Samsung Galaxy Book S, o notebook ultrafino com Snapdragon 8cx e 23 horas de bateria

Compartilhe

Também não temos surpresas aqui, pois o produto vazou antes do seu anúncio oficial. De qualquer forma, no mesmo evento Unpacked realizado ontem (7), a Samsung apresentou oficialmente o Samsung Galaxy Book S, um notebook leve e fino funcionando com a plataforma ARM com Windows.

 

 

Snapdragon 8cx, para ficar “sempre conectado”

 

 

A Samsung não revelou muitos detalhes sobre o produto, mas os mais importantes foram revelados, como o uso do novo chipset Snapdragon 8cx 5G, o primeiro especialmente dedicado para motorizar PCs e as novas redes móveis. Vale lembrar que este não é um chip derivado de um processador mobile, mas sim um hardware desenvolvido do zero para computadores pessoais e, de fato, esse é o primeiro para PCs com processos tecnológicos de fabricação de 7 nanômetros.

O Snapdragon 8cx é o terceiro conjunto de chips preparado para funcionar com o Windows 10. Diferente dos processadores anteriores (Snapdragon 835 e 850), a Qualcomm o desenvolveu pensando nos computadores pessoais de nova geração, que devem explorar ao limite o conceito de “sempre conectados”, não dependendo de conexões por cabo e nem mesmo da conectividade WiFi, já que vão usar as novas redes móveis 5G.

A Qualcomm garantiu que tal chip vai oferecer um desempenho equivalente a um processador Intel Core i5 de 15 watts. Ele inclui oito núcleos Kyro 495, que é a CPU mais rápida que a empresa fabricou até agora, inclusive superior ao último chipset móvel Snapdragon 855. Sobre a GPU, é uma Adreno 680, duas vezes mais rápida que a Adreno 630.

 

 

Fino, leve e com até 23 horas de autonomia de bateria

 

 

Nas demais especificações técnicas, o Samsung Galaxy Book S conta com uma tela de 13.3 polegadas (1920 x 1080 pixels) touch, e no seu interior recebe 8 GB de RAM e 256 GB ou 512 GB de armazenamento SSD.

O processador Qualcomm resulta em um Samsung Galaxy Book S sem ventiladores, com um nível de aquecimento muito menor que um notebook tradicional. É quase um tablet com teclado físico ajunto, mas em um formato de notebook com revestimento em alumínio.

A parte de som fica por conta AKG, que entrega no Samsung Galaxy Book S alto-falantes estéreo no padrão Dolby Atmos para obter um som mais envolvente.

 

 

O Samsung Galaxy Book S entrega uma conectividade contínua por 4G à internet, o que exige um plano de dados para o notebook se conectar na rede. O portátil conta com um Nano SIM para essa finalidade.

A bateria do notebook entrega uma vida útil de 23 horas de autonomia (não sabemos se em uso real ou moderado). Sendo uma arquitetura ARM, o consumo também é menor do que em um processador tradicional. Mas só no uso prático com diferentes situações é que podemos estimar o quanto essa bateria vai durar.

 

 

Microsoft como parceira de software

 

 

A Microsoft entrega o Windows 10 no Samsung Galaxy Book S para gerenciar por software esse hardware, agregando alguns dos seus principais recursos, como o Windows Hello para a autenticação do usuário.

A parceria entre Samsung e Microsoft resulta também na presença do Your Phone, app que permite integração total entre notebook e smartphone sincronizando arquivos, contatos, apps, fotos, notificações e mais dados. Também está disponível a opção de sincronizar todos os arquivos na nuvem da Microsoft, o OneDrive.

 

 

Por fim, mas não menos importante, na parte de conectividade encontramos no Samsung Galaxy Book S pelo menos uma porta USB Type-C, WiFi e Bluetooth (os dois últimos são bem óbvios), Bluetooth 5.0, webcam com IR e teclado QWERTY completo.

O Samsung Galaxy Book S estará disponível a partir do próximo outono (nos EUA), com preço inicial sugerido de US$ 999.

 

https://youtu.be/JiGkOVG73kc

 

Via Samsung


Compartilhe