Compartilhe

A última parte da lista de smartphones de linha média com a relação custo-benefício mais interessantes em 2019 conta com modelos lançados em 2018, mas que ainda entregam essa boa experiência de uso por um preço que o seu preço pode pagar (e que você quer pagar). Vale a pena considerar os modelos a seguir.

 

 

Moto G6 Plus (2018)

 

 

O antecessor direto do Moto G7 Plus mantém uma boa quantidade de RAM, câmera dupla traseira, tela IPS e recarga rápida Turbo Power da Motorola. É bem equilibrado pelo preço pago, entrega boas fotos especialmente em boas condições de iluminação e um design muito bem acabado.

Por outro lado, a ausência de estabilização ótica é percebida nas fotos e vídeos com baixa luminosidade, o som poderia ser melhor e a protuberância da câmera incomoda (e muito).

 

 

Samsung Galaxy A9 (2018)

 

 

O modelo que estreou a câmera traseira quádrupla na Samsung. Conta com tela de 6.3 polegadas AMOLED e até 8 GB de RAM. Seu design é um pouco mais moderno e atraente, conta ainda com USB Type-C e 6 GB de RAM, e esquenta pouco, inclusive durante os jogos ou a recarga de bateria.

Em compensação, nem quatro câmeras ajudam a entregar fotos com uma qualidade excepcional, os lags pontuais de software imploram por uma maior otimização, e a tela poderia ser bem melhor, com menos reflexos, menos toques acidentais e corrigindo o brilho automático.

 

 

Xiaomi Mi A2 (2018)

 

 

Outro antecessor direto e notável com Android One. Melhorou muito no design em relação ao seu antecessor, mas sem renunciar à câmera dupla ou ao recurso de inteligência artificial.

Seu design foi atualizado, mas manteve a comodidade e ergonomia, sua tela possui a resolução adequada e a fluidez é uma constante. Por outro lado, sua autonomia de bateria poderia ser melhor, o áudio também poderia ser melhor, e a perda da teleobjetiva é sentida, mesmo com os resultados mais que aceitáveis nas fotos.

 

 

Xiaomi Mi 8 Lite (2018)

 

 

Primo do modelo anterior, e é a opção mais básica da família Mi 8. Possui tela de 6.26 polegadas, câmera dupla e recarga rápida, e tudo isso por um preço muito atraente.

Seu desempenho é excepcional, sua câmera dá gosto de usar e a bateria é boa o suficiente para que você se esqueça do carregador. Por outro lado, a MIUI é excessivamente personalizada, as fotos noturnas contam com um estranho efeito aquarela, e é um telefone que fica sujo só em olhar para ele.


Compartilhe