Arquivo para a tag: mod

Jogar Skyrim com batatas é possível, mas é difícil

by

Playing Skyrim with a Potato

O mundo do modding torna possível coisas incríveis, além de manter vivos jogos muito antigos (DOOM é um dos melhores exemplos), mas também cria novas formas de jogos. Como, por exemplo, permitir o controle do game Skyrim com batatas.

Já vimos algo muito parecido ao criarem um teclado musical com um conjunto de frutas, com a ajuda de uma Raspberry Pi e um Capacitive Touch HAT, sistema que transforma praticamente qualquer material condutivo em uma tecla ou botão. Com isso em mente, entendemos esse mod do Skyrim, que se vale do sistema Makey Makey, com os mesmos princípios de base, contando com vários conectores independentes que, uma vez conectados nas batatas, aproveitam a alta condutividade elétrica para criar um dos controles mais originais que já vimos.

Obviamente, o sistema não é perfeito, muito menos entrega uma excelente, mas é totalmente funcional, obtendo um resultado melhor do que o imaginado. Se você gostou do conceito e quer reproduzir o seu funcionamento, basta seguir os passos descritos no tutorial disponível nesse link.

 

Via TweakTown

Um Game Boy Color nano que saiu de um Burger King

by

gameboycolornano

Se você acha que ir até o Burger King só vai matar sua fome (ou fazer você voltar para casa usando uma coroa de papelão na cabeça), saiba que você está redondamente enganado. Essa famosa rede de fast food presenteou durante um tempo (lá fora) uma série de pequenas unidades de um Game Boy de brinquedo, decorados com diferentes Pokemons. Até aí, tudo bem.

A ação de marketing inspirou o nosso protagonista desse post, um usuário do Reddit chamado ChaseLambeth, que decidiu se aproveitar da carcaça e dimensões do brinquedo para acoplar uma pequena tela de 2 polegadas e um Raspberry Pi Zero, que é capaz de executar a distribuição RetroPie, especializada em emuladoras.

 

O resultado esse experimento pode ser visto nas imagens que o seu criador compartilhou: uma versão super reduzida do Game Boy Color, com a possibilidade de executar ROMs do Game Boy, Game Boy Color e Game Boy Advance. Hoje o dispositivo conta com três modelos diferentes, e seu fabricante chegou a vender uma dessas unidades por nada menos que US$ 250.

Um pequeno, porém, incrível mod que vale a pena respeitar. Afinal de contas, quem não queria ter um Game Boy Color nano? Eu sei que tem gente que não queria, mas temos que sustentar o mito que passa pelos meus olhos. Mas nada muito sério.

E aí? Se animou a fabricar o seu?

Via KotakuReddit

Game Boy Zero, um Game Boy modificado que roda qualquer jogo retrô da Nintendo

by

game-boy-zero-ed2

Uma Game Boy que pode rodar jogos do NES, SNES, Game Boy e Game Boy Advance? Sim, é possível. O YouTuber Wermy mostra m seu canal todo o processo para materializar o Game Boy Zero, um divertido mod do Game Boy que roda qualquer jogo retrô da Nintendo.

Isso só foi possível com a ajuda de uma Raspberry Pi Zero (com o emulador instalado), um cartucho modificado para poder utilizar um cartão microSD e muita imaginação para seguir adiante, além da concessão, dentro do espírito retrô, de algumas modernidades, como incluir uma tela de 3.5 polegadas, uma bateria de íon-lítio de 2.000 mAh melhorada com recarga via USB, um conector mini HDMI e botões extras para jogar alguns títulos mais recentes.

game-boy-zero-ed2-02

O Wermy documentou todo o processo de construção do Game Boy Zero no Imgur, montando um guia que, apesar de não ser um tutorial ao pé da letra, pode dar uma ideia muito boa sobre como é possível realizar essa atraente modificação. Certamente os usuários mais habilidosos no assunto poderão reproduzir o feito sem maiores dificuldades.

O criador também responde a qualquer pergunta relacionada ao projeto no YouTube. Sem falar que, se você se animar a fazer a sua versão do console portátil, sempre terá o apoio do próprio autor da façanha.

Vídeo demonstrativo a seguir.

 

Via SploidYouTube (Wermy)Imgur

 

Adicionaram um slot microSD no Nexus 5

by

nexus-5

Para muitos, o Nexus 5 (fabricado pela LG) foi o melhor de todos os smartphones da Google. Porém, uma de suas grandes carências era a ausência de um slot para cartões microSD, principalmente quando pensamos que o modelo poderia ter um limite de 16 GB de armazenamento. Então, um usuário decidiu tentar inserir por conta própria um slot microSD nesse smartphone, e conseguiu resultados satisfatórios.

Nexus-5-microSD-card-mod-1

Para alcançar esse objetivo, ele reordenou o interior do smartphone para conseguir um espaço na placa para adicionar o slot e fazer com que tudo funcione. Algo bem útil no Android 6.0 Marsmallow, que reconhece a microSD como armazenamento interno de forma automática.

Nexus-5-microSD-card-mod-2

Infelizmente, nem tudo foi perfeito. As mudanças de hardware não são compatíveis com a tampa traseira original, mas sim com um case protetor que acaba com a estética do Nexus 5. Porém, levando em conta a complexidade da modificação e o resultado alcançado, temos que reconhecer a validade dessa iniciativa.

Via Android Authority

Fantástico mod de Xbox One inspirado em Fallout 4

by

Fallout4

A proximidade do lançamento de Fallout 4 inspirou um usuário do YouTube a criar um belo mod de Xbox One, totalmente inspirado na popular saga pós-apocalíptica, com uma grande riqueza de detalhes.

A primeira coisa que chama a atenção é a aparência de metal desgastado e oxidado, além de uma grande riqueza de detalhes que oferecem um conjunto visualmente perfeito. O logo da RobCo, a imagem de Vault Boy, a referência ao refúgio 111 e o símbolo nuclear no ventilador são alguns exemplos do cuidado do mod, mas também chama muita atenção o acabamento transparente na parte superior e a iluminação LED do conjunto, que permite alternar entre várias cores.

Fallout 4 chega ao mercado hoje, 10 de novembro, para Xbox One, PS4 e PC.

Via WCCFTech

PlayBox é a fusão de dois mundos (PS4 + Xbox One)

by

playbox-xboxone-ps4

O produto feito para os indecisos. Essa é a melhor definição para a PlayBox, o novo trabalho artesanal do modder Ed Zarick, conhecido por suas modificações de consoles para dar vida aos modelos portáteis que deixam os gamers simplesmente apaixonados.

Dessa vez, ele unificou um PS4 e um Xbox One em um mesmo chassi com aparência de notebook, com tela de 22 polegadas. Para isso, ele utilizou um monitor Vizio 1080p, e simplificou os componentes de cada console para que tudo pudesse caber na carcaça preparada para essa ocasião.

O resultado é um sistema completamente funcional, que roda os dois consoles (apesar de ambos não poderem ser ligados ao mesmo tempo). Os consoles compartilham do mesmo cabo de alimentação, e contam com uma porta Ethernet cada uma, além de oferecer uma saída HDMI para conexão do PlayBox em telas maiores.

No processo, o Xbox One perdeu as portas USB (que são internas) e o botão de liga/desliga do PS4 não funciona corretamente por conta de sua funcionalidade tátil, de modo que o seu criador utiliza o DualShock 4 para ligar o console.

Tal com suas criações anteriores, Zarick vai fabricar outros modelos idênticos por encomenda, mas já avisa que o seu preço será um pouco mais elevado do que as suas criações anteriores.

 

Via Pocket LintEds Junk

 

Xbox 360 Laptop. Isso mesmo: mais um “laptop” do Xbox 360

by

darkmatter-xbox-360

Talvez esse não seja o melhor momento para anunciar um novo projeto na Kickstarter baseado no “velho” Xbox 360, mas todos nós sabemos que não custa tentar. Principalmente se a ideia é boa, como é o caso do Xbox 360 Laptop, proposto pelo modder Darkmatter, que é bem mais atraente que as outras conversões anteriores.

Esse console semiportátil utiliza a base de um Xbox 360 Slim, que foi instalada em uma nova carcaça impressa em 3D e cortada com laser, para abrigar o console em si e uma tela de 15.6 polegadas (720), além de uma nova interface touchscreen baseada em Arduino. Todas as funcionalidades do console da Microsoft estão presentes, incluindo a conectividade WiFi, os seus 4 GB de armazenamento e o leitor de DVD.

O elemento touch, batizado com o nome Xduino360, serve basicamente para dispensar os botões físicos, tornando possível o acionamento da bandeja da unidade ótica, regular o volume e ligar o console com um simples toque em sua superfície. De fato, a ideia do Darkmatter é oferecer todas as peças do seu projeto em um kit de montar, para que qualquer pessoa possa criar a sua versão em casa.

Para isso, o modder pensa em tornar público todos os desenhos e planos de montagem em CAD, de modo que os usuários mais avançados possam modificar os seus consoles e até mesmo aperfeiçoar o projeto original. Aliás, o projeto é tão bem sacado, que conseguiu chamar a atenção de Ben Heck, uma verdadeira lenda no quesito “vamos modificar qualquer videogame do mundo”, o que é quase um certificado de qualidade para Darkmatter.

O Xbox 360 Laptop poderá ser adquirido caso o projeto consiga a sua arrecadação necessária durante o tempo de campanha na Kickstarter. O kit para montagem (sem o Xbox 360 Slim) custa US$ 499, mas se você nem quer se dar ao trabalho de sair montando tudo, pode comprar o produto já montado (com o Xbox 360, é óbvio) pelo preço de US$ 999.

Antes que você pergunte: o modder já afirmou que já pensa em redesenhar o seu projeto para que ele seja funcional com o Xbox One.

GameBoy Reloaded, o híbrido definitivo para os videogames portáteis

by

gameboyreloaded

Este não é o primeiro GameBoy “Frankenstein” que vimos na internet, mas o trabalho realizado pelo modder Akira é um dos mais bem elaborados que já encontrei em quase cinco anos de TargetHD. Esse detalhista modder desenvolveu um projeto de longa data de integrar um Nintendo DS Lite em uma carcaça do GameBoy original. Porém, o projeto mudou um pouco de rumo, e com a ajuda de alguns emuladores, ele transformou o seu GameBoy em um autêntico console portátil multiplataforma.

A lista de consoles do passado é invejável: SNES, NES, Mega Drive, GameBoy Color e GameBoy Advance. E isso, porque eu citei apenas alguns títulos. A curiosa fusão de consoles obrigou ao criador do modding a introduzir alguns botões extras no videogame, além de um potente alto-falante interno, duas baterias de 2.000 mAh (para você não ter que pensar em pilhas durante a jogatina) e algumas modificações, como interruptores e LEDs de status do dispositivo. O resultado final acabou ficando um pouco diferente do GameBoy que todos nós conhecemos, mas nem por isso prejudicou a essência clássica do produto.

gameboyreloadeddentro

Você pode ter uma versão desse GameBoy Reloaded por 350 euros, incluindo um carregador novo, um adaptador veicular, um cartucho do GameBoy original na cor preta, um cabo micro USB e um case.

Abaixo, um vídeo do console em funcionamento.

 

 

Via Hack a Day

 

Ben Heck criou o “videogame definitivo”, combinando Xbox 360, PS3 e Wii

by

ben-heck-ultimate-combo-system

Quem acompanha os primórdios do TargetHD.net sabe que eu já divulguei muitos dos feitos do Ben Heck, esse maluco da foto acima, que consegue criar produtos excelentes, transformando videogames comuns em videogames espetaculares. O modder é conhecido também por recentemente contribuir para que pessoas com algumas limitações motoras consigam realizar tarefas com o auxílio da tecnologia. Agora, ele apresenta uma solução que ele mesmo chama de “videogame definitivo”, pois combina em um corpo os modelos Nintendo Wii, Xbox 360 e PlayStation 3.

O Ultimate Combo System nada mais é do que a combinação dos três consoles mais populares do mercado mundial de videogames. O modelo “mutante” é fabricado em madeira, que abriga com harmonia plana os diferentes videogames. Como sempre faz durante sus criações e adaptações, Ben registrou todo o processo de confecção do pequeno monstro em vídeo (cuja parte 01 você pode ver abaixo). São três vídeos que mostram em detalhes o complexo processo de desmontagem e montagem dos três consoles. As duas partes restantes ele vai publicar em seu site nas próximas semanas.

Enquanto você espera para saber como ele fez para que os três consoles funcionassem em um mesmo corpo de forma organizada, veja abaixo o vídeo 1 desse processo. E comece a se planejar para fazer a sua versão (se tiver coragem habilidade e dinheiro para tal).

 

 

Via Element14

μJoypad, o menor joystick para NES do mundo

by

Mesmo com todos os avanços no mundo dos videogames, com novidades incríveis e novos jogos com excelentes gráficos, não conseguimos nos desvencilhar dos clássicos. O NES (ou Nintendo 8 Bits) é um desses modelos que eternamente ficarão guardados em nossos corações, e creio eu que, de temos em tempos, vamos ver novidades para ele. Como é o caso do μJoypad, que pode muito bem ser considerado o menor controle do mundo para esse console.

Já vi controles para NES gigantes, modificados para outras finalidades, nos mais diferentes formatos, tamanhos e modelos. Cada um com sua peculiaridade e sua estranheza, mas nunca me ocorreu a possibilidade de alguém criar um joystick para que o seu hamster de estimação possa jogar tranquilamente os seus jogos do passado, evitando que o pequeno animal deseje jogar o seu PlayStation 3. Parece que foi esse conceito que motivou Ben Bergman a fabricar o μJoypad.

O minúsculo joystick possui um tamanho similar ao de uma moeda de 25 centavos (25.4 x 12.8 x 3.2 mm). O periférico inclui botões minúsculos, que foram soldados em uma placa especial criada especificamente para o projeto, e apesar de suas dimensões reduzidas, ele é 100% funcional, apesar de todas as dificuldades que uma pessoa normal vai ter em acessar esses botões. Bergman admite que as dimensões do controle tornam a experiência de jogo “um pouco dolorosa”. Um pouco? Eu diria “humanamente impossível” mesmo.

Se esse é mesmo o menor controle de NES do mundo, não posso dizer, mas pelas suas características, não duvido que o seja. Será que teremos algum outro modder que vai conseguir fazer algo ainda menor que isso? Não acredito que isso aconteça. Mas sei que vai ter gente tentando repetir o feito por aí. E, dessa forma, o NES segue vivo em nossos corações. E em blogs como o TargetHD.net.

Evil Controllers quer dar ao seu controle do Xbox 360 a bateria ultrafina que ele merece (mas não possui)

by

É algo tão irônico quanto habitual. Muitos dos periféricos mais interessantes chegam ao mercado quando o console para o qual foi desenvolvido está se encaminhando para o final da sua vida comercial. Vimos isso nas gerações anteriores, e agora, a história se repete com o Xbox 360, e dessa vez, o protagonista é a Evil Controllers.

Eles decidiram voltar a sua criatividade para protagonizar o papel de “advogado do diabo” com o seu novo projeto, que busca oferecer uma bateria de alta capacidade e perfil super reduzido para os controles sem fio do Xbox 360. O projeto, que está em financiamento na Kickstarter (e vai muito bem por sinal, pois já arrecadou mais de US$ 6 mil dos US$ 15 mil necessários para entrar em produção, e ainda restam mais de um mês de arrecadações), consiste essencialmente em uma carcaça traseira de baixo peso, onde se aloja uma bateria de íons de lítio com uma duração de 10 horas. Graças ao seu design ultrafino, ele elimina a lombada que existe na parte traseira do controle sem fio original, mantendo ainda a capacidade de ser recarregado via USB.

A Evil Controllers pensa em oferecer essa bateria em forma de kit para montar e como controle completo e modificado, com preços promocionais de US$ 50 e US$ 80 respectivamente, para aqueles que apostarem na ideia publicada na Kickstarter de forma antecipada. No kit, estão inclusos os novos sticks analógicos e os botões de ação. Abaixo, vídeo demonstrativo do projeto.

Via Joystiq, Kickstarter

Já conseguiram crackear o microchip do cabo Lightining da Apple

by

Tão rápido quanto humanamente possível. E você aí pensando que não seria possível… que falta de fé a sua!

Bom, sem piadinhas agora. A tecnologia está muito avançada, a ponto de produtos teoricamente impossíveis de serem copiados ou, nesse caso, crackeados, serem devidamente alterados por mentes e mãos habilidosas. Principalmente se vierem da China. Como nesse caso: uma fabricante chinesa alega ter descoberto um código integrado no chip de autenticação do novo cabo Lighitining da Apple, permitindo que fabricantes de acessórios possam facilmente criar clones desse cabo, sem maiores problemas. Resumindo: era tudo o que a Apple NÃO queria.

Essa fabricante chinesa alega ter conseguido com sucesso reverter a engenharia presente no cabo oficial da Apple, aprendendo como eles criaram o cabo, o chip e todos os seus elementos integrados, e criando assim um dock alternativo e não oficial, chamado Flash Lightining Dock. Para deixar o produto ainda mais invocado (e provocar ainda mais a ira da empresa de Cupertino), eles colocaram um LED pulsante, que varia de velocidade de acordo com a quantidade de bateria restante no smartphone, indicando assim a velocidade da recarga.

O cabo está nesse momento disponível para compra no site da iPhone5mod (clique aqui), pelo preço de US$ 40. Até o momento, a Apple não se pronunciou sobre o assunto, mas acredito que isso não vai demorar para acontecer. Abaixo, um vídeo demonstrativo do periférico em funcionamento.

Via M.I.C. Gadget

Motorola Milestone volta a ser relevante, com uma atualização não-oficial do Android Jelly Bean

by

Este é um dos smartphones que ajudou a colocar o sistema operacional Android no mapa. O Motorola Milestone (ou Motorola Droid lá fora), na época do seu lançamento era considerado um “super smartphone”, com a combinação de um processador poderoso, um corpo robusto e um teclado QWERTY slide, que oferecia uma boa produtividade para os usuários que queriam escrever e-mails e mensagens nas redes sociais pelo smartphone.

Porém, o tempo passou, e o aparelho foi esquecido pelo Google em termos de atualizações. Mas isso não significa que alguns intrépidos não continuaram trabalhando nele. Por exemplo um membro do famoso fórum XDA-Developers lançou no último sábado (25) a versão alfa da ROM do Android 4.1 (Jelly Bean) para o Motorola Milestone.

As primeiras informações sobre a modificação apostam que a versão está relativamente estável, se levarmos em conta que o Droid/Milestone possui um processador de 550 MHz single core e 256 MB de RAM. Essas especificações, apesar de serem consideradas hoje de um aparelho de entrada, na época do lançamento do Milestone era uma das mais elevadas. E a prova disso é que são especificações muito próximas daquelas que o Jelly Bean considera como mínimas para que o sistema funcione.

Os modders estão ficando cada vez mais criativos e saudosistas. Não faz muito tempo que o primeiro smartphone Android da história, o T-Mobile G1 recebeu uma versão rudimentar do Android 4.1, e agora, temos o Milestone agraciado com essa adaptação. Veja abaixo o vídeo da demonstração dessa modificação para o smartphone da Motorola.

Via Droid-Life

Android 4.0.4 chega ao HTC Desire HD, graças a uma ROM perfeitamente customizada

by

A HTC não conseguiu oferecer o Ice Cream Sandwich ao seu Desire HD, mas isso não quer dizer que a versão não está disponível para o smartphone. A intrépida equipe do XDA Developers realizou a adaptação por sua conta e risco, e como era de se esperar, eles obtiveram sucesso na investida.

Já circula no famoso fórum a ROM customizada “Team Blackout’s Android 4.0.4” (também conhecida como Blackout ICS Incredible), encarregada de dar uma nova vida smartphone. A ROM é baseada em uma compilação do ICS para o Incredible S, exigindo assim que você sacrifique todos os seus dados com uma restauração completa (ou seja, lembre-se de fazer uma cópia de segurança), para que aí sim você possa desfrutar de todas as vantagens do Android ICS com a interface Sense 3.6 (e sem nenhum tipo de falha, segundo a equipe de desenvolvimento).

Android Jelly Bean dá uma nova vida (restrita, é verdade) ao T-Mobile G1, o primeiro Android da História

by

O pessoal da XDA-Developers colocou a mão na massa, e na última terça-feira (07/08), apresentou ao mundo um Android G1, primeiro smartphone Android da História, rodando o Android 4.1 Jelly Bean.

Tudo bem, o sistema operacional ficou bem lento com o velho smartphone (aliás, a versão original do Android já era bem lenta no G1), e vários recursos não estão funcionais, mas pelo menos o Wi-Fi e o touchscreen estavam funcionando, assim como o Google Now. Como já é de se imaginar, o sistema de rotação de tela e a rede de dados do celular não estavam funcionais, mas acho que só pelo fato de ser funcional, já temos que nos dar por satisfeitos. Afinal de contas, o G1 é equipado com um processador de 528 MHz, 256 MB armazenamento e 192 MB de RAM, o que torna essa adaptação ainda mais memorável.

Modder “funde” dois controles do Nintendo 64, e o resultado é simplesmente perfeito!

by

Nada como um bom modding da Nintendo para terminar o dia, não é mesmo?

Pois bem, dê uma boa olhada nesse trabalho criado pelo modder Clarky, pois o nível de perfeição é tão elevado que é muito difícil de acreditar que esse NÃO é um produto oficial da Nintendo. O trabalho é simplesmente o resultado da fusão dos dois controles do Nintendo 64, para obter um único controle de quatro chifres, onde você pode se divertir sozinho ou com algum amigo disposto a controlar o seu personagem junto com você.

Vale lembrar que o controle original do console de 64 bits só oferecia um único stick analógico no centro, de modo que Clarky teve a grande sacada de unir os dois controles e aproveitar do efetivo controle em jogos como Goldeneye 64 e Star Wars: Episote 1 Racer, únicos jogos que oferecem compatibilidade com o duplo stick analógico. Além disso, os jogos emulados em um PC de outras plataformas também agradecem o benefício.

Abaixo um vídeo do processo de criação e o funcionamento do controle.

Via Kotaku

Hackearam o Nexus Q, fazendo o reprodutor multimídia rodar jogos

by

Apenas um dia depois de ser lançado, o Nexus Q já era alvo de mãos habilidosas, mostrando suas possibilidades. Afinal de contas, estamos falando de um dispositivo que possui um processador OMAP4460, placa gráfica PowerVR SGX540 com 1 GB de RAM, além de uma porta microUSB. E esse foi um prato cheio para já modificarem o gadget.

Christian Kelly, um desenvolvedor de aplicativos Android, decidiu carregar o game Swords and Soldiers no Nexus Q. O game em alguns momentos não roda, e se o fizesse, sentiria falta da tela de toque (o que reduz consideravelmente a diversão), mas é interessante saber o que se pode fazer com o dispositivo, e esteja certo que é só o começo. É só dar alguns dias para que novos hacks surjam.

Se levarmos em conta que o reprodutor multimídia possui o sistema Androi e uma arquitetura comparável com o Galaxy Nexus, o produto dá aos desenvolvedores uma grande liberdade na hora de explorar as suas possibilidades.

Via SlashGear

O Galaxy Nexus se veste de Galaxy S III, graças ao CyanogenMod 9

by

Se você deixou de olhar com bons olhos o Galaxy Nexus depois do lançamento do Galaxy S III, dê uma olhada com atenção neste post, pois o seu amor pode voltar de imediato. O pessoal do fórum XDA-Developers apresentou mais uma versão modificada do firmware do produto, que deu um retoque na interface visual do Nexus, dando à ele uma aparência mais próxima ao do Galaxy S III, graças ao CyanogenMod 9. E não foi só a parte visual que mudou, mas também alguns recursos foram adicionados, como o S Voice, sons originais, o launcher TouchwizUX e outras diversas características que você poderá conferir na fonte desse post. Ou seja, uma simples atualização de software pode ajudar a renovar o seu smartphone.

Via XDA-Developers

Android Open Kang Project permite que você personalize a barra de navegação do Android Ice Cream Sandwich

by

Que o Ice Cream Sandwich representa um grande passo na estratégia de design e unificação do Android, isso eu não duvido. Mas sempre tem uma parcela de usuários que quer um pouco mais, indo além dos limites impostos pelo Google para o seu SO. E é aí que entra o pessoal da Team Kang.

No vídeo abaixo, você vai ver de forma clara algumas das modificações possíveis com sua futura ROM personalizada, que permitirá, entre outras coisas, adicionar até cinco botões na barra de navegação do ICS, registrar novas aplicações e até adicionar uma maior interação com a laucher do sistema, deixando o Android 4.0 irreconhecível.

Via RootzWiki.com