SKY pode lançar TV Box com Android?

Compartilhe

Que todas as operadoras de TV por assinatura estão (finalmente) se voltando para a internet, esse é um fato mais do que comprovado. Hoje, os principais protagonistas do setor oferecem os canais do line-up dos diferentes pacotes disponíveis para os assinantes em formato online e por streaming, mostrando que a mentalidade das operadoras está mudando gradativamente.

Assim como aconteceu com outros segmentos de mídia, as operadoras de TV por assinatura estão entendendo que a internet não é uma inimiga, e pode sim ser utilizada como uma poderosa aliada para a oferta dos seus produtos. Muitos usuários abandonaram o hábito de assistir filmes e séries na TV, usando o computador, o tablet e o smartphone para consumir esses conteúdos.

A SKY TV, operadora líder no formato DTH (direct-to-home, ou mini parabólica digital), foi uma das operadoras que entenderam esse movimento de mudança. Está investindo cada vez mais no conteúdo do SKY Play, que não apenas oferece filmes para aluguel no formato on-demand, mas também os canais da grade de programação, para que os assinantes possam consumir o conteúdo em dispositivos móveis, oferecendo liberdade e versatilidade na hora de ver TV.

Porém, está chegando a hora de dar o próximo passo nessa convergência entre TV por assinatura e internet. Entregar esse conteúdo no formato tradicional, para ver em casa, no conforto da sala, na tela da TV, mas com a flexibilidade que só o formato online pode oferecer.

 

 

 

SKY com TV Box Android?

 

 

Sim, é possível.

O vazamento de um controle remoto da operadora com botão para acesso à Netflix (além do botão dedicado à própria SKY, que pode muito bem acionar o SKY Play) e controle por voz via Google Assistente deixam a dica sobre como pode ser o futuro da SKY na oferta de TV por assinatura nas residências.

Tais elementos são típicos do TV Box, que nada mais é do que a tão famosa caixinha com sistema operacional Android que entrega conteúdos de vídeo via streaming. Muita gente sabe que esse tipo de produto existe por conta da “área cinza” que existe na importação desses equipamentos.

Porém, como a legislação brasileira (até o momento em que este post é produzido) permite a comercialização dos canais de TV por assinatura pela internet, as operadoras estão aproveitando essa prerrogativa para oferecer a sua versão da TV Box para conquistar aqueles usuários que ainda desejam assistir ao conteúdo televisivo da forma tradicional, no conforto da sala de casa.

É importante lembrar que a AT&T, que é a empresa controladora da Sky, lançou nos Estados Unidos uma TV Box com sistema operacional Android para uso com TV online (IPTV). Ou seja, nada impede que este hardware seja importado e/ou produzido no Brasil para o lançamento de um novo formato de TV por assinatura da empresa.

 

 

 

E quais são as vantagens?

 

Temos algumas vantagens nesse formato.

A principal delas é o preço mais competitivo na assinatura do que o formato tradicional. Como questões de logística e infra estrutura são menos onerosas, e a própria política fiscal para os conteúdos por streaming é diferenciada (com menor carga de impostos), é possível oferecer o serviço de TV paga por um preço muito menor do que aquele cobrado pelo formato tradicional.

Por consequência disso, a relação custo-benefício do serviço com TV Box é melhor. Você recebe mais canais e mais recursos com um valor muito menor do que o formato tradicional. Sem falar na remoção da burocracia, já que é o próprio usuário quem pode instalar o equipamento (algo bem simples de ser feito), e qualquer pessoa poderia assinar o serviço, independente da operadora atual. Basta ter uma internet de qualidade em casa.

É claro que não dá para afirmar como será o futuro da SKY baseado em rumores e vazamentos, mas ao menos podemos especular a partir das informações que temos. Fico na torcida para que a operadora realmente aposte nesta tecnologia, pois particularmente acredito que o futuro da TV por assinatura passa pela internet de forma inevitável.

 

 

Via Tecnoblog


Compartilhe