A Samsung apresentou mais um smartphone com Android Go, o Samsung Galaxy J4 Core. Vale lembrar que o primeiro modelo com este software a ser apresentado pelos coreanos foi o Galaxy J2 Core, em agosto de 2018.

Não é demais lembrar que o Android Go é uma versão simplificada do Android, para rodar bem em hardwares mais simples em dispositivos mais econômicos. Além de aumentar a sua cota de mercado, a Google tenta assim democratizar o acesso à tecnologia, com uma boa experiência de uso.

De qualquer forma, o Samsung Galaxy J4 Core tem especificações técnicas um pouco superiores em comparação com os requisitos mínimos recomendados para uma boa experiência de uso com o Android Go.

O Samsung Galaxy J4 Core conta com um processador quad-core a 1.4 GHz, trabalhando com 1 GB de RAM e 16 GB de armazenamento interno (expansíveis via microSD de até 512 GB).

Nas câmeras, o novo smartphone da Samsung conta com sensores de 8 MP e 5 MP. Um destaque positivo do dispositivo é a sua autonomia de bateria, com 3.300 mAh, o que deve entregar pelo menos dois dias de uso moderado.

 

 

Nem precisava dizer isso, mas é sempre bom reforçar para os mais leigos. O Samsung Galaxy J4 Core é o típico dispositivo de entrada, pensado nas necessidades mais básicas do usuário que quer um smartphone para redes sociais, navegação na internet e comunicação instantânea.

Não é o dispositivo recomendado para quem quer executar tarefas mais pesadas ou jogos (mesmo com o desempenho mais fluído proporcionado pelo Android Go). Apesar do fato que recentemente eu testei o Motorola Moto E5 Play, e ele conseguiu rodar jogos mais pesados com o mínimo de jogabilidade.

O Samsung Galaxy J4 Core com Android Go foi anunciado, mas não teve o seu preço revelado ou distribuição para os diferentes mercados internacionais. Ou seja, não tem previsão de lançamento para o Brasil, por enquanto.