Arquivo para a tag: barcelona

Barcelona segue como casa da Mobile World Congress até 2023

by

mwc-barcelona-teaser

Já era sabido que Barcelona seria a sede da Mobile World Congress até 2018, mas agora temos a informação que isso se estendeu para o ano de 2023. Era a data oferecida pela cidade recentemente, e a GSMA confirmou que aceitou a oferta.

São cinco anos adicionais para um contrato que havia terminado no começo do ano, com a chegada de um novo governo na capital mediterrânea. Mas Ada Colau fechou o compromisso de prorrogação – ao lado dos membros da fundação MWCB -, que era um requisito formal da oferta.

Além da já citada Fundação Mobile World Capital Barcelona, parceiros importantes da iniciativa (Ministério da Indústria, da Energia e Turismo, a Generalitat de Barcelona, Turismo de Barcelona e Fira de Barcelona) estão de acordo com a prorrogação. Por outro lado, temos a GSMA, representante dos interesses das operadoras, fabricantes e desenvolvedores de tecnologia móvel.

Sobre o impacto na área, as opiniões são diversas. Mas lembramos que a MWC 2015 superou a marca de 93 mil visitantes, que deixaram na cidade mais de 435 milhões de euros.

Via GSMA

Barcelona quer ficar com a Mobile World Congress até 2023

by

mwc--barcelona

A prefeitura de Barcelona fez uma oferta para a GSMA para ser a sede da Mobile World Congress até o ano 2023. A cidade está confirmada como sede do evento até 2018, depois de um acordo fechado em 2011.

A prorrogação por cinco anos reforça a posição de Barcelona como a capital mundial da telefonia móvel durante os dias do evento, algo que outras organizações governamentais cobiçam a algum tempo.

Barcelona tem como parceiros o Ministério da Indústria, Energia e Turismo da Espanha, a Generalitat da Catalunha, o Conselho de Turismo e a Fira de Barcelona. Esse grupo ofereceu para a GSMA um valor não revelado em troca da prorrogação do contrato. Esses sócios buscam o montante de dinheiro que a MWC gera para a cidade, incluindo não só os benefícios econômicos (435 milhões de euros na edição 2014), mas também a melhoria da imagem da cidade.

A proposta de Barcelona foi feita e recebida pela GSMA, que está estudando a oferta. Em poucas semanas (ou meses), teremos uma resposta, e tudo indica que será positiva para a cidade catalã.

Via EFE/El Diario