Arquivo para a tag: infração de patentes

Samsung pede a ajuda da Google na sua eterna batalha legal contra a Apple

by

apple-vs-samsung2.jpg

A Apple está pedindo nada menos que US$ 2 bilhões para a Samsung por conta dos danos da infração de cinco de suas patentes, entre elas as mundialmente conhecidas “tocar para buscar” e “deslizar para desbloquear”. Diante de tal cenário, os coreanos decidiram pedir ajuda para a Google, solicitando que os seus engenheiros falem sobre a criação do Android diante da Suprema Corte.

Entre os engenheiros intimados, temos personalidades históricas do sistema operacional do robô verde, como ninguém menos que Andy Rubin. A ideia é que tais explicações e provas que esses profissionais apresentem coloque a questão por encerrada de uma vez por todas, e que se chegue ao parecer que os dois sistemas operacionais foram desenvolvidos de forma independente.

Levando em conta o cenário, até que demorou para a Google aparecer nessa novela. Porém, é algo necessário: afinal de contas, a Apple está pedindo uma média de US$ 40 em royalties por dispositivo, e se eles obtiverem uma vitória contra a Samsung, está aberto um precedente bilionário (literalmente) contra os demais fabricantes de smartphones com Android.

Por outro lado, a Samsung respondeu com um outro processo, acusando a Apple de roubar duas tecnologias que são hoje utilizadas no iPhone e no iPad.

Em resumo: essa babaca, estúpida e imbecil guerra de patentes não deve acabar nunca.

Via Business Insider
Via Wall Street Journal

Revés para a Samsung em seu país: justiça da Coreia do Sul NÃO vetará comercialização do iPhone e iPad

by

apple-vs-samsung2.jpg

Isso mesmo que você está lendo. Não só Apple e Samsung perdem valioso tempo na disputa nos tribunais ao redor do mundo, como a Samsung perdeu uma das batalhas em casa. O que mostra que a fase não é nada boa para os coreanos nesse aspecto.

Recentemente, falamos aqui no blog sobre a possibilidade da conclusão da batalha legal envolvendo as duas empresas nos Estados Unidos, onde a Samsung terá que pagar uma indenização milionária para a empresa de Tim Cook. Pois bem, as duas empresas seguem em plena disputa na Coreia do Sul, e a última notícia envolvendo essa briga por lá mostra um revés para os criadores da linha Galaxy: o juiz Shim Woo-yong recusou o processo da Samsung, que previa a proibição de venda no país dos modelos iPhone 4S, iPhone 5 e iPad 2.

Por conta disso, também foi negado à Samsung a possibilidade de exigir uma possível indenização por danos.

A história dessa disputa na Coreia do Sul começou quando a Samsung processou a Apple na justiça local por infringir várias patentes relativas aos recursos multitarefa e de notificações. Porém, a justiça coreana entende que as acusações não são procedentes, colocando a ação por terra, assim como uma possível indenização econômica.

A Samsung não parece muito conformada com a decisão, e parece que vai apresentar uma apelação, o que vai prolongar o assunto por mais algum tempo. Voltaremos a falar sobre isso em breve.

Via Reuters, The Washington Post

Vendas do HTC One Mini estão suspensas no Reino Unido: Nokia vence nos tribunais

by

htc-one-mini

Algumas batalhas de patentes não foram concluídas, e a gente nem sabia. Enquanto nossas atenções ficaram por muito tempo concentradas na batalha entre Apple e Samsung, nos esquecemos completamente da disputa que Nokia e HTC travava na Europa. O motivo é o mesmo: infração de patentes. E a Nokia venceu uma importante batalha, já que o HTC One Mini terá que ser retirado do mercado do Reino Unido.

O tribunal local emitiu uma sentença a favor dos finlandeses, que proíbe que o citado smartphone seja vendido nas lojas daquele país. A ordem de sentença se tornará efetiva a partir do próximo dia 6 de dezembro – ou seja, dentro de apenas três dias. Vale a pena lembrar que o modelo HTC One também é alvo da fúria da Nokia pelas mesmas infrações de patentes, o que pode resultar no mesmo fim que o seu irmão menor, porém, o juizado do caso reconheceu que a proibição de venda do principal smartphone da HTC nesse momento pode ser consideravelmente danoso para a marca.

A HTC (como era de se esperar) não está de acordo com a decisão, alegando que o componente de hardware criador de toda essa discórdia é pequeno demais para que as vendas do One Mini sejam proibidas no Reino Unido. Obviamente, eles pretendem apelar dessa decisão. Veremos como essa questão será resolvida no futuro.

Via Bloomberg

Novas da Apple: futuro iPad Mini com tela Retina e FaceTime infringindo patentes

by

O mundo Apple segue movimentado, mesmo depois de algumas semanas de seus lançamentos. Afinal, é a empresa que os fãs de tecnologia mais busca saber de suas novidades. Logo, vamos nesse post resumir duas novas da empresa de Cupertino. Uma ainda é um rumor. A outra, é uma realidade nada agradável para Tim Cook.

Para começar, já temos rumores sobre uma suposta segunda geração do iPad Mini, e o motivo dessas especulações é a tela do dispositivo. Segundo diversos veículos de imprensa chineses, o próximo pequeno tablet da Apple vai contar com uma tela Retina, sendo esta a mesma tecnologia que as últimas versões do iPhone e iPad possuem, oferecendo a estes produtos uma excelente resolução. Segundo as fontes, essa tela contará com as mesmas 7.9 polegadas, com uma densidade de píxels de mais de 340 ppp, o que seria surpreendente para um dispositivo de suas características.

Na prática, a segunda geração do iPad Mini sairia de uma resolução de 1024 x768 para contar com uma resolução de 2048 x 1536 pixels, dobrando assim a sua capacidade de exibição de imagens. Segundo as especulações, o fabricante dessa tela seria o mesmo provedor atual, a empresa chinesa AU Optronics.

Os rumores vão além, e afirmam que a segunda geração do iPad Mini contará com um processador A6X, o mesmo que incorpora hoje o iPad de quarta geração. Ou seja, seria um iPad com todo o potencial que você deseja, mas em um tamanho reduzido. Vale lembrar que muitos usuários criticaram as escolhas da Apple no iPad Mini, considerando que o modelo possui uma tecnologia “obsoleta”, apenas para ser mais barato e competitivo. Na prática, essas restrições de hardware não resultam em perdas muito grandes de performance e qualidade final de imagem, sendo um modelo que entrega boa parte da qualidade já conhecida pelo fã da Apple, mas com um preço mais em conta.

Se esses rumores estão certos, não sabemos. Só vamos saber com o passar do tempo. Essas novas telas Retina para o iPad Mini segunda geração devem estar finalizadas no meio de 2013.

A segunda notícia sobre a Apple não é lá tão agradável assim. Os advogados da empresa receberam a notícia que Tim Cook e sua turma terá que desembolsar a quantia de US$ 368 milhões. O motivo? Infração de patentes detectadas pelo software de videoconferência da Apple, o FaceTime.

Quem emitiu a sentença foi um tribunal do Texas, que indica que a Apple violou quatro patentes de propriedade da empresa VirnetX, especializada em licenciar o seu catálogo de patentes relacionadas à área de telecomunicações. Inicialmente, a VirnetX solicitou uma indenização que praticamente era o dobro da quantia obtida na sentença, mas não podemos dizer que eles estão saindo da disputa de mãos vazias. Principalmente se considerarmos que essa mesma VirnetX já conseguiu arrancar mais de US$ 200 milhões da Motorola por um caso similar. Agora, essa empresa tem como alvo a Cisco, a Avaya e a Siemens. A Apple ainda pode recorrer da sentença.

Como podem ver, o mundo Apple segue movimentado, e notícias é o que não faltam. Mesmo no final do ano, teremos sempre alguma novidade para contar. E vamos contar para vocês, sempre que essas novidades aparecerem. Fiquem ligados!

Samsung já se prepara para o pior: modificar os seus smartphones para evitar o banimento do mercado

by

Diz o velho ditado: “quem tem… tem medo”. A Samsung confirmou nessa terça-feira (28) que já se prepara para modificar os seus smartphones, caso eles não obtenham sucesso na sua luta contra a Apple nos tribunais. O cenário é considerado pela fabricante sul-coreana como “a solução extrema”, e seria a medida necessária para evitar que seus produtos sejam banidos do mercado norte-americano.

Depois da vitória da Apple no tribunal da Califórnia, a empresa de Cupertino fez uma requisição inicial junto à Corte do Distrito de San Jose, com o objetivo de excluir oito modelos de smartphones da Samsung, incluindo o Galaxy S II. Nos planos da Samsung, eles pretendem recorrer da decisão do júri da Califórnia e, ao mesmo tempo, tentar impedir que essa solicitação tenha efeito prático no mercado norte-americano.

Porém, se a Samsung não tiver sucesso nessas duas frentes, eles confirmam que vão utilizar do recurso de modificar os dispositivos, para assim evitar a sua saída em um dos mais importantes mercados mundiais. Um porta-voz da empresa disse: “nós faremos o que for necessário para disponibilizar nossos produtos no mercado dos Estados Unidos”. A declaração feita ao jornal The Wall Street Journal deixa transparecer que, a essa altura dos acontecimentos, nem mesmo a Samsung acredita direito na possibilidade de reverter o resultado nos tribunais.

Como já disse no final da semana passada, as chances da Samsung estão na Suprema Corte dos Estados Unidos. E olhe lá.

Via The Wall Street Journal

Google, sobre a decisão do julgamento entre Apple e Samsung: a maioria das patentes envolvidas “não estão relacionadas ao Android”

by

A decisão da última sexta-feira, que deu ganho de causa para a Apple contra a Samsung na “guerra de patentes” nos Estados Unidos ainda deixa as suas repercussões. Como sabe que, indiretamente, está envolvida nessa disputa, a Google decidiu se pronunciar a respeito, em forma de um comunicado oficial.

A gigante do mundo das buscas online (e dos e-mails, e dos softwares de escritório online, e de tantas outras coisas…) deixou bem claro que, ainda que a Samsung tenha perdido a batalha nos tribunais, o veredito não afeta diretamente o seu sistema operacional, o Android. “A corte de apelações revisará tanto as infrações como a validez de tais patentes. A maioria não está relacionada com o núcleo do SO Android”.

Diante de tais otimistas declarações, parece que a própria Google reconhece implicitamente que, se a Samsung não conseguir reverter o resultado do tribunal da Califórnia, será a “inovação” (ou a falta dela) que pode fazer com que a empresa sul-coreana pague o pato. Leia:

“A indústria mobile avança muito depressa, e todos os seus participantes – incluindo aqueles que acabam de chegar ao mercado – constroem sobre ideias que estão presentes no mercado a décadas. Da nossa parte, trabalhamos com nossos parceiros para oferecer produtos inovadores e acessíveis aos consumidores, e não queremos que nada nos limite.”

Como já era de se imaginar, a Samsung não demorou nada para manifestar o desejo da apelação sobre a decisão tomada pelo tribunal (o memorando publicado pela CNET corrobora para isso), de modo que parece que não vai demorar muito para que os canhões das duas empresas voltem a ficar enfileirados.

Via AllThingsD e CNET

Fujifilm processa a Motorola por infração de patentes

by

Outro processo por infração de patentes, e nesse caso, a empresa em questão foi a Fujifilm, que está levando a Motorola para os tribunais, que por sua vez, está com uma ação contra a Apple.

O processo em questão está relacionado às tecnologias relativas ao uso da câmera no smartphone (como você pode perceber, o negócio é, no mínimo, ambíguo e livre para diversas interpretações). Assim, o fabricante de câmeras fotográficas coloca os smartphones RAZR MAXX e Xyboard no olho do furação, por um suposto uso indevido de algumas das patentes reivindicadas pela fabricante japonesa.

Nesse ponto, não sabemos quais são as reais possibilidades da Fujifilm de levar esse processo adiante, mas vamos manter vocês informados sobre mais essa “Guerra de Patentes”.

Via Foss Patents

Uma empresa de Xangai denuncia a Apple por violar pantentes com o Siri

by

Mal acabou a batalha entre o S Voice e o Siri (e este é o atalho que a Apple quer usar para interromper as vendas do Galaxy S III nos Estados Unidos), e temos uma empresa de Xangai disposta a ter os seus 15 minutos de fama, dizendo com todas as letras que a Apple violou suas patentes.

A empresa em questão é a Zhi Zhen Internet Technology (muito prazer), e eles garantem que o assistente pessoal da Apple viola frontalmente patentes do sistema de reconhecimento de voz (em chinês, obviamente) do seu serviço Xiao i Robot para smartphones e navegadores web, patente essa com registro de 2004. Por enquanto, a Apple não se pronuncia sobre o assunto de forma oficial, mas não duvidamos por nenhum momento que os seus advogados já estão preparando um sonoro contra-ataque, ainda mais vendo que a empresa chinesa curiosamente optou por utilizar como ícone o mesmo tipo de microfone adotado pela Apple.

Via The Next Web

Negada a solicitação da Apple em proibir a venda de vários smartphones da HTC nos Estados Unidos

by

Parece que, aos poucos, smartphones como o One X e o EVO 4G LTE seguirão sendo comercializados nos Estados Unidos. A Comissão Internacional dos EUA (ou ITC) negaram a solicitação da Apple em proibir as vendas de alguns dos smartphones por infração de patentes.

A solicitação da Apple veio depois de ter acusado a HTC de falsas declarações, com a intensão de esquivar a proibição de venda de determinados modelos que foi imposta em dezembro do ano passado. A ITC afirmou que “a comissão não vai ordenar o bloqueio de determinados produtos da HTC, uma vez que não contamos com informações necessárias para determinar se os processados estão violando a ordem de exclusão”.

Contudo, o órgão iniciou ontem (02/07) uma investigação para determinar se os smartphones da HTC mencionados pela Apple seguem violando as patentes defendidas pela Apple no processo iniciado em dezembro.

Fato é que, pelo menos por enquanto, a HTC pode respirar aliviada. E finalmente, um órgão do governo parou com a brincadeira da Apple de “não sei brincar com os outros, logo, vou proibir que os outros brinquem comigo”.

Via 9to5Mac

Samsung recorre ao bloqueido de vendas nos Estados Unidos do Galaxy Nexus

by

Ok, a medida tomada pela Samsung não surpreende ninguém a essa altura dos acontecimentos. Se você estava acompanhando o nosso blog no sábado (30/06), publicamos que a Apple conseguiu nos tribunais bloquear as vendas do Galaxy Nexus nos Estados Unidos (clique aqui para ler), alegando que o terminal dos coreanos infringia diversas patentes.

E, como era de se supor, a Samsung não ficou de braços cruzados diante da decisão judicial que priva os norte-americanos do smartphone, e recorreu da decisão, em um movimento bem semelhante a aquele aplicado pela mesma Samsung no caso da proibição do Galaxy Tab 10.1 na semana passada.

Agora, resta esperar uma decisão final dos tribunais diante da apelação da Samsung. Qualquer novidade, vamos informando pelo blog.

Via Foss Patents

Corte alemã recusa o segundo processo da Samsung contra a Apple

by

Mais um round da batalha entre Apple e Samsung na Alemanha chega ao fim, e marca a segunda vitória para a empresa de Cupertino. Se você se lembra, a Samsung apresentou dois processos por infração de patentes contra os criadores do iPhone, e a primeira demanda foi recusada. A segunda teve o mesmo caminho, através do tribunal regional de Mannheim.

Quem decidiu foi o juiz Andreas Voss, que não quis especificar os motivos de sua decisão. Mas a briga não termina aqui, porque a Samsung tem ainda dois processos pendentes, baseado nas patentes dos padrões 3G, incluindo um que, segundo consta, está relacionado com os emoticons do telefone. Esperamos mais detalhes desse patético assunto.

Via Foss Patents