Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | DICA: use senhas de três palavras aleatórias

DICA: use senhas de três palavras aleatórias

Compartilhe

Escolher uma senha eficiente para nossos serviços na internet é algo muito complicado, e ao longo de toda uma vida recebemos a orientação de criar combinações complexas com números, símbolos, letras maiúscula e minúscula e caracteres especiais sempre que possível.

Ou seja, em teoria, o ideal é criar um amálgama de caracteres que pode ser impossível de recordar ou adivinhar. Porém, na prática, a solução pode ser muito mais simples do que se imaginava.

Há quem diga que basta combinar três palavras aleatórias e totalmente desconexas de contexto (onde só você sabe o que essas palavras significam) para ter uma senha forte o suficiente.

 

 

 

Use termos que só você conhece

Quem levanta essa bola é o Centro Nacional de Segurança Cibernética do Reino Unido, que propõe um foco completamente diferente para a criação de senhas de internet.

No estudo realizado por essa entidade, é muito melhor inventar senhas compostas por três palavras ao acaso que usam variações mais complexas do que criar senhas com sequências complexas de letras, números e símbolos.

Dessa forma, o usuário tem senhas mais fáceis de se lembrar e, ao mesmo tempo, combinações fortes o suficiente para manter o usuário a salvo de ciber delinquentes. Senhas complexas seriam até mais fáceis de serem descobertas, pois programas e algoritmos podem derrubar esse tipo de combinação.

OK, está tudo muito bom e muito bonito. A partir de agora, teremos senhas seguras e mais fáceis de serem lembradas, certo?

Não é bem assim…

 

 

 

Tudo depende do perfil do usuário, é claro

A segurança de uma senha utilizando três palavras ao acaso depende (e muito) da perspicácia do usuário na hora de utilizar as palavras corretas. Tal recurso deixa de ser 100% seguro quando são escolhidas palavras cuja combinação pode ser considerada previsível.

Ou seja, não adianta nada você colocar como senha (por exemplo) a combinação “plutodogtoto”, pois qualquer pessoa que descobre eventualmente que você gosta de cachorros vai descobrir essa senha com relativa facilidade.

Os pesquisadores do estudo entendem que escolher senhas com palavras totalmente aleatórias entregam como principal benefício ter contas menos vulneráveis às ações dos criminosos cibernéticos, além de ajudar a criar o hábito de ter o usuário como um genuíno administrador de senhas.

Quer um exemplo de senha segura com três palavras aleatórias? Lá vai: UmbertoBiroliroAjax.

Fica a dica.


Compartilhe