Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | SKY Pré-Pago se deu bem em 2020

SKY Pré-Pago se deu bem em 2020

Compartilhe

O ano de 2020 foi atípico para todo mundo. Todos os setores foram afetados, e os números mostram de forma mais clara como foi essa mudança de comportamento das pessoas. E no segmento de TV por assinatura não foi diferente: algumas operadoras sentiram mais que os outros, mas fica evidente que muitas coisas mudaram nos últimos 12 meses.

A operadora de TV paga SKY TV está apresentando aos poucos os seus números de 2020. Dessa vez, vamos falar um pouco mais do SKY Pré-Pago, modalidade de assinatura que repete o modelo de negócio da telefonia móvel, buscando os usuários que procuram encontrar a melhor relação custo-benefício possível para o consumo de conteúdo televisivo.

E não é difícil imaginar os efeitos colaterais de 2020 nos números do SKY Pré-Pago: com mais gente em casa, o número de horas de consumo de conteúdo na TV aumentou. E isso ficou evidente no número de recargas do serviço.

 

 

 

Mais gente em casa, mais gente assistindo TV

 

Essa foi uma das máximas de 2020. As pessoas ficaram mais tempo em casa esperando tudo voltar ao normal (ou em algo parecido com o que era o normal), e uma das coisas que restou para as pessoas foi assistir TV. Seja para obter informação ou pelo entretenimento, a TV por assinatura voltou a ganhar protagonismo nos lares brasileiros. E o SKY Pré-Pago foi um dos beneficiados.

A SKY anunciou que a companhia teve um aumento de 20% no número de recargas em seu serviço “SKY Pré-Pago”. Todas as linhas do serviço dentro dos diferentes pacotes de canais ofertados pela plataforma registraram um aumento de recargas e consumo de conteúdo.

Até mesmo os pacotes de programação que são considerados “premium” receberam um aumento de audiência e recargas, e os conteúdos em pay-per-view também registraram um consumo maior por parte dos assinantes em 2020.

Um dos fatores mais relevantes para o aumento de consumo da TV por assinatura no Brasil (pelo menos entre os assinantes da SKY) foi o retorno das transmissões esportivas ao vivo. Eventos relevantes e de grande popularidade, como são os casos do Campeonato Brasileiro de Futebol, a NBA e a NFL foram decisivos para esse aumento de audiência e do consumo das recargas nos planos Pré-Pago. Afinal de contas, todos queriam levar um pouco mais de entretenimento para as suas casas.

A SKY é pioneira no Brasil na proposta de TV por assinatura na modalidade pré-paga, e mantém o formato ativo depois de anos de atividades.

Outro fator que ajudou a fortalecer a SKY junto aos consumidores em 2020 foi o aumento da oferta de vias digitais para as recargas dos planos. Em um ano onde o recomendado era ficar em casa e manter o distanciamento social, a existência de tal proposta certamente impactou positivamente nesse aumento das recargas e da adesão dos planos pré-pago na operadora.

No final das contas, quem sai ganhando é o assinante, que recebe um serviço melhor e mais completo. Ter mais opções para colocar o entretenimento da TV por assinatura dentro de casa é sempre algo bem vindo, e a SKY procurou pensar fora da caixa em um ano tão complexo.

 

 

Via Minha Operadora


Compartilhe