Wetten.com Brasil Apostas
Home » Smartphones » Samsung Galaxy A21: simples, mas com 4 câmeras

Samsung Galaxy A21: simples, mas com 4 câmeras

Compartilhe

O Samsung Galaxy A21 é um dos smartphones mais baratos da empresa coreana, que agora recebe a sua segunda geração. A principal novidade é a presença da câmera quádrupla na parte traseira, apesar de não contar com o zoom ótico.

 

 

 

Quatro câmeras para um dos modelos mais econômicos da Samsung

 

 

O Samsung Galaxy A21 recebe nada menos que quatro câmeras traseiras: um sensor principal de 16 MP (f/2.0), uma lente super grande angular de 8 MP, um terceiro sensor de 2 MP (f/2.4) para leituras de profundidade e o quarto sensor para fotos macro de 2 MP (f/2.4). Só ficou de fora mesmo o zoom ótico, mas seria pedir demais de um dispositivo de entrada. Ou melhor, esperar demais para um produto desse porte. Quem sabe no futuro.

Na frontal, o Samsung Galaxy A21 recebe um sensor de 13 MP (f/2.0), incrustado em um furo na tela Super AMOLED de 6.5 polegadas (19.5:9, HD+, 1560 x 720 pixels).

O Samsung Galaxy A21 conta com o processador Exynos (modelo não especificado) com oito núcleos a 1.8 GHz, trabalhando com 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento (expansíveis via microSD de até 256 GB). Sua bateria (não removível) conta com 4.000 mAh, com modo de recarga rápida de 15W. O sistema operacional é o Android 10 com a One UI 2.0.

O conjunto técnico do novo smartphone de entrada da Samsung se completa com a conectividade 4G dual, WiFi, Bluetooth, conector para fones de ouvido e porta USB-C para recarga da bateria. O telefone possui um leitor de digitais na parte traseira, além do desbloqueio facial por software.

O novo Samsung Galaxy A21 foi lançado nos Estados Unidos, com preço sugerido de US$ 249,99. Sua janela de lançamento por lá é para o verão (entre julho e setembro). Não foi revelado se o dispositivo será lançado em outros mercados, mas conhecendo a Samsung do jeito que conhecemos, ele fatalmente vai chegar por aqui em um futuro a médio prazo. Só não sabemos quando.

 

 

 

Samsung Galaxy A21: vale a pena?

 

 

O Samsung Galaxy A21 tem coisas bem interessantes, considerando o seu preço e a categoria onde se posiciona no mercado.

O fato de um modelo de entrada contar com a tela perfurada e a câmera quádrupla já mostra claramente que os fabricantes com maior poder de fogo (como é o caso da Samsung) vão oferecer especificações e características de dispositivos mais avançados nos modelos mais simples, agregando valor aos produtos teoricamente mais baratos.

A presença da porta USB-C para recarga é outra vitória dentro desse conjunto técnico. O microUSB precisa ser aposentado, para o bem de todos.

Por outro lado, também posso perceber que o segmento de entrada pode ter o seu preço levemente inflacionado justamente por receber configurações mais completas, o que pode ser algo perigoso para o segmento como um todo.

Não que o Samsung Galaxy A21 seja um produto que vá muito além de um bom telefone de entrada, que faz o básico e tem maior versatilidade fotográfica que os demais telefones. Mas é preciso levar em consideração o fato que outros fabricantes podem subir a barra de preço dos seus modelos acessíveis, uma vez que um fabricante está aumentando os valores dos seus produtos.

Vamos observar.

 

 

 

Via Samsung


Compartilhe