Arquivo para a tag: Flash

Paparazzo Light coloca um flash no estilo old-school para o seu iPhone

by

Fotos antigas das estrelas de Hollywood mostram fotógrafos com os seus grandes e antigos flashes montados em suas câmeras. E agora, você pode fazer o mesmo com o seu iPhone, e ter o mesmo glamour do passado.

O Paparazzo Litht é uma espécie de versão miniaturizada dos flashes adaptados. O coração do seu LED de 300 lumens pode atuar como elemento para adição de brilho total para as fotos com baixa luminosidade. Também pode ser utilizado para filmagens em ambientes com baixa luminosidade.

Uma das vantagens do acessório que está em fase arrecadação de fundos na Kickstarter é que ele possui a sua própria bateria, não drenando a bateria do seu smartphone. O custo do produto para o modelo na cor preta é de US$ 45, mas se você deseja algo mais autêntico, a versão cromada custa US$ 55.

No momento, o Paparazzo (nome sugestivo esse…) é compatível com o iPhone 4/4S, mas eles já planejam torná-lo compatível com o iPhone 5. A data prevista para que as primeiras unidades do produto comecem a ser enviadas (segundo a campanha publicada na Kickstarter) é para janeiro de 2013. Isso é, se eles conseguirem alcançar as metas de vendas.

Novidades do Google: Código fonte do Jelly Bean disponível, e Google Chrome com multimídia sem Flash

by

Duas notícias importantes sobre o Google para esta terça-feira. A primeira delas se refere ao Android 4.1 Jelly Bean. O Google publicou hoje (10/07) o código fonte da última versão do seu sistema operacional, permitindo assim aos desenvolvedores o download imediato para compilação, adaptação e desenvolvimento de aplicativos para os dispositivos que já contam com o sistema operacional móvel (até o momento o Nexus 7 e o Galaxy Nexus). Também foi informado que os códigos binários do Jelly Bean para o Nexus S e Motorola Xoom estarão disponíveis em breve.

A disponibilidade do código fonte indica que fabricantes e desenvolvedores de mods (como o pessoal do CyanogenMod) poderão trabalhar em suas versões do sistema operacional a partir de hoje, permitindo que os usuários mais corajosos instalem os mods do Jelly Bean em aparelhos que originalmente não vão receber a mais recente versão do sistema operacional (como o Galaxy S II) em breve.

A segunda notícia está ligada ao navegador do Google, o Chrome. Ainda que para muitas pessoas o uso de uma webcam com o navegador não represente algo muito importante, a realidade é que a tecnologia que permite a exibição de vídeos em um PC conectado à Internet está mudando rapidamente. E a nova versão do Chrome é uma amostra disso.

Na demonstração da versão beta do novo Google Chrome, graças a uma integração do padrão WebRTC, já não é necessário ter um plugin como o Flash instalado para obter acesso à webcam e microfone. A API de vídeo (getUserMedia) desenvolvida pelo Google permite o uso de filtros CSS e WebGL para aplicar modificações e efeitos ao vivo nos vídeos transmitidos.

E essa não é a única novidade. O novo software inclui ainda uma API JavaScript para joysticks, que permite uma interação dos usuários de forma mais cômoda e natural com os seus jogos. O melhor de tudo é que já é possível fazer o download da versão beta do navegador, para que você possa testar por sua conta e risco (ou seja, certamente está sujeita a bugs e imperfeições; pense bem antes de instalar o software).

Via Google (link 01 e link 02)

Adobe anuncia a retirada do Flash para Android a partir de 15 de agosto

by

Se ainda não estava claro, agora está. A Adobe quer relembrar para todos que o Flash deixará de estar disponível para o Android. Basicamente, o plugin que está disponível na Play Store desaparecerá a partir do dia 15 de agosto, já que segundo o próprio desenvolvedor, os processos de certificação exigidos para a implementação em cada dispositivo requer testes extensos, que devem ser coordenados com cada um dos fabricantes.

É evidente que isso não acontece sempre, e dispositivos sem a devida certificação chegam ao mercado, correndo o risco de serem incompatíveis com o complemento Flash disponível na loja do Google. Mas isso não vai voltar a acontecer, já que o novo Android 4.1 não oferece tais certificações.

Ainda que a Adobe não tenha dito de forma clara que o Flash vai deixar de funcionar nos equipamentos Android, é de se esperar que ele não esteja mais disponível para download, e que inclusive um “comportamento imprevisível” aconteça nos smartphones com Flash e Android 4.0 que forem atualizados para o Jelly Bean. As atualizações de segurança e outro tipo de parches seguem disponíveis nas versões atuais, mas todos aqueles novos dispositivos, como o Nexus 7 por exemplo, começam sua jornada sem o famoso complemento web.

Via Adobe

A versão Metro do Internet Explorer 10 no Windows 8 permitirá o uso do Flash em casos específicos

by

Se suponha que o Internet Explorer 10 no Metro não permitiria o uso do Flash, mas por algum motivo as coisas não são assim tão simples. Talvez por causa das reclamações dos usuários, empresas e desenvolvedores, a Microsoft mudou um pouco a sua postura, uma vez que as novas “builds” do Windows 8 funcionam com o Flash, mas em casos muito específicos.

Ao que parece, apenas os sites de total confiança, e que fecharam acordos prévios com a Microsoft poderão usar o Flash, como no caso da Disney. Tal medida foi pensada para evitar problemas com aquelas páginas que não podem usar o HTML5 para todos os seus conteúdos, porque seria especialmente caro ou complicado.

Esta informação não foi confirmada pela Microsoft, mas certamente receberemos mais informações durante o lançamento do Release Preview do Windows 8, programado para o mês de junho. Rumores dão conta que o Flash no IE do Metro não funcionaria como um simples plugin, mas sim como uma parte mais interna do navegador.

Outra coisa bem diferente será o uso do Flash com o Windows 8 RT. A Adobe pode simplesmente não estar interessada em oferecer suporte para o Flash em dispositivos ARM com Windows, de modo que pouco serviria qualquer acordo ou exceção feita pela Microsoft.

Via Within Windows

Desenvolveram um flash LED com uma luz de mais de 40 watts de potência

by

O mundo da telefonia móvel avançou bastante, mas algumas coisas ainda precisam se adaptar aos novos tempos. Por exemplo: com câmeras cada vez mais potentes e sensores melhores, os flashes dos nossos smartphones são básicos, e só estão lá para iluminar fotos em curta distância. Pensando nisso, a empresa STMicroelectronics desenvolveu um poderoso flash LED que oferece uma luz de mais de 40 watts de potência, prometendo fazer a alegria dos fotógrafos mobile.

Com esse novo flash, o sensor será capaz de absorver mais luz, reduzindo o tempo de exposição, oferecendo fotos de maior qualidade. O novo flash foi bateizado como STCF04, e conta com até oito modos diferentes, segundo as diferentes condições de luz e o tipo de foto. Os fabricantes poderão incorporar aos seus smartphones esse novo flash LED a partir desse ano de 2012, mas sem data definida para o início das entregas.

Via Computerworld

[gps] Navegação GPS no Android, em edição X-Wing

by

Já inventaram um GPS com a voz de Darth Vader, mas isso parece não ser o bastante. Afinal de contas, você pode aumentar a imersão na sua nerdice, colocando um autêntico sistema de navegação GPS no estilo X-Wing.

Pensando dessa forma, o programador em Flash Christoper Caleb, que depois de muitas horas de programação em Adobe Air para Android, chegou a este resultado que você vê acima. É claro que isso tem o seu preço: neste sistema, você não tem os pontos de interesse ou mapas diferentes, mas, ao menos você vai chegar ao seu destino com todos os ruídos e coordenadas estelares que você sempre sonhou. E com direito a alguns bips do R2-D2. Vídeo abaixo.

Fonte

[notícias] Enquanto a Adobe defende o Flash, a ARM a culpa pelo atraso nos seus produtos

by

E a polêmica continua. O diretor técnico da Adobe, Kevin Lynch, não perdeu a oportunidade para afirmar em um evento em San Francisco, que a Adobe “vai se esforçar para desenvolver as melhores ferramentas para HTML5”. Quando perguntado sobre os conflitos entre Adobe, Apple e Microsoft, Kevin comento que “não se trata de uma guerra entre HTML5 e Flash, uma vez que as duas plataformas coexistiram durante uma década”. Lynch afirma que o problema está no fato de que o pessoal de Cupertino planeja forçar os desenvolvedores a programar de forma nativa no iPhone OS, e não em plataformas outras, como o Flash.

Por outro lada, a ARM é mais uma que entra na lista dos descontentes com o Flash, e culpa a Adobe pelo atraso no lançamento de netbooks e smartbooks com processador ARM. Segundo a ZDNet UK, Ian Drew, da ARM, afirmou que o Flash segue sem optimização para o ARM, e o por esse motivo, eles não conseguiram fabricar os produtos a tempo. Vale lembrar que a Adobe e a ARM fecharam um acordo no final de 2008 para o desenvolvimento do Flash 10.0 optimizado para o seu sistema. É, chapa esquentando para a Adobe. E por todos os lados.

Fonte

Fonte

Adobe: Flash 10.1 para Android chegará em junho

by

Apesar de tantas porradas levadas da Apple, Microsoft e Google, a Adobe continua apostando firme na plataforma Flash, mas dessa vez no Android. O diretor da empresa, Kevin Lynch, afirmou que eles vão lançar o player Flash 10.1 para a plataforma do Google em versão beta pública na conferência do Google em maio, e em versão final em junho. Com isso, já sabemos que a nova versão do Android (2.2, Froyo), suportará de forma nativa o Flash, e tudo indica que o Google vai sim aproveitar a conferência para apresentar a plataforma. Bom, isso é uma teoria, mas quem viver, verá.

Fonte

Para a Microsoft, o futuro da web é o HTML5

by

Curiosos aliados começam a surgir no mundo da tecnologia. Não faz muito tempo que o Google disparou contra o Flash, e agora, a Microsoft também faz coro contra a plataforma da Adobe. O inesperado aliado apareceu pelas declarações de Dean Hachamovich, gerente do Internet Explorer, que fez declarações sobre a polêmica carta aberta de Steve Jobs, que explica os motivos pelos quais a Apple renunciou o Flash em favor do HTML5.

Hachmanovitch repete uma das máximas de Jobs “segurança e rendimento”, e faz alusões que o Flash não é tão elevado como a Microsoft desejava. Porém, o diretor da Microsoft não concorda com todos os pontos de vista de Jobs, descrevendo que o Flash é sim uma boa experiência para o consumidor na web, apesar dos pesares. Com tudo isso, a Adobe tem sérios motivos para se preocupar.

Fonte

[tablet pc] Ezy tablet PC vem com Windows 7 e algumas coisas a mais

by

Mais um aspirante a nova sensação do mercado de tablet PCs. O seu nome é Ezy, tem nacionalidade asiática e suas características e preço poderiam ser argumentos mais do que suficientes para que ele tenha seus cinco minutos de fama.

Ele se parece um bocado com o Slate da HP, ainda que sua tela multitouch mede 10,2″ diagonais, e alcança uma resolução de 1024 x 600. No seu interior, ele abriga um processador Atom N270, processador Intel 950, 2 GB de RAM DDR e 250 GB de armazenamento SATA. Entre seus extras, encontraremos uma webcam, reprodução em Flash, 3 portas USB, saída VGA, leitor de cartões 5 em 1 e sistema operacional Windows 7 (ou Vista, mas quem vai querer o Vista ainda?). Chega ao mercado no mês que vem, com um preço inicial de US$ 679.

Fonte

[player multimídia] O Qualcomm 7×30 chega ao mercado em 2010, com jogos 3D e recursos multimídia

by

O produto conta com uma CPU Qualcomm Snapdragon, acompanha uma saída HDMI e permite uma capacidade de reproduzir vídeos a 720p, tanto na sua própria tela quanto conectado a uma HDTV. Também é capaz de executar jogos em 3D de forma bem fluída, assim como a reprodução de vídeos do YouTube, usando Flash 10.1, ainda que o que realmente chama a atenção seja o seu navegador de imagens da Scalado, que permite que se visualize até 1000 imagens ao mesmo tempo, lançar zoom em cada uma delas, ordenar por nome, cor e outros atributos. Confira os vídeos abaixo para ver mais do produto.

Fonte

[periféricos] SanDisk G3 disponível na Europa e nos Estados Unidos, para os amantes da velocidade SSD

by

A SanDisk anunciou o lançamento de suas unidades G3 de 60 e 120 GB na Europa e Estados Unidos. Os dois modelos prometem taxas de transferência de 220 MB/s para leitura, e até 120 MB/s para gravação, e compatibilidade com a função TRIM do Windows 7, para se obter o melhor rendimento do seu equipamento. Nos EUA, está com preços de US$ 229,99 e US$ 399,99 respectivamente, e está à venda na loja online da SanDisk.

Fonte

MWC 2010 | Adobe sem flash no Windows Mobile 7, mas com Adobe AIR no Android #mwc2010

by

Duas novidades da Adobe direto de Barcelona, na Mobile World Congress 2010.

Bom, a Microsoft anunciou mesmo o Windows Phone 7 (veremos mais dele daqui a pouco aqui no blog). A Adobe meio que colocou água no chope da empresa de Bill Gates, confirmando que o Windows 7 não vai suportar a plataforma Flash, pelo menos neste estágio inicial de lançamento. A única versão disponível é a 6.5.3., que possui suporte à Flash 10.1 beta, mas não temos nada confirmado, nem por parte da Adobe sobre esta tal atualização (fonte: PhoneScoop).

Mas, para os felizes proprietários do sistema Android, temos boas novidades vindas de Barcelona. A plataforma Adobe AIR e a versão 10.1 do Flash chegam aos aparelhos do sistema operacional do Google, justamente por se tratar de uma plataforma aberta para desenvolvimento de aplicativos e jogos. A Adobe anunciou que a plataforma AIR vai chegar aos poucos em outras plataformas como Symbian, BlackBerry OS e Windows Mobile. A previsão é que mais de 250 milhões de smartphones desfrutem desta possibilidade no ano de 2012.

Fonte

[tablet pc] Joojoo tablet já está sendo fabricado, e oferecerá suporte completo para Flash

by

Se tem alguma coisa que podemos dizer sobre o pessoal da Fusion Garage é que eles não tem medo. Enquanto que a empresa fabricante do tablet Joojoo segue com problemas legais contra o TechCrunch, eles possuem a valentia de anunciar que seu aparelho compete diretamente com o iPad da Apple, e dizem até que é melhor!

Chandra Rathakrishna, CEO da Fusion Garage, confirmou que já estão fabricando o controvérsio tablet, e esperam que o produto saia para as vendas ainda no final deste mês. O dispositivo ofereceria suporte para Flash logo de cara, e para o Flash HD, quando a versão 10.1 do software da Adobe estiver disponível. Por enquanto, para rodar os vídeos do YouTube HD, eles usam um plugin que permite utilizar a aceleração da GPU.

Se estas informações não são suficientes para você, adicione o fato de que eles possuem “uma loja online maior do que a App Store da Apple, porque temos toda a internet”. Audaciosos eles, não? Além disso, ele pode rodar vídeos a 16:9 (720p). Bom, faça a sua escolha. Joojoo ou iPad? Você decide!

Fonte

[tablet pc] ExoPC Slate tablet PC: o meio termo entre o iPad e um netbook

by

Não tinha como evitar a comparação, e a gente sabe que este tablet multitouch de 8,9″ lembra muito aquele que foi lançado na semana passada, que é o assunto da semana, que todo mundo fala nele… enfim..

De qualquer modo, o modelo da ExoPC conta com um navegador com suporte à Flash e Windows 7 instalado, rodando com um processador Atom N270, de 1.6 GHz. Suas configurações se completam com 2 GB de RAM, 32 GB de SSD e um slot para cartões SD. Tem uma autonomia de quatro horas, e preço em torno dos US$ 599. Sua data de lançamento será no mês de março.

Fonte

[smartphone] O Nexus One nos mostra seu Flash 10.1 beta… e cuidado com o que você deseja (com vídeo)

by

Como você já sabe, o beta do Flash 10.1 está prestes a ser lançado, e provavelmente você já está sonhando com um certo smartphone chamado Nexus One, que foi apresentado oficialmente pelo Google ontem. A Adobe também aproveitou este lançamento para colocar um de seus funcionários diante das câmeras para mostrar ao mundo sua nova criação. Curioso? Confira então o vídeo abaixo e veja como se comporta o novo Flash Player com o recém lançado superphone.

Fonte

[sistema operacional] Sugar On A Stick OS volta, mais ousado do que nunca (com vídeo)

by

Era questão de tempo que a Sugar On A Stick, já sem a OLPC, se tornasse uma realidade. Hoje, ele aparece para apresentar o Blueberry, uma substituta da Strawberry que não deixa nada a desejar. O renovado sistema operacional se baseia agora no Fedora 12 e no Sugar.86, adicionando o Gnash para a compatibilidade com Flash e um nutrido grupo de aplicativos para seu deleite pessoal. Além disso, ele incorpora o novo Open Office 4 Kids, uma versão mais básica da suíte de aplicativos de escritório, que serve para você digitar textos rápidos. Se você está pensando informatizar as crianças de sua casa sem danificar seu PC de forma definitiva, estes módicos 589 MB podem te ajudar, com certeza.

Fonte