Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Análises e Reviews | Samsung Galaxy S23+ | vale a pena no Brasil?

Samsung Galaxy S23+ | vale a pena no Brasil?

Compartilhe

O Samsung Galaxy S23+ é naturalmente muito parecido com o Galaxy S23, e suas diferenças são muito pontuais. O que muda basicamente de um modelo para outro é o tamanho da tela e as opções de armazenamento interno.

Logo, não podemos olhar para o Galaxy S23+ como um produto tão diferente assim em relação ao Galaxy S23. Ele atende aos anseios de quem quer um dispositivo com tela maior.

Por isso, vale mais a pena apresentar um paralelo desse modelo com o seu equivalente do ano passado, e constatar o quanto essa melhoria pode impactar na sua relação custo-benefício. Dessa forma, descobrimos se vale a pena ou não investir o nosso dinheiro nele.

 

Ele tem mais tela, obviamente

Vou começar destacando as diferenças em relação ao Galaxy S23 para depois enfatizar os upgrades quando comparado com o telefone apresentado no ano passado.

O Samsung Galaxy S23+ possui uma tela de 6.8 polegadas, com resolução FullHD+ e taxa de atualização variável com até 120 Hz. Com esse tamanho, você tem uma melhor interação com os elementos do sistema operacional e jogos, além de poder visualizar vídeos com maior conforto.

Seu design elegante dá a entender que ele é um telefone confortável para o uso diário e fino para ser transportado no bolso. Aliás, devo admitir que essa série Galaxy S23 saiu bem bonita e atraente, com linhas mais sóbrias e cores bem interessantes.

 

Por ter mais tela, ele tem mais bateria

Para alimentar por mais tempo um telefone com tela de 6.8 polegadas, a Samsung precisava colocar uma bateria maior no dispositivo.

Por isso, o Samsung Galaxy S23+ recebe uma bateria de 4.700 mAh, uma discreta melhora em relação ao Galaxy S22+, que contava com 4.500 mAh.

Neste aspecto, não podemos reclamar do fato do novo modelo receber apenas 200 mAh a mais. Todo ganho é considerado um ganho dentro do mercado de telefonia móvel, e o Galaxy S23+ deve entregar aquele tostão a mais de autonomia quando você mais precisar.

E é nesse momento de sufoco que você vai lembrar que esse telefone possui 200 mAh a mais de bateria.

Lembrando sempre que o carregador está no kit de venda desse produto comercializado no Brasil. De novo: uma vitória para quem brigou por isso.

 

Ele tem mais espaço de armazenamento

Diferente do Galaxy S23 normal, que vai até os 256 GB de armazenamento no Brasil, o Galaxy S23+ vai receber as duas versões disponíveis para o mercado global de espaço interno para dados, com opções de 256 e 512 GB de armazenamento.

Essa decisão da Samsung é parte da estratégia da empresa em diferenciar os dois modelos, o que faz com que o usuário escolha o dispositivo de acordo com aquilo que melhor vai atender as suas necessidades diárias.

Sem falar que cada telefone deve atender a públicos mais específicos. Na cabeça do pessoal da Samsung, o usuário do Galaxy S23+ deve naturalmente armazenar mais fotos e vídeos, ou vai fazer o download de filmes com maior frequência por causa da tela maior.

Eu sei que esse comportamento de uso não está diretamente associado ao tamanho de tela, mas é o que a Samsung dá a entender quando separa as capacidades de armazenamento em modelos com dimensões distintas.

 

Do mais, tudo igual ao Galaxy S23

Felizmente, o Samsung Galaxy S23+ recebe o processador Snapdragon 8 Gen 2, o que é um importante upgrade em relação ao Snapdragon 8 Gen 1 do Galaxy S22+.

O novo processador vai trabalhar com 8 GB de RAM, o que considero o mínimo para um telefone top de linha como esse. O mundo perfeito pede mais que isso, mas apenas o Galaxy S23 Ultra recebe esse benefício.

O dispositivo também será gerenciado pelo Android 13 com a One UI 5.1, com atualizações de versão garantidas até 2027 e correções de segurança para até 2028.

E nas câmeras, os sensores desse modelo são os mesmos que encontramos no seu irmão menor. Ou seja, uma câmera principal de 50 megapixels, acompanhado de um sensor ultra-grande angular de 12 megapixels, e de uma lente teleobjetiva de 10 megapixels.

 

Samsung Galaxy S23+: vale a pena?

Entendo que a principal novidade do Galaxy S23+ é o fato do produto já estar disponível para compra no Brasil, algo raro para os fabricantes de smartphones e inédito para a Samsung.

O modelo está disponível por aqui com preços de R$ 6.999 para o modelo com 256 GB, e R$ 7.999 para a versão com 512 GB de armazenamento.

Sim, eu sei. Ele é caro, como se esperava para um smartphone top de linha. Porém, pelo menos nos aspectos técnicos e teóricos, ele oferece mais por menos em comparação com os seus modelos equivalentes da série iPhone 14.

Aqui, vale a mesma regra detectada no Galaxy S23. As melhorias que a Samsung adicionou no Galaxy S23+ são interessantes o suficiente para justificar o investimento principalmente para aqueles que hoje estão com o Galaxy S21 e contam com a capacidade financeira para se aventurar na compra desse modelo.

Se você tem o Galaxy S22 no bolso, ou considera comprar o modelo do ano passado para economizar alguma grana ou compreende que o Snapdragon 8 Gen 2 não é algo indispensável para a sua vida, repense algumas vezes. Vale a pena um paralelo mais aprofundado das diferenças do modelo de 2023 com o seu equivalente para 2022, e prometo que vou fazer isso mais adiante.


Compartilhe