Samsung, e sua confusa janela de lançamentos de smartphones | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Samsung, e sua confusa janela de lançamentos de smartphones | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Smartphones | Samsung, e sua confusa janela de lançamentos de smartphones

Samsung, e sua confusa janela de lançamentos de smartphones

Compartilhe

Você sabe que o ano ainda não terminou quando a Samsung anuncia novos smartphones. E nem são modelos para a CES 2020, que acontece no começo de janeiro. Estou falando de dispositivos que chegarão ao mercado ainda em dezembro de 2019. Ou seja…

Os novos Samsung Galaxy A51 e Samsung Galaxy A71 foram anunciados no Vietnã, e só vão chegar ao mercado brasileiro no ano que vem, mas lá fora ele começa a ser vendido no dia 27 de dezembro. Eu não sei se é a Samsung perdendo o timing de um lançamento, ou se o roadmap de produtos da empresa virou essa bagunça completa a ponto de oferecer smartphones aos montes, inclusive para quem quer comprar depois do Natal.

Algo que é um tanto quanto atípico, convenhamos.

 

 

O que a Samsung quer com isso?

Eu não faço a melhor ideia. Se eu soubesse, contaria para vocês. Ou compartilharia aqui os seis números da Megasena de final de ano. Você poderia escolher qual informação quer.

Porém, é realmente muito estranho ver os coreanos lançando produtos para depois do Natal. Aliás, antecipando um pouco a janela de lançamentos da série A, que normalmente seria apresentada em janeiro para chegar ao mercado internacional em março.

Bom, também podemos entender que a Samsung está apostando forte nessa série A, que é uma das mais populares de 2019 (pelo menos aqui no Brasil foi), e com méritos. A relação custo-benefício desses modelos é bem interessante, e pode ser aquele dispositivo de linha média que muita gente está procurando para chamar de seu, porque é o que cabe no bolso.

A série Samsung Galaxy A (depois de sua reformulação) está se transformando na principal concorrente do quase onipresente Motorola Moto G, uma vez que os modelos estão na mesma categoria e contam com preços similares. O que pode indicar uma competição mais acirrada no segmento de linha média em 2020.

Mesmo assim.

 

 

A Samsung enxugou a nomenclatura do seu catálogo, mas o portfólio de produtos continua enorme e com escolhas um tanto quanto confusas para apresentar novos modelos. Não estou aqui reclamando do Samsung Galaxy A51 e do Samsung Galaxy A71. São smartphones excelentes. Mas… eu realmente não faço ideia do que os sul-coreanos queriam ao lançar um dispositivo que só vai chegar em um país (inicialmente; tá na cara que ele vai desembarcar por aqui) e, ainda assim, depois do Natal.

Tá bom. Eu sei. Posicionamento de produto no mercado. Eu entendi. Mas… não podia posicionar em 2020?

Alguns dias antes faz alguma diferença nesse caso?

 

https://youtu.be/NwFvlwe7HPo


Compartilhe