Arquivo para a tag: exynos 8890

Samsung Galaxy Note 7: Snapdragon 820 vs Exynos 8890

by

Samsung Galaxy Note 7 Snapdragon 820 vs Exynos 8890

O Samsung Galaxy Note 7 conta com duas versões, com processadores diferentes, sendo que uma é exclusiva para o mercado norte americano (com Qualcomm Snapdragon 820) e a outra é destinada para o mercado internacional (Samsung Exynos 8890).

Apesar dos dois chips serem muito potentes eles apresentam diferenças. Esse post tenta ilustrar essas diferenças.

 

Qual dos dois processadores é o mais potente?

Samsung Galaxy Note 7 Snapdragon 820 vs Exynos 8890 02

 

O PhoneArena publicou uma série de testes de desempenho, com resultados diferentes para diferentes benchmarks utilizados. Eles também utilizaram os modelos Galaxy S7 Edge e Galaxy Note 5 no comparativo.

Samsung Galaxy Note 7 Snapdragon 820 vs Exynos 8890 03

 

Nos testes com o AnTuTu e o Vellamo Metal, o Galaxy Note 7 com Snapdragon 820 venceu de forma clara o modelo com Exynos 8890, sendo que no segundo software o Exynos só foi melhor que o seu predecessor.

Com o Vellamo Browser e o JetSteam, a coisa muda de figura: a vitória clara fica com o modelo com Exynos no Vellamo Browser, mas no JetSteam essa diferença é menor.

Samsung Galaxy Note 7 Snapdragon 820 vs Exynos 8890 04

 

No GFXBench T-Rex HD on-screen, há um empate técnico, mas no GFXBench Manhattan o modelo com Snapdragon vence de forma clara.

Com o Basemark OS II, o Exynos fica um pouco na frente, enquanto que com o Geekbench 3 a coisa muda de figura, de acordo com o desempenho de um núcleo ou de vários.

Se pegamos o desempenho single core, o Galaxy Note 7 com Snapdragon 820 fica muito acima, enquanto que no teste multi core o Exynos vence de forma clara.

Vendo os benchmarks, concluímos que o desempenho das duas versões do Samsung Galaxy Note 7 é mais ou menos o mesmo, de modo que qualquer um deles acaba sendo uma boa opção.

Via PhoneArena

Galaxy S7 com problemas de excesso de calor?

by

Galaxy-S7-2

No ano passado, o processador Snapdragon 810 da Qualcomm teve sérios problemas de superaquecimento, algo que lhe custou ficar em um segundo plano, recebendo mais críticas do que elogios de especialistas e proprietários de alguns smartphones top de linha. Nesse ano, o fantasma do excesso de calor começa a assombrar o Samsung Galaxy S7.

Um teste com esse modelo baseado no processador Exynos 8890 (que é a versão que está disponível no mercado brasileiro) mostra que depois de 15 minutos de jogos de forma intensa, o smartphone perde aproximadamente 25% de desempenho, e sua temperatura sobe até os 38 graus. Esse cenário pode indicar claramente problemas de superaquecimento.

Apesar da temperatura citada não ser tão elevada, faz algum sentido pensar que quando detectamos um aumento da mesma e chega a um determinado limite, o próprio chip reduz a sua frequência de trabalho, evitando que o mesmo siga produzindo mais calor, e reduzindo em grande medida o seu desempenho.

Leve em conta que esse fenômeno só parece ocorrer com o Exynos 8890, um SoC fabricado em processo de 14 nanômetros FinFET LPP e que conta com uma CPU de oito nucleos. Por sua vez, o Snapdragon 829 tem uma CPU de quatro núcleos, também fabricado em 14 nanômetros, mas ao que parece a redução do número de núcleos parece ter acabado com os problemas de temperatura que sofria o seu antecessor.

calor-galaxy-s7

Vamos ficar atentos para novas informações sobre o assunto. Porém, é curioso ver como nem o sistema de resfriamento presente do Galaxy S7 foi suficiente para controlar o calor produzido pelo Exynos 8890. Também é preciso esperar por um posicionamento oficial da Samsung sobre o tema. Se é que a empresa vai se posicionar. Normalmente eles ficam calados em situações controversas como essa.

Via TweakTown

Suposto teste de desempenho do Galaxy S7 é flagrado no Geekbench

by

samsung-exynos

Os rumores sobre o Samsung Galaxy S7 continuam. O modelo pode chegar ao mundo no primeiro trimestre de 2016, com duas configurações: uma com o Exynos 8890 e outra, com o Snapdragon 820.

Um suposto vazamento de um teste de desempenho no Geekbench pode indicar que o Exynos 8890 contaria com um melhor desempenho de um modo geral. O chip seria um pouco mais débil no desempenho mono-núcleo, mas consegue um resultado simplesmente fantástico no desempenho multi-núcleo, superando todos os SoCs testados no comparativo, incluindo o A9X do iPad Pro da Apple.

geekbench-exynos8890

Dois pontos a serem observados. O primeiro é que os resultados não estão oficialmente confirmados, o que nos obriga a ter cautela ao ler esses números, já que os mesmos podem ser diferentes daqui a alguns meses. O segundo é que estamos diante de uma prova sintética, ou seja, que o rendimento real em um uso cotidiano pode ser diferente. Ou seja, um processador mais potente que o outro pode ter um pior desempenho por simples questões de otimização.

Via Neowin

Exynos 8890 vs Apple A9: como rendem esses SoCs

by

exynos

A Samsung está trabalhando no SoC Exynos 8890, um chip que deve estar presente no futuro Galaxy S7, cujo desempenho aproximado foi conhecido através de um vazamento na rede social chinesa Weibo.

O chip será extremamente potente, mantendo os oito núcleos divididos em dois módulos que utiliza o atual Exynos 7420, mas com uma frequência de 2.4 GHz e outras melhorias que conseguem aumentar o desempenho geral. O Geekbench mostra os primeiros resultados dessa SoC, que atingiu a marca de 2.304 pontos em desempenho mono-núcleo, e 8.038 pontos em desempenho multi-núcleo, números que comprovam essa potência toda.

Por outro lado, o A9 da Apple presente nos novos iPhone 6s alcança os 2.293 pontos em desempenho mono-núcleo, e 4.293 pontos em desempenho multi-núcleo. Fazendo uma comparação rápida, podemos ver que o SoC da Samsung é um pouco mais rápido do que o da Apple em desempenho mono-núcleo, enquanto que o desempenho multi-núcleo é aproximadamente 75% maior a favor dos coreanos.

Não resta dúvidas que o chip da Samsung será mais potente que o da Apple, mas devemos ter em mente que isso é absolutamente normal, já que na teoria o primeiro utiliza uma CPU de oito núcleos, e o segundo, apenas dois.

Via Neowin

Samsung Galaxy S7 com Exynos 8890 e Snapdragon 820

by

galaxy-s6-topo

O Samsung Galaxy S7 está a caminho, e se não tivermos surpresas até lá, ele será apresentado entre fevereiro e março de 2016. Os rumores começaram mais cedo esse ano, e chegam carregados de importantes mudanças que afetarão o SoC.

Muitos apostam em dois modelos do Galaxy S7, um com chip Exynos 8890 e outro com Snapdragon 820 MSM8996. Duas grandes plataformas de benchmarks – GeekBench e AnTuTu – servem como fontes dessa informação.

O GeekBench afirma que o nome de desenvolvimento do Galaxy S7 é ‘Project Lucky’ (já comentamos isso no blog) e o modelo inclui o processador Exynos 8890 octa-core, que poderiam ser os esperados Mongoose de 1.4 GHz, acompanhados de 4 GB de RAM com o sistema operacional Android 5.1.1 Lollipop. Obviamente, o modelo está em fase de testes, e é possível que essas informações estejam incompletas ou podem ser alteradas mais adiante.

Já o AnTuTu indica que um usuário da Weibo revelou que o dispositivo Lucky conta com tela de 5.7 polegadas (2K), gerenciado pelo processador Qualcomm Snapdragon 820, com a GPU Adreno 530. Também indicam que terá 4 GB de RAM, 64 GB de armazenamento (nesse modelo) e câmera de 16 megapixels.

Faltam aproximadamente seis meses para o lançamento do Galaxy S7, o que nos deixa muito tempo para receber mais informações. O que é surpreendente é o fato que, mesmo depois do bom trabalho do Exynos 7420, a Samsung queira voltar para a Qualcomm. Isso pode indicar que o Snapdragon 820 é realmente muito bom, a ponto de Samsung e Qualcomm se reaproximarem.

Via GSMArena