Arquivo para a tag: lg g3

LG corrige vulnerabilidade importante do LG G3

by

LG-G3

A LG lançou uma atualização que acaba com uma vulnerabilidade grave que estava presente em 10 milhões de smartphones LG G3, no aplicativo Smart Notice.

O aplicativo vem pré instalado no smartphone, e é uma espécie de “versão reduzida” do Google Now, oferecendo informações relevantes antes que o usuário as necessite. O Smart Notice não valida a informação gerenciada, o que é um risco potencial para ataques com informações manipuladas que podem degenerar a execução de códigos maliciosos e o roubo de dados do usuário.

Era um problema grave que foi solucionado com a última versão do Smart Notice, já disponível para download gratuito. Os usuários do LG G3 deve atualizar o aplicativo o quanto antes, mesmo que não tenham casos confirmados de ataques aproveitando tal vulnerabilidade. É um perigo latente, que pode ser solucionado em poucos segundos.

Via GSMArena

Android 6.0 Marshmallow começa a chegar ao LG G3

by

Android-M1

A LG da Polônia confirma que o Android 6.0 Marshmallow começou a ser liberado no país para o modelo LG G3. É uma excelente notícia para os proprietários desse smartphone, que recebem o update do sistema da Google antes de modelos mais atuais, como por exemplo o Galaxy S6.

A atualização é entregue via ferramenta de conexão com o PC. Por enquanto, não há um OTA disponível, mas isso não deve demorar a chegar. Não há detalhes sobre quando o update será entregue nos demais países onde a LG está presente, mas a espera não deve ser muito longa.

Vale lembrar que a LG investiu bastante nas atualizações, a ponto do LG G4 ser o primeiro modelo fora da linha Nexus a receber o Android 6.0 Marshmallow. Um ótimo trabalho da LG, que parece ter se dado conta do valor que tem a atualização rápida dos seus dispositivos.

Via GSMArena

Review Comparativo | LG G4 vs LG G3

by

LG-G4-vs-LG-G3-479610-2

Em setembro de 2014, tive a oportunidade de fazer o comparativo entre o LG G3 e o LG G2, dois modelos que estavam em destaque na época por motivos distintos. O LG G2 ainda era visto como um dispositivo muito competente, e uma ótima relação custo-benefício. E o LG G3 era um modelo recém lançado no mercado, o que naturalmente acaba atraindo os holofotes dos usuários.

E nesse post, a experiência se repete. Tive a oportunidade de ficar com o LG G4 por duas semanas, e pude comparar o seu desempenho e características com o LG G3 que recebi da LG do Brasil. Nesse período, pude fazer um breve comparativo entre os dois dispositivos, nas suas características físicas e técnicas. O objetivo aqui é mostrar o quanto o novo modelo melhorou em relação ao dispositivo lançado no ano passado.

Tal comparativo visa ajudar o consumidor a determinar qual é a melhor escolha, dentro das suas necessidades e condições econômicas. Vale a pena investir no LG G4, sendo este consideravelmente mais caro que o LG G3? As diferenças são significativas a ponto de justificar o preço mais caro? Ou ainda vale a pena investir no modelo do ano passado?

Respostas a seguir.

 

Características Físicas

2015-07-13 12.14.18

Tal como aconteceu no ano passado, as mudanças de design entre o LG G4 e o LG G3 são perceptíveis aos olhos, mas dessa vez, são um pouco mais sutis. Os dois modelos seguem a mesma linha de design geral, o que me leva a crer que os usuários aprovaram a proposta do ano passado – e, de fato, o LG G3 ainda é um dispositivo visualmente muito elegante -.

2015-07-13 12.14.05

Apesar dos dois modelos contarem com o mesmo tamanho de tela (5.5 polegadas), o LG G4 é visivelmente maior que o LG G3, se aproximando ainda mais de um phablet, e seguindo a tendência de mercado, que cada vez mais está voltado para os dispositivos com telas maiores. Algumas pessoas podem torcer o nariz para isso, mas é o que o cenário atual se mostra, e todos os fabricantes apontam para o caminho de lançar smartphones com telas com grandes dimensões.

2015-07-13 12.14.39

No modelo do ano passado, temos curvas mais acentuadas, enquanto que no dispositivo desse ano, temos linhas mais retas. Essa é uma melhoria que a LG deixou claro que faria, pois esta é uma das pilastras de evolução nesse modelo. Particularmente, os dois modelos me agradam, mas o LG G4 tem um ar mais refinado, moderno, com um ar de dispositivo premium, independente do seu acabamento.

2015-07-13 12.14.59

Os detalhes do dispositivo, como nas partes frontal (posterior e inferior) receberam poucas alterações, onde os elementos basicamente permaneceram no mesmo lugar.

2015-07-13 12.15.19

Outra diferença perceptível entre os dois modelos está na espessura entre os mesmos. O LG G4 é visivelmente mais fino que o LG G3, e esse é outro detalhe que a LG enfatizou durante a apresentação do modelo desse ano. A sua baixa espessura deixa o dispositivo ainda mais elegante e ‘premium’, por assim dizer.

2015-07-13 12.15.40

Sem falar que a tela do LG G4 é levemente curvada, outra solução adotada para enfatizar o design considerado mais top de linha, e um diferencial importante em relação aos seus concorrentes. O LG G3 possui uma tela muito mais ‘flat’. Aliás, a LG decidiu investir um pouco mais na solução de tela curva apresentada nos modelos G Flex nesse novo dispositivo, mas de forma menos acentuada, até mesmo para diferenciar as duas linhas de dispositivos.

2015-07-13 12.16.02

Na parte traseira, poucas mudanças. A disposição dos elementos permanece a mesma, onde apenas os botões de liga/desliga/bloqueio de tela e controle de volume foram alterados, e de forma bem discreta.

É claro que temos que destacar os materiais adotados nos dois modelos na sua carcaça traseira. O LG G4 oferece como acabamento uma bela carcaça de couro, que é realmente muito agradável ao toque, oferecendo um agarre excelente e uma qualidade diferenciada para um dispositivo do seu porte. Além disso, a carcaça de plástico do modelo lançado esse ano é de melhor qualidade que aquela presente no LG G3, que é mais fina.

2015-07-13 12.17.26

Internamente, a disposição dos elementos de hardware são as mesmas, e a LG não fez alterações drásticas, até mesmo porque não haviam muita necessidade de promover grandes mudanças nesse sentido.

 

Tela

Os dois modelos contam com telas de 5.5 polegadas, com resolução de 1440 x 2560 pixels, e densidade de 538 pixels por polegada. A diferença entre as duas telas se faz evidente por conta das tecnologias adicionadas pela LG no LG G4.

Para começar, a tela do G4 é curvada, algo que já abordamos no item anterior. Essa característica não só oferece uma diferença no design do dispositivo, mas também aumenta a imersão na visualização de conteúdos, principalmente nos vídeos em alta definição e jogos.

2015-07-07 15.05.07

Uma das inovações do LG G4 é a sua tecnologia IPS Quantum Display, que ajuda na oferta de uma qualidade final de imagem mais ajustada à sua resolução Quad HD. Se comparado com o LG G3 (que já possui uma qualidade de imagem elevada para um dispositivo do seu porte), a diferença é realmente significativa.

Aqui, temos uma das evoluções mais evidentes do modelo novo para o antigo. Presencialmente, o LG G4 oferece imagens mais vibrantes e com um resultado final superior, mesmo contando com a mesma resolução que o G3. A Quantum Display acaba fazendo toda a diferença na hora de visualizar fotos e vídeos, tanto para o conteúdo produzido pelo próprio smartphone como para aqueles via  streaming ou armazenados posteriormente no dispositivo.

DSC02910

Temos aqui uma das mais destacadas diferenças entre os dois modelos. A LG quis enfatizar essas melhorias, e o resultado final é uma qualidade de imagem superior do modelo novo. Porém, entendo que os usuários menos exigentes ficarão satisfeitos com os resultados entregues pelo LG G3.

 

Sistema Operacional e Interface do Usuário

Screenshot_2015-07-10-14-10-46

Enquanto o LG G3 recebeu o Android 5.0 Lollipop em fevereiro desse ano, o LG G4 já conta com o Android 5.1 Lollipop pré-instalado. Esta é uma das versões mais recentes do sistema operacional do Google, e a perspectiva é que o modelo mais novo seja mais ‘atualizável’ por mais tempo, apesar do modelo lançado no ano passado ainda contar com algum tempo de suporte. Mesmo assim, esse é um fator a ser considerado na hora da compra.

Screenshot_2014-08-23-15-44-36

Em linhas gerais, a interface de uso não recebeu muitas modificações. A ideia geral dessa interface é a mesma nos dois modelos, com a diferença que no LG G4 tudo já está otimizado para o Lollipop, como por exemplo nas transições e animações de tela. Fora isso, não temos diferenças tão gritantes entre as duas versões. Logo, quem optar ou por um ou por outro só vai perder os recursos específicos e alguns elementos gráficos.

 

Qualidade de Áudio

Aqui, mais uma evolução nítida. Se o LG G3 possui uma qualidade de áudio nitidamente superior em relação ao LG G2, o LG G4 repete a dose com o LG G3.

2015-07-07 15.07.23

Temos no modelo lançado esse ano alto-falantes realmente potentes, com elevado volume e qualidade final superior em relação ao modelo do ano passado. Esse fator é importante, já que a imersão da experiência multimídia é muito maior. Para quem gosta de jogos, vídeos e filmes no smartphone, esse é um fator que deve ser levado em consideração na hora de escolher o seu modelo.

 

Câmera

2015-07-13 12.16.15

Aqui estão as mais gritantes diferenças entre os dois modelos. O LG G3 possui um sensor traseiro de 13 megapixels (f/2.4) com tamanho de 3.06 polegadas, enquanto que o LG G4 conta com uma câmera de 16 megapixels (f/1.8) e sensor de 2.6 polegadas. Ou seja, aqui já temos especificações de hardware bem diferentes, onde o modelo novo recebeu melhorias significativas.

Screenshot_2014-08-30-18-12-54

Mas não é só isso. O LG G4 conta também com o novo modo de controle manual de câmera, algo muito bem vindo para os usuários mais experientes. Com ele, é possível realizar ajustes avançados das configurações da câmera, como por exemplo ISO, brilho, exposição, entre outros. Algo inédito nessa linha, e que é um diferencial inclusive diante dos concorrentes de outros fabricantes.

LG G4

20150712_130304 20150711_181702

LG G3

20140828_161248

20140828_161703

Com isso, o resultado final das fotos é sensivelmente afetado. O LG G4 oferece um resultado final de fotos significativamente superior em relação ao LG G3, que até oferece fotos de boa qualidade, mas não nesse nível. Imagens capturadas em diferentes condições de luminosidade no novo modelo resulta em fotos com uma qualidade muito melhor do que o modelo lançado no ano passado, que apresentava alguns problemas nas fotos com baixa luminosidade, por conta do ruído capturado.

O sensor a laser se mantém nos dois modelos, mas é possível perceber que no LG G4 ele trabalha melhor com o sistema de estabilização óptica. Com isso, as imagens em movimento ficam ainda melhor capturadas, e combinado com as melhorias de software, temos um resultado final que entrega resultados muito interessantes.

LG G4

LG G4

A câmera frontal também oferece melhorias bem interessantes. Enquanto que o LG G3 possui um sensor de 2.1 megapixels, o LG G4 aposta pesado em um sensor de 8 megapixels, claramente pensado nas selfies. Além disso, o novo software de câmera oferece novas funcionalidades ao recurso de registrar a foto sem o contato com o smartphone, com a opção de registrar mais de uma imagem.

20140828_162340

LG G3

Mas nada disso teria resultado se o sensor não entregar fotos com uma qualidade melhor. E é isso o que acontece. A melhora da qualidade final das fotos da câmera frontal do LG G4 é significativamente melhor do que aquela oferecida pelo sensor frontal do LG G3, que assim como aconteceu no LG G2, apresentava uma elevada taxa de compressão de software (na tentativa de corrigir o ruído em ambientes de baixa luminosidade), entregando imagens com um resultado um pouco artificial.

Para quem prioriza uma alta qualidade de captação de imagem, o LG G4 é altamente recomendado.

 

Games

Os dois modelos contam com um hardware potente o suficiente para rodar qualquer tipo de jogo, independente do seu nível de exigência de recursos. Nesse aspecto, o usuário não precisa se preocupar muito em qual modelo escolher. Os dois são igualmente capazes de rodar os seus títulos favoritos.

LG G4

LG G4

É claro que, pela natureza de contar com um hardware atualizado, o LG G4 executa tudo com maior fluidez e desenvoltura, sem falar que (de novo) a tela curva com a tecnologia IPS Quantum Display faz toda a diferença na imersão desses títulos.

Screenshot_2014-08-30-16-57-28

LG G3

Porém, apenas os mais exigentes vão se prender a esses detalhes. Os usuários que só querem um bom smartphone para rodar os seus jogos pode muito bem escolher o LG G3, que vai se divertir sem maiores problemas. Se o seu critério principal é esse, entendo que não é necessário o investimento a mais apenas para os games. Os dois modelos cumprem bem o papel, sem diferenças gritantes que justifiquem o investimento a mais pela maioria dos usuários.

 

Bateria

Curiosamente, o LG G3 possui uma autonomia de bateria um pouco maior que o LG G4 (2940 mAh contra 2900 mAh). Porém, essa diferença é insignificante se o uso do dispositivo for intensa nos dois casos.

Screenshot_2015-07-10-14-11-53

LG G4

Esse parece ser um problema que a LG precisa administrar. No LG G2, eles receberam elogios pelo equilíbrio entre desempenho, boa gama de recursos exclusivos, Android personalizado e autonomia de bateria. Isso se perdeu um pouco no LG G3, e no LG G4, a relação ainda se apresenta um pouco deficitária. Talvez por conta do hardware potente que o modelo lançado esse ano possua, e por conta da tela de grandes dimensões e resolução.

A LG pensou no design, na tela e na câmera do LG G4, mas parece ter se esquecido da bateria. Assim como acontece com o LG G3, se o usuário tiver um consumo mais intenso da bateria do novo smartphone, as chances da mesma não sobreviver ao dia de uso são consideráveis. Ou você leva o carregador consigo, ou você usa com uma certa moderação.

Screenshot_2014-08-29-12-29-31

LG G3

O mesmo aconteceu com o LG G3, e isso poderia ser repensado pela LG nas futuras versões dessa série. Acho que tão importante quanto ter um smartphone bonito, com uma excelente tela e ótima câmera é ter uma autonomia de bateria que aguente pelo menos um dia intenso de uso antes de uma recarga. Não devemos nos esquecer que estamos cada vez mais conectados e, com isso, utilizando mais e mais recursos do dispositivo. E para manter tudo funcionando, haja bateria.

 

Desempenho

Em linhas gerais, os dois smartphones oferecem um bom desempenho para as principais atividades da maioria dos usuários (navegação na internet, leitura de e-mails, acesso às redes sociais, fotos, vídeos, reprodução de vídeos por streaming, etc). Os dois modelos podem satisfazer bem aos anseios dos usuários que apenas buscam um modelo top de linha, ou um dispositivo que será utilizado por pelo menos dois anos, sem pensar em uma troca tão cedo.

Aqui, também fica evidente que, nas tarefas mais pesadas (reprodução de vídeos armazenados no dispositivo em alta definição e jogos), o LG G4 entrega um resultado final nitidamente superior. Tudo acontece por conta da natureza do seu hardware melhor e em um conjunto hardware + software bem assentado. O LG G3 também vai bem nesse aspecto, mas não é um resultado tão limpo e fluído.

De qualquer forma, não descarte a hipótese de encontrar bons resultados no LG G3. Aliás, com a chegada do LG G4, o modelo lançado no ano passado se tornou automaticamente uma opção muito interessante, pois tem hoje uma oferta de preço que é muito vantajosa em relação aos concorrentes de outros fabricantes, sendo uma excelente opção para aqueles que não querem gastar tanto em um smartphone top de linha.

 

Conclusão

2015-07-13 12.14.22

O LG G4 é sim bem superior ao LG G3 em aspectos considerados pontuais e relevantes para muitos usuários. As diferenças são perceptíveis durante o uso do dia a dia, e entendo que a LG foi bem sucedida nas melhorias que eles queriam aplicar no novo modelo.

O grande obstáculo para a maioria dos usuários é o fator preço. A diferença de valor entre os dois modelos é mais que o dobro (é possível comprar o LG G3 hoje com um preço inicial sugerido de R$ 1.150, enquanto que o LG G4 ‘mais barato’ que encontrei custava em torno de R$ 2.500), e isso pode fazer com que muita gente simplesmente opte pelo modelo do ano passado por conta disso.

O meu conselho? Bom, se você não se preocupa com o fator câmera, e não está com muita pressa para receber o Android 5.1, o LG G3 pode ser uma boa escolha. Ele ainda é um modelo muito competente, ficando em pé de igualdade com os seus concorrentes diretos de valor e período de lançamento. Entendo que a maioria dos usuários não devem precisar de todos os diferenciais presentes no LG G4.

Por outro lado, se você gostou de tudo o que o LG G4 oferece, e está com toda essa ‘bala na agulha’ para adquirir o novo modelo, faça o investimento sem medos. Certamente será considerado um dos melhores smartphones de 2015, e as melhorias são relevantes demais no dia a dia para serem descartadas. Logo, entendo que para quem pode, vale a pena gastar a mais. Nada melhor do que ter um dispositivo top de linha no bolso, não é mesmo?

Para ler o review do LG G3, clique aqui.

Para ler o review do LG G4, clique aqui.

19361979

LG G3

19361979

LG G4

LG G3 pode ser atualizado diretamente para o Android M

by

lg_g3

Novos rumores indicam que o LG G3 não vai receber o Android 5.1, podendo passar diretamente para o Android M.

Já vimos como a maioria dos fabricantes com dispositivos Android passam por problemas na hora de atualizar os telefones, onde alguns modelos acabam recebendo as novas versões muito tarde, e quando recebem. Já em outros casos vemos uma postura mais equilibrada, saltando atualizações menores e apostando nos grandes updates, algo que beneficia e muito os usuários.

Pode acontecer o mesmo com o LG G3. O LG G4, novo top de linha dos coreanos, já conta com o Android 5.1.1, de modo que ele não deve demorar a receber o Android M quando o mesmo estiver disponível, e logo a seguir, o LG G3 deve ser atualizado para o novo software.

Vale lembrar que os usuários do LG G2 começaram a receber o Android 5.0.2, mas com disponibilidade limitada e não global. É recomendada uma boa dose de paciência para esses usuários.

Via NextPowerUP!

O que acontece quando o LG G3 funciona na resolução 1080p?

by

 

lg-g3-titanio

Quando o LG G3 chegou ao mundo, ele era um dos primeiros modelos top de linha a contar com uma tela com resolução QHD. E isso gerou um efeito colateral: o sucessor do LG G2 não contava com a autonomia de bateria que muitos esperavam. Meses depois, os demais fabricantes adotaram a mesma resolução, principalmente em phablets.

Muitos entendem que não compensa muito ter um smartphone com tela 2K sem ter uma autonomia de bateria que aguentasse um dia inteiro de uso. Logo, veio a pergunta: o que aconteceria se o LG G3 funcionasse com resolução 1080p?

lg-g3-benchmarks-1440p

O pessoal do PhoneArena aceitou o desafio: instalaram o aplicativo Nomone Resolution Changer no LG G3, mudando assim a resolução de trabalho, o que obrigou também a mudança da launcher do dispositivo (a LG Home não suporta a resolução Full HD), e isso permitiu um comparativo do desempenho geral do smartphone e da sua autonomia de bateria, antes e depois da mudança de resolução.

O resultado é surpreendente: a redução da resolução deixou o smartphone mais fluído e mais potente. Os testes realizados com o AnTuTu e o GFXBench revelam melhoras notáveis no desempenho, além de uma considerável melhora na autonomia de bateria, algo que também deve estar associado a um software preparado – de um modo geral – para trabalhar em resoluções QHD.

LG lança óculos de realidade virtual para o LG G3

by

lg-vr

A LG não quis ficar de fora da onda da realidade virtual, e seguindo os passos da Samsung, eles anunciaram a parceria com a Google que dará vida ao VR, um pequeno casco de plástico que imita a simplicidade do óculos de papelão da Google, mas com materiais mais resistentes e duradouros.

A essência do produto é a mesma: um par de lentes bem colocados e um espaço exato para que um LG G3 seja perfeitamente encaixado, dando acesso aos controles de volume, câmera, flash, etc. Inclui ainda um sistema de controle idêntico ao implantado pelo modelo da Google, baseando-se em um aro de neodímio imantado, que altera o sinal do giroscópio e permite ter o controle sobre a tela.

No lugar de iniciar um software de controle do zero, a LG aposta na solução proposta pela Google, baseando-se assim na plataforma VR previamente desenvolvida, no lugar de optar por uma solução própria, como fez a Samsung.

O acessório não tem preço, nem data de lançamento anunciada.

vr2

Promoção de verão da LG dará 20 smartphones LG G3

by

LG G3 Cores

Entre 30 de janeiro e 30 de março, a LG Electronics (LG) realizará uma promoção para engajamento dos consumidores com as páginas da empresa nas redes sociais e premiará 20 pessoas com o smartphone top de linha LG G3. A onda do momento é fazer e postar ‘selfie” e a LG pretende mostrar como a ferramenta exclusiva Quick Self pode proporcionar experiências de alta qualidade.

A Quick Selfie é uma tecnologia que reconhece o abrir e fechar da mão do usuário em frente à câmera frontal, faz uma contagem regressiva automática de 3 segundos e bate a foto sem a necessidade de clicar em qualquer botão ou de qualquer regulagem prévia. Ela está presente no smarthphone top de linha G3, no G3 Beat, G3 Stylus, G2 Lite e L Prime, e também nos tablets G Pad, nas versões 7.0, 8.0 e 10.1.

Os interessados em participar da promoção devem ter mais de 18 anos e se inscrever acessando a página da LG no Facebook, seguindo as instruções de cadastro e aceitando os temos do regulamento.

A partir daí, a LG publicará a cada três dias um desafio diferente –  fotos com sorvete, piscina, parque, bike, entre outros – e caberá aos participantes usarem a criatividade para unir o tema a uma selfie e postarem no aplicativo ligado à rede social. Serão postados 20 temas durante o período da promoção e cada um deles terá uma foto vencedora, que será a mais curtida dentro do prazo estipulado.

Via assessoria de imprensa

LG G3 já começa a receber o Android 5.0 Lollipop

by

650_1000_lgg3android5aam

Usuários do LG G3, comemorem. Não só podem aproveitar dos benefícios de um dos melhores smartphones de 2014, mas também vai receber em breve a versão mais recente do sistema operacional Android.

A LG anunciou de forma oficial que o Android Lollipop vai estar em seus dispositivos em breve. É possível que alguns já recebam o Android 5.0 na semana que vem. O processo de atualização começará na Polônia, para continuar em outros países em um ‘futuro próximo’. Esperamos que a prática de atualização dos dispositivos se torne algo comum na LG.

Nas últimas horas, um site do Vietnã publicou algumas imagens da interface do LG G3 com o Android Lollipop. A seguir:

60752___Screenshot_2014-11-06-20-08-28_Copy 60751___Screenshot_2014-11-06-20-04-41_Copy 60750___Screenshot_2014-11-06-20-04-26_Copy 60747___Screenshot_2014-11-06-20-03-23_Copy 60745___Screenshot_2014-11-06-20-01-26_Copy 60744___Screenshot_2014-11-06-20-01-03_Copy 60742___Screenshot_2014-11-06-20-00-26_Copy 60740___Screenshot_2014-11-06-19-59-48_Copy 60739___Screenshot_2014-11-06-19-58-49_Copy 60738___Screenshot_2014-11-06-19-58-35_Copy 60737___Screenshot_2014-11-06-19-58-10_Copy 60736___Screenshot_2014-11-06-19-57-24_Copy 60735___Screenshot_2014-11-06-19-56-42_Copy

+info

Suposto Nexus X é fotografado ao lado do LG G3

by

650_1000_id377410

É sempre bom ter um parâmetro para saber com o que estamos lidando. No caso do Nexus 6 (ou Nexus X, ou Shamu, ou algo que valha), esse parâmetro – por enquanto – é o LG G3, que foi flagrado lado a lado com o suposto novo dispositivo da linha Nexus.

O LG G3 possui uma tela de 5.5 polegadas, e já é um dispositivo considerado grande por muitos. Agora, pense na suposta tela de 5.92 polegadas do modelo da Motorola. Bom, não precisa pensar mais: a foto acima mostra a diferença de tamanho entre os dois modelos. E as dúvidas sobre quem gostaria de ter um smartphone tão grande assim já começam a pipocar entre os usuários e mídia especializada.

Sobre o seu hardware, os rumores indicam que Nexus 6 (X, Shamu) será uma espécie de Moto X de segunda geração com uma tela maior. Com um chipset Snapdragon 805, 3 GB de RAM, 32 GB de armazenamento e câmeras de 13 e 2 megapixels, tal afirmação não estará muito longe da realidade se esses detalhes técnicos forem confirmados.

E você? Achava melhor uma atualização do modelo atual? Ou uma repaginação completa do Nexus, se aproximando mais do conceito proposto pela Motorola?

Via XDA Developers

Review Comparativo | LG G3 vs LG G2

by

LG-G3-Vs-LG-G2

Não faz muito tempo que testamos no TargetHD um dos melhores smartphones de 2014, o LG G3. O modelo realmente impressiona pelo design elegante, um hardware potente, recursos inteligentes e a tão sonhada memória expansível (que muitos pediram no modelo anterior). O G3 chegou ao mercado com menos de um ano de disponibilidade do LG G2, até então modelo referência da LG para o mercado de tops de linha. Mas… será que as diferenças são tão grandes assim?

Que as diferenças entre os dois modelos existem, isso é um fato. Porém, para quem já tem o LG G2 (ou pretende comprá-lo, por conta do preço reduzido), será que vale a pena a troca para o LG G3? Ou é possível economizar algum dinheiro, ficando com o modelo antigo por mais algum tempo? É isso o que esse comparativo pretende responder.

O objetivo desse post não é descobrir qual é o melhor smartphone entre os dois (até porque é evidente que o LG G3 é o modelo mais completo). Porém, queremos saber qual é o modelo mais adequado para diferentes tipos de usuários: aqueles que não possuem nenhum dos dois, aqueles que já contam com o G2, usuários com diferentes exigências em um smartphone, entre outros. No final das contas, entendo que existe mercados definidos e diferentes para os dois modelos, e cada comprador em potencial precisa fazer a sua escolha baseado no que espera do dispositivo, e nas condições do seu bolso.

 

Características Físicas

DSC03042

Apesar dos dois smartphones herdarem o mesmo conceito geral de design, os dispositivos são esteticamente diferentes, e esses contrastes são notáveis quando os modelos são colocados lado a lado. O LG G3, além de ser maior, é mais fino que o LG G2, mas mantendo praticamente a mesma largura que o modelo anterior. Por consequência disso, o modelo novo oferece um agarre tão bom (ou até melhor) que o modelo antigo. Os menos exigentes não perceberão muitas diferenças. Já quem já possui o LG G2 a algum tempo (é o meu caso), vai perceber tal detalhe com maior clareza.

DSC03088

A disposição das portas (microUSB, conector para fone de ouvido, etc) é praticamente a mesma nos dois modelos. As diferenças estão no fato que o LG G3 possui uma carcaça traseira removível, o que permite o acondicionamento do slot para SIM card na parte interna do aparelho, e não na lateral do mesmo (como acontece no LG G2), assim como o cartão microSD presente no modelo novo.

Além disso, o alto-falante do LG G3 fica na parte traseira, enquanto que no G2 está na parte inferior do dispositivo.

DSC03095

O acabamento dos dois modelos também apresenta diferenças consideráveis. O LG G3 adotou na sua parte traseira um plástico metalizado (segundo a própria LG), o que oferece um acabamento mais ‘premium’ ao dispositivo, impedindo que se note as marcas de uso no dispositivo (tanto pelos dedos do usuário como nos pequenos riscos no uso eventual). Já no G2 encontramos um plástico mate, que produz o resultado contrário, praticamente obrigando o usuário a utilizar um case protetor.

DSC03114

Os botões na parte traseira também receberam modificações. O LG G3 oferece um design de botões que se integram melhor ao corpo do aparelho, onde os botões de volume são afundados, e o botão central de liga/desliga e bloqueio de tela tem um formato circular. No geral, o conjunto de botões do G3 é de melhor localização no uso cotidiano. No LG G2, o botão central é mais ressaltado, ficando saliente em relação a parte traseira do dispositivo.

O LG G3 também possui como adicional o sensor laser, presente para reduzir drasticamente o tempo de captura das fotos, além de trabalhar em conjunto com o estabilizador óptico para melhores imagens de cenas em movimento.

 

Tela

A tela do LG G3 possui 5.5 polegadas (1440 x 2560 pixels, 539 ppp, com Gorilla Glass 3), enquanto que a tela do LG G2 fica com 5.2 polegadas (1080 x 1920 pixels, 423 ppp, com Gorilla Glass 2). As duas telas são do tipo IPS LCD. Não só pelos números, pois 0.3 polegada a mais faz diferença, mas pelo resultado final das imagens, o LG G3 apresenta aqui uma das suas diferenças mais evidentes.

DSC03134

Mais uma vez, é preciso fazer aqui uma distinção entre os usuários mais e menos exigentes. Para quem já tem o LG G2, e decidir colocar lado a lado com o LG G3, vai perceber a maior nitidez da tela do modelo mais novo. Gráficos mais perfeitos e praticamente sem serrilhados, além de oferecer uma coloração levemente mais viva. Se você já achava a tela do G2 algo muito bom, a impressão obtida com o G3 é de algo ainda melhor.

Por outro lado, é uma diferença de qualidade relativamente pequena, que só será percebida mesmo pelos mais exigentes. A maioria dos usuários vão perceber que a tela do LG G2 é igualmente excelente, com exibição final de gráficos impecável, e um resultado muito bom para todas as atividades (navegação na web, vídeos, fotos, etc). Logo, para quem não tem interesse em investir no G3 por conta disso, pode manter o seu G2 por mais algum tempo, ou economizar algum dinheiro comprando o modelo lançado no ano passado, que ainda assim estará adquirindo um smartphone com uma tela muito boa (uma das melhores no mercado mobile, para ser mais claro).

 

Sistema Operacional e Interface de Usuário

Os dois smartphones ainda contam com a versão Android 4.4.2 KitKat (sem previsões para atualização para uma versão mais recente). A diferença é que, de forma nativa, o LG G3 possui a nova interface de usuário LG Optimus UI 3.0, enquanto que o LG G2 – de forma nativa – ainda preserva a interface antiga.

Screenshot 2014 08 23 15 44 36 Review | LG G3

O LG G3 carrega algumas novidades que podem ser adicionadas ao LG G2, caso o modelo antigo esteja rooteado e com uma ROM alternativa. Por exemplo, o software de câmera minimalista do G3 está presente nas ROMs Cloudy e Optimus para o G2. Para quem já tem uma certa experiência no assunto, e já contam com o aparelho por mais de seis meses, pode ser uma boa ideia instalar uma ROM alternativa para obter não só a nova interface, mas algumas de suas vantagens e novidades de software. Aliás, é uma opção que eu recomendo fortemente, pois as melhorias são consideráveis.

ATENÇÃO: para os menos experientes, ou para quem tem receio de perder a garantia na troca da ROM, esqueça tudo o que eu escrevi no parágrafo anterior.

2013 11 15 20.32.11 Review | LG G2

Outra alternativa (menos invasiva e mais simplória) é instalar uma launcher que reproduz parte da interface do G3 no G2. Não é exatamente a mesma coisa, mas é um paliativo. Você não recebe todos os recursos do software novo, assim como suas melhorias. Nesse aspecto, a nova interface da LG, apesar de não contar com diferenças significativas na sua disposição geral, é mais integrada ao hardware, oferecendo uma experiência de uso mais prazerosa, deixando o G3 mais funcional.

 

Câmera

Os dois modelos contam com câmeras similares, com sensor de 13 megapixels e estabilizador óptico de imagem (OIS), com a vantagem do LG G3 contar com um OIS com tempo de resposta menor, e uma abertura de imagem com maior captação de luz. Outros diferenciais são a presenta do flash LED duplo e sensor de laser no modelo mais novo.

Screenshot 2014 08 30 18 12 43 Review | LG G3

Na prática, os dois modelos são capazes de capturar fotos com qualidade similar, principalmente se o usuário do G2 optar pela troca da ROM pela Cloudy G3 ou Optimus G3. O software de câmera nativo do G2 tem aquele problema de comprimir demais as imagens das fotos registradas com luz artificial ou baixa luminosidade, com o objetivo de reduzir o ruído das fotos nessas condições. Esse é um problema de software que pode ser resolvido ou com a troca da ROM ou, na pior das hipóteses, com outro aplicativo de câmera (recomendo o Camera Zoom FX, que é, na minha opinião, o melhor entre os apps pagos de câmera).

DSC01222 Review | LG G2

Na parte de vídeos, o LG G3 é capaz de gravar em 4K a 30 FPS, enquanto que o LG G2 grava vídeos a 1080p em 60 FPS. O G3 também possui sistema de slow motion a 120 FPS. Com ROMs alternativas, você consegue alguns desses recursos com o G2. Se manter a ROM stock, nada de novidades.

A câmera frontal dos dois modelos conta com a mesma resolução de 2.1 megapixels, e a regra da compressão de imagem do G2 é a mesma: se você mudar o software de câmera, a qualidade final do modelo antigo recebe uma boa melhorada. O G3 também oferece aquele recurso de registro de selfies sem precisar tocar na tela do smartphone (com contador regressivo quando a câmera identifica o gesto com a mão do usuário). Esse recurso você também só encontra no LG G2 se você instalar uma ROM alternativa no dispositivo.

 

Games

Os dois modelos desempenharam muito bem durante o período de testes os jogos que normalmente utilizo nos reviews. Nesse aspecto, a não ser que você realmente faça questão de uma tela um pouco maior (o que em muitos casos não adianta muita coisa, já que a grande maioria dos jogos não contam com resolução maior que a HD), tanto importa qual modelo você vai escolher: o desempenho para os jogos será o mesmo, ou seja, a melhor possível.

Screenshot_2014-08-30-17-02-03

Um detalhe que é importante destacar: na época em que testamos o LG G3, ele não era compatível com o jogo Real Racing 3. Não sabemos o motivo disso (pode ser pela resolução da tela, pois nos quesitos processador, GPU e RAM, não haviam motivos para que não fosse funcional). É possível que quando você estiver lendo essa análise no futuro, o jogo já esteja compatível com esse modelo. Porém, é necessário fazer esse registro, para simples observação.

 

Bateria

Os dois dispositivos contam com a mesma bateria de 3.000 mAh. Por conta disso, a autonomia de bateria do LG G3 é naturalmente menor, justamente pelo seu hardware mais potente, tela maior e com maior resolução. Porém, as diferenças de autonomia não são tão gritantes assim. É claro que com o LG G2 você tem um tempo útil maior com o dispositivo, e muita gente pode valorizar isso. Mas como o G3 possui recursos para economia de bateria que não estão presentes no modelo do ano passado, dependendo do perfil de uso, é possível alcançar o mesmo tempo de uso nos dois modelos.

2013-11-07 22.17.00

Obviamente para quem tem um uso mais exigente, ou para quem precisa ter o smartphone funcionando a maior parte do tempo, o LG G2 pode ser uma opção mais vantajosa. É mais certo que o G2 chegue ao final do dia funcionando com alguma bateria do que o G3. Mas eu repito: os resultados podem variar, de acordo com o perfil de uso.

 

Desempenho

Em linhas gerais, o LG G3 possui um desempenho mais limpo e fluído, pois harmoniza melhor a sua nova interface Optimus com o seu hardware. Porém, o LG G2 não fica muito atrás. Tudo vai depender também do tipo de software que está instalado no dispositivo: usar o G2 com a ROM stock pode significar um desempenho um pouco mais “travado”, com perda de fluidez e desempenho em alguns momentos. Isso pode ser minimizado (ou resolvido) com uma ROM alternativa.

Screenshot_2014-08-29-22-01-50

Como já destaquei nesse review, as ROMs Cloudy e Optimus se aproximam muito da experiência de uso do LG G3. Também é possível obter um desempenho melhor do que a ROM padrão com a popular CyanogenMod 11, que oferece uma experiência de uso diferente, mas potencializa os seus recursos para tornar o smartphone melhor do que já é.

Ou seja, se você está preocupado em ter nas mãos um smartphone que vai te oferecer uma performance elevada no uso diário (independente do seu nível de exigência), os dois modelos podem te entregar isso. Não necessariamente você precisa trocar o seu G2 para obter uma performance ainda maior. A não ser que você queira os recursos diferenciados do G3.

 

Outras Diferenças

Antes de concluir, vale a pena destacar que o LG G3 possui uma velocidade máxima de dados teoricamente maior que o LG G2 (150 Mbps, contra 100 Mbps). Isso não quer dizer que você vai obter essa velocidade na hora de realizar os downloads via 3G ou 4G, já que os resultados podem variar de acordo com o plano de dados contratado por você, ou com a qualidade do serviço oferecido pela sua operadora. Logo, tal fator não faz muita diferença nesse comparativo para efeitos práticos.

Além disso, o alto-falante traseiro do LG G3 é nitidamente mais potente que o alto-falante na parte inferior do LG G2. A mudança no posicionamento desse item não só oferece um benefício na espessura mais fina do modelo mais novo, mas ao que parece, também resultou em uma qualidade final de áudio melhor, o que é algo sempre bem vindo.

DSC02990

Por último, mas não menos importante, uma diferença relevante a favor do LG G3: a sua maior capacidade de armazenamento. Muitos usuários do LG G2 (ou compradores em potencial) apontavam como um dos pontos fracos do modelo lançado no ano passado a ausência de um slot para cartões microSD, deixando sua memória limitada aos 16 ou 32 GB de armazenamento. No G3, isso mudou: o microSD pode ser de até 128 GB de armazenamento, e esse é (talvez) um dos diferenciais mais relevantes a favor do modelo novo. Se você não quer se preocupar em armazenar os seus itens pessoais no dispositivo (músicas, fotos, vídeos, etc), o LG G3 é a sua escolha.

 

Conclusão

O LG G3 é uma boa evolução na proposta apresentada pelo LG G2, mas pode não conter mudanças relevantes o suficiente para justificar uma troca, ainda mais pelos valores sugeridos pelo novo modelo (preço oficial de R$ 2.299, mas é possível encontrar em promoções de e-commerces nacionais a R$ 1.499). O G2 ainda é um excelente smartphone, e para aqueles que possuem esse modelo, ainda podem aproveitá-lo por mais algum tempo – ou pelo menos até as promoções de final de ano, onde algumas lojas decidem reduzir o preço dos modelos mais novos.

DSC03139

Agora, para quem não tem o G2, e pensa em comprar um modelo top de linha, o LG G3 a R$ 1.499 é um grande negócio. É um dos melhores smartphones de 2014, oferecendo uma usabilidade excelente, um desempenho muito bom, a melhor tela do mercado mobile no momento e uma câmera muito eficiente. É claro que para aqueles que não contam com tanto orçamento para realizar esse investimento podem optar pelo LG G2, desde que estejam cientes das diferenças descritas nessa análise. Afinal de contas, ainda estamos falando de um modelo que no começo de 2014 era o top de linha da LG.

De qualquer forma, é importante deixar muito claro que tanto o LG G3 como o LG G2 são excelentes smartphones, que atendem muito bem as necessidades de usuários com diferentes perfis e necessidades. Independente de sua escolha, ela será acertada. Basta que você identifique exatamente o que você espera (ou precisa) do dispositivo de sua escolha.

Para ler o review do LG G2, clique aqui.

Para ler o review do LG G3, clique aqui.

 

19361979

LG G2

19361979

LG G3

 

Review em Vídeo

Tabela comparativa: iPhone 6 Plus contra a concorrência

by

iphone6plus

Por fim, o comparativo do iPhone 6 Plus. A Apple apresentou uma versão de maior tamanho do seu iPhone 6, com tela de 5.5 polegadas e algumas diferenças nas suas especificações técnicas. Para esse comparativo, escolhemos o Galaxy Note 4 e o LG G3 – esse último pode ser comparado tanto com o modelo de 5.5 polegadas como com o modelo de 4.7 polegadas. Veja o que concluímos na tabela a seguir.

 

ModeloIPHONE 6 PLUSSAMSUNG GALAXY NOTE 4LG G3
Tamanho158,1 x 77,8 x 7,1 mm153,5 x 78,6 x 8,5 mm146,3 x 74,6 x 8,9 mm, curvado
Peso172 g176 g149 g
Tamanho da tela5,5 polegadas5,7 polegadas5,5 polegadas
Resolução1,920 x 1,080 (401 ppp)2,560 x 1,440 (515 ppp)2,560 x 1,440 (534 ppp)
Tipo de telaIPS LCD, Retina HDSuper AMOLED Quad HDIPS LCD
BateriaDesconhecida3.220 mAh (removível)3.000 mAh (removível)
Memória interna16 / 64 / 128 GB32 GB32 GB
Memória externaNãomicroSD (até 64GB)microSDXC (suporte teórico para 2 TB)
Câmera traseira8 MP iSight, f/2.2, 1.5µm, OIS16 MP, LED flash13 MP com OIS
Câmera frontal1,2MP, f/2.23,7 MP2,1 MP
Captura de vídeos1080p4K4K (30fps)
NFCSimSimSim
Bluetoothv4.0v4.1v4.0
SoCApple A8Qualcomm Snapdragon 805Qualcomm Snapdragon 801
Clock CPUDesconhecido2,7 GHz quad-core2,5 GHz quad-core
GPUDesconhecidaAdreno 420Adreno 330
RAMDesconhecida3 GB3 GB
WiFiDual-band, 802.11 a/ac/b/g/nDual-band, 802.11 a/ac/b/g/nDual-band, 802.11 a/ac/b/g/n
SOiOS 8Android 4.4Android 4.4.2
DiferenciaisTouch ID, barômetro, giroscópio de nova geração, FaceTime HD, Apple PayLeitor de digitais, monitor cardíaco, sensor de luz UVSmart Notice, LG Health, botão traseiro

Review | LG G3

by

lg-g3-official-1

Um dos melhores smartphones de 2014. Essa foi a primeira impressão que tive do LG G3 no evento de lançamento do produto em São Paulo. Algum tempo depois de degustar o produto, a assessoria de imprensa da LG do Brasil enviou o smartphone para testes, e durante duas semanas, eu pude testar o produto em um uso cotidiano. E esse post vai compartilhar as minhas impressões do produto.

O LG G3 é um autêntico top de linha, que tem como principal objetivo bater de frente com os demais modelos top de linha dos concorrentes. Por outro lado, o competente LG G2 ainda está no mercado, e custa muito menos que o novo modelo top dos coreanos (em alguns casos, pode custar a metade do que é cobrado pelo G3). A pergunta que precisa ser respondida é: vale a pena todo o investimento?

Quais são os principais diferenciais do LG G3? Será que realmente vale a pena investir tanto dinheiro em um smartphone top, que é uma atualização do ainda competente (e, agora, bem mais barato) modelo anterior? Para você, que já tem um modelo que atende suas necessidades (ou um dispositivo top de linha de outra marca), vale a pena realizar um investimento desse porte?

Esse review tem como objetivo esclarecer essas e outras dúvidas, a partir de uma perspectiva de um uso cotidiano, e sempre pensando nas questões importantes para a maioria dos usuários que pretendem comprar esse produto.

 

Características Físicas

DSC02897

Uma coisa não se pode negar: o LG G3 é um dos smartphones mais bonitos do mercado. Eu já tive essa boa impressão quando vi o produto presencialmente pela primeira vez no evento de lançamento em São Paulo, e o contato diário com o dispositivo por duas semanas apenas confirmou essas impressões. É um gadget com linhas refinadas, design muito bem ajustado para a sua proposta premium, e elegante para o uso diário.

Apesar de contar com uma tela de 5.5 polegadas, o modelo é minimamente maior do que o LG G2, o que favorece em uma pegada mais agradável. E por conta de ser um dispositivo mais fino, o agarre do G3 é realmente muito bom, com um encaixe excelente. O encaixe na mão é perfeito, o que facilita e muito a vida de quem prioriza esse aspecto no uso diário de um smartphone.

DSC02942

É impossível não notar o acabamento do produto. A LG optou dessa vez por um plástico com revestimento metalizado, que além de oferecer um acabamento melhor do que aquele oferecido no LG G2. Alguns podem dizer que optar por uma tampa traseira de plástico seria uma solução realmente “premium”. E é. Só que isso tornaria o dispositivo mais caro e mais pesado, contrastando com a ideia geral do produto.

DSC02923

Os frisos metálicos nas laterais reforçam a ideia de baixa espessura do produto, e se tornou uma das características dos recentes lançamentos da LG.

Outro ponto positivo está no fato das laterais serem limpas, ou seja, sem botões físicos e – nesse caso em especial – sem slot para SIM cards, o que consegue deixar o dispositivo ainda mais fino em relação ao LG G2. Como sua tampa traseira é reovível, os slots estão disponíveis na parte interna do telefone.

DSC02949

Os botões traseiros também receberam alterações de design, ficando mais integrados ao corpo do dispositivo. No LG G2, o botão central (de liga/desliga e bloqueio de tela) ficava sobressalente, para mais fácil localização para o usuário, porém, afetando o design do produto. No caso do LG G3, a solução tomada foi simples, reduzindo a altura do botão central, mas afundando o relevo dos botões de volume, deixando tudo muito bem integrado ao corpo do smartphone.

Talvez uma das novidades mais destacadas pela LG na apresentação do G3 é o sensor laser para foco rápido, que promete facilitar a vida na captura de imagens. Esse sensor é capaz de reduzir consideravelmente o tempo de disparo, permitindo que o clique seja efetivamente do momento que ele está vendo, com o menor atraso possível. Vamos descobrir mais adiante nesse review se essa solução efetivamente entrega os resultados prometidos, com fotos com boa qualidade.

DSC02957

Por conta da espessura menor, o alto-falante – que no LG G2 está na parte inferior do dispositivo – agora está posicionado na parte traseira do smartphone. Mas essa escolha não afeta em nada a qualidade e o volume do áudio do dispositivo. Os conectores para fones de ouvido e micro USB continuam na parte inferior. A parte superior, assim como suas laterais, não possuem qualquer tipo de slots ou conectores.

DSC02967

A carcaça traseira do smartphone é de plástico com um acabamento metalizado. Como já destacamos antes, a combinação acaba oferecendo uma sensação de maior segurança, principalmente pela proposta de acabamento. A carcaça em si é rígida – mais rígida que o concorrente direto do mesmo país que a LG no seu modelo mais recente, mas não é algo que é 100% imune aos riscos. Em compensação, por conta do seu próprio acabamento, pode esconder melhor as pequenas marcas de uso do que no LG G2.

DSC02990

O slot para cartões microSD é de fácil acesso, ficando ao lado da bateria. O slot para micro SIM cards fica abaixo do slot para microSD, o que obriga ao usuário a remoção da bateria para a sua instalação. O que faz sentido: a maioria dos dispositivos Android solicita uma reinicialização a cada vez que trocamos o chip da operadora.

 

A base de recarga

Eu deveria falar aqui dos acessórios do produto, mas no caso do LG G3, apenas um realmente se destaca dos demais: a sua base de recarga.

DSC03009

Algumas unidades comercializadas oferecem esse carregador de forma gratuita com o smartphone (não sabemos até quando a LG vai ter essa generosidade toda com o cliente brasileiro), e apesar de alguns entenderem que esse pode ser um “item dispensável”, é fundamental lembrar aqui que a proposta principal dos coreanos é oferecer um produto com recursos úteis e diferenciados, com um desempenho impecável, mas que principalmente seja capaz de tornar a vida do usuário algo mais simples e prático.

Dito isso, a base proposta pela LG cumpre o que promete. O usuário pode conectar a base ao cabo micro USB, conectado ao adaptador da rede elétrica. Quando precisar recarregar a bateria, tudo o que precisa fazer é repousar o smartphone na base, e pronto. Sem as complicações de procurar o lado certo do conector, ou procurar como conectar o smartphone ao cabo se você está no escuro do seu quarto ao dormir.

DSC03018

A base tem uma propriedade magnética, onde o smartphone fica levemente aderido à base, deixando o produto mais firme na mesma, diminuindo um pouco as chances de quedas acidentais. E cumpre o que promete, recarregando a bateria com eficiência.

Entendo que, nesse item, até mesmo os geeks mais convictos vão querer um acessório como esse. Não só por preservar fisicamente o seu dispositivo, mas por ser algo que remete à modernidade. E no final das contas, é isso o que todo entusiasta de tecnologia quer.

DSC03028

Antes de passar para o próximo item, é importante fazer o registro que o kit de venda do LG G3 oferece os excelentes fones QuadBeat 2. Para quem gosta de músicas (e gosta mais ainda do fato de que não vai ter problemas em carregar suas músicas no smartphone, por conta do slot para cartões microSD), é uma excelente notícia.

 

Tela

Outro grande ponto positivo do LG G3. Sua tela de 5.5 polegadas possui resolução Quad HD (2560 x 1440 pixels, 534 pixels por polegada). É uma das melhores telas disponíveis no mercado atual de smartphones, e com facilidade. Ou seja, consumir conteúdos de vídeos nesse dispositivo é uma experiência excepcional.

DSC02910

Como se já não fosse suficiente o fato de implementar a tecnlogia de suas telas de TV nos smartphones, a LG decidiu introduzir uma tela QHD para oferecer a experiência visual mais agradável possível. Não só isso: o smartphone foi otimizado a ponto que essa resolução não comprometesse o desempenho e a fluidez da interface de usuário, e os resultados nesse aspecto são muito positivos.

Para quem utilizou o smartphone de perto – e, no meu caso, por duas semanas de forma intensa -, pode confirmar o que vou dizer: é impossível identificar serrilhados ou pixels nos elementos gráficos exibidos pela tela do LG G3. É uma tela simplesmente excelente, e não deve agradar apenas aos usuários fãs de filmes e séries, e que já pensam nessa tela para consumir os seus conteúdos preferidos em qualquer lugar.

DSC02904

Aqueles usuários que querem ter a melhor tela possível para executar os seus apliativos preferidos terão no LG G3 um excelente retorno de investimento. Os aplicativos são exibidos de forma plena e perfeita, com uma riqueza de tealhes e equilíbrio de cores que poucas vezes vi em uma tela de um smartphone.

Como bônus, a tela do LG G3 possui o revestimento Corning Gorilla Glass 3, algo que é sempre bem vindo. Afinal, quem é que gosta de ter a tela do seu smartphone riscada por conta do uso diário?

 

Sistema Operacional e Interface de Usuário

O LG G3 que recebemos para testes possui o sistema operacional Android 4.4.2 KitKat (fatalmente será atualizado para uma versão mais recente, como o Android L; só espero que a LG não demore muito para entregar essa atualização), com a nova proposta de interface da LG, a Optimus UI 3.0 (que será repassada para os demais smartphones Android da empresa, em um futuro não especificado).

Screenshot_2014-08-23-15-44-36

As mudanças na interface são bem vindas. Oferecer ícones com gráficos planos e com tons de cores menos chamativas tornou a interface visualmente mais agradável. Ainda mais em uma tela Quad HD, que exibe os elementos gráficos com uma maior riqueza de detalhes.

Screenshot_2014-08-29-22-00-44

Por outro lado, a interface de usuário continua sendo muito distante da proposta original do Android, o que deve afastar alguns usuários mais puristas. De qualquer forma, você ainda pode instalar a Google Now Launcher no LG G3, e ser feliz com o seu Android (quase) puro. Mas ao fazer isso, você perde algumas funcionalidades interessantes que a interface da LG oferece (é claro que, com alguma dose de paciência para pesquisar apps complementares na Google Play, você pode “simular” parte dessa experiência com aplicativos complementares, mas isso está longe de ser o ideal).

Screenshot_2014-08-29-22-01-50

Os recursos de maior destaque dos modelos anteriores estão presentes no G3: Knock On, Knock Code, QSlide, Quick Memo e Quick Remote. O software da LG também oferece opções de conexão e compartilhamento por acesso rápido, modo silencioso e sistemas de notificação inteligente, recursos de tela inteligente, personalização de teclas de início, QuickCircle Cover, janela dupla, smart cleaning (para gerenciamento de consumo de RAM), entre outras funcionalidades.

 

Qualidade de Áudio e Chamadas

Durante os testes, não foram observadas anormalidades na qualidade de sinal do smartphone, como falhas durante as chamadas de voz ou quedas de sinal. Lembrando: os resultados sempre podem variar de acordo com a região onde você vive, e a qualidade de sinal da operadora que você usa. Aliás, essa virou uma regra: é muito difícil avaliar a qualidade de sinal nos novos smartphones, muito por conta da qualidade das operadoras (que nem sempre é aquela que nós esperamos).

Screenshot_2014-08-28-11-41-09

Em compensação, a qualidade de áudio do LG G3 agrada. Apesar de um alto-falante diminuto para chamadas, sua emissão de som é boa (ao menos a comunicação é audível na maioria dos casos). Sobre o alto-falante traseiro (que no LG G2 está na parte inferior do dispositivo), o seu volume de áudio é acima do esperado, tornando as chamadas em viva-voz e as reproduções multimídia potentes o suficiente para uma boa comunicação ou consumo de conteúdos de áudio e vídeo.

 

GPS

Levando em conta que, na maioria das vezes, você vai utilizar o serviço de localização em conjunto com a conectividade 3G ou 4G, o GPS do LG G3 foi bem competente, localizando com facilidade o meu posicionamento nos mapas da Google e no Waze. Utilizar apenas o GPS para posicionamento (sem a ajuda de uma conexão WiFi ou móvel) não surte efeito algum, ainda mais com a Google pedindo o tempo todo para você acionar os recursos de localização com alta precisão. Mas imagino que isso não será um problema para a maioria dos usuários.

 

Câmera

Um dos aspectos que a LG mais enfatizou como diferencial do LG G3 em relação aos seus concorrentes é a sua câmera. Seu sensor traseiro de 13 megapixels possui recursos melhorados em relação ao LG G2, com a missão de não apenas oferecer a melhor imagem possível, mas também a melhor imagem em situações onde efetivamente esses recursos se fazem úteis. Principalmente nos momentos ocasionais e únicos, quando o usuário quer eternizar aquela imagem.

Screenshot_2014-08-30-18-12-43

Como estamos diante de um novo software de câmera, é importante destacar que a LG decidiu deixar tudo muito simples dessa vez. São apenas quatro modos de câmera (automático, foco mágico, panorama e câmera dual), e alguns ajustes mais simples (resolução de câmera, HDR, grade, disparo por voz, etc). Alguns entusiastas da fotografia podem reclamar pela eliminação de recursos interessantes (ajuste de ISO, balanço de branco, efeitos de cor, etc), mas na prática, o software de foto ficou com aquilo que é essencial para a maioria dos usuários.

Screenshot_2014-08-30-18-13-03

A câmera traseira possui recursos de estabilização ótica (OIS), semelhante ao encontrado no seu antecessor, mas com um importante diferencial: o foco automático por laser. Segundo a LG, o laser – que fica ativo o tempo todo – é capaz de enviar a informação constantemente para o sensor, que faz com que o mesmo fique pronto para o disparo o tempo todo. Resultado: o disparo acontece em pouco mais de dois décimos de segundo, o que (praticamente) garante que o usuário vai registrar a imagem desejada, no momento em que ela acontece.

Screenshot_2014-08-30-18-12-54

Sobre esse recurso, minha experiência foi a seguinte:

Quando recebi o produto para os testes, nos primeiros dias que utilizei o smartphone, eu percebi que o tempo de disparo não estava tão rápido quanto eu imaginei. O tempo de resposta da câmera era praticamente o mesmo do meu LG G2, e cheguei a estranhar que o tempo de resposta era o mesmo nos dois modelos.

Porém, no começo da segunda semana, o dispositivo enviado para testes recebeu uma atualização via OTA (Over The Air), que corrigiu alguns recursos do dispositivo. Inclusive a câmera. Depois desse update, aí sim o tempo de disparo ficou muito menor, cumprindo o que promete: um tempo de resposta ao disparo com elevada velocidade.

20140828_162122 20140828_162122(1) 20140828_162123

Durante os testes práticos, os resultados foram, no mínimo, interessantes. Em um dia perfeito de sol, ao testar o registro de várias fotos ao acompanhar veículos em movimento, as imagens capturadas foram de boa qualidade, sem muitas distorções ou perda de foco. Em via de regra, você consegue registrar o que você deseja, mas desde que você defina o momento que você vai acionar a câmera. Se você sair batendo fotos na sequência, uma atrás da outra, há sim um tempo de intervalo para a captura de uma nova foto.

Em compensação, o que realmente interessa é registrar uma foto de algo em movimento sem qualquer tipo de distorção. E isso, a câmera do LG G3 consegue fazer.

20140822_173709 20140822_173712

Por outro lado, não dá para confiar muito no foco automático para as fotos estáticas. Algumas fotos saíram desfocadas, mesmo em condições perfeitas de iluminação. Se você não tomar cuidado, as suas fotos noturnas podem ficar desfocadas com facilidade. Não dá pra dizer se o novo recurso de foco automático por laser tem alguma influência nisso. Mas fica esse ponto de observação: tirar fotos à esmo não significa que todas vão sair do jeito que a (excelente) tela do LG G3 vai mostrar. As aparências podem enganar.

20140828_161248 20140828_121636 20140824_080345

Em linhas gerais, o LG G3 possui uma câmera tão boa quanto a do G2. Talvez um pouco melhor por conta dos novos recursos de hardware e software. A qualidade de imagens registradas é muito parecida com a do modelo anterior, mas com um equilíbrio maior no processamento de imagem. No LG G2, alguns usuários reclamavam que fotos capturadas com luz artificial e/ou baixa luminosidade ficavam com baixo nível de ruído, mas por conta da compressão de software, a maioria das imagens pareciam “desenhadas” quando visualizadas (algo que pode ser resolvido por software, seja por outro aplicativo de câmera, seja por uma nova ROM no aparelho).

No LG G3, isso não acontece.

20140828_161625 20140828_161703 20140828_162552

As imagens registradas durante o dia contam com uma qualidade final muito boa. Mesmo as fotos noturnas oferecem interessantes resultados, garantindo imagens que podem ser utilizadas para (eventualmente) uma publicação em blogs e redes sociais. É uma das melhores câmeras do mercado de smartphones, tanto para fotos como para vídeos.

Screenshot_2014-08-30-16-53-39

A câmera frontal também recebe as mudanças oferecidas pelo novo software. Além do sistema de alternância entre as câmeras com um simples gesto, a câmera frontal do LG G3 pode fazer o registro das selfies sem ter a necessidade de acionar o botão de câmera no dispositivo. Basta deixar a mão aberta diante da câmera frontal do smartphone (com uma certa distância para que a câmera frontal identifique sua mão), fechar a mão conforme o indicado, e pronto: o contador aparece na tela (3 segundos, em contagem regressiva), e você pode fazer o registro da imagem, de forma cômoda e confortável.

20140828_162340

A qualidade de gravações de vídeos, tanto da câmera traseira quanto na frontal, oferecem resultados muito bons, acompanhando toda a competência e qualidade demonstrada para as fotos. Você poderá obter melhores impressões da capacidade de gravação de vídeos dessa câmera no vídeo review do produto, no final desse post.

 

Games

Com um hardware do seu porte, já era de se imaginar que o LG G3 fosse um smartphone muito competente para os jogos Android. E nesse aspecto, o usuário não tem com o que se preocupar. Os títulos compatíveis com o dispositivo rodaram de forma impecável no smartphone, e com uma tela do seu tamanho – e com sua qualidade -, os jogos executados apresentaram resultados finais de gráficos e desempenho excelentes.

Screenshot_2014-08-30-17-02-03

É claro que, por conta do smartphone possuir uma tela com resolução Quad HD, alguns jogos não serão reproduzidos em tela cheia. Logo, não precisa se preocupar com essa barra branca na lateral de alguns títulos. Os resultados podem variar.

Screenshot_2014-08-30-16-57-28

Fora isso, nem é necessário ficar esmiuçando muito nesse ponto. É um smartphone impecável para os jogos de qualquer modalidade. Os gamers mais convictos certamente devem olhar com bons olhos para a possibilidade de realizar um investimento nesse modelo. Só tem um porém…

Screenshot_2014-08-29-01-02-39

Durante as duas semanas de testes – e mesmo depois de uma atualização -, o jogo Real Racing 3, um dos títulos que normalmente utilizamos para realizar nossos testes de desempenho, não é compatível com o LG G3. O que é estranho, pois o jogo é compatível com o LG G2, e até com modelos com hardware inferior ao novo modelo top de linha dos coreanos. O motivo para tal proibição pode estar no seu hardware, que oferece novos componentes e pequenas modificações que podem tornar o jogo incompatível com o dispositivo.

 

Multimídia

O LG G3 possui características que o beneficiam diretamente no quesito multimídia. Já destacamos a qualidade do seu alto-falante traseiro, que consegue reproduzir um volume de som audível o suficiente para agradar a maioria dos usuários. Aproveito para relembrar que o kit de venda oferece os fones QuadBeat 2, que oferecem uma excelente qualidade de áudio.

Screenshot_2014-08-30-18-24-25

Testamos a reprodução de vídeos em alta definição no dispositivo, e os resultados foram dentro do esperado. Com o seu hardware potente e uma tela de elevada definição e qualidade, a experiência de visualização de vídeos no dispositivo foi algo excelente, sem lags, travamentos ou anormalidades. Para quem pretende utilizar o smartphone para ver vídeos em qualquer lugar, é um dos modelos mais indicados.

Screenshot_1970-01-16-18-28-56

O G3 também conta com recursos que são de interesse de boa parte dos consumidores de smartphones, como por exemplo um gravador de voz e, principalmente, o rádio FM. Não são todos os smartphones top de linha que oferecem essa funcionalidade que ainda é apreciada por aqueles que se deslocam o dia inteiro, e não desejam ver o seu pacote de dados devorado pelas rádios online ou serviços de streaming de música.

Além disso, o Quick Remote continua a ser um interessante complemento. Controlar a sua televisão e outros equipamentos pelo smartphone pode ser algo prático para quem vive utilizando o dispositivo até na hora de relaxar diante da TV, e nem sempre o controle remoto está por perto.

 

Bateria e Desempenho

O LG G3 se comportou dentro do esperado no quesito bateria. Levando em consideração o seu poderio de hardware e principalmente a sua tela Quad HD, o smartphone mantém aquele padrão já conhecido nos dispositivos de linha alta, ou seja, pelo menos um dia de uso moderado.

Screenshot_2014-08-29-12-29-31

Quando o dispositivo ficou em standby, o seu consumo de bateria foi realmente muito baixo, o que ajuda e muito no gerenciamento de uso daqueles que necessitam de um smartphone que permaneça funcionando até o final do dia, sem maiores problemas. Já aqueles que querem aproveitar ao máximo todos os benefícios do dispositivo, assistindo vídeos, rodando jogos e registrando fotos, o consumo de bateria é consideravelmente maior.

Não é algo que podemos colocar como ponto de crítica no LG G3. O dispositivo recebe uma série de novos recursos, além de um hardware mais poderoso, o que naturalmente leva ao consumo maior de bateria. Talvez a LG poderia compensar isso colocando uma bateria com maior capacidade, mas isso poderia comprometer diretamente o design do produto.

Screenshot_2014-08-29-22-02-20

Sobre o seu desempenho: com um processador Qualcomm Snapdragon 801 quad-core de 2.5 GHz, GPU Adreno 330 e 2 GB de RAM (no modelo que testamos), o modelo ofereceu um desempenho muito bom nas duas semanas de testes. Rápido, com fluidez na maior parte do tempo e sem travamentos. Talvez a interface Optimus UI 3.0 exija um pouco mais do seu hardware para que ele não seja tão fluído quanto se espera, mas a experiência de uso continua a ser muito satisfatória.

Para as atividades mais exigentes, o LG G3 se mostrou um dos melhores smartphones do mercado. Os usuários mais exigentes ficarão satisfeitos com o conjunto geral do dispositivo, que se posiciona como uma das melhores opções dentro do seu segmento, entregando não só um design elegante, uma ótima tela, e recursos diferenciados, mas um desempenho que permite a qualquer pessoa extrair o melhor que o Android pode oferecer.

Screenshot_2014-08-29-22-02-30

Antes de concluir, uma observação importante.

Durante os testes, eu percebi que sempre que uma atividade exigia um pouco mais dos seus componentes de hardware – como registro de fotos, execução de jogos, etc -, eu percebi que a parte superior do smartphone esquenta muito. Muito mais do que o que considero normal, tornando inviável – por exemplo – atender uma ligação durante uma seção de fotos (já que o alto-falante superior ficou muito quente). Não sei se isso pode acontecer com outros modelos, ou se esse foi um problema momentâneo ou circunstancial com a unidade que recebemos para testes.

De qualquer forma, fica o registro.

 

Conclusão

O LG G3 é um dos melhores smartphones de 2014. Oferece atualizações importantes em relação ao LG G2, com melhorias e novos recursos que podem estimular a troca. Se você não tem um smartphone tão bom, e pretende saltar para um top de linha (já que para você o dinheiro não é um problema), eu recomendo a compra. O valor sugerido por esse smartphone está mais ou menos na média de preço de outros modelos da linha “premium”.

DSC03042

Agora, se você tem um LG G2, quem sabe não vale a pena esperar mais um pouco pela troca. Você ainda tem um smartphone muito bom, com especificações que são semelhantes (veja bem: semelhantes, e não iguais) ao do LG G3, e as diferenças estão efetivamente no novo design, nos novos recursos e na tela do dispositivo. E para muita gente, vale a pena esperar por uma redução de preço do produto, ou até mesmo uma eventual promoção que os e-commerces nacionais podem oferecer no período de vendas do final do ano.

De qualquer forma, é um produto altamente recomendado para todos os casos.

19361979

Review em Vídeo

Mais imagens registradas durante os testes

DSC02930 DSC02934 DSC02964 DSC02975 DSC02982 20140828_002557 20140828_161258 20140828_161605 20140828_161606 20140828_161607 20140828_161703 20140828_161704 20140828_161705 20140828_162039 20140828_162040 20140828_162041 20140828_162055 20140828_162056 20140828_162057 20140828_162435

LG G3: como funciona o conceito “Simple is the New Smart”

by

lgg39

Nós bem sabemos que a LG Electronics fabrica TVs, sistemas de som, monitores e até eletrodomésticos. Porém, nas últimas semanas, quando falamos da LG, nós falamos automaticamente do seu novo smartphone, o LG G3. O dispositivo foi desenvolvido o conceito “Simple is the New Smart”, adicionando no novo telefone algumas das mais avançadas e ambiciosas propostas tecnológicas, para oferecer aos consumidores a experiência de uso mais simples e intuitiva possível. 

 

O novo LG G3 possui uma tela de 5.5 polegadas Quad HD, que possui uma resolução quatro vezes maior que as telas HD. É perfeita para ver filmes, séries de TV e vídeos em formatos avançados. Sua câmera possui o inovador Foco Automático por Laser, que pode registrar imagens em uma fração de segundo, exigindo um tempo muito menor que as câmeras convencionais (mais precisamente 0.276 segundo).

 

A reputação da LG em suas telas é mais um fator que foi considerado no desenvolvimento da tela Quad HD do LG G3, que é o resultado de anos de pesquisa e inovação tecnológica. Com uma densidade de pixels de 538 ppp, essa tela estabelece um novo padrão de imagem em dispositivos móveis, oferecendo as imagens mais brilhantes e limpas já vistas em um dispositivo móvel. As 5.5 polegadas estão distribuídas em 76.4% da área total da sua parte frontal e, mesmo assim, temos um dispositivo de agarre confortável.

 

Outro importante destaque positivo do novo smartphone da LG está na sua bateria. Em recentes testes realizados pelo site PhoneArena.com envolvendo alguns dos mais recentes smartphones do mercado, o LG G3 ofereceu uma autonomia de uso muito maior que os seus concorrentes diretos, especialmente o Samsung Galaxy S5. De acordo com o site, o LG G3 trabalhou de forma intensa por 8 horas de 50 minutos. Tal resultado foi possível pelo fato da LG ter substituído o metal pelo grafite em alguns dos seus componentes. O resultado é uma bateria que consegue oferecer uma alta performance com boa autonomia de bateria, mesmo em um dispositivo com uma tela com resolução Quad HD.

 

Mas não é só isso. Tem mais.

 

lgg310

 

A LG adicionou no LG G3 novas funcionalidades em outros itens interessantes. Por exemplo, o sensor frontal possui 2.1 MP de resolução, que é maior e possui recursos para o melhor registro das selfies. Além disso, o smartphone conta com um teclado inteligente, que “aprende” com a sua digitação. O Smart Notice chega para ser o seu novo assistente pessoal, com uma série de novos lembretes e alertas, e o Smart Securiy protege os seus dados de forma remota, ou simplesmente os esconde dos olhos de outras pessoas.

 

E essa é uma pequena amostra de tudo o que você pode encontrar no novo LG G3.

 

Imagine como um dispositivo como esse pode melhorar as suas atividades cotidianas. As possibilidades são infinitas, e a LG traz parte do futuro para você aproveitar hoje.

 

Artigo patrocinado

 

banner-publi-targethd.jpg

LG G2 e LG G3, lado a lado (em fotos)

by

DSC02340

Como eu sou um proprietário de um LG G2, era inevitável que eu fizesse um lado a lado com o LG G3 recém lançado no Brasil. Não é um comparativo técnico, falando de todas as diferenças conceituais e de especificações, mas é apenas uma forma de mostrar ao leitor como os modelos ficaram lado a lado. Peço desculpas pela baixa qualidade das fotos, mas é o que temos para hoje. Ainda mais com um espaço tão curto de tempo, e condições abaixo do ideal para o registro de fotos.

De qualquer forma, vale aqui as minhas observações.

A primeira diferença mais evidente entre os dois modelos está no tamanho de tela do produto. Aqui, a LG utilizou uma estratégia “à  la Apple”, e aumentou a tela na sua altura. A largura dos dois dispositivos é basicamente a mesma, o que garante um bom agarre para o produto, e a mesma operatividade do modelo anterior. Quem já se acostumou com a tela com grandes dimensões do LG G2 não vai notar grandes diferenças para o LG G3. Já para aqueles que não se acostumaram, vão continuar estranhando o tamanho do dispositivo.

DSC02341

As mudanças nos gráficos da nova interface da LG são ainda mais evidentes. Os ícones são planos, e quando exibidos em uma tela Quad HD, reforçam ainda mais essa proposta visual de simplicidade.

Aliás, bem sabemos como a tela do LG G2 é boa, mas de perto, a tela do LG G3 se mostra ainda melhor. A aposta da LG em adicionar a tecnologia de suas TVs nos smartphones da empresa mais uma vez se prova muito acertada. A qualidade de imagem oferecida é muito bem vinda, e para os usuários que adoram consumir os conteúdos multimídia, a escolha é mais do que acertada.

DSC02347

Outra diferença visível está na parte traseira do dispositivo. Além da carcaça removível, o LG G3 possui uma tampa traseira com um acabamento que a LG chama de “plástico metalizado”, que (teoricamente) é mais resistente aos riscos e arranhões (ok, eu pergunto: onde está aquele material regenerativo presente no LG G Flex?). Particularmente, prefiro esse tipo de material do que o que está presente hoje no LG G2, que é mais propenso à marcas de dedo e pequenos acidentes por conta do uso.

DSC02352

Aqui, além dos botões traseiros redesenhados (com um botão central maior, e uma melhor disposição de relevo), o discreto laser ao lado do sensor da câmera do G3 são percebidos. Lembrando que esse laser ajuda a aumentar a velocidade de captura de fotos, e esta é uma das principais apostas da LG para promover o produto no mercado. Porém, só poderemos comprovar a eficiência dessa solução em um teste prático, durante os reviews.

DSC02360

Por fim, apesar do G3 manter a mesma assinatura de design do G2, ele apresenta sutis diferenças nas linhas da carcaça traseira, que são mais refinadas e elegantes. O LG G3 é mais fino e leve que o G2, oferecendo assim um agarre agradável e mais confortável para um uso mais prolongado.

Quando o LG G3 for enviado para review (esperamos que isso aconteça), faremos um comparativo mais aprofundado e detalhado dele com o LG G2. Por hora, vale repetir o bordão: é o que temos para hoje.

LG G3 é oficial no Brasil. Testamos o smartphone no seu evento de lançamento

by

lg g3 topo

Em evento realizado ontem (22) em São Paulo (SP), a LG do Brasil anunciou de forma oficial o lançamento do seu novo smartphone top de linha, o LG G3. Mantendo a aposta bem sucedida de design do LG G2, e oferecendo melhorias substanciais em algumas funcionalidades consideradas essenciais pelos usuários, o dispositivo já está disponível para compra no mercado brasileiro, e nesse post, farei um resumo de tudo o que foi dito, além de passar as minhas primeiras impressões após testar o produto por alguns minutos.

A LG lança o G3 no Brasil com apenas um mês de intervalo para o mercado internacional. Esse é um recorde histórico da empresa no nosso mercado, o que mostra o compromisso com o consumidor brasileiro em oferecer o que a empresa tem de melhor, com o menor tempo possível. Além disso, mostra a aposta da LG no nosso país, entendendo que o mercado local ainda pode ser bem explorado, não só expandindo a sua cota de mercado entre os tops de linha, mas convencendo o cliente que os seus produtos herdam na telefonia a mesma qualidade de outros segmentos da empresa.

A LG deixou claro durante a coletiva que o G3 é calcado em três pilares fundamentais: design, tela e câmera. Os três itens receberam melhorias em relação ao G2, não só seguindo o feedback do consumidor em relação ao modelo anterior, mas também saindo um pouco da curva tradicional de evolução do produto, visando oferecer inovações para fazer a diferença entre os modelos top de linha.

LG G3 traseira

O design do produto foi reformulado, e o LG G3 é mais fino e leve que o seu antecessor. 76.4% da parte frontal do dispositivo é composta por sua tela, e suas bordas externas são finas e arredondadas. O acabamento traseiro conta com plástico metalizado, o que ajudou na redução do peso e transmite uma maior sensação que qualidade premium. São cinco opções de cores para o G3, e a manutenção da Smart Button na parte traseira do aparelho reforça a assinatura desse conceito.

Na apresentação do produto, a LG enfatizou – e muito – o fato da tela de 5.5 polegadas do G3 contar com resolução QuadHD, que de acordo com o fabricante, é a melhor tela disponível no mercado de smartphones. São 538 pixels por polegada, que oferecem um resultado de pixels “invisíveis” e imagens perfeitas.

2014-07-22 20.19.59

Por último, e não menos importante, a câmera. O sensor traseiro do LG G3 possui 13 megapixels (OIS+), e como principal novidade, ele vem acompanhado de uma tecnologia de Foco Automático a Laser, que promete uma captura mais rápida de objetos e pessoas. O tempo que o laser demora para focar o alvo da foto é de apenas 0.276 segundo, o que faz com que a foto seja algo praticamente instantâneo.

Combinado com o OIS+ (que oferece maior estabilidade ao aparelho durante os disparos), a LG promete importantes evoluções em relação ao LG G2 nos aspectos fotográficos. A mobilidade do sensor é maior, amortecendo com mais facilidade a vibração das mãos, o que reduz as chances de uma foto borrada.

O sensor frontal de 2.1 megapixels não foi esquecido, e conta com dois novos recursos inteligentes. O primeiro é o Hand Gesture, que com um simples gesto de abrir e fechar as mãos diante da câmera frontal inicia o processo de registro da selfie, através de um contador regressivo, dispensando a necessidade de tocar em qualquer botão ou parte da tela para registrar a foto. O segundo recurso é o Virtual Flash, que faz com que a tela exiba um quadro branco de alto brilho, simulando um flash para a câmera frontal, iluminando o rosto a ser fotografado.

LG G3 Cores

O LG G3 já chega ao mercado com o sistema operacional Android 4.4.4 KitKat, com as customizações já apresentadas pela empresa nos últimos meses, como o Smart Keyboard, o Smart Notice, o Knock Code, entre outros. Tudo isso combinado com a interface reformulada, com design simplificado (gráficos planos), seguindo a tendência atual para os dispositivos móveis.

Case Quick Circle Cores

A LG também apresentou uma série de acessórios para o LG G3, como por exemplo a Quick Cover, que quando acionada, exibe informações como relógio, feeds sociais e quantificador na parte central, no espaço correspondente ao círculo central do case. Além disso, um carregador sem fio para o dispositivo (foto abaixo), que está incluso no kit de venda, e um fone de ouvido Bluetooth (não incluso) também forma apresentados.

Carregador base sem fio

Minhas primeiras impressões com o LG G3

Depois de apresentar o produto na teoria, chegou a hora de conhecê-lo na prática. Vendo o G3 de longe, é impossível deixar de destacar a sua beleza e modernidade na proposta de design. Mas é quando tomamos o contato com o dispositivo pela primeira vez que podemos perceber como essa peça de tecnologia pode ser realmente atraente.

2014-07-22 21.07.31

É inevitável não lembrar (um pouco) do Nexus 5 ao entrar em contato com o LG G3 pela primeira vez. O DNA da LG está presente nos dois modelos. Mas tal característica só fica na primeira lembrança. O G3 se mostra um smartphone com características de design próprias e muito bem definidas, e é um dispositivo que se apresenta pronto para bater de frente com os seus principais concorrentes.

2014-07-22 21.08.58

O trabalho feito com a carcaça traseira convence. O “parece, mas não é” fica bem claro nesse aspecto, e é mais um ponto onde visualmente o G3 chama a atenção. Aliás, que fique registrado que esse é um telefone mais fino e mais leve que o LG G2, o que garante o conforto no uso do dispositivo (para quem gosta de smartphones com telas com mais de 5 polegadas), e a meia polegada de tela a mais não torna o produto desconfortável. Até porque a LG utilizou uma área ainda maior para a tela para esse telefone.

2014-07-22 21.00.14

O modelo na cor branca também chama a atenção pela beleza, mas particularmente, prefiro o modelo em preto metálico.

2014-07-22 20.59.04

Eu não precisava dizer isso, mas é bom deixar registrado: a tela do LG G3 é realmente espetacular. A capacidade de exibição de imagens e a sua qualidade final não deixam dúvidas que esse fatalmente é um dos grandes chamarizes do dispositivo.

2014-07-22 20.59.18

Você consegue ver pixels nessa tela? Eu não (e, se você consegue, parabéns).

2014-07-22 21.08.40

Testei de forma breve as duas câmeras.

A câmera traseira realmente tem um tempo de disparo praticamente instantâneo. O que ainda questiono é se essa velocidade pode garantir um resultado final de foto de alta qualidade. Mesmo contando com o OIS+, só poderei tirar a “prova dos nove” sobre a qualidade das fotos capturadas durante os testes mais intensos, em um eventual review.

O recurso da câmera fontal para selfies (Hand Gesture), também funciona bem, desde que você se posicione em uma distância suficiente para que o sensor frontal identifique a sua mão por completo. Uma vez reconhecido o gesto de fechar a mão, a contagem regressiva é iniciada, e a foto é capturada. Os mesmos questionamentos sobre a qualidade final das fotos só poderão ser respondidas quando o produto passar por testes mais prolongados.

2014-07-22 21.07.41

Por fim, pelo menos nos minutos que testei o produto, o sistema operacional Android 4.4.4 KitKat está com um bom desempenho, e a interface reformulada presente no LG G3 aparenta estar mais leve e fluída. Entendo que, com tantos recursos novos, e uma tela Quad HD, os questionamentos sobre a performance geral do produto apareçam. Pelo menos do pouco que testei no evento de ontem, o dispositivo rodou com fluidez bem aceitável, não apresentando engasgos e travamentos. Mas só o review pode dizer se no dia a dia ele pode ser tão prazeroso assim na sua usabilidade.

Aproveito a oportunidade para agradecer à assessoria de imprensa da LG do Brasil (e aos executivos com quem conversei ontem) pelo convite para mais um lançamento da empresa.

 

Informações técnicas: LG G3

  • Processador: Qualcomm SnapdragonTM 801 AC (até 2.5GHz Quad-Core)
  • Tela: 5.5” Quad HD IPS (2560X1440, 538ppi)
  • Memória: 16GB eMMC ROM / 2 GB DDR3 RAM / cartão micro SD de até 2TB
  • Câmera: 13MP com OIS+ e Foco Laser / Fronatl de 2.1 MP
  • Bateria: 2,940 mAh (removível)
  • Sistema Operacional:Android™ 4.4, Kit Kat®
  • Tamanho: 146.3 X 74.6 X 8.9mm
  • Peso: 149g
  • Rede: 4G / LTE / HSPA+ 21 Mbps (3G)
  • Conectividade: Wi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac, Bluetooth Smart Ready (Apt-x), NFC, SlimPort, A-GPS / Glonass, USB 2.0
  • Cores: Preto, branco, dourado e roxo
  • Outros: Smart Keyboard, Smart Notice, Knock Code, Guest Mode

Preço Sugerido: R$ 2.299,00

19361979

 

Mais imagens dos produtos apresentados

Fotos de imprensa

LG G3 Preto LG G3 Dourado LG G3 Branco Case Quick Circle Preta Case Quick Circle Dourada - Cópia Case Quick Circle Branca Carregador base sem fio 2 Carregador base sem fio 3

 

Fotos no evento de lançamento

2014-07-22 20.58.59 2014-07-22 20.59.38 2014-07-22 20.59.52 2014-07-22 21.00.05 2014-07-22 21.07.51 2014-07-22 21.08.10 2014-07-22 21.08.242014-07-22 21.35.28

 

Acessórios

2014-07-22 21.43.40 2014-07-22 21.43.52 2014-07-22 21.44.03 2014-07-22 21.44.15