Arquivo para a tag: metro

Como tornar a tela de início do Windows 8 algo realmente útil?

by

xxoc6vsiqyyuhzklfivj

A tela inicial do Windows 8 (estilo Metro) não é perfeita, mas com alguns poucos ajustes e alguns downloads ela pode ser bem útil. Nesse post, temos algumas maneiras de tornar essa tão polêmica tela algo mais funcional e interessante.

Adicionar widgets e acessos diretos, com o Start Screen Unlimited

n9y0ovmegerohrgtedqf

Os widgets do desktop desapareceram no Windows 8, mas existem alguns itens básicos que podemos trazer de volta, com a ajuda de software de terceiros. O Start Screen Unlimited adiciona widgets que mostram o status da bateria, informações sobre o WiFi, atalhos para desligar o computador, um pequeno calendário, entre outros.

O aplicativo é altamente personalizável. No menu de acesso direto, por exemplo, é possível desligar, reiniciar ou hibernar o computador com um simples botão. Até a atualização para o Windows 8.1, essas opções estavam bem escondidas dentro dos menus. Outro item que voltou a ser bem mais acessível é o Painel de Controle.

Colocar as tarefas em primeiro plano, com o To-Do Prime

ygflb05x9xjkcvtbui8o

No Windows 8.1, já é possível mudar o tamanho dos blocos da interface. Isso é particularmente útil para os aplicativos de gerenciamento de tarefas. Até que serviços tão populares como o Wunderlist ou Google Keep não contem com aplicativos específicos para o Windows 8, o To-Do Prime é uma boa alternativa. Ele permite a criação de blocos com uma lista determinada de tarefas, para que você conte com esses apps sempre ao seu alcance.

Adicione o seu calendário da Google em um bloco, com o Gmail Calendar

sbybuqhs3vfhkl186gae

O aplicativo de calendário nativo da Microsoft funciona bem, se você utiliza os serviços do ecossistema Windows. Para quem depende dos serviços da Google – e, por tabela, do Gmail Calendar -, podem integrar esse calendário manualmente no Windows 8, mas é mais simples utilizar esse aplicativo, que funciona bem melhor. =

Monitore o nível de bateria, com o Battery Level

Nem todos os equipamentos contam com um bom sistema para informar quanto tempo de bateria ainda está disponível. O Battery level é um útil widget, que mostra a porcentagem restante, em tempo real. O aplicativo é compatível com Windows 8.1, e seu tamanho pode ser ajustado, para que não ocupe muito espaço na tela.

Dê uma chance para a interface Metro

h3tgdss6vkahe5spn2vp

O Windows 8 melhorou muito, e realmente vale a pena estudar a fundo os benefícios que a interface Metro tem para oferecer. As janelas de calendário e e-mails, por exemplo, são bem úteis. Minha última recomendação é que você dedique algum tempo para estudar a interface do Windows 8 em detalhes. Não é para todo mundo, mas certamente o sistema esconde surpresas muito agradáveis.

Windows Threshold (a próxima versão do SO) promete trazer o botão Iniciar de volta (e, dessa vez, é de verdade)

by

windows-8-start-button

A decisão da Microsoft de recuperar o tradicional botão Iniciar no Windows 8.1 foi recebida com um grande entusiasmo. Igualmente grande foi a decepção de muitos usuários ao comprovar que, na prática, agora existe um novo e bonito botão no canto inferior esquerdo da área de trabalho, que basicamente serve para acessar a tela iniciar do sistema operacional e seus aplicativos. Mas isso pode mudar em breve. Bom, vai demorar um pouco. Mas pode mudar.

Para a felicidade de muitos, parece que a próxima grande atualização do Windows vai trazer de volta o botão Iniciar DE VERDADE. E essa não será a única novidade importante a ser adicionada na interface do sistema da Microsoft.

De acordo com as fontes do sempre bem informado Paul Thurrott, o Windows Theshold, a próxima grande atualização do Windows, não só unificará as diferentes versões do sistema operacional, com serviços e ferramentas compartilhadas entre os computadores, dispositivos Windows Phone e console Xbox One, mas também vai trazer de volta o botão Iniciar do jeito que nós sempre conhecemos.

classic-shell

Este botão estará disponível de forma opcional, e sua disponibilidade vai depender se a versão escolhida do Windows suporta ou não a visualização da área de trabalho tradicional. Mas fato é que, a esta altura do campeonato, há um bom número de alternativas gratuitas e pagas para adicionar o botão Iniciar no Windows 8. Por outro lado, sempre é melhor que esse item acompanhe de série, por mais que a solução da Microsoft (muito provavelmente) não vai se equiparar à soluções tão completas, como o Classic Shell (foto acima).

A segunda brande novidade na interface da próxima versão é outro item muito solicitado pelos usuários: a possibilidade de executar aplicativos Metro na área de trabalho tradicional do Windows. Mais uma vez, essa é uma característica que pode ser habilitada através de software de terceiros, e só agora a Microsoft estaria disposta a adicionar como parte integrante do sistema operacional, unindo o estilo minimalista de sua interface moderna com o potencial e a amplitude de opções da área de trabalho clássica.

Podemos pedir mais. É claro que sim. Mas para começar, até que está bom.

Via WinSuperSite

Mozilla lançará o Firefox Metro no dia 10 de dezembro

by

mozilla-metro

Para quem não segue de perto o assunto, poderia dizer que o Firefox Metro está entre nós há meses. Infelizmente, para os proprietários de um tablet com Windows 8, isso não está certo. Apesar do fato da Mozilla ter pensado em lançar uma versão adaptada para a nova interface do Windows 8 no começo do ano, até o presente momento, tudo o que temos são versões não oficiais, e a promessa que, em algum dia, ela seria lançada. Bom, ao menos agora temos uma data de lançamento: 10 de dezembro de 2013.

A Mozilla apresentou o seu plano de lançamentos para o Firefox Metro, que vai abandonar a sua fase de testes e desenvolvimento, com o lançamento do Firefox 26, oferecendo assim uma boa alternativa ao Internet Explorer, com suporte para o Firefox Sync, gestos na tela e, basicamente, tudo o que podemos pedir de um navegador especialmente desenvolvido para os tablets.

A espera até o dia 10 de dezembro será longa, de modo que os usuários mais impacientes podem ao menos testar o Firefox Metro em fase beta no dia 28 de outubro, ou antes disso, no canal Aurora, no dia 26 de setembro.

Via HotHardware

Afinal de contas… por que a Microsoft matou o nome “Metro” de sua interface?

by

live tiles - Afinal de contas... por que a Microsoft matou o nome "Metro" de sua interface?

O termo Metro era oficialmente utilizado pela Microsoft para se referir à interface do Windows 8. Era. Todo mundo se acostumou com o nome, todo mundo aceitou o nome por causa da ideia dos tijolinhos um atrás do outro (ou pela métrica perfeita que os quadrados e retângulos apresentam na tela), mas por “motivos ainda não muito bem explicados”, o nome foi sumariamente eliminado da estratégia de marketing do novo sistema, do Windows Phone 8, da nova interface do Xbox, e de qualquer coisa relacionada a algum software da empresa de Redmond. E o objetivo desse post é responder a pergunta mais importante: por que?

Segundo o pessoal de Redmond, o termo Metro era apenas o nome de código da interface, e que ele “jamais foi considerado oficial” para a nova plataforma. Mas essa impressão nunca foi passada pela Microsoft, e por trás da decisão, questões legais podem estar envolvidas. Segundo a colunista do ZDNet, Mary Jo Foley, que é conhecida por ser alguém muito bem informada sobre os assuntos que rolam nos corredores da Microsoft, o real motivo da mudança seria os problemas com direitos autorais com uma empresa europeia chamada Metro Group. E, aparentemente, a Microsoft não estaria apta, ou simplesmente não queria se envolver com questões legais sobre um simples nome de interface.

Mas remover o termo Metro parece ser mais complicado do que parece. A decisão não afeta apenas a Microsoft, mas também os demais fabricantes de computadores, desenvolvedores de software, e todos aqueles que indiretamente estão envolvidos com o Windows 8, seja na área do marketing do produto, como também (e principalmente) na parte de promoção do novo sistema operacional. Todos agora terão que replanejar os seus respectivos segmentos (pior para os desenvolvedores, que terão que reprogramar os seus programas, aplicativos e documentações), eliminando toda e qualquer referência ao termo Metro. E pior: a exclusão do termo também afeta todo o conceito da nova interface, que a Microsoft trabalhou de forma pesada nos últimos meses.

A Microsoft alega que usou o nome “de código” Metro porque “é moderno, limpo e fácil. É 100% autêntico”. E eles estão certos em afirmar isso. Só que, quando promoveram a interface, eles vincularam o tempo todo essa ideia na palavra “Metro”. Jamais a empresa afirmou, como faz agora, que o termo Metro era apenas “de mentirinha”. Mas, como eles estão tomando todo o cuidado do Universo para não se envolverem em questões legais, é melhor prevenir do que remediar (ou pagar milhões de dólares para outras empresas).

Eles não são os únicos a passarem com problemas por causa do nome de algum produto. A Apple também teve dificuldades com a Cisco Systems ao utilizar o nome iPhone. Porém, as duas empresas fecharam um acordo amigável para poder utilizar o termo em seu smartphone. Além disso, recentemente, a empresa de Cupertino se envolveu com problemas com a fabricante chinesa Proview por causa do termo iPad. A solução disso? US$ 60 milhões a mais na conta bancária da Proview, e o problema foi resolvido.

E fica a pergunta: “será que a Microsoft não poderia brigar mais pelo termo Metro, ou pagar alguma grana a mais para usar o termo?”. Em teoria, sim. O termo Metro é relativamente “novo”, e a Microsoft utilizava o termo desde o início do Windows Phone 7, para descrever a interface do sistema operacional móvel.

Pelo visto, a Microsoft não está interessada em entrar em uma briga pelo Metro (o nome) porque está vendo alguns passos a frente. O Windows 8 já recebeu algumas críticas, principalmente pelos usuários de desktops e laptops, que afirmam que a nova interface é voltada demais para os tablets. Se a Microsoft quiser desistir da ideia (o que, particularmente, pelo andar da carruagem, acho muito difícil), eles podem, sem se prender a nenhum termo em específico. Caso a nova interface não funcione bem nos desktops, laptops e ultrabooks, eles podem simplesmente tomar outro caminho para esse segmento, e deixar a nova interface exclusiva para os tablets e smartphones.

Por isso, optaram por chamar a nova interface de Windows 8 UI. E nada mais. É claro que o nome não é tão chamativo e interessante como Metro, mas é muito melhor do que ter que pagar direitos autorais por causa de uma palavra de cinco letras. É melhor batizar com o seu próprio nome o seu próprio filho, e deixar claro para todo mundo quem pensou primeiro na ideia de agrupar os tijolinhos na tela. Antes que alguém vá para os tribunais, dizendo que pensaram nisso primeiro.

pixy - Afinal de contas... por que a Microsoft matou o nome "Metro" de sua interface?

Microsoft proíbe o uso do nome Metro na Windows Store

by

nometro - Microsoft proíbe o uso do nome Metro na Windows Store

As coisas parecem ser bem claras: se a Microsoft não pode usar o nome Metro, ninguém mais pode usar. Bom, pelo menos na loja de aplicativos do sistema operacional vai funcionar assim.

Tal decisão acontece em um momento próximo ao lançamento de uma atualização nas regras que os desenvolvedores devem seguir para continuar criando os seus aplicativos para o Windows 8. De concreto, o software enviado para aprovação que usar a palavra proibida não receberá a “certificação” para a Windows Store.

A nova restrição poderia parecer fácil de se aceitar, porque é apenas uma palavra, algo que não parece ser muito difícil de se cumprir. Porém, já existem diversos aplicativos que recebem o nome Metro, e estavam praticamente prontos para serem lançados junto com o novo sistema operacional. Por exemplo, o MetroTwit, que é um software muito popular na Windows Store da versão de testes do Windows 8, que agora fatalmente vai ter que mudar o seu nome, arriscando perder o reconhecimento da marca.

Com isso, fica claro que em nenhum lugar de Redmond, nem mesmo nos seus arredores, está permitida a pronúncia da palavra “M*7r*”, com risco de pena capital para o infeliz que se esquecer dessa regra.

Via MSDN.com

pixy - Microsoft proíbe o uso do nome Metro na Windows Store

Microsoft não se decide: interface, que antes era Metro, e depois “Windows 8”, agora é “Modern UI Style”

by

original2 - Microsoft não se decide: interface, que antes era Metro, e depois "Windows 8", agora é "Modern UI Style"

Todo mundo foi correndo para seus computadores para divulgar que a Microsoft tinha mudado o nome oficial da interface Metro para “Windows 8”. Pois é, a história não é bem essa.

Hoje (10/08), o site The Verge encontrou referências em diversas listas dos próximos eventos da Microsoft, onde a empresa de Redmond se referem à interface gráfica como “Metro/Windows /Fancy New UI como “Modern UI”, ou simplesmente “Modern” (“Moderna”).

Eu sei, você está confuso, e eu também. A Microsoft, na tentativa de não se envolver com possíveis problemas judiciais pelo direito de uso do nome, começa a fazer escolhas, no mínimo, confusas (para não dizer infelizes). Se ontem eu acreditava que o nome “Windows 8” para a antiga interface Metro era pior, hoje, acho o “Windows 8” uma beleza, pois Modern não é algo que sequer está alinhada com a proposta que a própria Microsoft afirma ter com a mudança do nome da interface.

Mas, para deixar as coisas bem claras aqui: o novo nome ainda não é oficial. A referência “Modern UI Style” apenas aparece nas listas de eventos da empresa, e a troca oficial do nome Metro ainda não foi anunciada de forma oficial. Logo, talvez o “Modern” seja mesmo o novo nome. Espero que não, pois não acho melhor que “Windows 8”.

pixy - Microsoft não se decide: interface, que antes era Metro, e depois "Windows 8", agora é "Modern UI Style"

“Interface Windows 8” é o novo nome da interface do Windows 8. Metro era bem melhor…

by

thinkpad windows8 apps - "Interface Windows 8" é o novo nome da interface do Windows 8. Metro era bem melhor...

Não faz muito tempo que falamos aqui no TargetHD sobre a possibilidade da Microsoft ter que trocar o nome de sua interface Metro, e a própria Microsoft se pronunciou sobre o assunto, falando que precisava usar uma nomenclatura que “aproximasse o conceito do consumidor”, mas na verdade, o problema seria uma suposta briga pelos direitos do uso da palavra contra a empresa alemã Metro AG. Pois bem, aquela que antes era conhecida como “Metro” agora vai receber o nome de “interface Windows 8” ou, simplesmente, “Windows 8”.

Quem traz a informação é Mary Jo Foley, do ZDNet, que já é conhecida no meio da imprensa tecnológica dos Estados Unidos por ter fontes muito boas dentro da Microsoft. E segundo suas fontes, tudo o que está relacionado à interface, e que antes usava essa denominação, passa a se referir ao nome da versão do sistema operacional e nada mais.

A propaganda do ThinkPad Tablet 2 da Lenovo já apresenta essa mudança, uma vez que eles citam “desktop and Windows 8 apps”, sem nenhuma referência ao sistema Metro na propaganda. Particularmente, se isso acontecer, é uma pena. O nome Metro é muito melhor, e se encaixava bem na ideia de colocar “um quadrado atrás do outro”, assim como os vagões do metrô. Mas em um mundo onde todo mundo a batalha das patentes e direitos autorais é voraz, é melhor evitar problemas.

Mas que Metro era um nome muito melhor… isso era.

Via ZDNet

pixy - "Interface Windows 8" é o novo nome da interface do Windows 8. Metro era bem melhor...

Microsoft pode ter que mudar o nome da sua interface Metro, por questões legais

by

windows 8 metro1 - Microsoft pode ter que mudar o nome da sua interface Metro, por questões legais

O que tem em comum o Windows Phone, o Windows 8 e o Zune?

Isso mesmo que você pensou, a já tão difundida interface Metro, que não passou desapercebida desde sua apresentação, e o seu nome já está marcado na memória de todo aqueles que ficaram impressionados com os seus quadrados e menus. Mas, nesse mundo tão competitivo, nome é uma coisa complicada. Você cria um produto, desenvolve, e quando resolve colocar o nome, tem que quebrar muito a cabeça para pensar em um nome que seja marcante e que, ao mesmo tempo, não copia um nome que já existe.

Pois é, por causa dessas “coincidências irônicas”, muito provavelmente, quando o Windows 8 for lançado em 26 de outubro, não voltaremos a chamar essa interface de Metro, já que tal como garante a própria Microsoft, será necessário iniciar “uma transição do diálogo industrial para um diálogo amplo com os consumidores”. Traduzindo a declaração um tanto quanto estranha: temos que levar em conta que os dispositivos com Windows Phone já estão no mercado, de modo que algum motivo muito estranho (jurídico, talvez) deve justificar essa mudança de terminologia.

Segundo os sites Ars Technica e The Verge, fontes comentam que a Microsoft poderia promover essa mudança de nome de forma “voluntária”, depois de receber um intimidante aviso por parte da empresa alemã Metro AG (grupo formado pelas lojas Media-Markt, Saturn, Makro, Gallerie, entre outras). Desta forma, a Microsoft se livra de futuros problemas judiciais, e teria que buscar um novo nome para promover a interface com os usuários.

Eu gosto do nome Metro. Até faz o seu sentido (principalmente para quem já usou o Windows Phone). Porém, é inevitável que algumas empresas queiram aproveitar todo e qualquer tipo de brecha para buscar algum lucro em cima de alguma outra empresa. Principalmente em algo que todo mundo está elogiando, como é o caso do Windows 8 (e da interface Metro). Esse é o mundo dos negócios de hoje. Infelizmente.

Via Ars Technica, The Verge e ZDNet

pixy - Microsoft pode ter que mudar o nome da sua interface Metro, por questões legais

Microsoft simplifica a arquitetura de impressão do Windows 8

by

win8 printing - Microsoft simplifica a arquitetura de impressão do Windows 8

Todo mundo sabe como é complicado instalar uma impressora ou multifuncional de forma correta no Windwos, principalmente porque os controladores oferecidos muitas vezes não funcionam corretamente, ou porque introduzem um monte de lixo eletrônico no computador. Depois de muitas reclamações, a Microsoft decidiu mudar as coisas no Windows 8, com uma arquitetura de impressão completamente nova, que recebe o nome de v4.

O blog Building Windows 8 explica que, apesar da versão 3 (utilizada desde o Windows 2000 até o Windows 7) ainda ser funcional com o novo Windows, a quantidade de controladores necessários para uma instalação completa será bem menor do que a atual, mas oferecendo suporte para uma maior quantidade de dispositivos.

O curioso era saber que o Windows Vista necessitava de 768 MB de espaço livre em disco para usar as opções de impressão, enquanto que o Windows 8 só vai exigir 184 MB para a mesma missão. Nesse caso, a Microsoft explica que esse tipo de otimização é necessária especialmente para o Windows RT, uma vez que os processadores ARM transformam serviços desnecessários em ciclos de execução do sistema.

Segundo Adrian Lannin, chefe de programadores da equipe de impressão, o novo sistema “simplesmente funciona”. Bom, esperamos que assim o seja, uma vez que no passado, muitos de nós desperdiçamos valiosas horas de nossas vidas configurando servidores de impressão. Tarefa essa que era dificultada por causa dos ridículos problemas que implicava utilizar uma simples impressora.

Via MSDN.com

pixy - Microsoft simplifica a arquitetura de impressão do Windows 8

Microsoft mostra os primeiros detalhes do aplicativo Fotos do Windows 8

by

6354.importthumb20ff1c42 - Microsoft mostra os primeiros detalhes do aplicativo Fotos do Windows 8

Aos poucos, a Microsoft vai revelando os detalhes do Windows 8, e a última novidade que eles apresentam é o aplicativo chamado Fotos.

Direto do blog Building Windows 8, podemos ver como funciona esse segmento do sistema com a interface Metro, que mostra toda a nossa galeria de fotos e vídeos que temos tanto no computador como no Facebook ou Skydrive. Os usuários da versão beta pública do sistema operacional poderão fazer o download da versão de testes do aplicativo, e se já possui a versão de escritório do SkyDrive, poderão sincronizar todas as imagens na nuvem, para poder visualizá-las a partir de qualquer dispositivo com Windows 8.

Se isso te parece pouco, saiba que a Microsoft incluiu opções para compartilhar as imagens de forma mais simples, com um simples link para o SkyDrive, quando queremos enviar as imagens para outras pessoas mesmo sem ter acesso à nossa biblioteca de fotos.

Visite o MSDN.com para mais detalhes.

pixy - Microsoft mostra os primeiros detalhes do aplicativo Fotos do Windows 8

Microsoft apresenta um preview detalhado do aplicativo de Calendário do Windows 8

by

windows 8 cal 06 16 12 01 - Microsoft apresenta um preview detalhado do aplicativo de Calendário do Windows 8

As informações relacionadas ao Windows 8 continuam a aparecer em ritmo constante, e dessa vez, o centro das atenções é o aplicativos de Calendário. Segundo informa o próprio Streven Sinofsky do blog Building Windows 8, uma das metas primordiais da equipe era que o aplicativo de calendário se transformasse em um reflexo fiel de nossa vida, tornando o aplicativo fácil de ler, e tornando livre de toda a distração possível.

Para isso, a informação mostrada se corresponde ao mínimo necessário para que seja compreensível, permitindo ao usuário mudar as cores de eventos importantes, assim como ocultar outros que não sejam tão importantes assim. Os designers da Microsoft se esforçaram também para que a navegação no Calendário seja a mais cômoda possível, com uma interface simples para adicionar os lembretes e múltiplas opções para gerenciar as notificações.

E tudo isso, muito bem integrado com a interface Metro, e contando sempre com o feedback dos usuários.

Via MSDN.com

pixy - Microsoft apresenta um preview detalhado do aplicativo de Calendário do Windows 8

Vazam as primeiras imagens do design do Hotmail para o Metro

by

O Hotmail evoluiu um bocado em seu design, mas ainda não é algo considerado tão agradável quanto os seus concorrentes (principalmente o GMail), dando a impressão que eles nunca abandonaram a época do Windows XP. Felizmente, em breve, isso vai mudar. O Hotmail vai receber uma reformulação completa para se adaptar à interface Metro.

hotmail frontal metro - Vazam as primeiras imagens do design do Hotmail para o Metro

O pessoal do site LiveSide conseguiu algumas imagens do novo Hotmail (o nome Newmail é visto nas imagens capturadas, ainda que tecnicamente o Hotmail não vai mudar de nome quando a nova versão for lançada em definitivo), que nos mostra assim uma aparência mais renovada, pensada em facilitar a navegação com as seções de contatos, calendário e SkyDrive, simplificando o seu uso nos PCs e nos tablets.

Se você quer ver mais imagens da nova interface do Hotmail, clique aqui. Abaixo, uma imagem capturada da atual versão do Hotmail, apenas para que você possa fazer a comparação.

viejo hotmail - Vazam as primeiras imagens do design do Hotmail para o Metro

Via TechCrunch

pixy - Vazam as primeiras imagens do design do Hotmail para o Metro

Google apresenta primeiras imagens do Chrome para Metro

by

google chrome metro dev channel - Google apresenta primeiras imagens do Chrome para Metro

Sim, amigos. Já sabemos que a Microsoft está empenhada em conseguir que o Internet Explorer seja parte integral da experiência do Metro, mas isso não significa que outras empresas não possam tentar a nova experiência gráfica do Windows 8 com propostas alternativas. O Google, por exemplo, acredita que o Chrome pode tirar vantagem disso, e oferece a primeira imagem do Chrome para o Metro. Que basicamente vem a ser mais do mesmo, mas para o Metro.

Apesar de sua aparência convencional, o Chrome para Windows 8 com Metro oferecerá funções próprias da nova interface gráfica da Microsoft, como o uso de “charms” para compartilhar páginas e suporte Snap View, para trabalhar no modo multitarefa nos tablets. As primeiras versões para Metro serão lançadas em breve, através do canal de desenvolvedores para os usuários do Windows 8 Release Preview, mas para aqueles que não querem lidar com a versão pré-beta, potencialmente repleta de erros irritantes, deverão esperar vários meses, até que uma versão final esteja disponível.

Via Chromium.org

pixy - Google apresenta primeiras imagens do Chrome para Metro

Xbox Music, o novo serviço musical para consoles, PCs, tablets e smartphones da Microsoft #E3

by

Já sabe como essas coisas funcionam. O cadáver do Zune ainda não esfriou completamente, e já temos anunciado na E3 2012 o seu substituto, o Xbox Music. A plataforma chega ao mercado com um respeitável catálogo de nada menos que 30 milhões de músicas, que podem ser acessadas por um amplo leque de equipamentos, entre os quais se encontram o próprio Xbox 360, tablets ou computadores com Windows 8 ou um smartphone com Windows Phone.

Por enquanto, não há muitos detalhes sobre suas características técnicas, e à primeira vista, o serviço parece um Zune remodelado, com uma interface no estilo Metro, de modo que vamos ter que esperar o seu lançamento oficial para saber mais detalhes do serviço. Até lá, ficamos com a demonstração do serviço exibida na coletiva de imprensa da Microsoft.

Via Xbox360.com

pixy - Xbox Music, o novo serviço musical para consoles, PCs, tablets e smartphones da Microsoft #E3