Samsung nos mostra como fabrica o Galaxy Z Flip e é lindo

Compartilhe

A grande maioria dos geeks de hoje foram (e, em muitos casos, ainda são) pessoas muito curiosas. O que nos motiva a acordar todos os dias para escrever conteúdos de tecnologia é o conhecimento que isso nos traz sobre todos os aspectos desse mundo fascinante. E esse universo se apresentou diante dos nossos olhos quando começamos a compreender como esses produtos funcionam.

Uma das formas mais eficientes para conhecer detalhes sobre o funcionamento de um produto de tecnologia é desmontando esse produto. Muitos de nós, geeks velhos e cansados que hoje escrevem sobre o mundo tech e analisam os gadgets que você deseja comprar fez isso na infância algumas vezes.

Por isso, pais… eu peço: não recriminem os seus filhos por desmontarem os seus brinquedos. Eles são apenas curiosos, e desejam saber como aquele produto caro e tecnológico que você decidiu dar para ele foi construído, compreendendo as suas funcionalidades.

Esse processo de desmontagem da infância foi transferido para a vida adulta, e sites como o iFixit se tornaram muito populares por apresentarem um formato profissional para mostrar os segredos técnicos sobre a montagem e composição de cada produto de tecnologia que chega ao mercado. E não faz muito tempo que o site desmontou o Samsung Galaxy Z Flip, para deleite de muitos.

Porém, o conjunto de elementos do smartphone dobrável com tela flexível da Samsung despertou a curiosidade sobre como o dispositivo foi fabricado. E a resposta é: com robôs… e com o mínimo de intervenção humana. O canal oficial da gigante sul-coreana no YouTube publicou um impressionante vídeo onde vemos o processo de fabricação do telefone, praticamente desde as suas primeiras etapas de construção até as caixas com os telefones indo para o caminhão de transporte.

 

 

 

Um vídeo para conquistar compradores em potencial

 

 

Várias máquinas estão envolvidas no processo, e recebem a missão em integrar as partes cruciais para o processo de fabricação do Galaxy Z Flip. A intervenção humana só existe para o controle de qualidade e no processo de embalagem final do produto, antes das unidades serem enviadas para a distribuição, que depois encaminha os smartphones para os diferentes pontos de venda ao redor do mundo.

O fato da Samsung apresentar o processo de fabricação do Galaxy Z Flip não é apenas um sinal de transparência por parte da marca, mas também uma forma em reforçar o compromisso de entregar um produto de qualidade, na tentativa em convencer os consumidores em potencial que o dispositivo, apesar de todas as dúvidas que naturalmente levanta por ser uma nova tecnologia, é confiável o suficiente para merecer o investimento.

Dessa forma, os consumidores contam com mais elementos para decidir se compra o Galaxy Z Flip ou não. Mesmo assim, insisto que é mais que prudente esperar pelos primeiros relatos dos usuários que decidiram comprar o telefone para o uso diário.

 

 

 

Samsung Galaxy Z Flip: especificações técnicas

 

Tela dobrável de 6,7 polegadas, 1080 x 2636 pixels
Tela frontal (com recurso Always On): Super AMOLED, 116 x 300 pixels Corning Gorilla Glass 6
Processador Qualcomm SM8150 Snapdragon 855+ Octa-core com GPU Adreno 640 a 700 MHz
Memória interna: 256 GB
RAM: 8GB
Câmera Frontal: lente angular de 10MP, f/2.4, 26mm.
Duas câmeras traseiras: uma com lente angular de 12 MP, f/1.8, 27mm, uma com grande angular a 12 MP, f/2.2, 12mm.
Leitor de impressões digitais na lateral
Sistema operacional: Android 10
Bateria: 3.300mAh

 


Compartilhe