Arquivo para a tag: dicas de download

A bíblia do design dos aplicativos da Apple, grátis, em iBooks

by

biblia-do-design-apple-01

As Linhas Gerais de Design de Interface Humana para iOS (ou iOS Human Interface Guidelines) é um documento criado pela Apple que resume as suas normas e conselhos para desenvolver aplicativos no iPhone ou iPad. Até agora, essa informação só estava disponível no portal dos desenvolvedores. Agora, ela está no iBooks.

O documento de mais de 340 páginas não cita apenas recomendações estéticas ou de cores. Também dá conselhos muito valiosos sobre tipografia, tamanho e disposição de textos, ou sobre o funcionamento da interface.

Esse pode parecer apenas um livro para programadores de aplicativos, mas para os mais interessados, pode ser também um passeio fascinante para qualquer interessado em design, sobre como e por que os aplicativos que utilizamos funcionam dessa maneira. Um exemplo disso é a frase: “Não peça ao usuário que reinicie o seu equipamento depois de instalar um aplicativo. Isso consome tempo, e dá a sensação que o seu aplicativo é pouco confiável ou difícil de usar”.

Para fazer o download gratuito da bíblia de design da Apple, basta clicar aqui.

Via SlashGear

Microsoft lança aplicativo de desktop remoto para iOS e Android (Windwos Phone vai ter que esperar)

by

screen568x568

Se você tem um computador com Windows em casa ou no escritório, e precisa de forma ocasional acessar o seu conteúdo de forma remota, esse post é para você. A Microsoft disponibilizou um aplicativo para acesso remoto ao desktop, que funciona nas plataformas Android e iOS.

Como é de se imaginar, controlar todo o computador a partir da tela do smartphone não é algo que podemos chamar de “simples” (é melhor você usar um tablet para isso), mas a capacidade de acessar o seu computador virtualmente a partir de qualquer lugar do planeta não tem preço, principalmente para os usuários empresariais. Mas… fica uma pergunta: Por que o Windows Phone ficou de fora dessa primeira oferta do aplicativo?

Segundo o The Next Web, a Microsoft ainda está trabalhando na versão do Windows Phone para o seu Remote Desktop. Se o software chegou antes para os seus rivais, é porque recentemente a gigante de Redmond comprou a HLW Software, uma empresa que já desenvolvia esse tipo de software para as plataformas Android e iOS, o que tornou possível o seu lançamento antecipado nos produtos com os sistemas operacionais da Google e da Apple.

screen568x568 (1)

Por enquanto, a Microsoft não revela uma data de lançamento da versão do Windows Phone para o recurso, mas deve compartilhar essa informação “mais adiante”. Enquanto isso, os usuários do iOS e Android podem fazer o download do Remote Desktop nas suas respectivas lojas de aplicativos, na iTunes Store e na Google Play Store.

Via The Next Web

FIFA 14 está disponível para download gratuito para iOS e Android

by

fifa-14-ios-android

Um dos jogos esportivos mais esperados dos últimos tempos, FIFA 14, já está disponível para dispositivos das plataformas iOS e Android. A melhor parte? Para os dois sistemas, o jogo é gratuito, tal como já acontece com Madden 25.

A estratégia da EA dessa vez é muito diferente daquela adotada com FIFA 13, que era um game pago para as plataformas móveis. Dessa vez, eles esperam lucrar com os jogos através da venda de conteúdos complementares dentro do próprio aplicativo, como por exemplo, com diferentes modos de jogo.

Se o seu smartphone ou tablet ainda tiver algum espaço livre, e você pretende instalar o FIFA 14 nele, saiba que o download desse game vai exigir um pouco mais de 1 GB de armazenamento interno, seja o download feito pela App Store ou pela Google Play.

Download App Store
Download Google Play

INdT lança o game Get the Parachute para Windows Phone

by

get-the-parachute get-the-parachute-02

O Instituto Nokia de Tecnologia (INdT) lança mais um jogo com perspectivas de sucesso. Publicado globalmente em janeiro desse ano, o Get the Parachute já conta com mais de 70 mil downloads. O game é gratuito e está disponível para usuários de Windows Phone.

No game, o jogador precisa ajudar um gato paraquedista, que caiu de um avião sem seu paraquedas. O felino possui apenas 30 segundos para conseguir alcançá-lo em queda livre. Durante a descida, vários pássaros tentarão impedir que o gato alcance o seu objetivo. Para desviar desses obstáculos, o jogador precisa utilizar o acelerômetro do celular movendo-o para a esquerda ou direita. Além disso, o usuário pode acelerar a velocidade da queda com toques na tela do aparelho. Ao todo, a versão traz 10 fases para serem destravadas. Uma versão contendo mais níveis de dificuldade está sendo criada e em breve estará disponível para download.

get-the-parachute-03 get-the-parachute-02

Download: 

– Get the Parachute para Windows Phone

Conheça o RetroArch, o emulador de jogos clássicos para Android

by

retroarch

O RetroArch é um daqueles aplicativos que é obrigatório para o seu tablet e smartphone, pois sua ideia é simplesmente espetacular. Ele basicamente transforma o seu smartphone ou tablet Android na máquina de jogos retrô dos seus sonhos, ou o “emulador dos emuladores”. Ele não só transforma o seu dispositivo em um emulador, mas sim em um sistema de entretenimento multiconsole.

O que o aplicativo faz é algo bem simples: em um único aplicativo, você pode rodar vários emuladores diferentes, para que você não precise desperdiçar espaço em seu dispositivo com vários emuladores, ou ter vários ícones na tela inicial do seu dispositivo. Desse modo, o RetroArch é a solução perfeita para quem quer rodas os jogos clássicos em seu smartphone ou tablet, tendo todos os consoles centralizados e ordenados.

A lista de consoles suportados é ampla, e mesmo que você não encontre os consoles mais novos, você vai ter diversão garantida por horas com os consoles listados abaixo:

– PlayStation 1 – PCSX ReARMed
– Super Nintendo – SNES9x Next
– NES, com o FCEUmm ou Nestopia
– GameBoy/GameBoy Color – Gambatte
– GameBoy Advance – VBA Next
– Máquinas arcade – Final Burn Alpha
– Neo Geo Pocket Color – Mednafen NGP
– Virtual Boy – Mednafen VB
– Mega Drive, Master System, Game Gear e Sega CD – Genesis Plus GX
– PC Engine e PC Engine CD – Mednafen PCE Fast
– WonderSwan Color – Mednafen Wonderswan
– Cave Story – NX Engine
– Doom 1, Doom 2, Ultimate Doom e Final Doom – prBoom

RetroArch-Genesis-Plus-GX

Como você pode ver, o volume de consoles suportados não é nada depreciável. É claro que você vai ter que fazer o download de um ou outro emulador que não está listado, como é o caso do Nintendo 64, mas de qualquer forma, a sua missão está bem facilitada com esse aplicativo. Para que os jogos funcionem nos emuladores, basta você buscar a respectiva ROM na internet, e colocar em uma pasta no smartphone (no cartão microSD, de preferência). Aí, é só iniciar o aplicativo, buscar a ROM e pronto. A única limitação aparente está nos jogos do PlayStation, onde é preciso fazer o ajuste da BIOS ao dispositivo.

Outro benefício do RetroArch é que ele suporta controles via USB ou Bluetooth, e quando jogamos com um controle externo, é possível ocultar os controles da tela, de modo que você vai contar com uma tela livre para visualização do jogo. E o que é melhor: o aplicativo é gratuito, sem nenhum tipo de propaganda vinculada ao serviço.

Download: 

RetroArch for Android

A Mobilidade e o Futuro, com o Taxibeat

by

O mundo cada vez mais roda à volta da tecnologia e também está cada vez mais dependente do que a tecnologia pode fazer por nós. Ter a facilidade de a partir do seu telefone, tablet ou computador poder acessar à todas as informações, aplicativos úteis, noticias e muito mais. Vamos dar uma olhada em detalhes por este mundo maravilhoso da tecnologia.

Quem diria há dez anos atrás que poderíamos acessar nossa conta bancária, encomendar refeições por delivery, marcar consultas médicas e muitas outras coisas apenas com meia dúzia de toques no seu celular? Um novo mundo está à sua espera, um mundo de maior comodidade e facilidades em ter em pouco tempo e sem qualquer esforço tudo o que precisamos. Por exemplo; já pensou em chamar um táxi pela internet? Pois hoje é possível, com o novo aplicativo para chamar taxi, você pode chamar o seu táxi no conforto de um sofá ou assim que encerrar o seu dia de trabalho, ou no fim de um passeio, ou quando quiser. O Taxibeat foi criado para garantir a facilidade de chamar um táxi sem ter de ficar na rua gritando e lutando por um táxi livre.

Você pode escolher o mais o motorista melhor avaliado, o melhor carro disponível, com quantos lugares precisar, ou mesmo o que demore menos tempo para chegar até você, caso você esteja com muita pressa. Este aplicativo de taxi veio revolucionar a realidade desta profissão, para o motorista e para o usuário: com ele, você pode acompanhar o percurso do táxi que está em direção a você, sabendo assim em tempo real, quanto tempo você vai levar para chegar ao seu destino, e pode no final avaliar o desempenho e todas as características do táxi que prestou o serviço, tudo à distância de um clique.

O aplicativo veio trazer uma grande mudança para os taxistas, que veem o seu trabalho aumentado e valorizado, já que as pessoas que usam seus serviços podem opinar e responder se o serviço é bom, seguro ou recomendável. Outro fator de grande valor para os taxistas é que  eles podem ver seus clientes aumentado e ter sempre trabalho, mesmo quando não tiverem tantos clientes pela forma convencional.

Como fazer o download: é fácil. Basta você acessar as respectivas lojas de aplicativos para Android e iOS (Apple), ou visitar o site do aplicativo e realizar o download para o seu dispositivo. A instalação é simples, com instruções fáceis e intuitivas, não sendo assim um problema para os usuários de smartphones.

Desfrute do Futuro da mobilidade!

iTunes 11 é lançado oficialmente, disponível para Mac OS X e Windows

by

Depois de muita espera, especulações e falatórios dos usuários nas redes sociais… a criança nasceu! Finalmente a Apple disponibilizou para os seus usuários dos sistemas Mac OS X e Windows o iTunes 11, o seu software de gerenciamento de dispositivos iOS (iPhone, iPod e iPad), além de ser o gerenciador de mídia e player multimídia oficial da empresa.

O produto tinha previsão para lançamento no mês de novembro, mas muitos esperavam que ele chegasse ao mercado junto com o lançamento do iPad Mini e do iPad de quarta geração (ou ao menos quando esses dois produtos chegassem ao mercado). Isso não aconteceu. A Apple adiou o lançamento para “adicionar melhorias e ajustes finos” na versão final do aplicativo, e só agora o software está disponível para download.

Entre as novidades implementadas pela Apple, o iTunes 11 traz como principal novidade um design completamente redesenhado do player multimídia, da biblioteca de mídia, entre outros elementos gráficos. Também está disponível um novo sistema de recomendação, além de uma exibição da loja de conteúdos redesenhada, mais amigável e mais próxima daquela que os usuários possuem hoje no iPad.

Também estão presentes uma maior integração com o iCloud e o iTubes Match, além de um novo recurso que salva o posicionamento do vídeo ou áudio book quando você pausa a execução em um dispositivo, permitindo que você retome a reprodução do mesmo ponto em outro dispositivo.

O novo iTunes 11 está disponível para download para OS X e Windows, e pode ser baixado automaticamente pelo aplicativo instalado no seu computador, ou na página de download da Apple.

Nokia Here para o iOS (iPhone/iPad) é lançado oficialmente

by

O aplicativo de mapas da Nokia, o Nokia Here, foi lançado oficialmente para os dispositivo compatíveis com a plataforma iOS (iPhone, iPad e iPod Touch). Não faz muito tempo que divulgamos aqui no blog que a empresa finlandesa estava preparando a sua solução de mapas para as plataformas móveis mais populares do mercado, e o lançamento em uma delas (coincidentemente aquela que o Google não está presente) aconteceu antes do que muitos esperavam.

O Nokia Here oferece aos dispositivos iOS a renovada solução de mapas da Navteq, além de representar mais um duro golpe ao Google Maps, que continua de fora de uma das plataformas mais utilizadas do mercado mobile. Entre as vantagens que o Nokia Here oferece, está o cache offline de mapas. O usuário pode fazer a pesquisa em um trajeto a ser percorrido, fazer o download desses mapas, e depois, fazer a navegação apenas com o GPS ligado, dispensando assim o uso das redes de dados, representando uma navegação mais ágil e uma maior economia no pacote de dados móveis.

Além disso, o Nokia Here conta com pontos de interesses com reviews da Lonely Planet, integração de links do Qype e outros serviços integrados. O serviço também conta com recursos de navegação para motoristas e pedestres, além de rotas de transportes públicos. É claro que alguns desses recursos não estão disponíveis para os usuários brasileiros nesse primeiro momento, mas é bom saber que temos uma alternativa aos serviços atuais. E melhor. De graça.

Para fazer o download do Nokia Here (compatível com o iOS 4.3 ou superior) para iPhone, iPad e iPod Touch, acesse a página de download no iTunes.

AUTALIZADO em 20/11/2012, 12h28: o Nokia Here mal foi lançado, e ele já está destruindo recordes na Apple App Store. Em apenas 15 minutos, ele saltou da posição #101 na lista dos mais baixados da loja de aplicativos da Apple para a posição #32. Como temos uma adoção de mais de 60% de usuários com o iOS 6.0.x (que foram obrigados a conviver com o Apple Maps até a data de hoje), é natural que a adoção do Nokia Here tenha sido mais rápida que a imaginada.

Em breve, passarei as primeiras impressões sobre o software no uso diário com o iPhone (com iOS 5.1.1, pois não queria perder o Google Maps).

Carmageddon para iOS é lançado: download grátis do jogo nas primeiras 24 horas (só hoje)

by

Hoje, 17 de outubro, a Stainless Games pegou muita gente de surpresa. Sem nenhum tipo de aviso prévio, foi lançado oficialmente a versão para iOS (iPhone, iPod Touch e iPad) do jogo Carmageddon na AppStore. O projeto foi resultado da campanha criada por eles na Kickstarter, e como forma de agradecimento pelo grande volume de contribuições que o jogo recebeu no site, eles oferecem o download gratuito do jogo nas primeiras 24 horas (ou seja, ao longo de todo o dia de hoje).

Carmageddon para iOS vem com todas as inovações que podemos esperar de um lançamento de game em 2012, mas mantendo a jogabilidade e o feeling que os amantes do jogo original agradecem. Eles também decidiram adaptar a dificuldade de alguns níveis iniciais, para facilitar a introdução ao jogo para aqueles que nunca ouviram falar em Carmageddon na vida.

Entre as novidades, vale a pena destacar que o game já conta com suporte para a resolução de tela do iPhone 5 e iPod Touch de quinta geração, sincronização de partidas salvas no iCloud e completa integração com o Game Center, com conquistas e tabela de pontuações. Também está disponível diversas opções de controle a escolher, para que a transição do controle físico para o controle sensível ao toque seja a menos traumática possível.

Deixando um pouco de lado a polêmica do tema do jogo em si (você ganha pontos por atropelar pessoas), o fato é que nada disso valeria a pena se o jogo não tivesse uma boa dose de diversão, como corridas alocadas, personagens carismáticos e um controle ajustado. O jogo vem com 28 oponentes, 11 cenários, modo carreira com 36 níveis, 30 carros jogáveis, que serão acessíveis mediante o seu progresso no jogos, ou através de compras adicionais.

E sangue. Muito sangue.

De novo: Carmageddon para iOS é gratuito apenas durante o dia de hoje, 17 de outubro de 2012 (os atrasados, que não venham reclamar depois). Seu lançamento para o Android deve acontecer no final de 2012, ou começo de 2013.

Para fazer o download de Carmageddon para iOS, clique aqui.

Firefox 4 lançado: conheça as suas principais novidades

by

Todos os grandes desenvolvedores de browsers para internet resolveram atualizar seus produtos. A Mozilla não quis ficar para trás, e lançou a nova versão do Firefox. O segundo navegador de internet mais usado do mundo chegou à sua versão 4, depois de quase dois anos de desenvolvimento. Abaixo, vamos ver as principais novidades desse novo navegador, que chega com o objetivo de recuperar terreno perdido para os adversários.

O novo navegador promete ser mais rápido na sua execução, carga de páginas e aplicativos, uma vez que usa o compiler JägerMonkey JIT e o suporte para reprodução de gráficos WebGL. Outra novidade é que a aceleração gráfica agora está disponível para os dispositivos Mac, graças ao OpenGL. Antes, ela estava presente apenas no Windows. Outra melhoria foi no suporte aos vídeos em Flash. Na prática, tudo foi feito para que o navegador tivesse um desempenho mais rápido como um todo, uma vez que uma das queixas dos usuários é que as últimas versões se tornaram pesadas, a ponto de causarem travamentos e consumo excessivo de memória do computador.

O design do Firefox 4 foi bem modificado, apostando em uma proposta de contar com textos no lugar de ícones para cada uma das funções. A tática foi adotada pelo Opera no passado, e pode facilitar a vida do usuário, uma vez é mais fácil identificar o comando de um navegador por texto do que por ícones. O sistema de abas também foi modificado, ficando agora acima da barra de endereços (URL), lembrando o que vemos no Google Chrome. Outro detalhe, é que em cada aba nova aberta, uma pequena animação é gerada, tornando a interface mais amigável. Além disso, temos como novidade o botão App Button, na parte superior do navegador, que oferece ao usuário um acesso rápido aos comandos do navegador.

O novo Firefox 4 conta com o motor HTML 5, o que o torna mais rápido na sua inicialização. O novo motor promete carregar as páginas web de forma mais rápida, principalmente as que possuem animações, vídeos e serviços online. As configurações de extensões do navegador foram remodeladas, agora, ficando todas em uma página com aparência semelhante à uma página web. A galeria de plugins ficou bem amigável e intuitiva, facilitando seu uso e configuração, inclusive dispensando a necessidade do internauta visitar o site de plugins da Mozilla para instalar seu recurso preferido.

Por fim, o Firefox 4 ainda conta com um melhor recurso de gerenciamento de addons e suporte à transições do CSS 3, além das novas App Tabs, que permite que o usuário armazene aplicativos na barra de abas, como e-mail e calendário. Ou seja, com tantas novidades, vale a pena ao menos fazer um teste do Firefox 4, para saber se ele pode concorrer com as novidades dos adversários.

Para fazer o download do Firefox 4, clique aqui.

O que o Google Chrome 11 pode lhe oferecer?

by

O Google Chrome é o navegador que mais “rouba” usuários de seus adversários na voraz batalha dos navegadores. E muito dessa conquista vem de sua velocidade para abertura de páginas e seus widgets que complementam o uso do navegador, permitindo um prático gerenciamento de e-mails, acesso às redes sociais e outros recursos de produtividade. Para manter o seu crescimento no mercado, é necessário trazer melhorias e novidades nas suas atualizações. E é isso que o Google busca no seu Google Chrome 11, que está na versão Dev (de Desenvolvimento).

Esta nova versão do Google Chrome promete novidades na sua velocidade de navegação e algumas modificações de design. Na verdade, o que o Google mais deseja com o Google Chrome é torná-lo o navegador mais rápido do mercado, uma vez que aquilo que os internautas mais anseiam na sua experiência de navegação na web é uma maior velocidade de abertura de páginas. Isso se obtém com uma combinação de um produto que tenha um mecanismo de abertura de arquivos mais eficiente, com um download de imagens mais ágil e compactado.

A promessa de uma navegação mais rápida se mostra nos números do Google Chrome 11. Segundo o Google, a nova versão é 66% mais rápida que a última versão, além de uma redução do uso da CPU em até 80%, oferecendo resultados imediatos no desempenho do aplicativo, além de uma economia de bateria no caso dos netbooks, uma vez que o novo Google Chrome vai exigir um menor uso de recursos da máquina.

Apesar de ser uma versão ainda em desenvolvimento, o Google Chrome 11 parece ser bem estável, o que pode ser interessante para os usuários mais receosos em testarem programas em estágio beta. Entre as novidades apresentadas, ele tem uma nova interface de configuração, que agora se apresenta como uma aba adicional, e não mais uma janela, facilitando a visualização dos itens para o usuário (em netbooks, o final dessa janela ficava oculto, deixando os botões OK e Cancelar abaixo da barra de tarefas do Windows, por exemplo). A tendência é que o Chrome passe a exibir suas funções e recursos como se fosse um processo a mais de navegação do usuário, deixando todo o processo o mais natural possível.

Outra novidade no Google Chrome 11 é a possibilidade de você salvar recursos do navegador na sua conta do Google, seguindo a tendência de integração de produtos e serviços da empresa. Agora, você pode salvar senhas, extensões, temas e outros aspectos do navegador, para que esses dados possam estar em diferentes navegadores de diferentes computadores. Ou seja, mudou de máquina? É só importar as informações e pronto.

Além disso, o Google Chrome 11 permite agora que você possa configurar de forma mais simples o idioma de exibição das páginas e o corretor ortográfico do navegador, permitindo que você adicione vários idiomas para serem exibidos e corrigidos. Você pode inclusive alterar o idioma do Google Chrome para aquele que for de sua preferência, lembrando que o navegador pode estar no idioma inglês, precisando que o usuário faça as devidas modificações manualmente.

Para você fazer o download do Google Chrome 11, clique aqui
.

BullZip PDF Printer é uma mão na roda para aqueles que querem imprimir qualquer tipo de documento

by

Pense na seguinte situação: você tem um projeto no Corel Draw, e seu cliente não possui o software. Você pode mandar um print-screen da tela para ele, mas essa não é a melhor solução. Outra hipótese: te mandam um contrato, e pedem para que você o devolva assinado, com urgência. Nos dias de hoje, contar com os Correios por causa de uma simples assinatura não é algo lá muito produtivo. Outra situação: você prepara o mídia kit do seu blog no Power Point, mas quer oferecê-lo no formato PDF para as agências e assessorias. Em todos os casos apresentados, a melhor solução é imprimir o documento no formato PDF, em seu próprio computador. E um dos programas que usamos para essas situações é o BullZip PDF Printer.

O programa cria uma impressora virtual no seu computador, que tem como principal propriedade converter qualquer tipo de arquivo ou documento no formato PDF, sendo muito prático para aqueles que precisam enviar documentos com rapidez, mas não querem utilizar o sistema de fax (quem ainda usa fax neste mundo?). Além disso, o formato PDF é seguro no que se refere à segurança dos documentos.

No caso do BullZip PDF Printer, seu diferencial é que ele deixa todo o processo de produção do PDF muito amigável, sem ter nenhuma diferença se comparado ao processo de impressão de qualquer outro documento. Basta o usuário configurar o PDF Printer como impressora a ser escolhida para a impressão, que o arquivo é gerado. Além disso, ele possui recursos para proteção de documentos através de senha e alteração de tamanho dos documentos gerados.

Na prática, qualquer coisa que possa ser impressa no seu computador é compatível com o BullZip PDF Printer, além de arquivos em formatos de imagem dos mais diversos. Enfim, uma ferramenta de produtividade indispensável para quem quer ter uma vantagem na hora de enviar arquivos por e-mail ou otimizar documentos para diversos fins.

Para fazer o download do BullZip PDF Printer, clique aqui.