Arquivo para a tag: Jelly Bean

Jelly Bean pode ultrapassar o Gingerbread no market share do Android no mês que vem

by

android-numbers-june-2013

Parece que a batalha infernal que a Google trava com a versão 2.3 Gingerbread do Android (batalha essa criada pela própria Google, é sempre bom lembrar) está começando a chegar ao fim. Tudo indica que no mês de julho, a versão Jelly Bean finalmente seja a dominante do mercado Android.

A última análise de distribuição das versões do Android mostra que o Jelly Bean só está 3.5% atrás do Gingerbread. Combinadas as versões Ice Cream Sandwich e Jelly Bean (Android 4.x), já temos quase 60% de mercado dominado por um sistema mais “recente”. A estimativa é que a partir do próximo mês, o Android Jelly Bean destrone o Gingerbread como a versão mais utilizada do Android.

Enquanto isso, as versões inferiores do Android (2.2 ou inferiores – Froyo, Eclair e Donut) ainda custam a morrer, contando com menos de 5% de presença de mercado.

É claro que é muito bom ver que as versões mais atuais do Android estão sendo a maioria entre os dispositivos em uso, mas isso não deve durar muito, já que temos a expectativa do lançamento de uma nova versão do Android em breve. Segundo os mais recentes rumores, a versão Key Lime Pie (5.0) será anunciada no segundo semestre, e o Android 4.3 Jelly Bean pode ser lançado já no mês que vem.

Alguns outros rumores sugerem que a Google está intencionalmente adiando o lançamento da versão Key Lime Pie para dar uma sobrevida ao Jelly Bean, e para que os usuários não tenham que esperar muito por uma atualização dos seus dispositivos quando essa nova versão for lançada.

A não ser que a Google tenha um grande plano para agilizar essa atualização dos dispositivos, a versão Key Lime Pie deve seguir o mesmo longo caminho da Jelly Bean para se tornar a versão dominante do Android. Não imagino a Google mudando as suas regras do jogo das atualizações dos dispositivos de forma tão dramática. Por outro lado, é sempre bom ter alguma ponta de esperança nesse sentido.

Via AndroidDevelopers

Archos Xenon 80, um tablet com Android Jelly Bean, 3G e preço competitivo

by

archos80xenonfacehidef2

A Archos anunciou um novo tablet na Europa com proposta “BBB” (Bom, Bonito e Barato). O Archos Xenon 80 é um tablet de 8 polegadas, que conta com conectividade 3G e Android Jelly Bean, com um preço de 180 euros.

Suas especificações são bem aceitáveis para o seu preço: processador Qualcomm quad-core, tela IPS  de 8 polegadas (1024 x 768) e 4 GB de armazenamento interno (expansíveis via slot para cartões microSD de até 64 GB). Tal como acontece com os últimos tablets anunciados pela Archos, o Xenon 80 conta com acesso à Google Play, e o produto foi concebido para satisfazer a necessidade e o anseio de conectividade com telas maiores (segundo a Archos).

O modelo chega ao mercado no mês de junho. Mais fotos a seguir.

archos80xenonambhidef1 archos80xenonbackhidef5 archos80xenoncamhidef4 archos80xenongappshidef3

Via Archos

A partir de agora, o Google só contabiliza os usuários ativos nas estatísticas de versões Android

by

android-stats-april2

Com a finalidade de deixar a sua análise de participação de versões Android algo mais dinâmico e próximo da realidade de momento, o Google decidiu que, a partir de agora, vai apenas computar em seus resultados os dispositivos ativos em seu estudo de Dashboards. A medida vai ilustrar melhor qual é o real cenário de fragmentação do sistema Android, e mostrar de forma mais clara a taxa de crescimento ou decréscimo de cada versão.

Nos últimos anos, o Google ofereceu dados sobre a porcentagem de usuários de cada versão, mas não fazia tal discriminação entre dispositivos ativos e cadastrados. Como resultado, os números nunca correspondiam com a quantidade de acessos que a Google Play possui hoje. A partir de agora, eles deixam de lado todos os dispositivos que simplesmente se conectam ao servidor do Google, se limitando exclusivamente à análise dos acessos à loja de conteúdos digitais.

Com essa nova métrica, podemos observar a taxa de crescimento dos dispositivos com Android Jelly Bean, que alcança a porcentagem de 25% do total de dispositivos Android ativos. Mesmo assim, o domínio segue com o muito defasado Android Gingerbread, que mantém sua liderança com 39,8% (antes essa participação era de 44,2%).

Na prática, esses dados são voltados mais para os desenvolvedores, que por sua vez precisam saber em qual versão eles devem investir os seus recursos e novos aplicativos, visando sempre chegar ao público adequado. Para os usuários, o recado é claro: a partir de agora, seu novo smartphone Android deverá contar com o Jelly Bean. Esqueça os demais.

 

Via Android Dashboards

Action Laucher Pro pode dar uma vitaminada nos widgets de seu Android

by

action-launcher

No tocante ao mundo dos launchers para Android, estamos diante de um assunto que possui uma dimensão diferente quando voltamos nossos olhos para a última versão do Action Launcher Pro, que chega com um argumento de peso: os Shutters.

Com essa nova função, os usuários de equipamentos com o sistema Android poderão abrir os widgets através de um deslizamento vertical com o dedo sobre o ícone. A versão 1.5 conta, além disso, com um bom conjunto de melhorias, incluindo o suporte para tablets de 10 polegadas, e uma maior estabilidade. Então, se você conta com um equipamento Android na versão 4.0.3 ou superior, pode começar a testar os benefícios dessa nova versão agora mesmo.

Quero dizer, quase todas as funções. A função Shutter estará ao alcance apenas para os usuários de dispositivos Jelly Bean, por causa das limitações da API. Mas… você quer ver como ele funciona? É só ver o vídeo abaixo.

Download

Android Launcher Pro 1.5

 

Novos smartphones Lenovo S920 e S820 vazam na internet

by

lenovoandroidjb

A Lenovo está longe de ser aquela empresa com o reconhecimento mundial no segmento de telefonia móvel, mas isso não é culpa de sua falta de experiência. Ainda que a empresa esteja respirando por causa de uma reformulação de estratégia, eles levaram anos fabricando smartphones para mercados selecionados, como a China e os mercados emergentes. E tudo indica que eles vão atacar novamente, com dois smartphones acessíveis para os mercados de entrada, nos modelos S920 e S820.

Os últimos lançamentos da Lenovo no segmento mobile se caracterizam por combinar configurações aceitáveis com (ocasionalmente) características pouco habituais nos smartphones pensados nos mercados ocidentais, com preços competitivos. Tais elementos podem estar presentes nos dois futuros lançamentos, cujas imagens vazaram na internet nas últimas horas.

lenovoandroidjb2

Essa dupla conta com o sistema operacional Android 4.2.1 Jelly Bean, e aparentemente está voltado para o mercado asiático. O responsável pelo vazamento é o pessoal do site MyDrivers.com, e contam com um agradável design com cantos arredondados (com muitas cores no caso do S820, que aparece nas fotos desse post), e uma câmera traseira bem evidente. A sua carcaça de plástico abriga um processador MediaTek quad-core baseado em um design Cortex A7 e um duplo slot para chips SIM (no caso do S820). Suas resoluções ainda são fonte de mistério.

Nada sabemos sobre a tela do S820, que é orientado (teoricamente) para o público feminino, e segundo consta, o S920 será mais um tabletphone com tela de 5.3 polegadas, provavelmente com resolução de tela em 720p.
Via Android4Fans

Conheça o NEC Medias W, um smartphone “dobrável”, com duas telas de 4.3 polegadas

by

A operadora japonesa NTT DoCoMo está animada, por assim dizer. Mais um smartphone exclusivo da operadora é anunciado no Japão. Falamos do NEC Medias W, um smartphone compatível com as redes 4G/LTE japonesas, com duas telas de LCD de 4.3 polegadas, ambas com resolução de 540 x 960. E é só por isso que ele virou post nesse blog.

O NEC Medias W não é apenas um telefone com duas generosas telas, e que pode ser dobrado se assim o usuário quiser (o que já garante o ponto de interesse para o usuário). Ele apresenta especificações técnicas razoáveis, como um processador dual-core de 1.5 GHz, 1 GB de RAM, câmera traseira de 8 megapixels, armazenamento interno de 16 GB e slot para cartões microSDHC.

Falando do fator do aparelho ser “dobrável”. Na verdade, ele conta com um chassi que, aberto, monta uma tela de 5.6 polegadas na diagonal (somando as duas telas). O aparelho possui uma espessura de apenas 64 mm quando fechado, e a principal vantagem da tela dual é que o usuário pode executar dois aplicativos independentes em cada tela, ou até mesmo um único aplicativo nas duas telas. Perfeito para os fãs de jogos, não?

O NEC Medias W conta com o sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean, e como outro diferencial essencial para os japoneses, o smartphone ainda conta com um receptor para TV digital. Será lançado na terra do Sol Nascente no próximo mês de abril, e seu preço não foi revelado.

Via IntoMobile, Engadget

Android 4.2.2 é visto em um LG Nexus 4 (com vídeo)

by

O lançamento do último smartphone da linha Nexus acontece em conta-gotas, e em uma velocidade bem estranha. Os rumores são tão malucos, que fica realmente difícil de acreditar que a produção do Nexus 4 virá mesmo para o Brasil, enquanto que as fábricas na Ásia ficam livres para uma futura versão, que seria anunciada ainda nesse primeiro trimestre. De qualquer forma, esperar para ver é o que fazemos, e nessa fonte que mostra o Nexus 4 rodando o Android 4.2.2, nós podemos dar um pouco de crédito.

O autor do vídeo que você vai ver abaixo é o SmartMania.cz, e foi o mesmo que confirmou as primeiras imagens dos acessórios para o tablet Nexus 7. E mais uma vez eles se antecipam ao mundo, mostrando uma unidade do Nexus 4 rodando a última revisão do sistema operacional do Google, em tudo o seu esplendor.

O site checo mostra o terminal atualizado. Vendo de longe, essa versão não conta com nenhuma mudança muito drástica, sendo (aparentemente) o mesmo Jelly Bean que nós já conhecemos, sem muitas novidades visuais. Logo, podemos concluir que qualquer mudança adicionada está ligada ao desempenho e otimização do sistema. Mas vamos ficar atentos com as notícias que podem chegar direto de Mountain View. Quem sabe eles podem anunciar essa nova versão nas próximas semanas, não é mesmo?

Via HDBlog.it

Smartphone Sony Xperia Z é anunciado oficialmente #CES2013

by

Depois de ser visto nos corredores da própria CES 2013, ficou muito óbvio qual seria um dos principais lançamentos da Sony de hoje. E agora, ele é oficial. O Xperia Z está oficialmente apresentado no evento de Las Vegas, e chega com uma interessante tabela de especificações técnicas.

Começamos por sua tela de 5 polegadas com Reality Display e resolução de 1080p, que oferece uma densidade de 443 píxels por polegada. Essa tela ainda conta com a atualizada tecnologia Bravia Mobile Engine 2 da Sony, que promete melhorar o brilho e o contraste na hora de visualizar os vídeos.

Com design bem retangular, o smartphone ainda inclui uma câmera frontal com sensor Exmor R de 2 megapixels, e uma câmera traseira, com sensor Exmor RS, de 13 megapixels, que conta com redução de ruído, sendo assim capaz de capturar vídeos em HDR. Além disso, o Sony Xperia Z ainda conta com um processador quad-core Qualcomm Snapdragon S4 Pro de 1.5 GHz, 2 GB de RAM, 16 GB de armazenamento (expansíveis via slot para cartões microSD), suporte para redes LTE, certificações IP55 e IP57 (sendo portanto resistente à água e poeira), e conta com NFC integrado, podendo se comunicar com outros equipamentos, incluindo os dispositivos com essa tecnologia que a Sony está apresentando na feira.

Em termos de software, também encontramos propostas interessantes por parte da Sony. O Xperia Z conta com Android 4.1 Jelly Bean (com atualização para a versão 4.2 já prometida pela Sony), além de contar com o modo STAMINA de bateria, que promete prolongar a autonomia de uso do smartphone no modo standby em até quatro vezes (segundo sua tabela de especificações, esse smartphone conta com uma bateria de 2.330 mAh). Para isso acontecer, o smartphone é capaz de gerenciar e encerrar automaticamente os aplicativos quando a tela está desligada, mas você sempre pode escolher quais aplicativos você quer seguir mantendo em funcionamento em segundo plano.

O smartphone deve ser lançado em todo o planeta (sem datas confirmadas para cada continente) ainda nesse primeiro trimestre de 2013. Seu preço não foi revelado.

Via Engadget

Samsung da Coreia publica os detalhes da atualização do Galaxy S II para o Android Jelly Bean

by

Para bom entendedor (do idioma chinês), meio comunicado basta. O pessoal da Samsung da Coreia revelou detalhes técnicos importantes sobre a atualização oficial do Galaxy S II para o Android 4.1 Jelly Bean, que parece que finalmente será disponibilizada.

O pacote de atualização vai chegar aos usuários via KIES, e será ofertada naquele esquema que você já conhece: em diferentes regiões, e de acordo com o nível de customização adotado por cada operadora de telefonia móvel. Ou seja, se você tem um Galaxy S II que foi adquirido em loja virtual, ou loja da Samsung, ou que não conta com nenhum vínculo com operadoras nacionais, deve receber essa atualização mais rápido. Mas sem nenhuma data oficialmente anunciada. Logo, resta apenas a espera.

Essa atualização vai reduzir a memória interna do smartphone de 12 para 11 GB, introduzindo algumas das novidades que são exclusivas da Samsung, como por exemplo um aplicativo de câmera melhorada, diversas otimizações nos recursos de rede e autonomia de bateria e o recurso Smart Stay, da Samsung. Além disso, novos aplicativos como Book ou Movie serão instalados no sistema de forma nativa, além do Google+ e as já anunciadas melhorias presentes no Android Jelly Bean.

As principais mudanças que o Android Jelly Bean vai oferecer ao Samsung Galaxy S II são:

  • melhorias na tela Home e melhor performance na rolagem de tela (graças ao projeto Butter)
  • melhor usabilidade de alguns aplicativos
  • aplicativos pré-instalados: Google+, Help, +Talk, Play Book, Play Movie, etc
  • modos Easy e Block
  • melhores recursos de câmera, como a função de pausa durante a filmagem, ente outras
  • Smart Stay
  • nova função Pop-up play
  • melhorias diversas de usabilidade

Mais uma vez, vale a pena informar que não há uma data definida para essa atualização, mas ao menos agora sabemos que ela está prestes a ser distribuída, e deve oferecer um novo fôlego a um dos smartphones mais bem sucedidos do mercado.

Via DailyMobile, XDA-Developers, SamMobile

Jelly Bean alcança a marca dos 10% de presença nos dispositivos Android ativos

by

Mais um mês começou, e mais uma análise sobre a expansão (ou fragmentação) do Android é divulgada, mostrando como está o cenário das versões do sistema operacional móvel mais popular do mundo. A principal novidade é o grande salto que a versão 4.1 Jelly Bean deu desde a última análise realizada em outubro, fazendo com que essa versão alcançasse os dois dígitos percentuais em um intervalo de três meses.

No último mês de outubro, a análise de penetração de mercado indicava que o Jelly Bean estava presente em apenas 1.8% dos smartphones e tablets do mercado. Na análise divulgada ontem (03), a versão já conta com 10% do mercado global de dispositivos ativos (lembrando: a medição é feita através do volume de acessos no Google Play nos últimos 14 dias), o que também pode significar um reflexo imediato das vendas de final de ano, onde naturalmente as pessoas compraram novos dispositivos Android.

A versão 4.0 Ice Cream Sandwich também registrou um crescimento, alcançando a marca de 29.1% dos dispositivos, enquanto que a versão 2.3 Gingerbread segue sendo a mais presente entre os dispositivos ativos, com 47.6% dos dispositivos ativos.

Dessa forma, os desenvolvedores contam com mais motivos para aproveitar as últimas APIs do Android, apesar de que, como os próprios números ilustram, a decisão a partir de sua perspectiva segue sendo complexa, por causa da elevada fragmentação do sistema. Isso, sem contar as diferentes filosofias adotadas pelos fabricantes para atualizar os dispositivos já existentes, e investir nos lançamentos com as versões mais recentes do Android.

Clique aqui para ler o estudo completo.

Pacote Premium Suite chega ao Samsung Galaxy S III

by

Quem usa tecnologia sabe que a frase que vou dizer é verdadeira, ou uma premissa básica: nunca estamos satisfeitos com o que temos (e, em alguns casos, o smartphone do amigo sempre é mais legal que o nosso). Para não causar transtornos para os usuários do Galaxy S III, a Samsung anuncia a chegada de um pack especial de atualização, o Premium Suite.

Com esse pack, o usuário vai receber em seu (caro) smartphone muitas das funções encontradas hoje no Galaxy Note II para o terminal de 4.8 polegadas mais vendido do mundo. Através de uma atualização compatível com o Android 4.2 (Jelly Bean), a Premium Suite incorpora alguma das novas características do sistema, como a função de telas múltiplas, um painel de notificações personalizável, rotação de tela inteligente e outras novidades que devem agradar os usuários do smartphone “feito para humanos”.

No vídeo abaixo, é possível ver alguns desses recursos em ação, como o recurso multitarefa, funções especiais e compatíveis com o NFC, e alguns outros ajustes personalizados que podem ser ativados, de acordo com as ações que o usuário realizar com o smartphone. Nada mais justo: os dois dispositivos possuem especificações de hardware muito semelhantes, e se diferenciam basicamente pelo tamanho de tela e a capacidade maior de memória RAM no Galaxy Note II. Mesmo assim, para muitos, não vale a pena pagar a diferença para ter esses recursos legais, não é mesmo?

Agora, a má notícia (ou o momento onde todos se decepcionam: o lançamento desse pack Premium Suite vai variar de país para país, e depende das suas respectivas operadoras, que terão que testar as novas funcionalidades, preparando suas ROMs já customizadas para receberem os novos recursos. Ou seja, por enquanto, você vai ter que se conformar com esse primeiro vídeo que mostra as funcionalidades, até que a atualização chegue ao seu dispositivo.

Via Samsung Tomorrow

Número de dispositivos rodando o Android Jelly Bean dobrou em um mês, mas Gingerbread ainda é dominante

by

Fragmentação. Uma palavra que ainda causa arrepios pelos corredores do Google, e dores de cabeça entre os usuários Android, tanto para quem já tem um dispositivo quanto para quem pretende ter. É impossível falar do sistema operacional do robozinho verde sem falar no seu fatiamento de distribuições, algo que acontece desde sempre, e normalmente é provocado pelo desencontro de um dispositivo mais velho com as exigências da nova versão do sistema operacional.

De qualquer forma, o Google se esforça para mostrar o tempo todo que esse quadro está mudando, ou que ao menos o mercado está se expandindo em direção à mais recente versão aos poucos (mesmo que esse “aos poucos” represente uma velocidade bem mais lenta do que aquela que o próprio Google queria). No seu último relatório mensal sobre a participação das versões do Android em seus dispositivos, podemos observar que a versão 4.1 (Jelly Bean) dobrou a sua participação de mercado em relação ao mês passado, saindo de 2.7% para 6.7%.

Por outro lado (e essa é uma péssima notícia para o Google), a versão 2.3 (Gingerbread) do Android continua sendo a mais participativa entre os dispositivos ativos, com 50,8%. O lado positivo disso é que, no mês passado, essa vantagem do Gingerbread era de 54.2%. Outra versão que obteve ganho de mercado foi a 4.0 (Ice Cream Sandwich), que no mês passado contava com 25.8%, e agora, possui 27.5% de mercado.

Os principais responsáveis por esse cenário fatiado são o próprio Google, que lá atrás lançava mais de uma versão do Android por ano, e dos fabricantes, que não trabalham de forma adequada na atualização dos dispositivos existentes, e em muitos casos, ainda lançam dispositivos de entrada, com um hardware limitado, e com versões do Android mais antigas (mais especificamente o Gingerbread), mantendo assim a conta dessa versão elevada.

É inegável que o Android é líder absoluto do mercado mobile, mas o seu principal problema em relação aos seus concorrentes diretos está na dificuldade em oferecer a mesma experiência de usuário para todos. Isso é algo que o iOS, BlackBerry ou o Windows Phone lidam com menor escala, e possuem um maior controle nesse aspecto.

Via BGR.com

Sony Xperia E é lançado oficialmente: Android Jelly Bean e dual sim em mais um smartphone de entrada

by

Não foi só a Nokia que decidiu lançar um smartphone de entrada no dia de hoje. A Sony também aposta nas propostas populares, mas com o sistema Android, anunciando de forma oficial o modelo Xperia E.

Mas diferente da proposta da fabricante finlandesa, que até conta com alguns recursos de hardware um pouco mais avançados, o Sony Xperia E aposta em ser um smartphone Android bem básico, mas já contando com a versão 4.1 (Jelly Bean) do sistema do Google, algo que modelos mais robustos ainda não possuem. O modelo conta com uma simples tela HVGA de 3.5 polegadas (320 x 240), e está disponível em duas versões: a anunciada nesse post, com dois slots para chips SIM (ou Xperia Edual), ou a versão com um único slot para chips de operadoras.

Para compensar a carência de recursos técnicos, o Sony Xperia E conta com uma autonomia de bateria prometida de longa duração, que é oferecida através de um software especial, que desativa o WiFi e o tráfego de dados quando o smartphone fica completamente inativo por alguns minutos. Sua bateria é de 1.500 mAh, e sua autonomia estimada é de seis horas de conversação, ou 530 horas em standby.

O dual SIM do smartphone permite a troca do chip ativo através de um simples toque em um ícone do sistema, para que o usuário possa aproveitar do plano de dados mais barato para aquele momento. Sua câmera traseira é de apenas 3.2 megapixels, e sua capacidade de armazenamento é de 4 GB (expansíveis via slot para cartões microSD). O Sony Xperia E também conta com as tecnologias HD Voice (para otimizar a qualidade das chamadas) e Walkman (para uma melhor experiência musical), tudo isso gerenciado por um processador Qualcomm Snapdragon de 1.5 GHz, e contando com a ajuda da conectividade DLNA.

O Sony Xperia E estará disponível nas cores preto, branco e rosa, nas duas versões (single SIM e dual SIM). Seu preço não foi anunciado, e o smartphone chega ao mercado internacional no primeiro trimestre de 2013.

Via IntoMobile

Lenovo IdeaPhone P770, um Android Jelly Bean de baixo custo, e bateria de 3.500 mAh

by

Um smartphone com Android Jelly Bean, com uma bateria de 3.500 mAh, e que custa pouco. Quem não quer? Tá, os fanboys da Apple não querem nem chegar perto. Mas, para quem não é preconceituoso, saiba que a Lenovo lançou na China esse interessante smartphone, o IdeaPhone P770.

A ideia do produto é ser eficiente no uso diário no quesito “preciso ter um smartphone funcionando o dia inteiro”. Para isso, o principal destaque do aparelho é a sua bateria de 3.500 mAh (ou 644 horas em standby), que promete oferecer ao usuário uma autonomia de conversação de até 29 horas consecutivas. Sim, é difícil encontrar alguém que fique conversando durante mais de um dia seguido no telefone. Mas é sempre bom saber que o nosso smartphone só vai ver a bateria novamente quando chegarmos em casa, depois de um longo dia de trabalho.

Para você ter uma ideia do quão extensa é essa autonomia de uso, ele consegue superar os modelos da Motorola, o RAZR MAXX e RAZR MAXX HD. Porém, essa longa vida de funcionamento longe da tomada tem um preço: o Lenovo IdeaPhone P770 possui uma espessura de 11.9 mm e peso de 161 gramas, ou seja, é mais espesso e pesado que os modelos citados.

Mas não é só de uso contínuo que o lançamento da Lenovo se destaca. O smartphone também conta com uma generosa tela qHD de 4.5 polegadas (960 x 540), um processador dual-core de 1.2 GHz, 1 GB de RAM, 4 GB de armazenamento (expansíveis via slot para cartões microSD – 8 GB já inclusos no kit de venda), câmera traseira de 5 megapixels, e câmera frontal para videochamadas.

Agora, a boa notícia. Diferente do que você está imaginando, o modelo (que pode muito bem se encaixar na categoria de smartphones de linha média) não custa preços exorbitantes. Bom, pelo menos lá fora: o Lenovo IdeaPhone P770 custa apenas US$ 270. É para se considerara a ideia, na nossa próxima visita à Ásia (ou quando nosso importador preferido souber que esse produto existe).

Via Unwired View

Toshiba anuncia o lançamento do novo tablet AT300SE, com 10.1 polegadas

by

A Toshiba anunciou o lançamento para o mercado europeu de um novo tablet Android, o AT300SE, com tela de 10.1 polegadas (1280 x 800, capacitiva). Segundo a fabricante, o lançamento “é ideal para os usuários diários dos tablets”, e oferecem configurações interessantes, que podem colaborar com essa afirmação.

O modelo conta com um processador NVIDIA Tegra 3, o que garante uma boa performance para a maioria das atividades diárias dos usuários. O tablet da Toshiba conta com 10.5 mm de espessura, e pesa 625 gramas, sendo assim quase tão fino e leve quanto o modelo AT300. Não é tão portátil como se deseja, uma vez que seu tamanho de tela e principalmente o seu peso devem atrapalhar um pouco a vida daqueles que desejam levar o produto para qualquer lugar, mas para alguns casos específicos pode valer a pena, se suas atividades rotineiras do notebook podem ser feitas sem maiores problemas no tablet.

Um detalhe que a Toshiba enfatiza nesse modelo é o seu deisgn, cuja textura na parte traseira é simples e sem detalhes, com um material que evita as marcas de dedo no produto. E isso é algo sempre bem vindo em um tablet, que será manejado pelo usuário por mais tempo com as mãos que o desktop ou notebook (sim, eu sei que você usa o teclado para digitar, mas raramente ele conta com plástico em black piano, então…).

A Toshiba garante que o tablet AT300SE é capaz de funcionar por dez horas ininterruptas com uma única recarga de bateria. A versão do Android que gerencia o produto é a 4.1 (Jelly Bean), e o tablet conta com acesso total ao Google Play e aos principais aplicativos do Google, além de ter suporte para uma grande variedade de formatos de áudio, vídeo e imagens. Além disso, o dispositivo conta com uma porta microUSB, para comunicação de dados com o computador e recarga de bateria, e uma porta microSD, para cartões de memória de até 64 GB.

O modelo ainda conta com conectividade Bluetooth 3.0, 16 GB de armazenamento, 1 GB de RAM, Wi-Fi, GPS, câmera traseira de 3 megapixels e câmera frontal de 1.2 megapixel.

O Toshiba AT300SE será lançado no mercado europeu ainda nesse último trimestre de 2012, com preço sugerido de 299.99 libras.

Via SlashGear