Arquivo para a tag: fone headset

Samsung registra patente de fone de ouvido com tela integrada

by

650_1000_patente-samsung-glass-1

A Samsung registrou uma patente que sugere um desenvolvimento de sua alternativa própria ao Google Glass. A patente mostra um dispositivo com forma de fones handsfree, com uma tela integrada na sua extremidade, muito similar ao conceito oferecido pelos óculos inteligentes da Google.

Na realidade, a Samsung deixou claro o seu interesse por esse tipo de dispositivo já em janeiro desse ano, através de outra patente muito mais parecida com o Google Glass. Porém, a nova patente que é definida por eles como um fone de ouvido, integraria as duas opções, apesar de contar com esse design diferenciado.

Assim, o produto não contaria com as mesmas características do Google Glass ou de patentes anteriores da Google, mas simplesmente essa tela que ficaria diante do nosso olho direito (de acordo com a orientação dos gráficos da patente). Se vai virar um produto real, ninguém sabe. Mas ao menos sabemos que os coreanos pensam nisso.

Vamos ver o que o tempo vai dizer sobre o assunto.

650_1000_patente-samsung-glass-2

Via SamMobile

Fone de ouvido Sony MDR-ZX750BN é anunciado

by

zx750bn-700

A Sony anunciou lá fora o lançamento de vários novos fones de ouvido nas séries MDR-ZX e MDR-EX. O modelo mais completo entre os novos produtos é o modelo MDR-ZX750BN. Esse novo fone se destaca pelo design sóbrio e elegante, e por contar com um sistema de cancelamento de ruído externo que, segundo a Sony, é capaz de bloquear até 98% do som ambiente.

Os novos fones da Sony usam a conectividade Bluetooth para receber a música do dispositivo compatível sem a intervenção dos cabos. Se você usa um dispositivo Sony Xperia, ele pode ser pareado com esses fones via NFC. O acessório funciona com uma bateria interna recarregável, que promete uma autonomia de uso de até 13 horas ininterruptas.

Vale lembrar que as 13 horas de uso são garantidas com o sistema de cancelamento de ruído externo desligado. Além disso, o acessório conta com um controle remoto e microfone integrado, permitindo que você receba chamadas sem precisar tirar o smartphone de bolso, além de permitir a mudança de faixas e ajuste de volume.

A Sony adicionou drivers de 40 mm nos novos fones, prometendo assim um alcance dinâmico maior e, por tabela, uma melhor qualidade de som.

Os fones da série EX da Sony estão disponíveis em até 11 modelos diferentes, cujos valores não foram revelados.

Via Geeky Gadgets

Headset oficial do Sony PlayStation 4 aparece em fotos na web

by

ps4headset

Imagens de um suposto fone headset oficial para o Sony PlayStation 4 apareceram na internet nesse final de semana. O vazamento se alinha aos rumores sobre a próxima atualização de firmware do PS4 incluir o suporte aos fones sem fio.

Na verdade, nesse momento temos poucas opções disponíveis de fones sem fio para o PS4. Sabemos que há uma atualização para o console a caminho, mas não há previsões sobre quando ela vai acontecer. Por outro lado, alguns e-commerces internacionais “acidentalmente” anunciaram o novo Sony Gold Wireless Stereo Headset por US$ 130.

O modelo conta com som surround 7.1, e é de fácil transporte (segundo informa o site Geek). Sua aparência visual é simples, mas atraente. Se a Sony pretende lançá-lo em breve, faz todo sentido que a atualização do PS4 também aconteça em um curto espaço de tempo.

Vamos aguardar por novidades. Se elas aparecerem, você fica sabendo aqui no blog.

Via Geek

Review | Fone de ouvido Sony MDR-XB920

by

MDR-XB920_red Eu adoro música. E invisto uma boa grana em produtos com boa qualidade sonora. Acredito que muita gente também tem esse comportamento, e não falo só dos músicos. Falo dos entusiastas da boa música, e principalmente, da boa qualidade sonora da música em reprodução. Por conta de tudo isso, temos o review do fone de ouvido Sony MDR-XB920, que foi enviado pela assessoria de imprensa da Sony Brasil para testes.

O produto chega ao mercado com a credencial de ser “o fone de ouvido oficial da Copa do Mundo FIFA 2014”. Logo, é um produto que passa (na teoria) a promessa de oferecer uma alta qualidade nas suas características físicas e técnicas. Mas… será que isso se converte na prática? Ter a chancela da FIFA para ser um produto oficial de um dos maiores eventos esportivos do mundo basta para que o produto entregue a qualidade prometida?

É o que vamos tentar descobrir no review a seguir.

Características Físicas

DSC07385

O Sony MDR-XB920 é um fone que chega ao usuário dando a clara impressão que estamos diante de um produto top de linha, por vários motivos. Para começar, a sua embalagem é de excelente qualidade, acondicionando o produto de forma que nada fique dançando dentro da caixa. Sem falar que você até pode utilizar a embalagem como item para transporte do produto em si, uma vez que o mesmo fica perfeitamente acondicionado.

DSC07389 O produto tem um visual moderno e agressivo. Alguns podem achar que é grande demais e pouco discreto, e eu concordo com isso. Porém, nunca vamos poder dizer que o usuário de um fone com esses não possui estilo. Os tons propostos pela Sony para colorir o produto (branco, prata e vermelho) combinam, e podem combinar com a maioria dos estilos diferentes do público em potencial que pode adquirir um produto como esse. DSC07499 DSC07506 Outro detalhe que chama a atenção é o cuidado que a Sony teve em oferecer um produto extremamente confortável. Não só os alto-falantes contam com acolchoados macios, mas também a parte interna da haste superior dos fones. Com isso, a cabeça do usuário fica o tempo todo em contato com uma área revestida com o acolchoado proposto pelo design do fabricante, o que favorece em um uso mais prolongado do produto. DSC07431 O fone possui uma combinação muito interessante de materiais. Nas peças de conexão da haste superior com os alto-falantes, encontramos um revestimento metálico, que passa uma maior sensação de solidez e segurança. Em outras partes, é detectado um plástico rígido. Talvez o ideal seria a utilização de um material metálico na área onde os falantes ficam apoiados, porém, o produto perderia em flexibilidade. Que, nesse caso em particular, tem uma função que o diferencia da maioria dos modelos que encontramos no mercado. DSC07484 DSC07487 DSC07490 O Sony MDR-XB920 é um fone de ouvido dobrável. Você pode dobrar os dois pontos de encaixe dos alto-falantes com a base da haste superior, de modo que os alto-falantes se posicionem na parte de dentro dos fones. Com isso, o produto se torna mais compacto e prático para o transporte, seja na embalagem que o acompanha, na mochila ou na bolsa de viagem. DSC07492 Outro interessante diferencial do modelo da Sony é que ele conta com cabos destacáveis. Ele tem um conector com trava giratória, que você pode trocar para utilizar em dispositivos com diferentes tipos de conectores. Por exemplo, se você quiser utilizar os fones com o smartphone, com um microfone integrado ao cabo (incluso no kit enviado para testes), você simplesmente gira o conector, remove um dos cabos, conecta o outro, e pronto. DSC07502 Estamos diante de um produto leve e confortável para os seus propósitos. Para quem vive em trânsito, ou seja, vai usar os fones o tempo todo, ele não vai pesar na cabeça. Para os usuários domésticos, ou que adoram ouvir músicas enquanto trabalham no escritório, não terá problemas em ouvir músicas com o acessório. E melhor: não será incomodado por ninguém (a não ser que insistam em falar com você, mesmo utilizando esses fones enormes na cabeça).

Acessórios

O produto vem com poucos itens adicionais. Na verdade, aqueles que são considerados indispensáveis para o seu funcionamento. Temos aqui os dois cabos para utilização com os equipamentos disponíveis, com pinos P2 (para computadores e MP3 players em geral) e P3 (com microfone integrado, para smartphones). Como já foi dito no segmento anterior, esses cabos se encaixam no conector destacado do próprio fone de ouvido, e usa uma trava de segurança para se fixar ao produto. DSC07494 No lugar de cabos tradicionais, temos uma espécie de fita, que em teoria deixa o cabo mais resistente como um todo, evitando pontos de dobras. Aliás, eles vieram enrolados em formato circular, algo que em outros fones em formato de cabo era considerado algo não muito recomendável. Pelo menos nos testes, esses cabos aparentam não se romper com tanta facilidade. Mas tudo vai depender do seu ritmo diário de uso, e de como o usuário vai cuidar desse equipamento. DSC07403 Talvez a grande ausência no cabo padrão P3 seja nos botões de controle de volume. Só temos o botão para recebimento de chamadas, o que obriga o usuário a colocar a mão no bolso para ajustar o volume do player de música, algo que não é muito prático ao utilizar o produto durante as jornadas diárias. smartkey-android Para os smartphones com o sistema operacional Android, o problema da limitação de comandos no cabo padrão P3 pode ser minimizado com o aplicativo SmartKey, desenvolvido pela Sony e disponível gratuitamente na Google Play Store. Esse app faz o controle da função do botão de controle de chamadas para diferentes funções do seu smartphone, como por exemplo a reprodução de faixas, atendimento de chamadas e smartphone em modo ocioso. Aliás, o fone é desenvolvido e compatível com smarthphones com o sistema da Google. Mas… e para os usuários de dispositivos iOS? DSC07497

Qualidade de Áudio (desempenho)

Mais uma vez, estamos diante de um critério de avaliação muito subjetivo, cuja percepção de qualidade varia de pessoa para pessoa. Entendo que uma boa qualidade de áudio em um produto como esse seja o resultado de um equilíbrio entre graves, médios e agudos, que seja potente, e que deixe os ruídos externos devidamente isolados, mas sem ser demasiadamente agressivo aos ouvidos do usuário (e sem incomodar as outras pessoas ao seu redor). DSC07482 Levando esses e outros aspectos em consideração (inclusive a qualidade da música em execução), o Sony MDR-XB920 cumpre bem com a sua missão de entregar uma boa qualidade de áudio ao usuário. Nos testes realizados, percebi que o produto pende mais para os graves (baixos, bateria e batidas acentuadas), cumprindo aquilo que é prometido em sua propaganda, mas não anula por completo os agudos (instrumentos de cordas, instrumentos de metais, etc), não anulando esses sons por completo, e oferecendo um certo equilíbrio no conjunto geral de áudio.

Além disso, no volume máximo, os fones conseguem isolar os ruídos externos com competência, apesar de dar a impressão para as pessoas ao seu redor que você está com o alto-falante externo do smartphone acionado. Mas tal efeito se anula quando você usa o produto em uma avenida de grande movimento, ou dentro do metrô. DSC07507 Usar o produto por horas não foi problema algum. Como já foi dito no review, ele se faz confortável para um uso prolongado por causa das soluções de revestimento e design adotadas pela Sony para fazer com que a cabeça do usuário não tivesse contato com as partes não acolchoadas do produto. No meu caso, que sou careca, isso funcionou muito bem, com o produto ficando bem encaixado em minha cabeça. Cheguei a trabalhar um dia inteiro com o fone (dois turnos de quatro horas de música de forma ininterrupta), e não senti nenhum incômodo. DSC07501

Conclusão

O fone de ouvido Sony MDR-XB920 está APROVADO. No conjunto geral, é um produto top de linha, que deve agradar a maioria dos usuários que gostam de música, e não dispensam um acessório de elevada qualidade. Como um preço sugerido de R$ 599, ele é destinado para quem realmente não se preocupa no quanto pretende gastar em ter uma qualidade sonora superior, com um produto com alta qualidade de construção, e características diferenciadas. Também tem tudo para agradar aos mais exigentes, pela qualidade de sua construção e, principalmente, pela qualidade final do áudio oferecido.

Review em Vídeo

 

Review | Fones de ouvido Razer Orca

by

Eu adoro música. Gasto um bom dinheiro em um bom fone de ouvido para os meus gadgets musicais, e sempre estou procurando novos produtos para melhorar a minha experiência sonora. Por isso, o primeiro review de produtos da Razer é justamente os fones de ouvido Razer Orca, que foi especialmente concebido para quem quer ter uma ótima experiência com a reprodução musical, mas também é pensado nos gamers que querem ouvir sozinho o som dos seus jogos, tanto nos consoles quanto nos PCs. Esse review passa as minhas impressões durante os testes do produto.

A primeira coisa que podemos dizer do Razer Orca é: “ele não é um fone feito para os discretos”. Pelo menos o modelo que recebemos para testes possui cores chamativas e detalhes bem destacados. Mas isso está longe de ser um defeito. Pense bem: um produto pensado nos gamers não pode ser discreto. Precisa ser algo visualmente chamativo e/ou agressivo. Os amantes modernos da música (ou os usuários mais “urbanos”, que são parte do público-alvo do produto) também buscam modelos que mostram um pouco da sua personalidade e estilo através de sua estética visual. Faz parte do conceito do produto oferecer uma aparência visual mais detalhada. E isso é sempre bem vindo. Tem gente que não gosta de sair por aí com um produto que visualmente chame a atenção, e eu entendo esse tipo de usuário. Mas, para eles, eu lembro que o mercado é farto, com opções igualmente interessantes, e sem detalhes visuais.

Entre os detalhes de acabamento, temos nas duas laterais dos falantes a logomarca da Razer, e essa pequena redinha preta em metal, que tem mais uma função estética do que funcional. Bom, pelo menos no que pude observar nos testes (essa redinha não é removível).

Aqui, o acabamento dos fones, em detalhes. Um detalhe que preciso citar logo de cara é que o plástico utilizado no produto é de boa qualidade, parecendo ser bem resistente em alguns momentos que o produto foi mais exigido. Não testei o produto ao extremo no seu ponto de tensão, pois não tinha autorização para quebrá-lo (e nunca foi o intuito de nossos reviews), mas posso dizer que o material adotado para a parte plástica do produto passou boas impressões.

Uma das coisas que, pelo menos para mim, não tão favoráveis é essa parte metálica para conectar os fones ao apoio de cabeça. As últimas experiências que tive com esse tipo de haste não foram tão favoráveis, pois esse tipo de haste facilmente se dobra com um agarrão mais forte, ou com um acidente dentro da mochila ou mala de viagem (um produto achatado em outro, sabe…). Por outro lado, no caso do Razer Orca, ele é um pouco mais firme, com um material metálico um pouco mais resistente. De qualquer forma, não é algo que desabone o produto. Só não me agrada o estilo. Aqui é uma visão bem pessoal do detalhe apresentado.

Por outro lado, o compromisso com a resistência e qualidade do produto se reforça nesses detalhes. Podemos ver claramente que o apoio da cabeça conta com parafusos, pois se uma das duas peças (ou o próprio apoio ou a sua haste de metal) sofrer algum tipo de dano, ainda existe a possibilidade de troca apenas da peça. Em outros modelos, essa junção é feita de tal forma que, se quebrar, você é obrigado a comprar outro produto. Além disso, para a própria manutenção dos fones, como uma eventual troca de cabo, esse sistema é providencial, facilitando a manutenção. Ponto para a Razer nesse sentido.

Os falantes contam com um revestimento muito confortável, com um tecido almofadado no lugar do couro, o que evita o suor que outros fones causam durante várias horas de uso. Com isso, é inevitável que você use o produto por mais tempo, pois o conforto oferecido é perfeito. Tudo bem, esse tipo de tecido acumula um pouco mais de partículas de poeira, mas o efeito moral (o conforto durante o uso prolongado) compensa o efeito colateral.

Aqui, um ponto muito positivo do Razer Orca: o encaixe do revestimento dos falantes é bem feito. Diferente de outras marcas, que você consegue destacar facilmente esse revestimento, nesse caso, ele vem muito bem encaixado, evitando assim acidentes na hora de retirar os fones (quem já viu outros reviews do TargetHD sabe do que estou falando…).

Confirmando aquilo que eu já disse antes, a proposta desses fones da Razer é permitir que você o utilize pelo máximo de tempo possível. para isso, eles também colocaram o revestimento almofadado no apoio da cabeça. E sim, você invariavelmente vai usar esses fones por muito tempo. Afinal de contas, a comodidade para várias horas de jogo ou música (ou podcasts, ou trabalho, etc…) está garantida.

Seu cordão protegido oferece uma maior resistência, minimizando as chances de rupturas. Porém, é sempre bom desconfiar dessa pequena parte de borracha no começo do cabo (junto ao falante). Nunca vamos saber quando ela será a vilã da história, sendo a responsável pelos problemas, e te obrigando a comprar um fone novo. Mas, se o produto seguir a sua lógica, ele tende a ser mais resistente que a média, tornando esse cabo mais seguro que os modelos genéricos que encontramos em mercados alternativos.

O modelo que recebi para testes era do tipo P2, e sem a opção de microfone integrado, o que é uma pena, pois seria ótimo não ter que recorrer ao smartphone para trocar as faixas de música ou atender as chamadas. É uma comodidade que os usuários de smartphones já estão habituados a contar nos fones de ouvido atuais. Também torna mais complicada a comunicação por voz durante os jogos. Por outro lado, acredito que essa pode ser uma alternativa para não tornar o produto caro demais. Acredito que outras opções da empresa oferecem o microfone integrado, para tornar o produto ainda mais completo.

E o seu desempenho sonoro?

Levando em consideração que qualidade de som é algo subjetivo, e varia de pessoa para pessoa, no meu entendimento, o Razer Orca foi muito bem nos testes. No caso dos games (utilizamos no teste o produto conectado ao Xbox 360), ele tornou a reprodução das trilhas e dos efeitos sonoros algo mais cristalino, com os devidos efeitos sendo distribuídos de forma específica para aquilo que o título propõe (especialmente em jogos como F1 2011 e Street Fighter vs Tekken). Durante o uso no computador, o som foi oferecido de forma equilibrada e com pouquíssimas distorções (dependendo da qualidade do áudio gravado e do volume aplicado, o som vai distorcer mesmo, e aí, não há fone de ouvido de boa qualidade que salve).

Mas foi durante o uso com os smartphones (utilizamos um iPhone 4 e o Motorola RAZR MAXX nos testes) que ele se destacou, entregando um som potente, com bom equilíbrio de graves, médios e adultos (aqui, o efeito de escrever o review de madrugada) agudos. Em alguns casos, quando a qualidade da faixa era elevada, o som era perfeito, cristalino. Alguns usuários se preocupam muito com a performance do produto para sons graves. Eu digo que, nesse quesito, ele foi muito bem (para o meu gosto), mas outros usuários mais exigentes vão achar que o produto ainda tende mais para os agudos. De qualquer forma, a qualidade sonora é excelente, e com certeza vai agradar a maioria dos usuários.

Por fim, o Razer Orca está APROVADO. É um produto pensado nos gamers e nos amantes da música, ou seja, oferece múltiplas possibilidades e capacidades. Pelo preço cobrado no produto (em uma busca rápida no site da FNAC, ele foi encontrado por um valor médio inferior a R$ 250,00), ele é uma boa opção para quem não pode (ou não quer) pagar por um Beats Audio, mas que também procura um produto com um bom acabamento e uma qualidade sonora melhor do que os produtos convencionais. É o tipo de compra que não pesa tanto no bolso, e a relação custo/benefício é muito satisfatória.

Gradiente lança no Brasil os fones de headset MPG 3F-T

by

Da linha Home Entertainment, a marca Gradiente lança o modelo MPG 3F-T, fone de ouvido com microfone móvel. O modelo está disponível nas cores branca com detalhe lateral vermelho, branca com detalhe rosa, preta com detalhe verde e preta com detalhe laranja.

O fone possui adaptador com terminação em Y, ideal para chat online. Um plug de segurança desconecta o fone dos aparelhos em caso de movimento brusco. Compatível com equipamentos que tenham saída P2 de 3,5 mm (televisores, monitores, tablets, computadores, MP3 players e celulares). Preço sugerido: R$ 149,90.

Via Assessoria de Imprensa

Teclado Quick Fire Rapid e fone headset Sirus da CM Storm chegam ao Brasil, para a alegria dos gamers

by

A Cooler Master traz para o Brasil novos acessórios para os gamers mais exigentes. Desembarcam em nosso mercado o teclado Quick Fire Rapid, e o fone headset Sirus, ambos da CM Storm.

O teclado Quick Fire Rapid possui uma superfície revestida de borracha, melhorando a aderência, e suas teclas são marcadas a laser. O periférico possui teclas de atalho multimídia, e as teclas de atalho do Windows são desativadas durante o jogo. Além disso, o teclado conta com a tecnologia Cherry MX, que prolonga a vida útil das teclas, com um acionamento mais silencioso, além da tecnologia N Key Rollover, para um acionamento de múltiplas teclas ao mesmo tempo. Preço sugerido de R$ 280,00.

Já o headset Sirus possui sistema de som 5.1 canais, duplo conector USB com plug folhado em ouro e sistema On-The-Fly, para um maior controle das saídas de áudio. O fone vem com dois tipos de almofadas para os ouvidos, para um melhor conforto ao usuário durante as várias horas de uso, além de um microfone com indicador LED, botão para função mute e quatro caixas acústicas de cada lado. Você também pode ajustar o volume dos canais durante a partida de forma individual, sem precisar abrir um aplicativo de áudio para o ajuste. Preço sugerido de R$ 340,00.

via assessoria de imprensa

Logitech H600 e H800, novos fones headset sem fio para suas conversas

by

A Logitech adicionou ao seu catálogo de produtos dois novos fones headset caracterizados por contarem com tecnologia sem fio, sendo especialmente pensados para ser utilizados durante as chamadas de serviços VoIP. O H600 (foto acima), conta com recursos para redução de ruídos, microfone flexível, alcance de até 10 metros e bateria recarregável, com 6 horas de autonomia de uso. O modelo pode ser dobrado, para ser transportado de forma mais prática, além de um receptor USB bem pequeno, para ser o mais discreto possível. Preço de 59,99 euros, e já está disponível para reserva na página do fabricante.

Já o H800 pode ser utilizado pelo receptor USB para o PC ou notebook e também via Bluetooth, com o seu tablet ou smartphone. Também conta com bateria de até 6 horas de uso, redutor de ruído, microfone flexível e controles de áudio e recepção de chamadas no próprio headset (recurso também presente no H600). Preço: 99,99 euros.

via Logitech (H600 e H800)

Siga @oEduardoMoreira e @TargetHD, dê RT e concorra ao kit de produtos Leadership

by

ATENÇÃO! SORTEIO DE BRINDES NO TWITTER!

O QUE ESTÁ EM SORTEIO:

– kit de produtos Leadership, composto por mouse USB, mini teclado USB e fones headset Goldship.

AS REGRAS DESSA PROMOÇÃO:

1) para concorrer, o usuário deverá seguir os perfis no Twitter do TargetHD (@TargetHD) e do Eduardo Moreira (@oEduardoMoreira), e dar um “retweet” (ou RT) no link deste post, que automaticamente estará concorrendo.

ATENÇÃO! É PRECISO SEGUIR AS DUAS CONTAS NO TWITTER PARA ESTAR CONCORRENDO!

Os RTs podem ser dados até o dia 11 de julho, às 17 horas (Brasília). O sorteio acontece no dia 11 de julho, às 17 horas (Brasília), com o anúncio do vencedor no Twitter do TargetHD.
2) perfis fakes, de empresas, revistas, festivais, blogs, associações, times de futebol, políticos, lojas, ongs, usuários bloqueados por nós,
ou qualquer outro critério que considerarmos não válido ou de prática abusiva (segundo nossa avaliação) e/ou usuários que não falam a nossa língua (o bom português) estão automaticamente eliminados da promoção. Usuários que derem vários RTs em sequência, em um curto espaço de tempo, também poderão ser eliminados pela prática de SPAM.
3) perfis de moradores do exterior não estarão participando.
4) cada follower será associado a apenas um número aleatório. Basta dar um RT para participar.
5) usuários que derem unfollow durante a promoção estarão automaticamente desclassificados.
6) Um único número será sorteado, pelo site Random.org.
7) o usuário associado ao número sorteado será o vencedor, salvo:
a) se o sorteado fizer parte de qualquer coisa relacionada no item 2, seguimos para o próximo sorteado
b) o usuário vai receber uma DM (direct message, ou mensagem direta) e vamos anunciar publicamente o seu username no Twitter. Se ele não entrar em contato ou responder a mensagem em 48 horas, faremos um novo sorteio, com todos os inscritos, para dar chances iguais para os participantes.
c) se um grande problema fizer que nenhum dos dois primeiros sorteados seja válido, ou que nenhum deles responda à nossa
mensagem, faremos um novo sorteio em 5 dias, zerando todos os participantes.
7) O usuário vai nos informar seu endereço, e o brinde será despachado sem custos para o ganhador.

Fiquem ligados: a promoção começa no dia 04 de julho, a partir da publicação deste post, e se encerra no dia 11 de julho, às 17 horas (Brasília).

 

[filmadora digital] A Looxcie é uma câmera para você apoiar na orelha, para filmagens mais realistaas

by

Filmadoras digitais, nós temos várias. Mas esta aqui tem um design bem diferente, e já imaginamos o que algumas mentes podem fazer com uma filmadora como essas. A Looxcie é uma filmadora de orelha desenvolvida pela Artiman Ventures, que tem este design diferenciado, que lembra bastante um fone de ouvido com microfone, mas que pode gravar vídeos curtos que podem ser compartilhados imediatamente na internet, tanto no YouTube, como para as demais redes sociais, graças a um aplicativo de conectividade móvel integrado no pequeno gadget. Simples, prático e rápido. Para capturar o momento que você quiser, tudo o que você precisa fazer é clicar o botão de gravação instantânea para capturar 30 segundos de vídeo. A Looxcie também atua como fone headset Bluetooth, e permite que o usuário também possa receber chamadas enquanto você grava os seus filmes (se bem que nada se fala se isso pode afetar na qualidade das gravações). Preço: US$ 199.

Fonte

[periféricos] LG lança fone headset Bluetooth HBM-810, alimentado por energia solar

by

O novo fone headset Bluetooth da LG, o HBM-810 já está disponível para os usuários da operadora T-Mobile nos Estados Unidos, por um preço de US$ 99,99. Este fone tem como especial novidade a sua base de carga alimentada por energia solar, tornando o produto ecologicamente correto (e, para quem ainda não sabe, este é um filão de mercado que está crescendo potencialmente). Ele conta com dois microfones, sistema de redução de ruídos e cancelamento de eco, além de ter autonomia de bateria para até 5 horas de conversação e 150 horas em standby. Além disso, o que torna o LG HBM-810 um produto de destaque é o seu suporte a conectividade multi ponto, podendo assim conectar dois aparelhos simultaneamente, além de contar com discagem por voz, identificação de chamadas por voz e suporte A2DP. Resumindo: leve, compacto, competente e eficiente em termos de energia. Um produto que chega ao mercado disposto a conquistar consumidores.

Fonte

[E3 2010] Razer mostra seus periféricos Starcraft II para gamers

by

E eis que aparecem os periféricos Starcraft II, que a Razer vinha mencionando nos últimos meses. Na família de produtos com atraentes LEDs azuis, se encontra o teclado Marauder, o mouse Spectre e fones de ouvido Banshee. E já que são periféricos para os gamers, não podemos deixar de citar que o teclado conta com tempo de resposta de 1ms, o mouse conta com resolução de 5.600 dpi, e o microfone headset é desmontável. Preços: US$ 80 para o mouse Spectre e US$ 120 para o teclado Marauder e para o headset Banshee (cada um). Deve ser lançado nos próximos meses, a tempo do lançamento do Starcraft II.

Fonte

[Dicas de Compras] Fone de ouvido headset LifeChat LX-3000 da Microsoft

by

Muita gente me pergunta qual que seria o microfone (ou fone headset) ideal para gravação de podcasts ou conversas via Skype. Eu procuro dizer que isso é bem relativo: já usei microfones que custam R$ 10 que funcionaram muito melhor do que headets bem mais caros. Além disso, você precisa ter um computador com drives de som devidamente instalados e atualizados para um melhor desempenho. Mas, levando-se em conta que você tenha tudo isso, o LifeChat LX-3000 da Microsoft é uma das boas opções que temos no mercado.

O diferencial deste headset da Microsoft é que ele usa conexão USB, o que garante uma qualidade de áudio digital, sendo optimizado para utilização plug-and-play. Está voltado para utilização com o Windows Live Messenger com os recursos de Easy Audio Switching e Windows Live Call Button, mas funciona muito bem com o Skype, tendo uma qualidade de som muito boa para conversações, e sem o risco das interferências que o plug P2 convencional pode ter. Muitos dos podcasters nacionais que gravam via Skype (ou não) utilizam este fone, logo, é uma dica para quem quer ingressar no mundo do podcast, ou para quem só quer garantir que vai ser compreendido bem do outro lado da chamada.