Arquivo para a tag: cota de mercado android

Android 6 alcança os 10%, mas a fragmentação continua

by

fragmentação-do-android

A Android 6 Marshmallow, a última versão estável do sistema operacional da Google, superou a casa dos 10% de cota de mercado, oito meses depois do seu lançamento. Algo aceitável, levando em conta a lentidão das atualizações, mas que só reforça o principal problema da plataforma: a fragmentação.

As versões Lollipop (5.0 e 5.1) ganham terreno (35%), e finalmente superaram a KitKat 4.4 (31%), que dominava a plataforma Android a alguns meses. A Jelly Bean (4.1 a 4.3) mantém uma cota próxima aos 20%, e as versões mais antigas ficam com uma porcentagem residual.

Android6_2

A fragmentação do Android contrasta com a situação do seu rival direto, o iOS. Não tem comparação, mesmo com cenários totalmente distintos. A Apple controla absolutamente tudo relacionado ao iPhone, enquanto que o Android é sustentado por dezenas de fabricantes, com interfaces e aplicativos diferentes.

A Google segue na luta pela redução da fragmentação. Fontes internas revelam que a empresa estaria elaborando listas dos principais fabricantes de dispositivos Android, que seria ordenada em função de sua efetividade na hora de lançar atualizações do sistema. O objetivo aqui é avisar os usuários sobre o que esperar de um fabricante antes de comprar o dispositivo. Também haveria negociações com as operadoras para acelerar os processos de atualização.

Veremos o resultado disso nos próximos meses, uma vez que o Android N está a caminho, e deve ser publicado em outubro. Lembrando: você ainda pode utilizar ROMs personalizadas para manter seu dispositivo em dia.

Lollipop assume a liderança no Android

by

android-robot

A Google acaba de atualizar as suas estatísticas mensais das versões de Android por cota de mercado, e o cenário de fragmentação continua, apesar de alguns avanços serem registrados.

O principal destaque é que o Lollopop ultrapassou o KitKat, sendo agora a versão mais popular do Android. Na parte baixa, estão as versões do Froyo em diante (antes não se contabilizava essas versões quando ficavam com menos de 1%), incluindo o Gingerbread e Ice Cream Sandwich, que poderíamos dar como sistemas obsoletos, mas que alcançam 5% de cota. Na terceira posição é a Jelly Bean, com 22%.

A tendência nesse sentido não é de todo negativa, pois a grosso modo os usuários seguem utilizando as versões mais recentes do Android. A cota somada do KitKat com o Lolllipop é de 70%. Por outro lado, apesar de um progresso notável (dobrou a sua cota de mercado em relação ao mês passado), a versão Marshmallow segue atrás do Ice Cream Sandwich.

android_ver

Logo, a fragmentação do Android continua, mas ao menos é menos perceptível do que pode parecer. De qualquer forma, gera um déficit de segurança que os fabricantes seguem sem se responsabilizar, o que prejudica a experiência do usuário. O qual é mais grave quando a estratégia é feita apenas para vender novos dispositivos, onde a Google não tem culpa. É uma prática de negócio fraudulento e enganoso de alguns fabricantes.

Porém, essa é uma denúncia de longa data. E nada muda nesse aspecto. Infelizmente.

Android 6.0 Marshmallow ocupa raquíticos 1.29% do mercado

by

Android-robots

A fragmentação do Android não melhora, e a solução parece estar bem distante quando observamos os dados oficiais do mês de fevereiro sobre a distribuição das versões do Android.

O Android 6.0 Marshmallow ocupa hoje ridículos 1.29% de mercado Android, e isso depois de quatro meses de mercado. Vale a pena mencionar que a versão 2.3 Gingerbread, publicada em 2011, tem o dobro de mercado. Só nesse dado podemos ver a dimensão enorme que o problema possui nesse momento.

O Android Lollipop (5.0 e 5.1) ganhou mercado, mas ainda fica abaixo do Android KitKat (4.4) ,que com 35.5% segue dominando o ecossistema da Google. A versão Jelly Bean (4.1 a 4.3) se mantém na segunda posição, acima de 20% de cota.

Android_2

A fragmentação do Android por si já é algo gritante, mas quando contrastada com o seu rival direto no mercado – o iOS -, a comparação é algo impossível. É claro que tudo fica mais fácil quando um único fabricante controla tudo – nesse caso, a Apple -, mas essa é apenas uma questão pendente.

Chegou a hora dos fabricantes Android tomarem vergonha na cara para entregar as atualizações de forma mais rápida, tão logo a Google libere as novas versões, pensando mais no suporte ao cliente do que em suas necessidades comerciais de vender smartphones todos os anos. E, de novo: as ROMs personalizadas são as opções viáveis para manter o seu dispositivo atualizado, sem depender da “boa vontade” dos fabricantes.

Android Lollipop só agora passa dos 20% de mercado

by

Android-Robot-Water

As estatísticas do Google Play mostram novamente um balanço do estado atual da fragmentação do Android. O resultado mostra que apenas 20% dos usuários contam com a última versão do sistema operacional, a Lollipop.

Uma porcentagem muito baixa, mas ao mesmo tempo representando um crescimento muito importante, se levarmos em consideração se levarmos em conta que em maio a versão acumulava apenas 9% de mercado. A fatia maior ainda está nas mãos do KitKat, com 39%, seguida do Jelly Bean, com 32%.

É preciso levar em conta que os números só contabilizam aqueles terminais com versões superiores ao Android 2.2, e não sabemos quantos ainda restam hoje com tal versão (em agosto de 2013, ainda contavam com 1% de mercado). Sobre o crescimento do Lollipop, smartphones como o Nexus 6, Galaxy S6 e Galaxy S6 Edge já contavam com essa versão desde o seu lançamento, de modo que precisamos esperar para ver se outros dispositivos vão receber essa versão nos próximos meses, ou se saltarão direto para o Android 6 Marshmallow.

Android_2

Via VentureBeatAndroid