Samsung Galaxy Z Fold 2: será menos caro no Brasil? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Samsung Galaxy Z Fold 2: será menos caro no Brasil? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Opinião | Samsung Galaxy Z Fold 2: será menos caro no Brasil?

Samsung Galaxy Z Fold 2: será menos caro no Brasil?

Compartilhe

A Samsung anunciou ontem (2) a chegada dos novos Samsung Galaxy Note 20 e Samsung Galaxy Note 20 Ultra no Brasil, e eu já comentei como são risíveis os preços desses smartphones por aqui (dentro de um contexto muito bem aplicado, onde entendo que vale a pena você ler o post na íntegra para entender o meu raciocínio).

Agora, quero olhar um pouco para o futuro, e comentar o anúncio realizado pela mesma Samsung no evento de ontem, onde ficamos sabendo que a empresa vai sim lançar o Samsung Galaxy Z Fold 2 no Brasil.

E mais: que o dispositivo terá fabricação nacional, na fábrica da Samsung em Campinas (SP).

E eu tenho algo a dizer sobre isso.

 

 

 

É uma boa notícia de qualquer forma…

 

 

Dessa vez, eu quero começar com boas notícias. E a boa notícia é: a decisão da Samsung em fabricar o Samsung Galaxy Z Fold 2 no Brasil é uma boa notícia de qualquer maneira, independente de quanto vai custar o preço final do produto.

Sim, amigo leitor. Estou me valendo da redundância para ser otimista nesse aspecto. Se no caso dos preços dos smartphones da família Note 20 no Brasil eu fui extremamente pessimista, irônico e um tanto quanto deselegante para definir os valores como ridículos, nesse caso, eu consigo ver coisas boas nessa decisão.

Entendo que é até um movimento de coragem da Samsung produzir o Samsung Galaxy Z Fold 2 por aqui, mesmo depois de uma crise financeira pesada, que atingiu a todo o planeta, incluindo é claro a própria Samsung. O desejo em estimular a produção nacional de smartphones é algo até louvável, e o Brasil agradece.

Eu sei que você quer saber logo se o Samsung Galaxy Z Fold 2 vai custar um pouco mais barato (SPOILER: NÃO) ou menos caro (SPOILER: FALO SOBRE ISSO DAQUI A POUCO) para que você possa começar a considerar a compra do dispositivo. Mas é preciso falar sobre outros pontos que considero importantes antes de chegar nesse tópico que tanto interessa aos leitores.

Por isso… paciência, jovem mancebo. Eu vou chegar onde você quer!

 

 

 

Olhando sempre para a concorrência

 

 

O movimento da Samsung com o Samsung Galaxy Z Fold 2 não tem como único objetivo a oferta de produtos mais competitivos no preço. Também é factível para marcar os passos da concorrência, que tem alguns dos seus produtos mais premium importados, e não fabricados.

Ou seja, além de poder estimular a produção nacional no mercado de smartphones no Brasil (gerando empregos, pagando impostos e estimulando o setor de diferentes formas), a produção do Samsung Galaxy Z Fold 2 no país pode tornar mais factível um produto com preços um pouco mais interessantes para concorrer com modelos que são comercializados oficialmente no Brasil, mas que não podem concorrer com preços mais competitivos justamente por serem importados.

Alguns fabricantes que estão no mercado brasileiro passam por esse problema, e a Samsung pode se aproveitar disso de alguma forma.

Agora sim… vamos responder a pergunta que você levou um artigo inteiro para ter a resposta (e parabéns se você chegou até aqui).

 

 

 

O Samsung Galaxy Z Fold 2 vai custar menos caro no Brasil?

 

 

Sim… e não.

É muito importante lembrar ao amigo leitor do TargetHD.net que o dólar teve uma variação absurda de cotação em 2020 (em torno de R$ 4 em janeiro para R$ 5.36 no momento em que esse post foi produzido), e por mais que o Samsung Galaxy Z Fold 2 seja montado no Brasil, vários de seus componentes chegam de outros países, e esses acabam pagando todas as taxas de importação e, obviamente, as encomendas dessas peças são pagas em dólar.

Logo, alguém vai ter que pagar essa conta. E quem paga a conta é você, de alguma forma.

Na melhor das hipóteses, o Samsung Galaxy Z Fold 2 deve pelo menos manter o preço do primeiro Galaxy Fold, o que já é uma grande notícia. Se esse dispositivo fosse importado, ele fatalmente iria custar mais que os quase R$ 13.000 cobrados pelo primeiro modelo dessa série no ano passado. Ou seja, pelo menos nesse primeiro momento, os custos menores pela fabricação do produto no Brasil devem servir para amortizar o aumento de preço das peças e componentes importados do dispositivo.

A torcida é que o Samsung Galaxy Z Fold 2 siga a mesma tendência de mercado de vários smartphones Android que chegaram ao mercado brasileiro, e comece a perder preço por aqui com o passar do tempo, tal e como acontece normalmente. Mas não dá para esperar por preços miraculosamente baixos e/ou acessíveis para a maioria dos mortais.

No final das contas, o Samsung Galaxy Z Fold 2 vai seguir custando caro no Brasil. Mas ao menos quem comprar ele por aqui sabe que ajudou na manutenção do mercado de smartphones nacional, o que é algo positivo, levando em consideração o momento de crise que todos nós estamos vivendo nesse momento.


Compartilhe