Wetten.com Brasil Apostas
Home » Smartphones » Samsung prova que Galaxy Note 4 não pode ser dobrado (mas sofre de outro mal)

Samsung prova que Galaxy Note 4 não pode ser dobrado (mas sofre de outro mal)

Compartilhe

samsung-note-4-bendgate

A Samsung quer mostrar a todo custo que o seu Galaxy Note 4 não dobra. Para isso, criou um vídeo que mostra como o dispositivo supera uma série de testes de pressão, alguns deles com bastante peso.

São testes muito parecido com alguns já vistos em outras oportunidades, mas com o Note 4 suportando 25 quilos de pressão em três pontos diferentes. Se isso não é o suficiente, a Samsung inclui um teste adicional, que simula o momento em que uma pessoa de 100 quilos (um pouco mais pesada que o cidadão que assina esse post), de modo que não estamos falando de simples movimentos robotizados.

De acordo com a Samsung, o Galaxy Note 4 é capaz de suportar esses testes por conta de sua borda de metal, e do magnésio presente em sua base. Vídeo a seguir.

Porém (sempre tem um porém), nem tudo são flores com o novo phablet da Samsung.

problema-galaxy-note-4-coreia-do-sul

Na Coreia do Sul, o Galaxy Note 4 já está disponível para compra, e vários usuários locais descobriram que o smartphone possui uma pequena abertura na borda da tela, que é larga o suficiente para introduzir um cartão de crédito.

O mais surpreendente dessa anormalidade é que a mesma ESTÁ DESCRITA NO MANUAL DO USUÁRIO DO DISPOSITIVO, ou seja, é algo que os futuros proprietários do Note 4 terão que aprender a conviver (já que são informados desse detalhe no manual, como manda as regras).

Ao que parece, essa é uma característica necessária do processo de fabricação, que com o tempo pode se expandir, alcançando níveis que deixam os usuários alarmados. A Samsung não demorou a se pronunciar sobre o assunto, e garante que tal abertura não afeta o funcionamento ou qualidade do dispositivo. Além disso, reforçam que o dispositivo mantém os estritos padrões de montagem e controle de qualidade da empresa.

Será mesmo? Vamos ver o que vai acontecer quando o Galaxy Note 4 chegar aos demais mercados globais (e, principalmente, quando eventuais problemas mais sérios por conta dessa ‘característica de construção’ começarem a aparecer).

Via Android Central, Samsung, IttToday


Compartilhe