Arquivo para a tag: kinect

RoomAlive: transforme a sala de casa em um espaço virtual

by

roomalivesmash

Se você tem um Kinect, um projetor e não tem medo de passar uma tarde revisando linhas de código, dê uma olhada no RoomAlive, ferramenta que a Microsoft já apresentou, mas só agora está disponível para download.

Esse é um software que usa o Kinect e um projetor para gear um mapa de projeção interativo, onde é possível aproveitar uma imersão realmente surpreendente. O software tem possibilidades infinitas, mesmo sendo de difícil inserção no mercado.

A Microsoft promete lançar vários tutoriais para os usuários começarem a brincar com o sistema. A seguir, os vídeos demonstrativos do RoomAlive.

 

 

 

Via Fast CompanyKinect for Windows Blog, Channel 9, GitHub

Microsoft descontinua o Kinect para Windows

by

kinect-for-windows

A Microsoft informa que não vai mais produzir o Kinect para Windows (versão v2). No seu lugar, os usuários interessados em utilizar o periférico no computador poderão fazê-lo com a versão do Xbox One, através de um adaptador apresentado no final do ano passado.

A Microsoft afirma manter o compromisso de desenvolvimento com o Kinect para as plataformas Xbox e Windows, mas deixa de produzir a versão do periférico para o sistema operacional. Também se compromete a manter o produto atualizado no seu software.

kinect-for-windows-02

A possibilidade disso acontecer já era real, e parece ter mais lógica o desenvolvedor ter o console e o computador com um mesmo acessório. Ou seja, o Kinect for Windows vivia uma crônica da morte anunciada.

O citado adaptador curta 50 euros, e é compatível com o Windows 8/8.1, via porta USB 3.0.

Via Microsoft

O primeiro Kinect (do Xbox 360) será descontinuado em 2015

by

kinect-xbox-360-bw

A Microsoft anunciou que vai deixar de vender o primeiro Kinect, lançado em junho de 2010, nesse ano de 2015. As suas vendas oficiais serão encerradas, deixando a versão do Xbox One (com suporte para Full HD e SDK 2.0) como a única disponível.

A Microsoft reitra do mercado um dos seus grandes sucessos de sua história. Indo além do uso no Xbox, o Kinect passou a ser compatível com o Windows, permitindo um uso amplo e variado pelos desenvolvedores. Porém, sua pouca presença de mercado com o Xbox One já nos permite dizer que o futuro do acessório está mesmo no uso com os computadores, ou através da criatividade dos desenvolvedores.

A decisão não é o fim do Kinect, mas sim uma mudança comercial. A segunda versão do Kinect (para Xbox One) segue no mercado, assim como o Kinect for Windows. Apesar de não estar no seu melhor momento, o sensor de movimento da Microsoft ainda tem alguma lenha para queimar.

Via Microsoft

Kinect para Xbox One poderá ser comprado em separado a partir de outubro

by

kinect-xbox-one

A Microsoft anuncia que o Kinect para Xbox One chegar ao mercado norte-americano a partir do dia 7 de outubro, com um preço sugerido de US$ 149. O acessório contará com o jogo Dance Central Spotlight no seu pack de venda.

Ainda não há uma data de disponibilidade do Kinect para outros países. A Microsoft tenta vender o acessório como a via de acesso para “uma experiência premium do Xbox One”, com todas as funcionalidades apresentadas na ocasião do lançamento do novo console.

A compra do acessório em conjunto com um jogo de uma das franquias mais populares do Kinect não é uma estratégia ruim, mas ainda é insuficiente para tirar o acessório do desprestígio dado pelos jogadores.

Via Xbox

Sem o Kinect, vendas do Xbox One dobraram nos EUA

by

xbox-one-bundle-04

Era algo que todo mundo já sabia: a Microsoft venderia muito mais consoles se o Kinect fosse opcional, e foi justamente isso o que aconteceu. Tal como anuncia o próprio fabricante, desde o seu lançamento no dia 9 de junho, o modelo sem Kinect fez com que as vendas do Xbox One nos Estados Unidos simplesmente duplicassem em relação ao mês de maio.

Os US$ 100 de diferença em relação ao PS4 pesavam, e os números mostram que mesmo com muito potencial, o Kinect segue sendo um periférico caro e desinteressante para muitos usuários. Disponibilizar o Xbox One puro e simples foi a decisão mais acertada de todas.

Resta saber se isso será suficiente para que a Microsoft recupere terreno em relação à Sony. É possível. Afinal, o período mais cobiçado de vendas só acontece daqui a cinco meses. Vamos ver o que os US$ 100 a menos pode fazer no período de Natal.

Via Xbox Wire

Assim é a nova versão do Kinect para PCs, que será lançada no dia 15 de julho

by

Kinect-para-PC-v2

O Kinect nos videogames teve um momento de relativo sucesso, porém, quando a Microsoft decidiu levá-lo para os PCs, o sucesso foi um pouco maior, já que surgiram projetos interessantes fora do contexto do entretenimento. A nova versão do Kinect para PCs vem com algumas melhorias que devem oferecer aos desenvolvedores soluções mais complexas, e para os usuários, aplicativos mais úteis.

A nova versão do Kinect para PC conta com uma câmera com resolução de 1080p, sensores mais complexos e precisos para um maior reconhecimento e monitoramento esquelético, além de um maior campo de visão e a possibilidade de acompanhar o movimento dos dedos do usuário. O sensor Kinect já é utilizado em áreas da saúde, arte e entretenimento, e as melhoras adicionadas pela Microsoft se baseiam nas necessidades da comunidade de desenvolvedores, de modo que as novas funções podem oferecer projetos ainda mais interessantes do que os atuais.

O novo Kinect para PC está completamente separado da marca Xbox, ou ao menos é isso que o vídeo no final do post mostra, sem nenhuma indicação do console ou do seu logotipo. A Microsoft convida os desenvolvedores a publicar os aplicativos criados na Windows Store, para que todos possam ter acesso às inovações e vantagens oferecidas pelo uso do sensor no dia a dia dos usuários.

É importante mencionar que o preço de US$ 199 do Kinect para PC cobre apenas o hardware. As licenças de software são necessárias para acessar a plataforma na íntegra, e essas licenças são pagas. O sensor opera com um hub que conecta o sensor ao PC, através de uma porta USB 3.0, além de permitir a conexão do dispositivo na rede elétrica.

A Microsoft garante que o processo de atualização será liberado gradualmente. No começo, serão enviados os sensores encomendados previamente no mês de julho, assim como a nova versão do SDK, que permitirá a utilização de todas as novas características do Kinect para o PC.

 

Um smartphone com Kinect: assim seria o futuro do Windows Phone

by

windows-phone

A Microsoft estaria preparando aquele que seria o substituto do Lumia 1020, e esse dispositivo contaria com funções similares aos do Kinect, ou seja, permitindo que o usuário controle os aplicativos do dispositivo sem a necessidade de tocar na tela.

Assim informa o site The Verge, onde eles puderam receber informações sobre o “projeto McLaren”, nome de código do futuro dispositivo, e cuja denominação já foi adiantada pelo @evelaks a algum tempo, em um dos seus vazamentos. Ao que parece, a tecnologia que permitirá o controle em jogos recebe internamente o nome 3D Touch ou Real Motion, e não funcionará através de sensores colocados no dispositivo, algo que lembra o suposto smartphone da Amazon.

Inicialmente, esta tecnologia estaria só ao alcance da própria Microsoft, e nem Samsung, HTC ou qualquer outro parceiro com Windows Phone poderia implementá-la em seus futuros dispositivos (pelo menos em um momento inicial). Mas além das funções de gestos e reconhecimento, o 3D Touch incluirá uma série de funções inteligentes, que melhoram a experiência do usuário, pois poderia – por exemplo – bloquear a rotação da tela enquanto estamos lendo na cama (algo que a Samsung já faz com a detecção de olhos no Galaxy S4 e S5), ou ligar o dispositivo automaticamente quando o tocamos.

Por enquanto, é isso. Vamos esperar que novas informações apareçam ao longo das próximas semanas.

Via The Verge

Oculus Rift + Kinect = modelo 3D de você mesmo em tempo real!

by

kinect-3d

Oliver Kreylos, um usuário do Oculus Rift, criou uma instalação que combina o citado acessório com três sensores Kinect, onde o resultado permite que o usuário veja a si mesmo, em uma representação em 3D em tempo real, com uma fidelidade mais que decente, fazendo com que essa representação virtual interaja em um cenário virtual, criado pelo próprio usuário.

Não só isso: a sensação imersiva é notável, apesar da baixa resolução do Kinect (que é da primeira versão do Xbox 360, e não a segunda versão, do Xbox One). Seu cérebro interpreta que sua representação virtual é real, e a sensação de tentar alcançar os objetos para tocá-los é totalmente instintiva.

O sistema utilizou um computador com sistema Linux, que recebia a informação de profundidade e da imagem captada pelos três Kinects, e esta informação conjugava com a de um servidor externo, destinado a registrar a posição e orientação da cabeça via Oculus Rift para completar o cenário imersivo.

Vídeo de demonstração do experimento a seguir.

 

Via Kotaku

Microsoft anuncia Xbox One sem Kinect, a US$ 399

by

650_1000_xbox-one-juegos

Demorou um pouco, mas a Microsoft decidiu ouvir boa parte dos seus usuários e/ou compradores em potencial, e acabou com a obrigatoriedade de comprar o Xbox One com o sensor Kinect. A partir do dia 9 de junho, será possível adquirir o console sem o seu sensor de movimentos, por um preço sugerido de US$ 399.

Para muito usuários, o Kinect fica relegado a um segundo plano em sua atividade com o console, e essa decisão pode finalmente impulsionar as vendas do produto. Além disso, a Microsoft anunciou outras novidades para os seus usuários, no que se refere aos serviços ofertados na Xbox Live.

O Xbox One sem Kinect estará disponível em 9 de junho em todos os mercados onde o Xbox One já é vendido. Ou seja, clientes brasileiros, se preparem para (quem sabe) pagar menos no Xbox One a partir dessa data.

Vantagens para os assinantes da Xbox Live Gold

650_1000_xbox-one-live

A Games with Gold para Xbox 360 vai completar um ano de vida, e a Microsoft prometeu que o programa de ofertas de jogos também estaria disponível para o Xbox One. Pois bem, isso começa a valer a partir do mês de junho, onde os gamers poderão receber de forma gratuita os títulos Max: The Curse of Broderhood e Halo: Spartan Assault.

Além dessa promoção de jogos gratuitos, será possível obter descontos expressivos em outros jogos. Forza Motorsport 5 e Ryse: Sons of Rome serão dois dos jogos que receberão descontos de entre 50% e 75% (sem especificar concretamente a porcentagem de desconto dos títulos). As promoções seguirão ativas no Xbox 360 para usuários das assinaturas Gold na Xbox Live.

A chegada de mais aplicativos para o Xbox 360 e Xbox One é outro dos esforços da Microsoft nesse segmento. Aplicativos como Machinima, Twitch, Netflix, NFL para Xbox One, MLB.TV ou as ferramentas da Microsoft (Skype, OneDrive, etc) já disponíveis vão reforçar essa oferta, ampliando as possibilidades dos dois consoles.

Que fim terá o Kinect?

650_1000_xbox-one-12-kinect

Phil Spencer, responsável pela divisão do Xbox na Microsoft, explica que “o Kinect se mantém como parte importante de sua visão”, e revela que “80% dos usuários utilizam o Kinect de forma ativa”, com uma média de 120 comandos de voz por mês em cada console.

São dados interessantes, mas não parecem validar o caráter imprescindível que a Microsoft queria dotar o Kinect, e pelo menos nos videogames, não se consumou.

De fato, ainda que seja possível comprar o Xbox One sem o Kinect, os usuários também poderão utilizar o sensor de forma separada no futuro. No próximo trimestre, a Microsoft lançará o sensor Kinect para compra individual.

A estratégia da Microsoft parece ser acertada. Para muita gente, o Kinect não tem todo o valor dado pela Microsoft, e poder adquirir tanto o console sem ele quanto o acessório em separado é oferecer uma liberdade de escolha para o cliente. E o mais importante: coloca o Xbox One em pé de igualdade com o PlayStation 4 em um quesito que importa e muito: o preço.

Veremos como o mercado vai se comportar agora que a Microsoft mais uma vez decidiu ouvir os usuários. Podemos dizer muitas coisas sobre a mudança de filosofia da gigante de Redmond, mas jamais podemos dizer que eles não nos dão ouvidos.

Via news.xbox.com

O novo Kinect para Windows será lançado no meio de 2014

by

650_1000_kinect-windows

A Microsoft confirmou que o Kinect para Windows chegará durante o verão norte-americano (entre junho e agosto), e contará com uma nova versão do SDK, para que se aproveite o melhor diante de um dispositivo que, na sua versão original, já ofereceu gratas surpresas para diferentes campos.

O Kinect, que forma parte indivisível – pelo menos nesse momento – do Xbox One fará a sua aparição para o Windows, com o mesmo formato, mas com clara orientação para que os desenvolvedores possam aproveitar os seus recursos em todos os tipos de projetos. Este lançamento vem acompanhado de outra novidade importante: o fato que os desenvolvedores poderão publicar as suas soluções na Windows Store, algo que deve animar muitos programadores a trabalhar com este periférico.

Nesse novo Kinect, a Microsoft decidiu incluir o suporte para o motor gráfico Unity, que é especialmente popular entre os desenvolvedores de jogos, e que formará parte do console Xbox One mais adiante. Isso também pode indicar um hipotético futuro onde os jogos e desenvolvimentos pensados no Xbox One e no Windows compartilhem da mesma engine gráfica, do mesmo Kinect… e algumas outras coisinhas a mais.

 

Via Microsoft

Kinect e Unreal Engine 4 unem forças em apoio aos portadores do Mal de Alzheimer

by

SummerWind

Não é a primeira vez que vemos os consoles de videogames ou seus periféricos atuarem por uma boa causa, para ajudar pacientes ou enfermos de qualquer espécie. Porém, esse é um projeto que vai além na ajuda dos pacientes com Mal de Alzheimer. O chamado The Forest Project aproveita o potencial do Unreal Engine 4 em conjunto com a tecnologia do Kinect 2 e uma Smart TV para oferecer uma experiência diferenciada para essas pessoas.

O conjunto técnico permite a criação de uma parede virtual, com diferentes paisagens interativas. Desse modo, os médicos podem estudar as suas reações, e conhecer com mais profundidade como atua esta enfermidade, e como podem melhorar a condição do paciente. O muro virtual é interativo, fazendo com que os pacientes movimentem os braços e mãos para se relacionar com os conteúdos apresentados.

O projeto australiano está recebendo o financiamento necessário via crowdfunding para seguir incorporando mais conteúdos para as paredes virtuais, se tornando mais efetivas com os pacientes. A ideia é que o The Project Forest esteja disponível em diversas plataformas no começo de 2015.

Nesta semana, os seus desenvolvedores vão apresentar o projeto na abertura da Game Developer’s Conference. A seguir, um vídeo mostra o projeto em ação.

 

Via Pozible

Um sistema baseado no Kinect controla a zona desmilitarizada que separa as duas Coreias

by

xbox-one-kinect-oficial

Segundo informa o site Kotaku, o exército da Coreia do Sul estaria utilizando o sensor Kinect para controlar a delicada zona desmilitarizada localizada na fronteira com a Coreia do Norte.

O software teria sido desenvolvido por Jae Kwon Ko, e permitiria ao Kinect detectar todo o tipo de movimentos na já mencionada zona, inclusive diferenciando se temos um humano ou um animal naquele local. No caso de identificar uma invasão nas fronteiras, o sistema alerta a central de comando, avisando os soldados da guarda sobre a tentativa de entrada ilegal no país.

Como você já pode supor, por se tratar de um assunto tão delicado, os detalhes são muito escassos, mas o programador adianta que eles esperam melhorar o sistema, incorporando também um sensor de batidas do coração, e medidor de temperatura corporal.

Via Kotaku

Black Friday 2013 | Xbox 360 4GB + Kinect Sensor + Kinect Adventures + Call of Duty: Ghosts + Live Card, por R$ 879

by

xbox-360-black-friday-2013

O pacote especial do videogame Xbox 360 com 4 GB de armazenamento + sensor Kinect + os jogos Kinect Adventures e Call of Duty: Ghosts + Live Card pode ser encontrado hoje (29/11) pelo valor promocional de R$ 879, com opção de pagamento no boleto bancário, ou R$ 999, para pagamento via cartão de crédito, com parcelamento em até 12 vezes sem juros.

Para comprar esse produto no TargetHD, clique no banner no final do post (ou nas imagens que ilustram essa publicação).

04-botao-clique037-180.jpg

Xbox One vai funcionar sem o Kinect

by

xbox-one-kinect-oficial

Uma das questões mais levantadas pelos futuros (ou potenciais) usuários do Xbox One era se você poderia utilizar o novo console sem o seu novo sensor Kinect. E a resposta é… sim! Você pode desconectar o Kinect do Xbox One sem desligar o console ou danificá-lo. Tal informação deveria ser bem óbvia para todos, mas como tudo na Microsoft que envolve o Xbox One muda constantemente, foi necessário um esclarecimento mais detalhado sobre o assunto.

Quem informa a novidade técnica é o chefe de arquitetura da plataforma do Xbox One, Marc Whitten. Quando questionado ao site IGN sobre o assunto, ele afirmou que a regra que obrigava o usuário a permanecer com o Kinect conectado ao videogame para que o mesmo funcione simplesmente caiu por terra.

Whitten afirma “o console vai continuar funcionando se o Kinect não estiver conectado nele, apesar de você não estar apto a utilizar qualquer recurso ou experiência que requer explicitamente o uso do sensor”.

Com isso, temos mais uma importante questão respondida sobre o Xbox One. Whitten também afirmou que você pode deixar o sensor completamente desligado nas configurações do sistema. Nesse modo, o sensor não vai coletar nenhuma informação, mas ainda pode ser utilizável através do seu infravermelho.

Essa possibilidade era considerada por alguns usuários que ou não querem utilizar o Kinect para tudo (seja pela questão da privacidade ou da praticidade), ou que talvez, em algum momento no futuro, esperam comprar o Xbox One por um valor menor, sem o sensor Kinect no kit de venda. Resta saber o que vão fazer os desenvolvedores que optarem por criar jogos que funcionem exclusivamente pelo Kinect.

Via Engadget

[Vídeo] Microsoft Research transforma o Kinect em um leitor avançado de linguagem de sinais

by

kinect-sign-language-2013-07-18-01.jpg.pagespeed.ce.JW5vsw1MGs

Estamos mais que acostumados a ver hacks caseiros capazes de transformar o Kinect em um acessório dos mais versáteis. Porém, a própria Microsoft tem muito a dizer nesse sentido. A divisão asiática da Microsoft Research trabalha com diferentes possibilidades do acessório para entender a linguagem de sinais, graças a um software especial que é capaz de seguir especificamente o movimento das mãos com a ajuda da câmera do sensor.

O mais interessante desse conceito é que a plataforma não apenas é capaz de seguir corretamente o ritmo normal de uma conversa, como também pode transformar a informação dos movimentos captados em texto ou voz.

A melhor parte dessa tecnologia é que ela pode ensinar a linguagem de sinais para um usuário que não possui familiaridade com esses movimentos interpretativos, graças a um avatar especial que aparece na tela. Em poucas palavras, a única coisa que você precisaria fazer para estabelecer a comunicação com outra pessoa seria digitar o texto ou ditar a frase em questão.

Por enquanto, o programa ainda está em fase de testes, mas não custa você conferir o vídeo para ver o conceito em ação.

 

Via Gizmodo, Microsoft