Arquivo para a tag: facebook lite

Funcionários do Facebook vão navegar na internet via 2G uma vez por semana

by

facebook-camiseta

O Facebook concluiu que a melhor forma de entender quais são os problemas dos usuários com conexão lenta na hora de acessar o seu aplicativo é se colocando na pele deles. Por isso, eles lançaram uma iniciativa chamada 2G Tuesdays, onde os funcionários da empresa vão utilizar o aplicativo da rede social com conexões lentas todas as terças-feiras.

O Facebook quer ser capaz de levar a internet para todo o planeta, mas o seu aplicativo Facebook Lite ainda deixa muito a desejar. Por isso, investe tempo e dinheiro para que o mesmo se ajuste, fazendo com que a sua equipe de desenvolvimento viaje para países como a Índia, trabalhando com conexões muito lentas para fazer melhor o seu trabalho.

Mas com os demais funcionários que não trabalham nesse aplicativo, esse tipo de viagem é inviável. Logo, o Facebook estabelece o 2G Tuesdays para que todos os seus funcionários experimentem por uma hora como milhões de pessoas usam o serviço todos os dias. Com isso, o Facebook espera poder se aproximar desses usuários, oferecendo um produto melhor.

Via Business Insider

Facebook Lite, versão pensada nos Androids de entrada e países com fraca conexão de internet

by

650_1000_facebook-lite

De forma discreta, o Facebook apresenta o aplicativo Facebook Lite, bem mais leve que o programa oficial (e mais fácil de ser baixado por conexões lentas, pois conta com 1 MB de espaço) e muito mais simples, já que é pensado nos smartphones Android de entrada. A carga gráfica é mínima para que ele seja funcional em locais onde a conexão móvel é mais lenta por diversos fatores.

Faz algum tempo que a empresa de Mark Zuckerberg está tentando limpar o aplicativo principal, removendo algumas funcionalidades e destinando à outras aplicativos próprios. Porém, o Facebook Lite pode aumentar a expansão da rede social, em países onde a internet não é lá essas coisas.

O Facebook Lite inclui apenas as principais funcionalidades e as mensagens privadas. Já fizeram isso no passado na versão web, e agora implementam a estratégia no segmento mobile. A má notícia é que, além de funcionar apenas com os modelos de entrada, o aplicativo estará disponível apenas em alguns países da África e Ásia. No Brasil, pelo menos por enquanto, teremos que seguir com a versão completa (e pesada) do aplicativo.

Via Facebook LiteTechCrunch