Arquivo para a tag: 6 gb de ram

Samsung confirma Galaxy Note 7 com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento

by

Galaxy-Note-7

A Samsung confirmou que o Galaxy Note 7 com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento existe. Koh Dong-jin, presidente da divisão móvel da empresa, confirmou sua existência.

Inicialmente a variante foi concebida para o mercado chinês, onde a meta da Samsung é ter um modelo que possa competir naquele mercado com dispositivos que recebem hardware semelhante.

Ouvir o consumidor para levar o Galaxy Note 7 ‘turbinado’ para outros mercados

Dong-jin comentou que refletiu muito sobre o tema, e acredita que a ideia de lançar o Galaxy Note 7 com 6 GB e 128 GB como algo exclusivo poderá defraudar os consumidores sul-coreanos, e que a empresa está aberta a ouvir a opinião de usuários de outros mercados.

Ou seja, a Samsung está aberta a levar este modelo para outros mercados, mas que o fará em função a resposta do consumidor. Se houver interesse, essa versão deve ser lançada em outros países, mas não em escala global. Logo, não tenha muitas esperanças dessa variante ser lançada no Brasil algum dia.

De qualquer forma, mostra uma interessante visão de mercado por parte da Samsung, que a algum tempo decidiu ouvir um pouco mais a opinião do seu consumidor.

Algo que a sua concorrente direta ainda é um pouco resistente.

O preço desse Galaxy Note 7 ‘turbinado’ deve ser de US$ 915.

Via GSMArena

Xiaomi Mi 5s e suas primeiras pistas: Force Touch e 6 GB de RAM

by

Xiaomi Mi 5s teaser

Apareceram os primeiros dados sobre o Xiaomi Mi 5s, variante do Xiaomi Mi 5 que deve incluir novidades importantes, que podem afetar diretamente na experiência do usuário, como a chegada do Force Touch e a inclusão de 6 GB de RAM.

 

Um Xiaomi Mi 5 com Force Touch

As informações apontam para um modelo muito similar ao que a Xiaomi apresentou a alguns meses, mas com uma tela de 5.5 polegadas (Full HD, 428 pixels por polegada). Para o seu processador, eles podem repetir o Snapdragon 820 já presente no Mi 5 (o Snapdragon 821 só deve estrear mesmo no Samsung Galaxy Note 7 e no possível Nexus da HTC). Além disso, os 6 GB de RAM e um leitor de digitais ultrassônico são destaques consideráveis.

A última informação vazada sobre o futuro Xiaomi Mi 5s fala de suas câmeras, mencionando que podemos ter um sistema de câmeras dual, mas sem olhar em detalhes, nem mesmo se será parecido ao que está presente no Huawei P9. Também não são informados os megapixels, nem o modelo do sensor, nem se vai incorporar o sistema de eixos de câmera do Xiaomi Mi 5, mas é de se supor que sim.

 

Um pouquinho do Xiaomi Mi Note 2

Xiaomi Mi 5s-teaser-02

Outro modelo da Xiaomi que teve informações reveladas foi o Xiaomi Mi Note 2, mas falando exclusivamente sobre a sua tela. A revisão do modelo lançado em janeiro de 2015 e que recebeu uma versão Pro mais potente, mas que na verdade é uma variante dentro do mesmo modelo.

Do futuro Xiaomi Mi Note 2, sabemos que ele terá uma tela de 5.7 polegadas curva em sua variante (LCD no modelo original, AMOLED na segunda geração). Vale lembrar que é a Samsung quem fabrica telas curvas para o mercado.

Por enquanto, não há maiores informações sobre os futuros smartphones da Xiaomi, mas os vazamentos parecem ser muito precoces. É possível que os modelos sejam apresentados na IFA 2016 de Berlim em setembro, mas os vazamentos vão indicar uma data aproximada para os respectivos lançamentos.

Via GSMArena

Meizu Pro 6 teria 6 GB de RAM

by

meizu-pro-6

De acordo com as últimas informações, o Meizu Pro 6 seria um autêntico top de linha, inclusive superiores a outros modelos de sua categoria, como o Galaxy S7 ou o LG G5. Um dos motivos são os possíveis 6 GB de RAM que esse modelo vai receber.

As possíveis especificações que esse dispositivo pode contar são:

– Tela de grande tamanho (mais de 5 polegadas, 1080p)
– Processador Exynos 8890
– GPU Mali T800 MP12
– 4 GB ou 6 GB de RAM
– 64 GB de armazenamento (versão com 4 GB de RAM) e 128 GB de armazenamento (versão com 6 GB de RAM)
– Flyme 6.0 OS como sistema operacional
– Tecnologia 3D Touch

Estas seriam as suas especificações parciais, já que desconhecemos outros pontos como as câmeras traseira e frontal e a sua bateria, mas podemos imaginar que deveria seguir a tendência de tops de linha atuais. Data de lançamento e preço são desconhecidos, mas é certo que o modelo deve ser lançado ao longo de 2016, com um preço similar ao do Meizu Pro 5 no seu lançamento (entre US$ 400 e US$ 500).

Via GSMArena

Vivo Xplay 5, o primeiro smartphone com 6 GB de RAM

by

Vivo Xplay 5-03

A Vivo é desconhecida dos brasileiros, mas recebe protagonismo no TargetHD pelo anúncio do Vivo Xplay 5, que tem como principal destaque contar com 6 GB de RAM, sendo assim o primeiro do mercado a contar com tal capacidade. Não só isso: essa memória toda trabalha com o processador de maior destaque desse início de temporada, o Snapdragon 820.

O modelo possui tela de 5.43 polegadas (QHD) Super AMOLED, o que é uma surpresa já que basicamente só a Samsung utiliza esse tipo de tela e, mesmo assim, apenas nos seus modelos top de linha. Com construção de metal, possui curvaturas nas laterais da tela, que também lembra os dispositivos Edge dos sul-coreanos. Na parte inferior, temos botões capacitivos, além de um conector USB Type-C e um slot na lateral para os dois SIM cards. Suas dimensões são de 153.5 x 76.2 x 7.59 mm.

 

6 GB de RAM com Snapdragon 820

Vivo Xplay 5-01

O Vivo Xplay 5 parece ter sido pensado em ser um top de linha ao extremo. O Android vai agradecer tanta capacidade de RAM para múltiplos aplicativos, gráficos e texturas diferentes. De quebra, o smarrtphone possui 128 GB de armazenamento.

Um segundo modelo mais ‘moderado’ (o Standard Edition), com 4 GB de RAM e chipset Snapdragon 652 será comercializado, e nos dois modelos teremos uma bateria com 3.600 mAh, com modo de recarga rápida da Qualcomm.

 

Câmera Sony de 16 MP

Vivo Xplay 5-02

O Vivo Xplay 5 conta com uma câmera traseira de 16 MP (f/2.0) da Sony (IMX298), com todas as características já conhecidas, como o foco por detecção de fase ou a estabilização. Já o sensor frontal possui 8 MP (f/2.4).

As diferenças de preços também serão significativas. O modelo básico tem preço inferior a 500 euros, enquanto que o modelo Ultimate Edition (com os tais 6 GB de RAM) deve custar aproximadamente 600 euros. Preços já convertidos. Disponível nas cores branco, rosa e champagne.

Galaxy Note 6 pode contar com 6 GB de RAM

by

Galaxy-Note-6

O Samsung Galaxy Note 6 pode ser o primeiro phablet do mercado a contar com impressionantes 6 GB de RAM (LPDDR4), um detalhe que combinado com o potente processador Exynos 8890 pode resultar em um dispositivo muito potente, capaz de oferecer um desempenho sem precedentes no setor. Um autêntico “monstro” no hardware.

As demais especificações não contam com mudanças importantes, já que o modelo contaria com uma tela de 5.8 polegadas (2K), câmera traseira de 12 MP com estabilizador ótico de imagem melhorado e 64 GB de armazenamento no modelo base, que imaginamos que será expansível via microSD.

Tais especificações não estão confirmadas, mas contam com muito sentido e são bem críveis, mas não podemos descartar os rumores que sugerem uma possível versão do Galaxy Note 6 com tela 4K.

galaxy-note-6-leak-specs

Por fim, vale lembrar que, junto com a versão com processador Exynos 8890, podemos ver outra versão do Galaxy Note 6 com o processador Quantum Snapdragon 820.

Via WCCFTech

Huawei P9, o smartphone com mais RAM que um PC

by

huawei-p9

O Huawei P9, futuro smartphone top de linha do fabricante asiático, terá como peculiaridade trazer consigo nada menos de 6 GB de RAM, uma quantidade superior à média que encontramos em boa parte dos notebooks e PCs mais acessíveis do mercado. Tal quantidade de memória deve garantir uma experiência fantástica no Android, sistema operacional tão dependente de recursos.

Porém, parece que apenas as duas versões top do Huawei P9 contariam com 6 GB de RAM, já que há informações sobre a aparição do modelo Lite, com 4 GB de RAM, o que também deve garantir uma excelente experiência de uso. Para se ter uma ideia, o Samsung Galaxy S6 conta hoje com 3 GB de RAM.

Além disso, é comentado que a Huawei adotaria nesse modelo um SoC Kirin 950, tela de 5.2 polegadas, dupla câmera traseira de 13 MP com sensores Sony Exmor IMX2X6 e preço de aproximadamente US$ 767 (já convertidos).

Via WCCFTech

Oppo Find 9, um smartphone com 6 GB de RAM?

by

Oppo6GBRAM

Imagens do suposto Oppo Find 9 chegam acompanhadas de uma informação muito chamativa: a presença de 6 GB de RAM. Bom, ou o produto é real, ou é um grande fake. Mas em todo caso…

Pareceu relevante vir levantar a questão: a memória RAM fará parte de uma nova corrida nas especificações dos smartphones? Terá o mesmo destaque que o tamanho, a resolução ou os megapixels dos sensores de câmera tiveram nos últimos anos?

Precisamos de 6 GB de RAm em um smartphone? Provavelmente não… pelo menos por enquanto. Não há sistemas, aplicativos ou jogos que consomem tudo isso, mas novas características como o modo Continuum do Windows 10, que resulta em um multitarefa real aos sistemas operacionais móveis, podem mudar isso.

Há um ditado informático das antigas que diz: “não importa quanta capacidade tenha um disco rígido, ele vai acabar lotado”. Podemos dizer quase o mesmo da RAM, salvo pelo seu caráter aleatório. Ou seja, ela se esvazia quando o dispositivo é desligado.

Oppo6GBRAM_2

Podemos esperar qualquer coisa. Seria surpreendente ver um smartphone com 6 GB de RAM quando milhões de computadores no mundo trabalham com menos memória. O mesmo podemos dizer da resolução de tela. A Sony abriu o caminho para o 4K com o Xperia Z5 Premium, e é certo que na MWC 2016 de fevereiro veremos mais smartphones com essa resolução, quando a média dos monitores informáticos e televisões ainda estão em Full HD.

Uma parte dos usuários buscam outros tipos de melhorias (como maior autonomia de bateria), mas assim é o mercado: investindo em elementos que não são tão vitais assim.

Via GizChina

Samsung prepara módulo de 6 GB de RAM para smartphones

by

Samsung-LPDDR4-6GB-RAM

A Samsung Electronicos anunciou o começo da produção em massa de chips de memória 12 GB LPDDR4 com tecnologia de 20 nanômetros. Na prática, teremos no futuro smartphones com 6 GB de RAM com esse novo módulo.

A Samsung informa que esta é a maior capacidade e velocidade disponível para um chip DRAM, além de oferecer eficiência energética, confiabilidade e facilidade de design, detalhes essenciais para o desenvolvimento de dispositivos móveis de próxima geração.

A LPDDR4 inclui uma arquitetura completamente nova, que contempla uma matriz de dois canais de 16 bits diante ao canal simples do LPPDR3. Isso reduz a distância que devem transmitir os dados desde a matriz de memória até as zonas de I/O, aumentando o desempenho e reduzindo a potência exigida para transmitir a mesma quantidade de dados.

A Samsung vai além garantindo que os seus novos chips são duas vezes mais rápidos que as DDR4 DRAM para PCs, consumindo 20% a menos de energia. Também afirmam que os futuros smartphones top de linha contarão com 6 GB de RAM (quatro módulos de 12 GB com 1.5 GB de capacidade cada um) instalada, o que permitirá um ‘multitarefa fluído e o máximo de desempenho’ nas últimas versões dos sistemas operacionais.

 

Precisamos de tanta RAM nos smartphones?

Nos PCs, duplicar a RAM instalada representa um grande salto de desempenho, ainda que de um ponto em diante (16 GB) os benefícios não sejam tão grandes. Nos smartphones, já temos modelos com 4 GB de RAM, e a Gigaset apresentou recentemente um dispositivo com 5 GB de RAM. Tudo indica que os novos Galaxy ou Note de 2016 terão os tais 6 GB de RAM.

Na outra ponta, temos o iPhone, o smartphone mais vendido do mercado, que se conforma com 1 GB de RAM para funcionar de forma realmente fluída. Hoje serão apresentados os novos iPhone 6s, e muitos esperam que ele finalmente dê o salto para os 2 GB de RAM. Mesmo assim, ainda fica muito abaixo da proposta da Samsung.

Via Samsung Tomorrow