Wetten.com Brasil Apostas
Home » Tecnologia » Snapdragon 888 vs Snapdragon 888 Plus

Snapdragon 888 vs Snapdragon 888 Plus

Compartilhe

Tal e como acontece todos os anos mais ou menos nessa mesma época, a Qualcomm apresentou os seus novos processadores top de linha. De forma discreta, o Snapdragon 888 recebeu a companhia do Snapdragon 888 Plus que, naturalmente, entrega algumas evoluções em relação ao modelo anterior.

Então, chegou a hora de descobrir o que a Qualcomm entrega de mudanças neste novo processador, e quais são as melhorias integradas nos últimos seis meses. É importante lembrar que essa é uma transição intermediária, de modo que o sucessor direto do Snapdragon 888 só deve ser apresentado no final de 2021.

 

 

 

Essas poucas novidades se justificam?

 

 

Olhando para as especificações técnicas do novo processador, não é difícil concluir que o Snapdragon 888 Plus 5G nada mais é do que uma atualização menor do Snapdragon 888 5G, pois as mudanças não são tão drásticas.

E isso é algo absolutamente normal e compreensível. O objetivo principal da Qualcomm foi entregar um chip intermediário para turbinar os smartphones top de linha e premium que chegarão ao mercado no segundo semestre de 2021.

Por outro lado, muitos se perguntam se essa estratégia é válida para um mercado de telefonia móvel tão saturado e em um momento de crise global como o que nós enfrentamos nesse momento.

Apesar de entender que os modelos mais caros continuam a se vender com consistência, é difícil para mim acreditar que serão vendidos tantos modelos por conta de um novo processador que é um pouco melhor que o anterior.

É mais fácil pensar que boa parte dos usuários vão apostar na melhor relação custo-benefício, e não necessariamente na maior potência. Ainda mais com um chip intermediário como argumento para esse eventual investimento.

De qualquer forma, vamos ver o que muda do Snapdragon 888 para o Snapdragon 888 Plus.

 

 

 

Mais potente, e 20% mais inteligente

 

 

Os dois processadores compartilham o mesmo ISP Spectra, o mesmo modem Snapdragon e a mesma tecnologia para gráficos e núcleos de processamento. Até o chip de inteligência artificial Hexagon 780 Triple é o mesmo.

As mudanças mais substanciais entre os dois chips está na potência, indo além de um simples overclock. O Hexagon passa a cobrar uma importância ainda maior nos chips da Qualcomm, e isso se reflete no Snapdragon 888 Plus.

O salto intermediário entre gerações dos processadores top de linha resulta na manutenção da tecnologia Kyro 680 Prime, Gold e Silver para os núcleos da CPU, que estão baseados no Cortex X1, Cortex A78 e Cortex A55 da ARM. No 888 Plus, a frequência de clock pode alcançar os 3 GHz, o que representa um aumento de até 15% na potência em relação ao modelo anterior.

Porém, a grande evolução está no chip de inteligência artificial, o Hexagon 780 Triple, que passa a ser capaz de realizar 32 trilhões de operações por segundo, um aumento de 20% em relação ao Snapdragon 888.

Essa potência maior vai influenciar diretamente nos resultados finais da fotografia e nos aspectos gráficos, o que vai permitir uma execução mais eficiente de jogos e aplicativos mais pesados. Ou seja, o Snapdragon 888 Plus 5G evolui tanto na potência bruta como na execução da IA que interfere em praticamente tudo o que acontece no smartphone.

Mas isso, na teoria. Vamos ver como tudo isso se reflete na prática, no uso diário.


Compartilhe