Optimus L3 foi um dos smartphones mais baratos de 2012, e não tinha nada de especial: sua tela era de 3.2 polegadas, não contava com câmera frontal, e tinha uma memória interna de apenas 150 MB. Mas seu preço reduzido e a presença do modelo em todas as operadoras o transformou em um sucesso de vendas.

TargetHD Responde | Vale a pena mudar para o Nexus 5, uma vez que tenho o Nexus 4?

by

nexus-5

Agora que o Nexus 5 é um produto oficial, chegou a hora de começar a pensar no futuro. E nesse futuro, um dos itens que precisam ser levados em consideração é se vale a pena o investimento no novo modelo, principalmente se você é um feliz proprietário da geração anterior do smartphone da linha Nexus. Logo, a pergunta que vamos tentar responder nesse post é…

Vale a pena mudar para o Nexus 5, uma vez que tenho o Nexus 4?

Resposta: 

Excelente pergunta.

Muitos podem entender que a resposta é um simples e sonoro “sim, com certeza, eu nem sei por que você está fazendo esse post…”. Mas nada é tão simples quanto parece. Algumas coisas precisam ser bem pontuadas, até mesmo para reforçar a decisão daqueles que já buscam formas de adquirir o produto lá fora de forma (quase) imediata.

Aliás, esse pode ser um dos fatores decisivos para responder essa questão: a pressa do consumidor. Se você está lá fora, está insatisfeito DE VERDADE com o Nexus 4 (é difícil encontrar motivos para ficar muito insatisfeito com aquele que é considerado até o momento um dos melhores smartphones do mercado, mas tudo bem…), ou tem a possibilidade de trazer o produto de um dos países que já o comercializam, pode ser uma boa pedida adquirir o produto.

Isso é, se a Google tiver um estoque mais generoso que aquele oferecido na época do lançamento do Nexus 4. Mas isso é uma outra história.

Se tudo der certo, você ainda pode escapar de todos os trâmites burocráticos e impostos cobrados pelas instituições brasileiras, economizando assim algum dinheiro. Talvez o grande problema que você vai ter nas mãos será a venda do Nexus 4 por um preço interessante. Como o produto caiu drasticamente de preço em menos de um ano de disponibilidade no mercado brasileiro (hoje, ele pode ser encontrado em promoções por menos de R$ 900), você vai ser obrigado a vender o seu Nexus 4 por um preço muito abaixo do que aquele que você pagou (pior para aqueles que compraram o smartphone na primeira leva, quando ele custava por aqui R$ 1.700…).

Por outro lado, você ainda tem um Nexus 4 nas mãos. Como disse um pouco acima nesse texto, você ainda tem um dos melhores smartphones Android do mercado, com uma experiência de uso plena, e com a atualização para o Android 4.4 KitKat garantida, o que garante uma sobrevida de uso de, pelo menos, mais um ano.

Entendo que o tempo médio que o usuário “normal” (e esse critério varia de pessoa para pessoa) deve ter com um smartphone é de, pelo menos, dois anos. Para alguns mais cuidadosos e menos exigentes, até três anos. No final das contas, você precisa ter um produto que te entrega a melhor experiência de uso possível. E muitos procuram fazer isso, mas pagando um valor que seja competitivo para o produto, e principalmente, para o seu bolso.

O Nexus 4 atende esses quesitos. É um ótimo smartphone, com um preço muito competitivo, e que vai receber a próxima versão do Android. O que mais eu posso querer da vida (nesse aspecto, que fique claro)?

Para aqueles que são heavy users convictos, viciados em tecnologia de ponta, e que usam como mantra de vida o direito de ter sempre o modelo mais avançado nas mãos, invariavelmente vão buscar o Nexus 5 pra ontem, para atender as suas expectativas. E eu compreendo isso. É o desejo de querer uma tecnologia de ponta assim que ela estiver disponível. Agora, para a grande maioria dos usuários, a troca não é uma questão de vida ou morte, ainda.

Podemos esperar com um pouco mais de calma para ver como o aparelho se comporta na prática, através da publicação dos primeiros reviews, e analisar de forma menos passional se a troca é ou não vantajosa. Até porque a troca sempre vai depender dos critérios individuais de cada usuário.

Ao meu ver, se você hoje está feliz com o Nexus 4, não há motivos para ter pressa. É um dos melhores smartphones do mercado atual, mesmo com a presença do Nexus 5. É claro que na mente de muita gente passa a frase “eu quero sempre mais”, e esses não estão errados em pensar assim. Mas esse “mais” pode esperar algum tempo.

TargetHD Responde | Ainda vale a pena comprar o Nexus 4?

by

lg-nexus-4

Mais uma vez, o TargetHD.net volta a responder algumas dúvidas que eventualmente recebemos em nossas áreas oficiais de contato. A dúvida dessa vez é sobre o Nexus 4. Recebemos do leitor do blog Matheus a questão a seguir:

Compensa comprar o LG Nexus 4 hoje em dia?

Resposta: 

Antes de qualquer coisa, é importante sempre lembrar que a tecnologia móvel está em constante evolução, e se levarmos em consideração o conceito do “não vou comprar tal produto porque ele está desatualizado diante de outro produto”, não vamos comprar produto nenhum. O importante é comprar um produto que vá ficar com você por, pelo menos, 12 meses, até que você comece a pensar novamente em um novo produto que atenda as suas necessidades.

Dito isso, estamos falando de um smartphone que foi anunciado oficialmente para o Brasil em março de 2013 (anunciado nos Estados Unidos em novembro de 2012). Talvez o principal problema desse smartphone é justamente o delay de cinco meses entre o anúncio oficial e a chegada do produto ao Brasil. Mesmo assim, isso não atrapalhou a LG/Google de tornar o modelo um dos mais cobiçados do mercado nacional de smartphones.

Além disso, o preço do Nexus 4 se tornou bem atraente com o passar dos meses. O preço oficial do produto foi reduzido para R$ 1.349, mas alguns e-commerces estão oferecendo o smartphone em caráter promocional por R$ 999 (pode custar até menos, se você efetuar o pagamento via boleto bancário). Só aí, já vemos uma grande vantagem (principalmente se comparar ele com os modelos de linha média que custam esse preço hoje).

Outro fator importante a se considerar é o conjunto hardware + software. O Nexus 4, mesmo não sendo considerado hoje um modelo top de linha, possui especificações boas o suficiente para oferecer um desempenho muito bom, tal como a Google idealizou no produto. Na parte de software, é um dos poucos dispositivos do mercado (nesse momento) a contar com o Android 4.3 Jelly Bean, e deve passar por, pelo menos, mais um ciclo de atualização, recebendo o futuro Android 5.0 Key Lime Pie.

Para resumir: sim, vale a pena comprar o LG Nexus 4, ainda mais se você encontrar o smartphone por R$ 999 ou menos. É um dos melhores smartphones Android do mercado (ainda), com um conjunto de hardware muito competente, e com pelo menos mais um ciclo de atualização de software garantido, o que deve entregar mais ou menos mais 18 meses de vida útil para o dispositivo, o que está de bom tamanho para o cenário atual.

A relação custo/benefício entregue pelo smartphone justificam a sua compra, e mesmo que a Google resolva lançar um hipotético Nexus 5 até o final do ano (algo que é bem provável), o seu smartphone não será descontinuado completamente até o lançamento do sucessor do ainda não existente Nexus 5. A maioria dos usuários não precisam de um smartphone que seja top de linha em todos os itens (processador, memória, GPU, etc). Precisam de um smartphone que funcione bem para a maioria das atividades do dia a dia. E o Nexus 4 entrega isso, com o preço hoje de um smartphone de linha média.

04-botao-clique037-180.jpg