Arquivo para a tag: Kaz Hirai

Kaz Hirai garante que a divisão de smartphones da Sony não está a venda

by

650_1000_sony-hirai

A divisão de smartphones da Sony não está a venda. Pelo menos, por enquanto. Foi isso o que Kaz Hirai, responsável máximo pela empresa japonesa, garantiu durante o evento de apresentação dos novos Xperia M4 Aqua e Xperia Z4 Tablet, durante a Mobile World Congress 2015, em Barcelona (Espanha).

A mensagem de Hirai tenta passar um ar de tranquilidade, diante de suas últimas declarações que pareciam apontar para uma possível venda dessa divisão. Ou seja, Hirai parece se contradizer.

O Sony Xperia M4 Aqua parece ser uma forma mais explícita de mostrar suas intensões nesse aspecto. Tanto o novo smartphone da empresa como o novo tablet (que declara guerra ao iPad Air 2) são produtos que mostram a capacidade da Sony em oferecer dispositivos móveis de alta qualidade.

Veremos se a Sony mantem essa aposta, e que tais palavras não caiam no vazio. A Sony sempre foi, ainda é e deveria ser muito mais do que apenas o PlayStation. E é obrigação da empresa seguir demostrando nos próximos meses que eles são capazes de ir além do que esperamos. Torcemos pela recuperação da empresa no segmento mobile.

Sony informa: o PS4 já gera lucros para a empresa

by

ps4ventaps4-retail-1

Segundo Kaz Hirai, presidente da Sony, o PlayStation 4, lançado no final de 2013, já gera lucros para a empresa. Tal comportamento é diferente do que aconteceu no lançamento dos consoles anteriores, onde a Sony teve prejuízos nos primeiros anos de mercado dos seus videogames.

Hirai também informa que a metade dos usuários do PS4 assinam a PlayStation Plus. O novo console conseguiu até agora números de vendas melhores que aqueles alcançados pelo PS2, lançado em 2000.

No último relatório de vendas sobre o PS4 revelado em março, a Sony informou que já haviam vendido mais de sete milhões de unidades ao redor do planeta. Certamente teremos esses números atualizados na E3 2014, que acontece em junho.

Via GameSpot

Sony vai focar os seus esforços em vendas de smartphones no Japão e na Europa

by

sonylogo11

A Sony está se tornando um dos nomes mais populares do mundo Android, e com uma velocidade considerável, levando em conta o curto espaço de tempo que eles decidiram atuar de forma independente nesse mercado. Porém, eles esboçam utilizar uma estratégia diferente dos seus principais concorrentes, não focando os seus esforços de vendas nos Estados Unidos, mas sim no Japão e na Europa.

A empresa lançou em 2013 um número considerável de dispositivos interessantes, como o Xperia Z, o Xperia Z Ultra e o Xperia Z1. Esses dispositivos estão disponíveis nos mercados da Europa e do Japão, mas não tão disponível assim nos EUA. E segundo o CEO da Sony, Kaz Hirai, esse cenário não deve mudar tão cedo.

Em uma recente entrevista do executivo dada para a Reuters, ele informa que a Sony não tem planos para explorar de forma mais enfática os dois maiores mercados de mobilidade do planeta, os EUA e a China. Kaz afirma que a empresa vai começar a lançar dispositivos no mercado norte-americano de forma gradual, em parceria com as operadoras (a T-Mobile já lançou o Xperia Z, e especula-se que o Xperia Z1 deve chegar em breve).

A preocupação de Hirai é fazer tudo de uma vez só, e não conseguir fazer um trabalho bem feito. Para o executivo, os mercados dos EUA e da China requerem uma atenção especial, e precisam ser explorados com calma, um de cada vez, e de forma gradativa. De fato, o CEO da Sony está sendo prudente, e isso não é ruim, principalmente no mercado norte-americano, que é extremamente competitivo, e mesmo assim, tem a Apple dominando esse mercado com larga vantagem.

E, tradicionalmente, e uma missão muito árdua uma empresa estrangeira vingar nos Estados Unidos.

Via Reuters, Android Authority

Sony vai deixar que a Microsoft anuncie primeiro o seu próximo Xbox

by

Kaz Hirai, o CEO da Sony e principal responsável pelas mudanças sensíveis que a fabricante japonesa de eletrônicos está passando pelos últimos anos, é também um homem de visão de futuro. Só não sei se o futuro que ele está vendo é o mesmo que vai se concretizar na prática. De qualquer forma, ele tem um plano, e deixa isso muito claro em suas declarações. A mais recente, feita para o segmento financeiro do The Times, está ligada ao futuro dos games.

Hirai disse ao periódico que a Sony “vai deixar” a Microsoft faça o anúncio da próxima geração do console Xbox antes da fabricante japonesa anunciar os primeiros detalhes oficiais do seu próximo console, que pode ser o PlayStation 4. Muitos acreditam que a próxima geração de consoles domésticos estará disponível nas lojas já no Natal desse ano, algo que acho muito difícil (baseado nos últimos lançamentos, e no próprio Nintendo Wii U, que chegou um ano e meio depois do seu anúncio oficial), ainda mais que nenhum dos grandes fabricantes revelou nenhum detalhe sobre esses futuros consoles.

Além disso, anúncios de produtos dessa categoria são feitos aos poucos, baseando-se de forma estratégica nas linhas do tempo estabelecidas pelos seus fabricantes para melhorar ao máximo a publicidade do produto. E é exatamente isso que Kaz Hirai está fazendo ao declarar para o The Times que:

“Por que lançar primeiro, quando nossos competidores podem ver nossas especificações e podem fazer algo melhor?”

Vale lembrar ao Hirai que a Sony pode fazer a mesma coisa observando o lançamento do novo Xbox.

De qualquer forma, as declarações do executivo da Sony estão alinhadas com os antecedentes de sua empresa. Vale lembrar que o Xbox 360 foi anunciado antes do PlayStation 3, e isso permitiu que a própria Sony fizesse posteriormente melhorias e ajustes no seu projeto. Também é fato que o CEO da Sony não levou em conta o recente vazamento de especificações técnicas do suposto novo console da Microsoft. Nesse vazamento, alguns detalhes (que não são oficiais, é sempre bom lembrar) interessantes foram apresentados, incluindo um processador de 8 núcleos e 8 GB de RAM, entre outras características.

Por outro lado, durante as últimas semanas, ficamos sabendo que o PlayStation 4 pode contar com uma capacidade de execução de 1.84 teraflops, sendo assim 50% mais potente que o próximo Xbox. Como essa informação também não é oficial, não é possível ainda ter nenhum tipo de parecer a respeito. Mas, o mais interessante nesse momento é ver como essas informações trafegam pela internet de forma ágil e sem nenhum tipo de “escrúpulos”.

Por fim, também roda na rede a informação que o novo console da Sony não vai contar com os já tradicionais controles DualShock como joysticks principais, e podem ser substituídos por novos controles com tela de LCD touchscreen integrada, além de sensores biométricos. Resumindo: de certo, só mesmo que a Sony vai esperar a Microsoft.

Sony confirma que vai abandonar os modelos de entrada da linha Xperia

by

A Sony parece estar totalmente decidida sobre como será a sua nova tendência no mercado de smartphones, com uma nova estratégia que já vinha sendo antecipada por diferentes rumores em diferentes locais do mundo. E o que torna a notícia mais séria é que ela vem da boca de ninguém menos que Kazuo Hirai, CEO da Sony. Em uma entrevista, o executivo afirmou, com todas as letras, que sua empresa vai abandonar a fabricação e desenvolvimento de smartphones de entrada da linha Xperia, para centrar seus esforços exclusivamente nos modelos de lina média-alta e, obviamente, os modelos top da linha Xperia.

Não chega a ser uma surpresa a decisão do executivo da Sony, levando em conta que o mesmo Hirai foi, em um passado recente, presidente da Sony Computer Entertainment, que foi o que fez ele alcançar a presidência geral da empresa. Hirai é um dos principais responsáveis pelo sucesso do Projeto PlayStation, e como CEO da Sony, ele começou a tomar decisões arriscadas e realizar mudanças radicais na estrutura da empresa. E isso parece estar dando resultados.

Com a decisão de abandonar os modelos de entrada da linha Xperia, Hirai busca um único objetivo: fazer do Xperia uma marca de renome e reconhecida, com recursos e especificações que sejam reconhecidas pelo consumidor como o sinônimo de o que há de melhor no mundo da mobilidade.

Com apenas um ano de lançamento da linha Sony Xperia, com a primeira geração de smartphones da Sony (depois do fim da marca Sony Ericsson), vimos nascer smartphones de qualidade, como o Sony Xperia S, mas também modelos de entrada, com especificações simples, como o Sony Xperia U. Kaz Hirai deseja abandonar o mercado de consumo de massa, e se focar em posicionar a marca Xperia entre os melhores. Palavras do próprio Hirai:

“A marca Sony Xperia não mais incursionará no setor de consumo de massa. Nossos planos para o futuro vão para a direção única da zona superior do mercado. Precisamos ter produtos que surpreendam as pessoas, e que façam as mesmas sentir emoções”.

Impossível não pensar no iPhone da Apple ou no Galaxy S da Samsung ao ler essas palavras. Afinal de contas, esses são smartphones que estão sempre na mente de qualquer pessoa que deseja um excelente smartphone. Que o digam os seus respectivos fãs. E esse é o objetivo de Hirai com essa decisão: levar o Xperia ao status de “desejável”, e ao mostrar modelos como o Sony Xperia Z, ele começa a alcançar essa meta.

Em poucas palavras, não podemos nos esquecer que certamente vamos ver modelos de entrada da linha Xperia na próxima Mobile World Congress 2013 em Barcelona, mas deve ser uma das últimas vezes que os acessíveis terão vez na Sony.

Via XperiaBlog

Sim, amigos… aconteceu uma “tela azul da morte” na demonstração da Sony na CES 2013

by

A Sony chegou na CES 2013 com vontade de realizar uma apresentação que impressionasse a todos os presentes, demonstrando algumas de suas novidades para 2013. Porém, se deparou com uma bela (e nada desejada) tela azul da morte na hora de demonstrar a sua nova linha de televisores OLED 4K de 56 polegadas.

Kaz Hirai, CEO da Sony, foi o encarregado de apresentar esta nova linha de televisores, e ao mesmo tempo, foi que teve que segurar a bucha (e não se esconder no primeiro buraco no chão) quando a falha aconteceu, em uma sala de imprensa lotada. Kaz olhava surpreendido para o seu protótipo de produto que era uma das grandes apostas da Sony para este ano. A tela simplesmente apagou, do nada, sem motivo algum. E, não mais que de repente, uma bela tela azul apareceu. Nesse momento, Kaz tentava, de forma inútil, resetar o equipamento para continuar demonstrando as novidades do seu produto.

Quando o executivo voltou a olhar para a tela da TV, se deu conta que a coisa era mais séria do que imaginava, e presenciou algo que os jornalistas e os fãs de tecnologia conhecem desde a década de 1990, quando durante a demonstração do Windows 98, Bill Gates e centenas de jornalistas conheceram a “tela azul da morte” pela primeira vez.

Entre risos, a tela azul exibida no evento da Sony era da BIOS do equipamento. Logo depois, foi vista a tela de recuperação do Windows. Vendo que o problema era de difícil solução imediata, os funcionários da Sony decidiram retirar o modelo da demonstração. Só para refrescar a sua memória: se não aconteceu em todos os eventos da Microsoft, na sua grande maioria, pelo menos uma falha grave ou paralisação ocorreu em sua demonstração de lançamento. Um exemplo: no ano passado, durante a apresentação oficial do Microsoft Surface, o sistema simplesmente paralisou quando o ex-diretor da divisão do Windows, Steven Sinofsky, estava realizando uma demonstração do produto.

Essas coisas acontecem. É claro, estamos em um evento ao vivo, e por mais que façamos testes em um produto, não podemos prever o que pode acontecer durante a demonstração do mesmo. E é melhor mostrar que o produto é “falível”, do que tentar enganar todo mundo, produzindo fotos e vídeos com câmeras que não são as câmeras originais do produto. Não é mesmo, Nokia?

Kaz Hirai não confirma o PSP Phone, mas suas referências são mais que evidentes – CES 2011

by

Vimos fotos dele, fizemos comparações, mas ele não foi apresentado pela Sony na CES 2011. O PlayStation Phone vai ter que esperar mais um pouco para ver a luz. Porém, isso não deve demorar muito. Pelo menos é isso que podemos concluir das palavras de Kaz Hirai, o presidente e conselheiro delegado da Sony Computer Entertainment, que na hora de fazer a apresentação da parte de videogames, utilizou palavras como “tablets”, “smartphones” e “PlayStation” na mesma frase. Palavras do diretor abaixo:

“A estratégia a seguir inclui impulsionar o desenvolvimento de uma variedade de novos produtos e serviços estratégicos, que incluem tablets que atualmente estão em desenvolvimento, assim como smartphones, de modo que integraremos os conhecimentos que acumulamos ao longo do tempo com o negócio do PlayStation”.

Ficou claro para você?

via Engadget.com