Arquivo para a tag: câmeras

Samsung: ‘o futuro das câmeras está em um smartphone Samsung Galaxy’

by

650_1000_samsung-galaxy-s5-white-camera-feature

DongHoon Jang, responsável pelo grupo que desenvolve as câmeras dos dispositivos da Samsung, publicou um artigo no blog oficial da empresa onde ele afirma que esse aspecto será sensivelmente melhorado na próxima geração de seus dispositivos.

Segundo suas palavras, a câmera presente no próximo modelo top de linha da Samsung “será inteligente, e fará toda a planificação para os usuários, permitindo o registro de fotos surpreendentes em qualquer condição, sem precisar se preocupar com nada além de apertar o botão de disparo”. O objetivo é um só: superar as câmeras do seus rivais, transformando o suposto Galaxy S6 em modelo referência nesse aspecto.

As câmeras dos dispositivos da Samsung foram melhorando progressivamente, tanto nas especificações como nas configurações. Ainda que durante um tempo essa qualidade tenha se estancado, o Samsung Galaxy Note 4 voltou a mostrar que os sul-coreanos contam com recursos para melhorar a sua capacidade nesse aspecto.

camaras-samsung

Janga ainda destaca a relevância não só da câmera traseira, mas também a do sensor frontal para as selfies, tendência que praticamente todos os fabricantes acabaram sucumbindo. Veremos se as melhoras prometidas pela Samsung não são apenas um simples aumento de megapixels (se fala de um sensor de 20 MP para o Galaxy S6), mas também um desempenho que complique sensivelmente as coisas para os seus adversários diretos.

Via Samsung Tomorrow

IFA 2014 | Sony QX1 y QX30, novas lentes fotográficas para o seu smartphone

by

650_1000_sony-qx30_1

A Sony apresentou oficialmente na IFA 2014 os dois novos modelos de lentes para smartphones da família QX, que estreou na IFA do ano passado.

O primeiro deles é o QX30, com zoom óptico de 30x e sensor Exmor R (CMOS 1/2.3) de 20.4 megapixels, com suporte para gravação de vídeos a 1080/60p e ISO de 12.800, similar ao do Xperia Z3. As imagens capturadas podem ser armazenadas tanto no microSD do equipamento como no smartphone, via WiFi. Conta ainda com NFC e porta microUSB, que pode recarregar sua bateria (com autonomia de 200 disparos, ou 45 minutos de vídeo).

sonyQX1

Já a QX1 (foto acima – que vazou antes do tempo) possui lentes intercambiáveis, com sensor APS-C de 20.1 megapixels, e oferece a maioria das características que podemos encontrar em uma câmera sem espelho da Sony (ISO de 16000, vídeos Full HD a 30 FPS, modos de disparo avançado e suporte para fotos em RAW). Sua bateria possui autonomia para 440 disparos, ou 150 minutos contínuos de vídeo. E sim, flash incluso.

A QX30 chega ao mercado nesse mês de setembro, com preço sugerido de US$ 350, enquanto que a QX1 chegará ao mercado em novembro, com custo de US$ 400.

O protótipo do Google Project Tango possui quatro câmeras

by

Google-Project-Tango

A Google vendeu a Motorola para a Lenovo, mas conservou a divisão de desenvolvimento de projetos avançados da Moto. E um desses projetos que essa divisão está trabahando (além do smartphone modular que já conhecemos) é o Project Tango, uma implementação que permitirá aos smartphones do futuro contar com capacidades semelhantes ao Kinect da Microsoft.

Aos poucos, começam a aparecer os detalhes sobre o protótipo onde a Google desenvolve essa proposta. Do pouco que foi revelado antes, sabíamos que era um smartphone branco com tela de 5 polegadas. A novidade agora é que, para ter sensores similares ao Kinect, esse dispositivo tem nada menos que quarto câmeras integradas.

Além das duas câmeras tradicionais (frontal e traseira), o protótipo em questão conta com dois sensores especiais. O primeiro é um olho de peixe, com alcance de 180 graus, muito similar ao olho humano. O segundo é uma câmera de campo de profundidade, com alcance de 120 graus.

Era esperado aqui uma implementação 100% de software, mas o Project Tango já mostra que vai um pouco além, desenvolvendo um hardware especializado, que pretende explorar ao máximo as suas capacidades.

Via Gizmologia

As câmeras do iPhone 5s e do iPhone 5 se enfrentam em detalhes na Patagônia

by

iphone5-5s-comparison-image

A Apple centrou os destaques do iPhone 5s no Touch ID, no seu processador A7, e na câmera traseira, que segundo Tim Cook e sua turma, é capaz de fazer maravilhas. Agora, se você é um proprietário de um iPhone 5, e pensa seriamente se esse fator pode ser determinante para a troca do modelo (ou não), é conveniente que você conheça a fundo todas as melhorias que o nova câmera pode oferecer.

Pensando nisso, o conhecido fotógrafo Austin Mann decidiu levar o teste à sério, viajando para a Patagônia para testar as qualidades da nova câmera do iPhone 5s, e comparar se a diferença é tão grande assim para a câmera do iPhone 5. A melhor parte do assunto é que, longe de analisar a câmera em si, nosso protagonista viajou disposto a fazer um frente a frente entre as duas câmeras, de forma que o potencial comprador tenha mais argumentos para a sua escolha.

A primeira coisa que Mann destaca no seu comparativo é que a câmera do iPhone 5s conta com um alcance dinâmico “notavelmente superior” ao seu predecessor, e no processo de retoque, ofereceu uma maior integridade da imagem ao utilizar ferramentas como o Snapseed. Por outro lado, o lag de disparo passou de “impressionante” no iPhone 5 para “inexistente”, no iPhone 5s.

Em resumo: o fotógrafo destaca que a Apple, combinando melhorias de hardware e software, conseguiu produzir uma câmera muito superior, em relação ao iPhone 5. O comparativo direto é uma prova disso.

Para ver o comparativo completo realizado por Austin Mann, clique aqui.

mann-travel-photo-5s-fitzroy mann-travel-photo-5s-laguna

O novo sensor da Panasonic captura imagens em 3D com apenas uma lente

by

No terreno da fotografia, muito além de alcançar uma alta qualidade dos sensores para conseguir as melhores fotos (na teoria), poucas inovações aconteceram. Porém, esse sensor apresentado pela Panasonic pode mudar o rumo do mercado, oferecendo a possibilidade de capturar imagens em 3D com apenas uma lente.

Não faz muito tempo que falamos da Samsung NX300, a primeira câmera 3D com apenas uma lente, mas a tecnologia da Panasonic é diferente. A Samsung conseguiu obter imagens em 3D graças aos dois obturadores na própria lente. Cada um deles capturava a partir de uma zona (esquerda e direita) forma que as duas imagens combinadas possam formar a imagem tridimensional.

O sistema desenvolvido pela Panasonic é bem mais complexo. De fato, utiliza uma lente junto com uma capa composta com micro lentes digitais (DML). O sistema separa primeiro a luz, e depois intensifica e posteriormente coloca nos respectivos píxels no sensor de tal forma que se separem aqueles que correspondem ao olho direito com os do olho esquerdo. Os sinais recebidos serão processados posteriormente para criar imagens em 3D.

Segundo a Panasonic, o sistema poderá dotar todas as câmeras com esta capacidade, desde os modelos reflex de linha alta até os smartphones, passando pelas câmeras compactas. Por estar em desenvolvimento, o sensor tem um longo caminho a percorrer antes de chegar ao consumidor. Por enquanto, ele só é capaz de gravar objetos em 3D que estão a, no máximo, um metro de distância da lente. De qualquer forma, eles anunciaram que começarão a implementar essa tecnologia nos smartphones a partir de 2014.

Via Gizmologia

Damian Dinning, o guru das tecnologias de câmeras, abandona a Nokia

by

Parece que estamos na temporada de saídas de executivos de empresas de tecnologia. Segundo informa o site Amateur Photographer, Damian Dinning, considerado o verdadeiro guru da tecnologia relacionada com as câmeras recentemente desenvolvida pela Nokia, abandonou a fabricante finlandesa.

Dinning entrou na Nokia o mês de abril de 2004 para aplicar toda a experiência que adquiriu no mundo das câmeras fotográficas e da fotografia em geral, graças aos seus trabalhos anteriores na Minolta UK e Eastman Kodak. Graças à Dinning, a Nokia conseguiu grandes avanços nesse segmento de fotografia em smartphoens, alcançando o seu ponto de maior destaque com o lançamento do Nokia 808 PureView, que possui um sensor de 41 megapixels.

Este é o comunicado da Nokia:

“Seguindo com a recolocação de postos específicos na Finlândia, e com grande pesar, Damian Dinning tomou a decisão pessoal de deixar a empresa na data efetiva de 30 de novembro de 2012. Durante os últimos nove anos, Damian deixou inovadoras e valiosas contribuições à Nokia, mais recentemente como gerente de projeto em nosso negócio de dispositivos inteligentes. Agradecemos aos seus serviços prestados à empresa, e o desejamos o melhor.”

Dinning revela que esta é uma decisão que estava se madurando durante muitos meses. Ele estava vivendo com a sua família no Reino Unido, e a recolocação que fazia a Nokia do seu posto de trabalho e sua transferência para a Finlândia não estava em seus planos. Um nome ainda não foi revelado para sucedê-lo, mas parece que Dinning já tem planos para o seu futuro, uma vez que ele anunciou em um comunicado recente que ele estaria envolvido com o futuro do sistema Connected Car, para a Jaguar Land Rover.

As novidades da Nikon na Photoimage Brazil 2012

by

A Nikon do Brasil apresentou na PhotoImageBrazil 2012 toda uma nova linha de modelos, com os mais diferentes formatos e propostas. Tal como aconteceu em 2011, a empresa preparou uma dinâmica especial para apresentar sua extensa linha de produtos.

Para o evento deste ano, um dos destaques é a área especial para vídeos, onde a câmera D800E estará à disposição. Os visitantes poderão contar com a ajuda da equipe técnica e os especialistas em produto da Nikon para imergir na experiência de filmar com esse conceituado modelo DSLR. O espaço reservado às câmeras Nikon 1 também será um dos destaques no stand. Lá, os modelos V1 e J1 estarão disponíveis para apreciação, assim como a Nikon 1 J2, lançada no Brasil no último dia 09 de agosto.

A nova câmera D3200, com 24 MP, é pensado nos usuários de entrada

by

A Nikon apresentou hoje (19/04) a renovação da sua linha mais básica de câmeras reflex, com a nova D3200. Com um sensor de 24 MP, a fabricante japonesa deixa claro que os atuais modelos de linha baixa também tem algo a dizer no mundo dos megapixels.

O modelo conta com um processador Expeed 3 (o mesmo que está presente nos modelos mais avançados da empresa), uma ISO que vai até os 6400 (ou 12.800 em modo forçado) e a resolução de tela traseira de 3 polegadas, de 921 mil píxels. Sobre o seu software, eles incluíram menus interativos com modos assistidos, mostrando dicas na tela para obter a foto desejada com facilidade.

Na parte de vídeos, a nova D3200 permite a captura de imagens a 1080/30p com foco automático contínuo, com a possibilidade de seguimento facial de objetos, podendo inclusive realizar pequenos retoques de edição na própria câmera, como recortes ou a captura de imagens em JPG. Outro detalhe atraente da câmera é a possibilidade de enviar imagens para telefones e tables de modo sem fio, através do adaptador opcional WU-1a, podendo inclusive fazer uso do controle remoto para pré-visualização de imagens.

A nova Nikon D3200 estará disponível no mercado internacional no final do mês de abril, com o preço sugerido de US$ 700 (com objetiva 18-55 inclusa no preço).

Via Nikon