Compartilhe

Se o seu smartphone Android foi adquirido em 2014, não tem jeito: chegou a hora de comprar um novo. A tecnologia avança de forma inevitável, e os dispositivos mais antigos deixam de receber atualizações de segurança e se tornam vulneráveis e obsoletos.

Hoje, temos novos protocolos de navegação segura, como o HTTPS e os certificados SSL, que são essenciais para acessar a internet atual. E os dispositivos mais antigos não contam com suporte para tais protocolos. Por conta disso, em 2021, aproximadamente 33.8% dos dispositivos Android do planeta não poderão mais realizar buscas em sites seguros, deixando de exibir uma série de sites.

Nesse post, vamos explicar o que está acontecendo, e por que você será obrigado a mudar de dispositivo se quiser seguir navegando pela internet normalmente. Também vamos mostrar quais são os dispositivos que podem ficar sem acesso à boa parte dos sites web atuais a partir do ano que vem.

 

 

 

A raiz do problema está no Let’s Encrypt

 

 

Várias entidades validam os parâmetros de acesso aos sites web, entre elas a Let’s Encrypt, que servia como base para cruzar os seus dados com a IdenTrust Certifications, permitindo assim o acesso aos sites web validados e/ou seguros.

Porém, o mesmo Let’s Encrypt anunciou que vai interromper os acordos que mantinha como entidade certificadora a partir de janeiro de 2021. Na prática, isso significa que qualquer smartphone executando o sistema operacional Android 7.1.1 Nougat ou anterior automaticamente deixarão de validar os seus certificados raiz de um enorme número de sites.

Isso vai resultar em uma enorme dor de cabeça para os usuários de smartphones Android mais antigos, pois esses não vão conseguir entrar em sites que são efetivamente seguros, mas que contavam apenas com a certificação da Let’s Encrypt. Os telefones mais antigos não vão confiar no certificado raiz, e a verificação cruzada será obsoleta.

Traduzindo: seu velho smartphone Android será um peso de papel para navegar na internet.

 

 

 

Meu smartphone Android vai parar de funcionar?

 

 

O dispositivo em si, não. O principal problema será na hora de você navegar na internet. Qualquer função que não necessite a conexão de rede móvel ou WiFi vai seguir funcionando. Porém, na prática, você vai ter a mesma experiência de uso de um celular lançado em 2001.

A seguir, alguns dos modelos de smarpthones mais populares com Android Nougat que serão afetados por esse problema a partir de 2021 (se você tem um desses modelos, comece a considerar a troca desde já):

LG X Style
Sony Xperia Z3
Sony Xperia XA
Samsung Galaxy S7, S6, S5 e J5
Samsung Galaxy Note 5
Huawei Mate 8
LG G4 BEAT
Lenovo Moto G⁴
LG G5
Huawei P8
Huawei G7
Nexus 5, 6 e 7

 

Todos os modelos mencionados acima chegaram ao mercado com o Android 6 Marshmallow, e apenas alguns deles foram posteriormente atualizados para o Android 7. Como é o caso do LG G5, que recebeu o Android 7.0 Nougat, mas jamais o Android 7.1.1.

Para verificar se o seu dispositivo será afetado pelo problema do Let’s Encrypt, vá em Configurações > Sobre o telefone > Informações de software. No item Versão do Android, é possível conferir de forma clara e específica a versão do sistema operacional e, dessa forma, comprovar se o seu dispositivo antigo está ou não a salvo.

O lado bom disso é que você acabou de encontrar um bom motivo para finalmente atualizar esse smartphone que você comprou em 2014, já que você não vai querer voltar no tempo (acredite, a vida em 2001 sem internet era meio chata).

 

 

Via AndroidPolice


Compartilhe