Compartilhe

Todas as empresas de tecnologia estão querendo se transformar em uma fintech, ou pelo menos oferecer um cartão de crédito (físico ou virtual) para chamar de seu. Muitos entendem que essa será uma nova forma para levantar receitas, uma vez que toda uma geração não apenas está utilizando o smarpthone e a internet para pagar contas, produtos e serviços, mas também estão abandonando os bancos tradicionais em favor dos bancos virtuais.

Há quem defenda que o dinheiro físico está entrando e extinção, e até mesmo o uso dos cartões de crédito está ameaçado. Hoje, temos os cartões virtuais, que são mais seguros e mais baratos na sua manutenção, e os sistemas de pagamento eletrônico se consolidaram. Ou seja, dizer que o dinheiro vai se tornar algo virtual não é nenhum exagero, especialmente quando pensamos que as moedas virtuais já existem a algum tempo.

Pois bem, a Samsung é mais uma que amplia a sua proposta de pagamentos online via dispositivos móveis ao apresentar o seu programa de cartão de débito, o Samsung Money. Ele está diretamente vinculado com o Samsung Pay, permitindo aos usuários a solicitação do cartão a partir do aplicativo, assim como o seu uso de forma direta com o celular.

 

 

 

Terá as funções do Samsung Pay

 

O Samsung Money vai trabalhar lado a lado com o Samsung Pay, permitindo que o usuário verifique o saldo de sua conta, as compras anteriores, o bloqueio do cartão e indicar compras fraudulentas. Tudo isso, diretamente do aplicativo de gerenciamento de conta. O novo cartão é fruto de uma parceria com a MasterCard, e será emitido pelo The Bancorp Bank.

Um ponto importante e que se alinha com a nova proposta de gerenciamento financeiro para as novas gerações é que o Samsung Money não trará tarifas de conta, o que o torna automaticamente bem mais interessante do que a maioria dos cartões de crédito tradicionais.

Mesmo porque, em pleno 2020, não faz muito sentido pagar por anuidade de cartão.

 

 

 

As vantagens do Samsung Money

 

 

Apesar das principais funções do Samsung Money serem muito similares ao dos cartões financeiros que hoje contam com o respaldo de outras empresas do mundo da tecnologia, esse novo cartão vai oferecer algumas vantagens que são específicas da Samsung.

Por exemplo, as compras que forem realizadas no cartão de débito Samsung Money vão gerar pontos para o programa Samsung Rewards, que oferece ao usuário vantagens e descontos para futuras compras de produtos da própria Samsung.

Outra vantagem bem interessante é que as contas do Samsung Money estarão asseguradas pela FDIC em até US$ 1.5 milhão. E através da parceria com a Associação SoFi, os usuários contam com pelo menos 55 mil caixas automáticos da rede Allpoint para realizar saques e transações.

 

 

 

Dispositivos compatíveis com o Samsung Pay

 

Galaxy S20, S20+ e S20 Ultra
Galaxy Note10 e Note10+
Galaxy S10e, S10 e S10+
Galaxy Note9
Galaxy S9 e S9+
Galaxy Note8
Galaxy Note FE
Galaxy S8 e S8+
Galaxy A50s (apenas modelos com NFC)
Galaxy A30s (apenas modelos com NFC)
Galaxy A80 (apenas modelos com NFC)
Galaxy A7 and A9 2018 (apenas modelos com NFC)
Galaxy A8 Star (apenas modelos com NFC)
Galaxy A8 e A8+
Galaxy S7 e S7 edge
Galaxy S6 edge+
Galaxy A9 Pro
Galaxy A5 e A7 (2016 e 2017)
Galaxy Note5

 

 

Não é a mesma coisa do Apple Card, mas não deixa de ser minimamente interessante. A má notícia é que o Samsung Money está disponível exclusivamente nos Estados Unidos, pelo menos por enquanto. Não há previsão de lançamento do serviço para outros países, muito menos no Brasil.

E o tempo vai dizer se os usuários da Samsung vão abraçar a ideia do novo cartão de débito. Potencial para isso existe, pois o cenário atual favorece ao movimento.

 

 

Via Samsung, The Verge


Compartilhe