Arquivo para a tag: luxo

Um iPhone 6S de diamantes, que custa US$ 200 mil

by

iPhone6s_diamantes

Se você tem US$ 200 mil sobrando na carteira e não sabe onde gastar essa grana, ou você ajuda um pobre blogueiro a pagar as suas contas, ou você reserva um iPhone 6S com diamantes, preparado pela empresa Brikk.

A Brikk repete a estratégia de lançar um smartphone na categoria ‘ostentação’, depois de lançarem no ano passado um iPhone 6 revestido em ouro. Dessa vez, eles se antecipam ao anúncio da Apple, que só deve acontecer no começo de setembro. Bom, pelo menos esse iPhone 6S com diamantes (aparentemente) confirma que os tamanhos de 4.7 e 5.5 polegadas estão mantidos.

O Lux iPhone 6S conta com 50 quilates de diamantes, com uma carcaça de platina ou ouro 24 quilates. Vai custar US$ 200 mil, com um depósito não reembolsável de US$ 25 mil. O produto estará disponível no mês de outubro, quatro semanas depois do lançamento oficial.

iPhone6s_diamantes_2

Porém, esse iPhone 6S com diamantes está ‘barato’, se comparado com outra empresa especializada no segmento, a Goldgenie, que chegou a oferecer um iPhone 6 por US$ 3.5 milhões. A Falcon, outro nome famoso no mercado de luxo, comercializou um iPhone 6 com um diamante rosa incrustado por absurdos US$ 48.5 milhões.

Via Brikk

Vertu Signature Touch: mais um smartphone de luxo, que custa “apenas” 8.000 euros

by

650_1000_vertusignaturetouch

O novo smartphone da Vertu, o Signature Touch, é um dispositivo de luxo, feito para poucos. Seu preço supera os 8 mil euros, e vamos descobrir os motivos para que ele custe essa pequena fortuna.

A Hasselblad, empresa sueca especializada na fabricação de câmeras fotográficas profissionais, e a Bang & Olufsen se encarregaram respectivamente de desenvolver a câmera fotográfica e do sistema de som desse smartphone. Começa por aí.

Além disso, o seu chassi incorpora materiais “exóticos”, como couro e titânio, com sua tela revestida por uma lâmina de safira resistente aos arranhões (nem tanto aos impactos, provavelmente), similar ao que a Apple deve utilizar em algum momento em seus smartphones, e tal como a Samsung e a LG já usam em seus dispositivos.

Sobre suas especificações, o Vertu Signature Touch não tem nada de surpreendente: processador Snapdragon 800 de 2.3 GHz quad-core, 2 GB de RAM, 64 GB de armazenamento, tela Full HD de 4.7 polegadas, câmera traseira de 13 megapixels, câmera frontal de 2.1 megapixels, sistema operacional Android 4.4 KitKat, recarga sem fio e bateria de 2.275 mAh.

Um último detalhe curioso: de acordo com a Vertu, cada um dos modelos Signature Touch que chegará às lojas terá sido fabricado à mão, e assinado por um único artesão na Inglaterra. Outro toque de exclusividade para atrair os poucos que podem pagar pelo dispositivo.

O Vertu Signtature Touch estará disponível ao longo desse mês de junho.

Via GSM Arena

TAG Heuer Meridiist Infinite, um smartphone com carregador solar integrado sob sua tela

by

tagbackground

A TAG Heuer apresenta um smartphone que pode oferecer a solução definitiva para a falta de bateria nos smartphones no final do dia. O novo Meridiist Infinite conta com um luxuoso design e com uma suposta “reserva de energia perpétua”, através de um painel solar transparente (da Wysips) instalada embaixo da sua tela LCD.

Com isso, o smartphone ter a sua bateria recarregada constantemente, enquanto estiver exposto sob a luz solar ou luz artificial (na teoria). De acordo com o fabricante, tal característica permite manter a bateria carregada em modo standby. Fica a dúvida para saber o que acontece com aqueles usuários que recebem várias notificações por dia.

Vale lembrar que a TAG Heuer é conhecida por colocar preços elevados pelos seus smartphones (com Android Froyo), de modo que, ao que tudo indica, o novo Meridiist Infinite deve contar com um preço simplesmente estratosférico.

Vídeo promocional do produto a seguir.

 

Via TAG Heuer

Quer um HTC One revestido em ouro ou platina? É só pagar US$ 2.900!

by

gold_htc_one_1_1

Se temos um iPhone 5 de ouro, um Galaxy S4 de ouro, e até um Blackberry Q10 de ouro… por que não um HTC One com um dos metais mais cobiçados do mundo? A Goldgenie, joalheria que foi responsável por essas a outras adaptações de gadgets com tais características, apresentou ao mundo duas versões do HTC One, revestidas de ouro e platina. Preço inicial da brincadeira? US$ 2.900. (ou 1895 libras birtânicas).

Na verdade, são pelo menos três versões “premium” do HTC One: Ouro, Ouro Rosado e Platinum, disponíveis nas cores preto e prata, e com capacidades de armazenamento de 32 ou 64 GB. O modelo também é oferecido em uma caixa customizada da própria Goldgenie, formando o conjunto completo de luxo e ostentação para o seu gadget.

O HTC One é o segundo smartphone Android mais vendido do mundo, perdendo apenas para o Galaxy S4. Logo, a joalheria segue a esteira desse sucesso, oferecendo um produto que não muda em absolutamente nada nas suas especificações técnicas, oferecendo a mesma experiência de uso que um modelo convencional oferece. A diferença está mesmo na estrutura externa do produto.

Logo, se você quiser pagar a mais só por causa do material valioso no smartphone, a escolha é sua.

Via

Vertu Ti, o Android de luxo de US$ 10 mil, é anunciado oficialmente

by

O modelo já tinha sido apresentado de forma informal na internet, e agora, se torna oficial, para a “alegria” daqueles que gostam de um telefone caro, feio, mas exclusivo. A Vertu anunciou oficialmente o lançamento do Vertu Ti, o primeiro smartphone da fabricante de luxo com o sistema operacional Android, o que joga mais uma “pá de cal virtual” no já morto Symbian.

Vale lembrar que a Vertu não é mais a marca de luxo da Nokia. A Vertu foi vendida para outro grupo que administra a marca e seus lançamentos no ano passado. Dito isso, não imagino quem vai comprar esse smartphone. Corrigindo, eu imagino sim: as ricas desinformadas. Falando do que realmente torna o Vertu Ti um modelo caro, ele é fabricado em titânico e possui cristais de safira cravejados no corpo do smartphone.

Fora isso, estamos falando de um dispositivo com uma tela de 3.7 polegadas, câmera traseira de 8 megapixels com flash LED, câmera frontal de 1.3 MP, processador Snapdragon S4 dual-core de 1.7 GHz, 64 GB de armazenamento interno, bateria de 1.250 mAh e sistema operacional Android Ice Cream Sandwich. Quanto você vai pagar por isso? US$ 9.600 (arredondamos para US$ 10 mil, pois US$ 400 é a cervejinha do vendedor).

O modelo também conta com um botão dedicado, o Vertu Button, que dá acesso a serviços exclusivos para pessoas consideradas VIP, como buscas em hotéis de luxo, entretenimentos de alta classe, restaurantes finos e derivados. Além disso, o usuário pode acessar notícias e fazer o backup de conteúdos armazenados na nuvem. Mesmo assim, não vale o quanto se paga. É pior do que comprar um iPhone 5 a quase R$ 3 mil, e não saber usar. No caso do Vertu Ti, você compra um smartphone caro, feio… e que muito provavelmente não vai se saber utilizar também.

Via SlashGear

O primeiro smartphone Verdu com Android aparece na internet

by

Quando Eldar Murtazin fala, temos que escutar com atenção, uma vez que a experiência do blogger russo é vasta, e poucas vezes ele se equivocou com as notícias que ele divulgou. Pois bem, Eldar volta a ter destaque com um desses vazamentos que tanto alegram os internautas. Dessa vez, falamos da família de smartphones da Vertu, que se destaca por ser voltada para os bolsos abonados (e para usuários com gosto duvidoso), que pela primeira vez terá um smartphone com o sistema operacional Android.

Segundo informa o nosso amigo, ainda em fevereiro será lançado um novo smartphone dessa linha de telefones de luxo, onde a principal novidade é justamente o abandono do sistema Symbian, para adotar oficialmente o Android. Essa não chega a ser uma notícia que pega a todos de surpresa, uma vez que a Vertu já não é mais uma divisão da Nokia, e mesmo que o fosse, a próxima fabricante finlandesa anunciou recentemente que estava desistindo do mítico sistema operacional móvel.

Murtazin adianta que o dispositivo vai custar em torno de US$ 4.000, e para aqueles que acham caro demais, se comparados com outros modelos da própria Vertu, ele é até barato.

As primeiras imagens do produto (foto acima) foram publicados pelo Blog of Mobile. O smartphone recebe a denominação Ti RM-828V, e o mesmo modelo aparece em páginas de diferentes fontes, e sua referência também aparece na base de dados das autoridades de Cingapura e Macao.

Segundo os dados de documentação do smartphone, ele vai contar com o sistema operacional Android 4.0.4 Ice Cream Sandwich, tela com resolução de 800 x 480, processador Snapdragon MSM8260A de 1.5 GHz, Bluetooth 4.0 e NFC. Tudo isso vai ser alimentado por uma bateria de 1.250 mAh. Ou seja, é um smartphone que se destaca pelo preço exótico, aparência mais exótica ainda, mas com especificações fracas.

Via PhoneArena, Blog of Mobile

Samsung SCH-W2013, o “smartphone do Jackie Chan” de luxo, com processador quad core

by

Em um mundo mobile amplamente dominado pelos smartphones com telas sensíveis ao toque, é difícil de imaginar que um telefone com flip e teclado numérico possa ter apelo comercial. Por outro lado, quando temos o nome de Jackie Chan ao nosso lado, tudo fica muito mais fácil. A Samsung usou esse raciocínio para lançar no mercado chinês, através da operadora China Telecom, o modelo SCH-W2013, que chega com a credencial de ser um modelo “de luxo”.

Ah, você não está acreditando que esse é um smartphone que conta com a “assinatura” do Jackie Chan? É só ver a foto abaixo.

Agora que você foi oficialmente apresentado ao produto (e viu que é mesmo um smartphone com a chancela de Jackie Chan), vale a pena falar um pouco do que se trata o modelo. A Samsung tem como objetivo principal com o lançamento do SCH-W2013 conquistar a parcela da população que pode pagar a mais por um celular que tem o rótulo de “exclusivo”, mesmo que esse modelo seja um pouco mais simples do que os smartphones mais badalados do mercado, mas em compensação, é mais avançado que um modelo flip de outras marcas.

O Samsung SCH-W2013 conta com um sistema de tela dupla, com tecnologia Super AMOLED, onde as duas telas possuem 3.7 polegadas de tamanho (800 x 480). A vantagem dessas telas duplas é que, quando você vai registrar as fotos nesse aparelho, você conta com uma tela de bom tamanho, e melhor: podendo utilizar no modo paisagem, para melhor visualizar as fotos e vídeos que você está registrando naquele momento.

Mesmo com o seu aspecto visual lembrar a década de 1990, podemos encontrar especificações que remetem ao ano de 2012. Por exemplo, um processador quad core de 1.6 GHz, 2 GB de RAM, 16 GB de armazenamento interno (com slot para cartões microSD de até 64 GB), bateria de 1.850 mAh, câmera traseira de 8 megapixels, câmera frontal de 1.9 megapixels, slots para dois chips SIM, e sistema operacional Android 4.0 (Ice Cream Sandwich), o que justifica colocá-lo na categoria de smartphones. Mesmo que ele pareça com um celular comum.

Realmente, não é um modelo para qualquer um. Muito menos para qualquer bolso. Seu preço oficial não foi revelado, mas rumores apostam que ele pode custar até 2.475 euros. Ah, e o Jackie Chan não está incluso nesse preço.

Via Engadget

LG Prada chega ao Brasil. Conheça o smartphone Android de luxo em detalhes

by

Pegando muita gente de surpresa (até mesmo o blogueiro que escreve esse post), a LG do Brasil anuncia hoje (11) a chegada ao mercado nacional do seu smartphone Android de luxo, o LG Prada. Levando em conta que o modelo inicialmente não tinha data estimada para ser lançado, sua aparição repentina tem pelo menos uma boa explicação: o momento favorável do mercado mobile no Brasil.

Os concorrentes da LG (leia-se Samsung, Apple e Motorola) estão com modelos com preços consideravelmente elevados no mercado, com valores entre R$ 1.500 e R$ 2.100, que contam com uma boa aceitação com uma boa parte do público consumidor de tecnologia (apesar de compreendermos que esses preços ainda são proibitivos para a maioria dos brasileiros). Logo, é compreensível que a LG se sinta estimulada a apresentar a sua opção de smartphone para os bolsos mais avantajados.

O modelo é resultado da parceria da LG com a grife de roupas e acessórios Prada. O produto se destaca muito mais pelo design elegante e refinado, com detalhes que remetem à moda e estilo do que pelas especificações técnicas, que são hoje consideradas “padrão” entre os smartphones de linha média. Sua tela tem 4.3 polegadas de tamanho, e resolução de 480 x 800 pixels, conta com uma câmera de 8 megapixels, com gravação em 1080p (esse talvez seja o ponto de maior destaque em sua tabela de especificações), processador Cortex A9 dual-core de 1 GHz, 1 GB de RAM, 8,5 mm de espessura e 138 g de peso.

O LG Prada 3.0 (como também será conhecido o smartphone no Brasil) conta ainda com acessórios para usuários que querem uma maior liberdade de uso, como um fone de ouvido que acompanha o kit de compra, e fone Bluetooth, que será vendido separadamente. Os acessórios contam com a marca registrada da proposta do smartphone: designs elegantes, que combinam com o aparelho (e provavelmente com o estilo do comprador).

A versão do Android presente no Prada 3.0 é a 2.3 (Gingerbread), e está totalmente customizada, com uma interface exclusiva, buscando ser tão elegante como o smartphone se propõe a ser. A LG informa que o lançamento será atualizado para o Android 4.0 (Ice Cream Sandwich), mas não informa uma previsão para quando esta atualização estará disponível nos dispositivos.

O seu preço reflete a proposta de ser um modelo “de grife”. O preço sugerido do LG Prada 3.0 no Brasil é de R$ 2.099 (desbloqueado). Inicialmente, ele será vendido exclusivamente pela operadora Vivo, com preços que vairam entre R$ 999 e R$ 1.899, de acordo com o plano escolhido. Se você pesquisar outros modelos com especificações técnicas semelhantes, vai concluir que o preço do smartphone “de luxo” da LG só é compatível para os usuários que não vão priorizar os aspectos técnicos do aparelho, focando apenas na proposta elegante do seu design. Na prática, para a maioria dos usuários “normais” ou “meros mortais” (a.k.a. eu e você, que está lendo esse post no momento), existem propostas com um conjunto técnico superior, com preços mais competitivos.

Especificações técnicas:

  •     Tela touchscreen de 4,3” Nova Plus de 800 nits
  •     Sistema Operacional Android 2.3 (Gingerbread)
  •     Câmera principal de 8 MP
  •     Câmera fronta de 1,3MP
  •     Memória de 8GB
  •     Cartão de memória de 4GB
  •     Bateria de 1540mAh
  •     Tecnologia 3G
  •     Wi-Fi Direct, DLNA, MHL (Mobile High-Definition Link) e A-GPS
  •     Medidas: 127,5 x 69 x 8,85 mm
  •     Peso: 138 g (com bateria)

Vertu Constellation Smile deslumbra com o seu brilho (que não é o da tela)

by

Se você está disposto a acabar com o saldo do seu cartão de crédito, que tal fazer isso com uma das exclusivas criações da Vertu, o Constellation Smile? E, de quebra, fazer uma boa ação? Sim, é verdade. É possível cair no mundo da ostentação e ajudar alguém que realmente precisa.

A Vertu fechou uma parceria com a Smile Train, uma organização que ajuda a operar crianças que sofrem de lábio leporino (um defeito congênito, que provoca uma deformação no lábio superior, prejudicando assim o paladar da criança) nas regiões mais desfavorecidas do planeta. Graças ao acordo, a Vertu se comprometeu a financiar uma operação para uma criança com esse problema para cada unidade vendida do celular.

Falando das especificações do produto. O telefone é feito à mão, com material vulcanizado, tela em safira da Vertu (do tipo AMOLED, com 3,5 polegadas e resolução nHD), câmera de 8 megapixels, com tecnologia EDOF e duplo flash LED heptagonal, além do sistema de áudio da própria Vertu, com melodias da Orquestra Sinfônica de Londres.

Seu peso varia entre 164 e 199 gramas (dependendo do modelo escolhido), e está disponível nas cores vermelho coral, cinza pedra, turquesa e violeta anêmona. Seu preço não foi anunciado, mas já sabe o que dizem por aí: “se você precisa perguntar, é sinal que barato não é”.

Via Vertu

Torino Lamborghini lança smartphones de configurações medíocres, mas com luxo e preços absurdos

by

Se você procurava um smartphone “exclusivo” mas o catálogo da Vertu não era algo tão apaixonante assim, talvez você deva dar uma olhada nos novos modelos que a Torino Lamborghini (filho do fundador da Lamborghini, Ferrucchio, e designer sem laços com o fabricante de carros esportivos, que tem parceria com a ASUS) preparou para o mercado russo.

Segundo o site Hi-Tech Mail, estes novos telefones recebem o nome de TL688, TL700 e TL820, e contam com telas de 2, 3 e 2,4 polegadas, respectivamente, câmera de 5 megapixels e sistema operacional Android. Como você pode ver, suas características técnicas não são o ponto forte do produto, já que eles deixaram de lado o design e as especificações técnicas, para priorizar o luxo, com preços que variam entre 1.470 e 2.200 euros.

O fabricante também teve tempo para apresentar um tablet de 9.7 polegadas, com processador Qualcomm de 1.2 GHz, 512 MB de RAM e 4 GB de memória interna, com preço sugerido de 1.800 euros. Se você ficou interessado por estes dispositivos (particularmente, achamos difícil que isso tenha acontecido), vale a pena saber que eles estarão disponíveis no mercado russo em agosto. Se você estiver dando uma passadinha pela Sibéria, pode ser a sua chance.

Via Phone Arena

Vertu Constellation Candy: smartphones coloridos e nada baratos

by

Disposto a gastar o que tem e o que não tem em um smartphone que vai te colocar na moda com traseiras coloridas? Então prepare o seu cartão de crédito para o lançamento da Vertu em parceria com o designer Stella McCartney. A linha Constellation Candy é composta por um trio de terminais forrados com autêntica pele de crocodilo, em tons verde menta, tamarindo e framboesa.

Os três modelos contam com telas touchscreen de 3,5 polegadas com tecnologia AMOLED e montadas em cristal de safira, além de câmeras de 8 megapixels com tecnologia EDOF, sistema de som da empresa e carcaça em aço inoxidável brilhante. Suas especificações se completam com o conjunto habitual de serviços exclusivos do fabricante, acesso VIP a todas as semanas de moda que as empresas patrocinam, assim como ringtones de trechos de músicas gravadas pela Orquestra Sinfônica de Londres.

Se nada disso te impressionou, saiba que o logo da empresa impresso nos telefones é cravejado com padras preciosas, combinando com a cor escolhida.

O preço não foi revelado, mas fique certo que não é um valor que a maioria de nós podemos pagar.

Via Vertu

TAG Heuer Racer, um smartphone Android com preço elevado, e aparência robusta

by

A TAG Heuer quer se firmar de uma vez por todas no segmento de smartphones de luxo, e apresenta um marketing agressivo para apresentar o novo lançamento da empresa, o Racer, que é inspirado nos carros de corrida.

Entre os diversos renders apresentados no vídeo demonstrativo, a empresa revela que o telefone vai contar com um chamativo corpo de fibra de carbono e titânio, além de um processador “de alta velocidade” e “a última versão do sistema Android”, e uma interface 3D personalizável. Como informamos no título, tal combinação de configurações e materiais terá um efeito importante em seu preço inicial, que será de “módicos” 2.800 euros.

Via Pocket-lint

Gresso Avantgarde Grand Premiere: ouro e safira para um telefone que ficou preso na máquina do tempo

by

O reluzente Avantgarde Grand Premirere da Gresso é um smartphone para poucos. Ele é feito de ouro puro, e acredite se quiser, esse ouro tem função “importante” no aparelho. O Grand Premiere se destaca dos demais telefones de luxo pelo uso de 150 gramas de ouro na carcaça e botões. E para combinar, os números foram gravados com laser em uma fina lâmina de cristais de safira.

O modelo só se destaca pelo luxo (e pela capacidade de acabar com o saldo do seu cartão de crédito), uma vez que usa o sistema operacional Symbian S40. Suas especificações não foram reveladas, mas devem ser as mesmas de qualquer outro modelo da Gresso. São apenas 30 unidades disponíveis, que serão fabricadas por um preço de US$ 50 mil cada.



Via CNET

Porsche Design P’9981 Blackberry é anunciado oficialmente

by

Lembra do protótipo de Blackberry que apareceu na web meses atrás? Pois bem, o filho do projeto secreto entre a RIM e a Porshe foi apresentado ao mundo, com o nome de Porsche Design P’9981 BlackBerry.

Com linhas muito mais arrojadas do que estamos acostumados a ver nos smartphones da fabricante canadense, o telefone conta com um corpo feito de aço inoxidável, uma tampa traseira forrada a mão, teclado QWERTY vertical, com um design diferenciado, e uma tela com “crystal clear”.

Como não poderia ser diferente, o equipamento conta com uma interface personalizada, no estilo da Porsche, para dar um ar de exclusivo. Um aplicativo adiciona realidade aumentada ao seu navegador, e um código pessoal e intransferível, que vai te identificar como proprietário do telefone, que possui edição limitada.

Já entrando na parte técnica do assunto, temos um smartphone com processador de 1.2 GHz, gravação de vídeos em alta definição, 8 GB de armazenamento interno com slot para cartões microSD, tecnologia Liquid Graphics, módulo NFC e sistema operacional BlackBerry OS 7.

A única informação sobre o seu lançamento é que ele chega ao mercado ainda em 2011. É o que diz o pessoal da Porsche Design. Seu preço especulado é de US$ 2.000.

via TBreak

Vertu Constellation T chega às lojas, para arruinar o bolso de alguns

by

Você tem alguns milhares de dólares sobrando? Então, temos uma proposta para você gastar esse dinheiro. A Vertu colocou no mercado o seu novo e ostentoso Constellation T, um terminal que, tal como os seus colegas de catálogo da empresa, se caracteriza por dar prioridade absoluta ao design e aos exclusivos materiais empregados em sua fabricação.

Desta forma, temos um smartphone com tela touch (o primeiro da marca) do tipo AMOLED de 3,5 polegadas, com proteção de cristais de safira, suporte HSPA+, 32 GB de armazenamento e câmera de 8 MP, com tecnologia EDOF e flash LED duplo, entre outras características. Tudo perfeitamente protegido por um elegante corpo de linhas retas, couro preto e aço inoxidável polido.

O preço exato desse telefone é desconhecido, mas imagino que não deve custar menos de US$ 7.000. De qualquer forma, deve ser um preço “exclusivo”.

via Vertu

Leica D-Lux 5 se revela, em corpo de titânio

by

A Leica sempre quis se aventurar com edições especiais e exclusivas de suas câmeras, e hoje, encontramos mais um exemplo disso. Dessa vez, a protagonista é a D-Lux 5, que a partir de agora chega às lojas ao redor do mundo com um corpo revestido de titânio, graças a uma edição especial que pode ser para poucos.

O lote se completa com um elegante case protetor de pele italiana, e uma correia especial. Mas, muito além da mudança de visual e dos acessórios, a câmera conta com o mesmo sensor de 10 MP e lentes DC Vario-Summicron, que conhecemos no ano passado.

Seu preço não foi revelado.

via Leica

Tag Heuer Link Phone disfarça o seu Android, por uma “pequena” quantidade de dinheiro

by

Quer saber qual é o telefone que vai além de ser o melhor em termos de tecnologia (mesmo porque não é), e busca o objetivo de ser o mais caro da sua categoria? Pois bem, apresentamos o Tag Heuer Link Phone. Entre suas configurações (que são consideradas medianas), você vai encontrar características especiais, com detalhes em aço, ouro 18 quilates e titânio, com detalhes em couro, peles de répteis diversos, ou até diamantes encravados.

Com sistema operacional Android 2.2 (FroYo), tela de 3,5 polegadas (800 x 480), câmera de 5 MP com foco automático, 256 MB de armazenamento interno, cartão de memória de 8 GB e uma bateria de 1.400 mAh, você pode levar essa preciosidade para casa por um módico preço de aproximadamente 4.700 euros. Abaixo, mais fotos e vídeos do aparelho.



via AblogToread

Aston Martin se associa com a Mobiado para lançar a sua linha de telefones de luxo

by

Desde os temos de Sean Connery como 007, a Aston Martin foi uma das fabricantes preferidas pelos fãs dos gadgets. E a empresa segue inovando nesse setor. Dessa vez, eles resolveram firmar uma parceria com a fabricante canadense de telefones de luxo, a Mobiado, para criar um telefone conceitual, inspirado na “Emotional Control Unit”, utilizada para dar a partida nos carros da empresa.

O aparelho tem o nome de CPT002, e pode atuar como controle remoto à distância, se conectar ao GPS e câmeras do carro para atualizar de forma automática a sua posição no Foursquare, ou enviar fotos nas suas redes sociais preferidas. Porém, o mais interessante desse telefone é que ele se comunica com os airbags do carro, e no caso de um acidente, o acelerômetro do telefone pode indicar qual foi a força do impacto, indicando a necessidade da expulsão das bolsas de ar.

Tudo isso funciona em uma grande tela de safira, rodeada por uma placa de platina, onde você pode (teoricamente) o circuito do telefone e o cartão SIM. Obviamente, as possibilidades do produto chegar ao mercado são remotíssimas, mas eles prometem outros modelos mais “modestos” a partir de maio, para competir com marcas como Ferrari e Vertu.

Valeu pela dica, @Refux

via GSM Arena

Um celular de “apenas” 7.250 euros, com design de Yves Béhar

by

Com certeza, vamos ter leitores que vão dizer que este celular da Æsir, desenhado por Yves Béhar, é muito caro para custar 7.250 euros. E, com certeza, vamos ter leitores que vão dizer que os primeiros leitores não sabem apreciar as coisas boas da vida. Tudo é uma questão de perspectiva. Bom, vejamos…

O telefone tem uma tela de 2 polegadas, e conta com uma peculiaridade de poder armazenar apenas 200 contatos em sua agenda. Ou seja, um modelo exclusivo, para se comunicar apenas com os VIPs. Ah, e vale lembrar que estamos falando da versão mais “simples” do produto. A versão em ouro pode ser adquirida por módicos 42 mil euros (ou US$ 58 mil). E, convenhamos: se empresas como a Mobiado, Gresso e Vertu conseguem fazer celulares caros e não tão luxuosos assim… Bom, nos contentamos com os smartphones com contratos de fidelidade, que temos que pagar em várias prestações.

via Aesir

LaCie Galet: um pendrive que é uma joia

by

Se você buscava um chaveiro com pendrive USB que tivesse um toque diferente, talvez o novo Galet da LaCie te interesse. Eles desenvolveram este pendrive em parceria com a Christofle, uma empresa especializada em joias de prata, e chegaram ao resultado deste produto trabalhado à mão na França e banhado em metal de transição. Exclusivo na versão de 4 GB, conta com porta USB 2.0 e é um dos pendrives de luxo mais barato que encontramos: 109,99 euros.

via LaCie